Confiante, Brandon Ingram crava: “Quero ser eleito para Jogo das Estrelas em 2019”

LeBron James, como não poderia deixar de ser, é o jogador que todos comentam quando o assunto é Los Angeles Lakers. Mas, nos bastidores, a evolução técnica de Brandon Ingram atrai quase tanta expectativa quanto o aguardado reforço. O jovem ala vem recebendo elogios de companheiros de elenco e técnicos desde a reapresentação da equipe por seu rendimento e esforço nos treinos.

“Eu acho que tenho objetivos mais altos para mim mesmo do que qualquer pessoa – e fico enfurecido quando não os alcanço. Nunca fui um cara de falar muito, mas, quando afirmo algo, marque as minhas palavras. Quero ser eleito para o Jogo das Estrelas no ano que vem. Pode parecer ambicioso, mas soa bastante realista para mim”, sentenciou o titular angelino, em entrevista ao site The Athletic.

Ingram contará com o pleno apoio e confiança de LeBron na busca por alcançar a ousada meta de 2019. Segundo Zach Lowe, da ESPN, o quatro vezes MVP da liga tem confidenciado a pessoas próximas estar impressionado com o talento do ala, que completou 21 anos em setembro. O garoto tem certeza de que o craque vai fazer sua jornada até o estrelato muito mais rápida e produtiva.

“LeBron traz conforto para cada um, todos os dias. Ele faz o jogo fácil para todos, pois deixa-nos sabendo exatamente o que fazer e encontra-nos nos lugares certos dentro de quadra. É um privilégio para mim. E, quando você tem um dos melhores jogadores da NBA ao seu lado, você tenta somente ‘absorver’ qualquer informação que puder”, elogiou o jovem, ansioso para adquirir experiência.

A presença do considerado melhor jogador da atualidade, no entanto, também representa abdicar do protagonismo para Ingram: ele era visto, até a chegada de LeBron, como a principal peça do futuro do Lakers e o líder da renovada base que reconduziria o time às cabeças do Oeste. A nova etapa pode ser uma perda de status, mas, para o ala, é o passaporte para mostrar seu melhor basquete.  

“Na última temporada, eu sentia que era o líder desse time. Mas não me importo em ser a primeira ou segunda opção da equipe. Não mesmo. Até porque não acho que as pessoas realmente me conhecem. Acho que eles só sabem o que consegui fazer nos meus dois primeiros anos aqui. Mas Brandon Ingram pode fazer muito mais”, concluiu Ingram, prometendo grandes voos na próxima temporada.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Daniel Tavares

    O alto é o teto para esse garoto subir. Não acho que ele vá crescer, nem acho que ele vá descer; muito pelo contrário.

    • Ser_Humano_Vivo

      Frase nível Dilma Rousseff.

    • Victor Vinicios Narciso

      Profundo

  • Albert Santos

    Sonhar não custa nada …
    #aindanãoamigão
    #umdiavcseráallstarmaisnãoagora

  • dirct

    Allstar esse ano no Oeste? Sem chance, se nem caras como C. J. McCollum conseguem não é o Ingram que vai ser, há pelo menos meia dúzia de caras da posição melhores.

    • Vinícius Maia

      No oeste é muito complicado para ele. Ele entra na disputa por vaga entre alas, alas-pivôs e pivôs eu acho. Para essas posições, já temos pelo menos 3 com cadeiras fixas por pelo menos 3 anos eu diria: LeBron, Kevin Durant e monocelha. Depois vem draymond Green ee cousin brigando por um espaço. Pensando na quantidade de jogadores, não seria uma disputa tão acirrada quanto a disputa para armadores, mas o problema é que eu disse antes: 3 vagas já estão garantidas rs.

      • dirct

        Vc está esquecendo de muita gente talentosa nessas posições ainda:

        Klay Thompson
        Paul George
        Jokic
        Millsap
        DeRozan

        Todos esses estão muito a frente do Ingram, são jogadores que mudam patamar de equipes e estão consolidados na liga, Ingram não tem nenhuma chance de ser allstar no Oeste, no Leste já seria muito difícil.

