Dwight Howard foi o grande destaque da vitória fora de casa do Orlando Magic sobre o Golden State Warriors por 117 a 109. O pivô anotou 45 pontos – igualando a maior pontuação de sua carreira – e quebrou o recorde de lances livres tentados em uma única partida da NBA: foram 39 tentativas, acertando 21 delas. Até então, a marca pertencia ao lendário Wilt Chamberlain, que arremessou 34 lances livres em um jogo disputado em 1962.

O astro comandou a equipe da Florida em uma partida de recuperação, após passar o primeiro tempo inteiro atrás no marcador. Já no início do terceiro quarto, o Magic reagiu e emparelhou o placar, que ficaria assim até os minutos decisivos. No caminho, Howard carregou de faltas toda a rotação de garrafão do Warriors.

Restando um minuto para o fim do confronto, o pivô desempatou o jogo com uma cesta e falta – 112 a 109 para Orlando. Em seguida, o ala-armador Monta Ellis, da equipe da casa, errou um arremesso e deu a oportunidade para que o reserva Von Wafer convertesse uma bola de três e praticamente selasse a vitória dos visitantes.

Cestinha da noite, Howard ainda saiu de quadra com 23 rebotes. O ala Hedo Turkoglu contribuiu com o triunfo anotando 20 pontos. Pelo Warriors, Ellis marcou 30 pontos e o ala-pivô David Lee fez 26.

Destaques

Orlando

Dwight Howard: 45 pontos, 23 rebotes, quatro roubos de bola
Hedo Turkoglu: 20 pontos, nove assistências
J.J. Redick: 13 pontos
Ryan Anderson: 11 pontos, cinco rebotes

Golden State

Monta Ellis: 30 pontos, 11 assistências
David Lee: 26 pontos, 12 rebotes
Nate Robinson: 14 pontos, cinco rebotes
Klay Thompson: 14 pontos
Brandon Rush: 12 pontos

Cleveland Cavaliers 101 X 90 Phoenix Suns

Anderson Varejão teve uma importante participação na vitória do Cleveland Cavaliers sobre o Phoenix Suns, que promoveu a estreia do ala-armador Michael Redd (ex-Bucks). Jogando fora de casa, o pivô brasileiro pegou 17 rebotes e foi peça fundamental no triunfo por 101 a 90.

Depois de um início bastante equilibrado, os visitantes assumiram o controle do placar no segundo quarto com uma série de 12 pontos consecutivos anotada pelo calouro Kyrie Irving. Já no terceiro período, quando a equipe local tentou emplacar uma reação, esbarrou em um veterano: Antawn Jamison, que comandou a disparada do Cavs para alcançar dígitos duplos de diferença.

O Suns esboçou nova recuperação nos minutos finais de confronto, mas já era tarde demais para a virada. Liderando o time de Cleveland, Irving teve seu melhor desempenho como profissional: 26 pontos. Pelo lado local, o destaque ficou para os 16 pontos e 15 assistências do veterano Steve Nash.

Destaques

Cleveland

Kyrie Irving: 26 pontos, seis assistências
Antawn Jamison: 23 pontos
Daniel Gibson: dez pontos
Anderson Varejão: oito pontos, 17 rebotes

Phoenix

Steve Nash: 16 pontos, 15 assistências
Marcin Gortat: 14 pontos, dez rebotes, cinco tocos
Markieff Morris: 13 pontos, oito rebotes
Channing Frye: 12 pontos, sete rebotes
Michael Redd: 12 pontos

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Rafael

    Isso ai Magic qdo precisa do Dwight Howard ele aparece

  • Julio Zago

    Seguem jogando bem os Cavaliers, a equipe por hora vem cumprindo bem seu papel, principalmente o novato Irving que vem liderando o time na pontuação. Tá faltando o Tristan Thompsom mostrar a que veio. Tá certo que o time está longe de ser a piada que foi ano passado, mas ainda precisa de um a SG melhor.

    • ANDRE N

      Tristan Thompsom veio para ir pro Banco de reservas.. o cara tem habilidade… mais nao da pra compara ele com o D.william… Acho que o Cleveland erro feio em contratar ele.

      Derrick Willians > > > Tristan Thompson

      (Eu ainda Acho que se o Cleveland fosse Mais esperto poderia ter draftado D.Willians e K.Irving..)