Clippers iguala proposta do Pelicans para manter revelação do elenco

O Los Angeles Clippers não permitiu que uma das revelações do elenco na última temporada saísse para um rival de conferência. A franquia confirmou ter igualado a proposta do New Orleans Pelicans para assegurar a permanência do ala-armador Tyrone Wallace. De acordo com Bobby Marks, da ESPN, o contrato do jovem atleta renderá US$2.9 milhões em salários pelos próximos dois anos.

“Identificamos Tyrone como um versátil e competitivo jogador, uma adição a nossa cultura organizacional. Seu trabalho duro e crescimento técnico conosco é o reflexo do comprometimento em melhorar. Ele mostrou uma impressionante evolução aqui e contribuiu para o time de forma significativa na temporada passada”, elogiou o presidente de operações da equipe angelina, Lawrence Frank.

O Clippers foi incentivado a igualar a proposta do Pelicans por conta das condições atrativas do vínculo. O contrato prevê apenas US$300 mil em salários garantidos para caso de dispensa até a próxima semana e a segunda temporada do acordo não tem nenhum centavo assegurado – o que vai permitir, se quiser, dispensá-lo sem custos na offseason que vem.

Wallace ainda não é uma total certeza de permanência no elenco do Clippers, que precisará passar por mudanças por possuir 17 atletas com contratos garantidos e nove guards – incluindo dois novatos selecionados na loteria do draft deste ano. O jogador de 24 anos participou de 30 partidas dos angelinos na última temporada, com médias de 9.7 pontos, 3.5 rebotes e 2.4 assistências.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • vinicius galvao

    Muito bom jogador

  • Russel westburro

    Clippers cultura organizada?
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Gustavo Macedo

      E pensar que o Clippers teve o Griffini e o CP3 voando baixo uns dois anos na temporada regular e mijando fora da bacia nos playoffs…
      É muita organização!
      usahuaushuahsu

      • Tulio Machado

        CP3 esse ano só ressaltou que não é jogador de pós temporada… sempre no momento crucial o cara se machuca

        • danielzera

          Ué ?! rsrs

  • Marcio

    kkkkkkClippers

  • Vitor Martins

    Um pena, seria uma peça importante no Pelicans, acho que talvez fosse até o melhor do ala do elenco (isso é mais uma crítica ao time do que um elogio ao jogador! rs), Clippers parece ter muito mais peças, é um elenco bem inchado.

  • Rodrigo SMC

    Clippers tem alguma chance de playoffs?

    PG: Milos Teodosic / Patrick Beverley / Tyrone Wallace / Shai Gilgeous-Alexander
    SG: Avery Bradley / Lou Williams / Jerome Robinson
    SF: Danilo Gallinari / Wesley Johnson

    PF: Tobias Harris / Luc Mbah a Moute / Mike Scott
    C: Marcin Gortat / Montrezl Harrell / Boban Marjanovic

    • Michel Moral

      Cara, chances tem. Mas tem também um monte de gente nesse bolo. Esse é o problema.

  • Dudu Ferrero

    nossa Wallace nao achei nada de especial nas partidas que vi kk n sei porque tanto esforço kkk

  • Michel Moral

    Na moral, a única coisa que mancha a franquia do Clippers foi o episódio do ex-dono da equipe.

    No mais, a franquia mantém-se organizada na medida do possível. A gente vê isso de diversas formas.

    Primeiro, não é fácil ter como vizinha uma instituição tradicional como a do Lakers e ficar com a sina de ser o “filho fracassado” da cidade. Esse é o fardo que o Clippers carrega do público em geral.

    Falando dos últimos anos da Administração, acho que foram bem coerentes. Seguraram CP3 e Griffin até onde deu. Deram-lhes times competitivos para vencer, mas se não o fizeram, a culpa não é só da franquia.

    Pode criticar o quanto for, mas o Clippers não é do tipo que fica mandando embora e recontratando a todo momento. Doc Rivers está com carta branca há anos para desenvolver o trabalho. Se lá na frente não tiverem chegado a lugar nenhum, o treinador não vai poder dizer nada, assim como os jogadores que citei acima também não podem.

    Não acho que os últimos anos sejam marcados como fracasso, mas poderiam ser bem melhores em termos de playoffs. Mas, repito, não acho que a culpa foi da organização.

    Hoje, o time do Clippers não é nenhum candidato a título, longe disso, porém, caso se mantenham saudáveis, é um time ruim de se enfrentar. Galinho, Tobias, Bradley, Beverly, Gortat e, claro, Lou Williams, formam um time bem chato.

    Agora, se o parâmetro da galera de sucesso é ter um supertime, com dois, três all-stars, e ganhando títulos, então a gente pode taxar a NBA toda de fracasso, exceto o Warriors.

    • Maycon Figueiredo

      Concordo com tudo que escreveu meu amigo, e digo mais, acho que o clippers já merecia ao menos uma final nos últimos anos.

  • Gustavo

    Vai ter muito pouco espaço no Clipppers.

    Beverley / Teo / Shai
    Bradley / Lou /

    Briga com Jerome Robinson lá no fundo do banco. Pro jogador e pro Pelicans foi péssimo esse movimento do Clippers. Só cobriram porque tava muito barato. Fica a impressão de que foi apenas para não reforçar um rival de conferência.