        • Vitor Martins

          Sim, sem contar que não há uma quantidade fixa de jogadores por posição, e como há muitos armadores bons, talvez a quantidade para alas/pivôs seja reduzida (como já aconteceu nos outros anos)

        • Vinícius Maia

          Sim, eu não parei para pensar em todos. Foquei apenas na posição que ele concorreria (DeRozan, Butler e Klay Thompson não brigariam por uma vaga diretamente com o Ingram por serem de posições diferentes; eles entram na briga pelas vagas de armadores). Mas é fato: no Oeste selvagem, Ingram ainda está longe de ser all star.

          Porém é bom ele ter essa mentalidade, pois é sinal que o cara está focado em evoluir e crescer na liga. Independente da minha torcida para o Cavs, gosto de ver o surgimento de novos talentos e ver um basquete bem jogado, então espero que essa mentalidade o ajude a elevar o nível do seu jogo.

          • dirct

            Na eleição para allstar não respeitam muito a posição ao pé da letra, na última eleição por exemplo o KlayThompson concorreu com o Paul George por um lugar.

  • Leonardo

    Muito bem Ingram, esse é o pensamento e o objetivo!

    Sendo realista isso é algo que eu espero apenas para a próxima temporada, principalmente pelo número de jogadores talentosos que existem no oeste, entretanto não me surpreenderia se Brandon Ingram conquistasse essa façanha. Seu teto como jogador ainda não foi limitado e sem a pressão de ter que comandar o time ele deve ficar muito mais solto em quadra, porém para concretizar essa meta é preciso muito menos oscilações e que se torne finalmente um jogador constante, não apenas na temporada mas dentro das próprias partidas.
    Espero Ingram fazendo algo em torno de 20 ppj, se for algo acima disso e a campanha do Lakers se desenvolver acima do esperado, talvez os pensamentos do menino virem realidade.

  • westburro

    Os haters choram, ingram vem pra 20ppg

    • Thomazbrasil

      Ele e o coelhinho da Páscoa!!!!!!
      Kkkkkkkk

  • Coach Stevens
  • Vitor Martins

    Na minha opinião ele é o principal candidato pro MIP, ainda que eu discorde dos critérios. O cara tá na terceira temporada e só tem 21 anos, além de ter sido a segunda escolha do Draft. Assim como o MVP, é um prêmio com critério muito obscuro. É de se esperar que ele evolua agora! Diferentemente do Oladipo (mesmo que também tenho sido segunda escolha) tava há alguns anos estagnado. Mas enfim, se conseguir dar o salto que todo mundo espera vai brigar forte pelo MIP, mas no Oeste tem muita gente boa pro all-star na posição (Durant, PG, LeBron e Butler – se criar juízo – largam bem na frente dos demais, e por conta da quantidade de bons “Guards” é provável que tenha menos vagas para “Forwards”.

  • PatrickLakers

    Acho que ainda não, mas se ele fizer mais de 20 pts por jogo, a força da torcida do Lakers pode colocar ele lá.

    • Jefferson Cavalcanti

      Força de torcida só serve pra jogadores estrangeiros.

    • Luiz

      Não no novo formato de votaçao

      • PatrickLakers

        Então não sei que como está a seleção agr, qual o critério que eles estão usando.

        • Luiz

          A torcida só escolhe os titulares.

  • Nicolas Dias

    Ele aparenta ter melhorado no lance livre, o que tende a aumentar suas médias, ele anotou 16 pontos por partida na temporada passada, se conseguir subir para 20 pontos ele tem chances, a exposição por jogar nos Lakers é um fator que pode colocá-lo no all star, nem que seja para substituir alguém lesionado.

  • DNT – Porzingod MVP

    Alguém tem que dar um banho de realidade nessa rapaziada do Lakers, até esse magrelo ta falando em ser all star…..tem potencial, mas tá muito longe de ser um all star.

    • PatrickLakers

      Maioria dos jogadores da NBA são assim, ele não é o primeiro e nem vai ser último a falar isso, se ele não tiver essa confiança quem vai ter? Claro que ele não vai pro ASG, mas ele colocar isso como objetivo não vejo nenhum problema, até pq ele tem potencial pra isso.

