Cerca de 1.200 pessoas comparecem a funeral de Moses Malone

Em cerimônia repleta de homenagens, Moses Malone teve seu funeral realizado neste sábado na cidade de Houston. A despedida ao ex-jogador da NBA e membro do Hall da Fama aconteceu na igreja Lakewood, com a presença de cerca de 1.200 pessoas, incluindo grandes personalidades da liga.

Ex-companheiro de Philadelphia 76ers, Charles Barkley foi um dos que discursou durante o funeral. Ele afirmou que considerava Malone como um pai pela maneira como ele o ajudou na adaptação à NBA. Os dois chegaram a dividir um apartamento, e entre as histórias contadas por Barkley ele lembrou que os conselhos de Moses eram importantes inclusive para manter uma dieta e perder peso.

“Quando eu cheguei no Philadelphia 76ers, em 1984, nós tínhamos vários irmãos mais velhos no time”, relatou Barkley. “Eu via aqueles caras como irmãos mais velhos. Mas tinha um cara – e até hoje eu nunca entendi o porquê – que me colocou debaixo da sua asa. E esse era Moses. Ele me tratava como um filho”.

Na audiência ainda estavam Rudy Tomjanovich, Calvin Murphy, John Lucas e Major Jones, todos ex-companheiros de equipe do homenageado em Houston. Também estavam na plateia Julius Erving e Maurice Cheeks, campeões da NBA com Moses Malone pelo Philadelphia 76ers em 1983.

Três vezes MVP da liga, Moses Malone morreu no último domingo aos 60 anos. Em sua carreira profissional, ele foi selecionado para o All-Star Game em 13 temporadas. Seu número foi aposentado tanto pelo Philadelphia 76ers como pelo Houston Rockets. Malone também é conhecido por ter sido o primeiro jogador a chegar à NBA sem passar pelo basquete universitário.

  • Ando pensando ultimamente o quanto estamos chegando em um momento da história que os grandes ídolos de quase todos os esportes estão chegando ao fim da vida.

    Toda a galera que definiu a base dos esportes que amamos, como basquete e NBA, estão já entrando numa idade tão avançada que é, infelizmente, uma questão de pouco tempo até nos despedirmos de vez deles.

    É esquisito perceber que os ídolos são feitos de carne e osso.