  • Lucas Antunes

    É divertido ver o chamado lebron effect acontecendo mais uma vez. Sinceramente, não acho Ingram um jogador ruim, menos ainda estagnado (inclusive, fez uma boa temporada e mostrou que pode evoluir muito mais), massss estamos falando da conferência oeste, onde existem pelo menos 20 jogadores melhores e mais merecedores que ele (aliás, se mandassem eu escolher um jogador do Lakers além de Lebron para o ASG, não seria ele mas sim o menino Kuzma.).

    Mt gente comentando sobre a mentalidade estar correta e a temporada dele prometendo para MIP, massss vamos lembrar que além de Lebron, o time ainda conta com Rajon Rondo, Beasley e o próprio Stephenson que precisam da bola na mão – o que significa que o time e o seu jogo vão passar por uma nova adaptação. Entendo que a hype de ser jovem, ter um teto ainda a se descobrir, jogar em LA, nos Lakers e com Lebron James, é um contexto mt empolgante e favorável para se desenvolver, massss externar esse tipo de acho que gera um tipo de expectativa que não é mt interessante para ele (e pode até gerar uma certa frustração na torcida).

    • PatrickLakers

      Beasley e Stephenson não vão jogar mt com o Ingram, e Rondo é passador, pode ajudar muito o Ingram a aumentar a pontuação, não faz sentido o que vc disse, tanto que ele foi maior pontuador do time na pré-temporada, e tende ser a segunda opção do ataque claro, com LeBron jogando mais minutos.

      • Lucas Antunes

        Imagino que Beasley e Stephenson entrarão mais em cena, quando Lebron estiver descansando. O que quis dizer quando citei os 3 (lance, beasley e rondo), tem mais a ver com o fato de que precisam da bola na mão para jogar (não são bom espaçando e se movimentando sem ela), seja para articular jogadas ou defini-las. Também acredito que ele aumente sua pontuação (não só por conta da armação de rondo e lebron, mas por sua própria evolução natural), mas sinceramente imagino ele com um tempo de bola na mão mt menor. Acredito que Kuzma pode até ser mais beneficiado por Rondo e Lebron nesse sentido (de opção de ataque).

    • Jefferson Cavalcanti

      Boa análise. Ingram vinha se desenvolvendo bem com ball handler, agora vai ficar mais dificil pra ele.

      É um jogador que não tem no arremesso sua principal habilidade. Como você disse, vai precisar se adaptar pra jogar junto com Rondo ou LeBron.

    • Tulio Machado

      Ingram com 2 anos a menos que o Kuzma e atributos fisicos muito melhores merece mais

      • Lucas Antunes

        Fisicamente é melhor mesmo, mas ainda não o é tecnicamente (pelo menos na minha opinião)…

  • Eduardo Almeida

    Esse ano não vai ter os melhores por posição da NBA????

    • Franklin Gomes Peixoto

      Também to na expectativa

  • KyrieMVP- caçador de clubista

    Off: esse eh o último ano de contrato dele?

    • PatrickLakers

      Não, tem mais 2 anos, provavelmente renove na próxima temporada pra ter dinheiro pra mais uma estrela na próxima offseason.

      • KyrieMVP- caçador de clubista

        Dependendo dessa temporada, uns 85 mi em 4 anos tá muito bem pago. Nada de contrato nível wiggins

  • Guilherme

    Acho difícil, ainda mais jogando no Oeste. Mas tem potencial pra se tornar um all-star consolidado num futuro próximo.

  • M.

    Off Topic: Já viram o ranking de posição do Sportv dos 30 times?
    Colocaram Klay como Coadjuvante, e Paul George como All Star, além disso colocaram Nick Young como do Warriors, sendo que não está mais no Warriors.

    • Paulo Henrique

      E o Paul George não é all star?

      • M.

        E o Klay é abaixo do Paul George?

        • Paulo Henrique

          São dois all stars e do mesmo nível, n sei pq vc citou ele aí

          • M.

            No meu ponto de vista, se Paul George é all star, então Klay também é. Klay é o jogador que quando o Warriors está com a corda no pescoço, não se esconde do jogo. Klay é mais jogador que Paul George.

          • Lucas Cardoso

            Se eu tivesse que começar uma franquia em torno de um dois, minha escolha com certeza, seria PG.

          • Diego Costa

            KT tem uma série de jogos ridículos em momentos decisivos, cito aqui pra você quantos você quiser meu amigo. Não se faça de sonso.

          • M.

            E o Paul George engolido e fez 5 pts num jogo Win or Go Home. Não se faça de leitão vesgo. KT contra o Blunder e Rockets, quando estava com a corda no pescoço, arrebentou essas 2 franquias.

          • Diego Costa

            E se não fosse por ele a equipe teria sido varrida, graças a sua parte o Thunder desnorteado conseguiu 2 vitórias.

            5 PONTOS o KT tbm fez, e num jogo 6 de final de NBA em 2015.

            Segue abaixo os jogos que fecharam as finais e o desempenho de seu amado

            2015 – 5 pontos
            2016 – 14 pontos
            2017 – 11 pontos
            2018 – 10 pontos.

            Você desconhece os fatos, não tem capacidade pra debater comigo e ainda por cima só consegue ver o que quer. Os fatos estão aí, não adianta correr.

          • M.

            Vem com esse papo, se não fosse por ele seria varrida? O Thunder era dito como favorito contra o Jazz, nem vem com esse papo agora, como se o Paul George tivesse jogado bem contra o Jazz.
            KT é mais jogador que o PG.

          • Diego Costa

            Como sempre fugiu, você é um covarde que sempre que mostro a verda de some. Citei pra você todos os números do KT patetico em grandes momentos e você não conseguiu argumentar sobre nada, inclusive os 5 ponto num jogo 6 de final. Admita, você não sabe o que fala e não consegue me responder. PG jogou bem sim contra o Jazz, graças a ele o a thunder não foi varrido e ainda ganhou o jogo 1 sozinho.

          • M.

            Eu fujo? Disse que o KT é melhor que o PG. Quantos jogos o PG fez 5 pts numa final? Nenhuma, porque nunca chegou lá, e para quem perde para o Jazz, que no início de temporada nem apostavam ir aos offs, se ganhar 2 jogos de primeira rodada é o máximo do Thunder, então o seu time é muito ruim mesmo. Covarde é você que peidou para o Lebeautiful, quando ele apostou com você quem ganharia mais entre Thunder x Blazers, sairia do site, e você afinou. Então aposta comigo, quem vence mais entre Thunder x Warriors na temporada, o outro vaza pra sempre do site, quer apostar “corajoso”? Vamos ver quem é o covarde agora.

        • Maicon Gomes

          Depende do seu gosto pessoal, ambos são craques. Eu vejo o PG a frente e prefiro ele.

        • Marcelo Desoxi

          Klay melhor -no mínimo do mínimo mesmo nível. SporTV viaja muito.

          • dirct

            Concordo com vc, KT já se mostrou muito mais decisivo que o PG na hora que a porca torce o rabo, PG foi FP por anos e nunca fez um GW na carreira, marcando também KT conseguiu limitar alguns dos melhores jogadores da liga como Irving, Westbrook etc…,se KT e PG se aposentassem hoje com certeza KT seria maior.

          • Marcelo Desoxi

            Atualmente, é até uma discussão meio vaga.
            PG tem poucos trunfos à favor -defesa, talvez(?). Se for para preferir o Paul George, o único argumento realmente palpável seja pela pessoa preferir o estilo de jogo -por achar mais vistoso-, algo assim.

        • Diego Costa

          É sim

      • Todd Porn Gurley

        é pq eles tem mania de comparar Klay Thompson ao Paul George, sendo que nem da mesma posição são.

        • Paulo Henrique

          Eu até acho válida a comparação, são dois jogadores de estilos iguais. Só n entendi ele falar do jeito como se o PG não fosse um all star, ou como um jogador muito abaixo do Klay

          • Todd Porn Gurley

            n sei se a ideia era dizer q o PG está mt abaixo dele, mas q ele acha KT no mínimo do mesmo nível.

    • Tárcio

      Eu vi, é meio tosco.
      São 20 allstars.
      E mesmo assim, não dá pra comparar um LeBron com um DeRozan, ou com o Marc Gasol.

    • Rafael Barcelos

      E o VanVleet como “compõe elenco”. Muito ridículo kkk

    • Luiz

      Colocaram Rudy Gobert All Star. E tambem esqueceram o Butler.

  • Pedro Santos

    All Star é um tiro mto longo. Vejamos da seguinte maneira: ano passado foram chamados como alas (contando com ala armador e ala pivô) Durant, Davies, Green, Aldrigde, Butler, Thompson e George. Todos esses continuam no oeste, que agora ainda tem LeBron, e se forçar um pouco a barra, o DeRozan. Pra ser chamado por eleição, teria que ter votação pra vencer o LeBron, Davies ou Durant, o que vamos ser sinceros é muito difícil. Ser chamado entre os reservas, dependeria muito da boa vontade de qm for fazer a seleção, pra por ele na frente dos outros q citei.

    Maaaaaas eu acho q a mentalidade de qualquer jovem na NBA deve ser essa mesma! É uma liga que qlqr dúvida sobre a própria capacidade pode ser o diferencial entre ser um bom jogador e um jogador dispensável! Se ele não acreditar no potencial dele, vai ficar difícil crescer e se tornar um astro!

  • Tricampeão Goiano

    Acho muito difícil ser convocado para o All-Star game desta temporada. Na minha opinião vai ter um salto enorme na carreira, vai passar dos 20 ppg, mas participar do jogo das estrelas é improvável.

    Lembrando que, se a NBA manter os padrões da última temporada, os titulares do All-Star Game são selecionados em conjuntos, por votos dos fãs, no valor de 50% dos ‘pontos’ pro jogador ser o titular, somados aos votos dos próprios jogadores da NBA e da mídia especializada em NBA, cada um com valor de 25%.

    E por fim, os treinadores escolhem os reservas de sua conferência, que devem escolher 2 armadores, 3 alas e mais 2 jogadores de qualquer posição, que eles chamam de ‘Wild-Cards’.

    Somando, Ingram estaria concorrendo a uma das 8 possíveis vagas, sendo 3 alas do time titular, 3 alas dos reserva da conferência Oeste e mais 2 do Wild-Card.

    Ele vai estar concorrendo com: Paul George, Gobert, Towns, Jokic, Anthony Davis, Aldridge, Durant, Draymond Green, Lebron, etc.

    Levando tudo isso em conta não acredito em uma convocação do Ingram para o ASG de 2019, salvo se acontecer alguma lesão com alguém do Oeste, que aí neste caso quem escolhe o reserva é o Adam Silver, e pelo Lakers ser uma franquia tão valiosa pode rolar, mas eu duvido muito.

    • Cavs&KingJamesaondeestiver

      Lebron, Duran, Thompson, P. George, Butler, Harden, D. Rozen, D. Booker, Mitchel… Estes são os principais Alas que brigaram pelas vagas no Al Star no Oeste…OBS; Lebron e Duran independente do que produzirem já estão dentro, e Harden tem seu passaporte quase carimbado, sendo assim, é meio complicado pensar em jogo das Estrelas este ano no Oeste, mas sonhar não custa nada.

      • dirct

        Harden não disputa com esses aí, Harden disputa como armador, ele vai disputar com Curry, Westbrook, Lillard etc…

        • Cavs&KingJamesaondeestiver

          Negativo, Harden desde a última temporada voltou a ser Ala, ou vc esqueceu que hj o PG do time e o CP3?

          • Nicolas Dias

            Harden entra como “guard”, ou seja, point guard e shooting guard, armador e ala-armador são votados na mesma categoria. Depois vem o “frontcourt”, ala, ala-pivô e center. Harden sempre disputou como “guard” seja jogando como armador ou ala-armador.

          • Asf 152

            O time do Houston joga como se tivesse dois armadores, muitas vezes o CP3 deixa o Harden armar

          • Sandro Hiroshi

            A votação de pg e sg são juntas. Logo Harden não compete com os SF.

          • dirct

            Como os amigos abaixo disseram vc está errado amigo, veja o último time titular do allstar game:

            Curry, Harden, Durant, Davis e Cousins.

            Se Harden concorreu como ala como vc está dizendo esse time tem 3 alas já que Durant e Davis são os alas, larga de ser teimoso Harden é armador e ganhou a disputa com caras como Westbrook, CP3 e Lillard para estar no time titular do allstar game.

    • Nicolas Dias

      Basicamente a chances dele ir aos all star são como suplente, fazer uma boa temporada, conseguir bom números de votos, e se alguém se lesionar (o que geralmente acontece) ele ser lembrado.

  • Dudu Ferrero

    O Ingram precisa melhorar muito seu arremesso que pra mim é meio irregular e ser mais agressivo tambem, acho que pode aprender isso com o Lebron

  • Marcelo Desoxi

    Tem muito teto como scorer, apesar de ainda ter um arremesso inconsistente, já faz seus 16 por jogo, com 39% nos 3FG. O problema é que com esse físico aí, limita demais pontuar perto da cesta. Ou pontua na malandragem, ou é chutado do garrafão igual uma bosta.

    • Diego Costa

      39% 3fg arremessando 1.8 de 3 é a coisa mais fácil do mundo

      • Marcelo Desoxi

        Fala isso para o Ben Simmons & companhia.

        É um número de amostragem muito pequeno entre os profissionais, mas ele matava 41% em Duke com 5.4 arremessos de três por jogo, e tem um bom aproveitamento na NBA, no mínimo mostra que ele tem potencial como arremessador. Se vai continuar com o bom aproveitamento na medida que o volume aumentar , outros quinhentos.

        • Diego Costa

          Bom aproveitamento baseado em que? Ele nem arrisca pra falar isso cara, 1.8 é ridículo, é tipo o pivô que chuta uma vez e tem 100% de aproveitamento na carreira.

          Em 36 jogos temporada passada, ele não conseguiu matar nenhuma bola de 3. Quando ele tentou mais que foi na sua primeira temporada, teve 29% de aproveitamento.

          Teve 2 sequências na temporada de pelo menos 5 jogos seguidos que não conseguiu acertar nenhum arremesso de 3. Isso é bastante coisa. Portanto, 39% é um número enganador e não pode ser levado a sério

          • Marcelo Desoxi

            Não poderia ser levado a sério se fosse um cara que tivesse conhecidamente um chute ruim.
            Ele chuta poucas bolas de fora, mas mata um uma porcentagem interessante, e como eu já citei ele chutava um bom número em Duke e tinha um ótimo aproveitamento.
            No mínimo, ele parece ter potencial para ser um arremessador decente.

            Observando casos como o do Ben, por exemplo, quase nunca chuta e quando chuta, erra – mesmo que muitos sejam lances de buzzers.

            A questão não é se Ingram é um bom chutador agora, e sim se ele vai manter seu aproveitamento bom quando o volume crescer, rs. Uma questão bem simples, na verdade.

          • Diego Costa

            Duke é Duke meu amigo, as defesas são diferentes, o estilo de jogo é outro, não dá pra comparar. Potencial baseado em que ? Em 1.8 chutes?

            E o que o Ben símmons tem a ver com isso ? Ali já é o cúmulo do absurdo, ele não tentou nenhum arremesso de 3 nos últimos 44 jogos da temporada. E quando chuta, sempre é no estouro do cronômetro.

            Ingram é o cara que mata uma bola livre e depois não arremessa mais, os números comprovam isso. Se você quer ficar nessa de potencial ok, mas tem que admitir que 39%3pt é um número enganoso , MUITO enganoso. 39% é número de um ótimo arremessador, coisa que ele não é.

          • Nicolas Dias

            “Duke é Duke meu amigo”. Se você reduz o desempenho dele em Duke dessa forma, e insinua que não é parâmetro, então para que serve o processo pré-draft? As franquias gastam com scouts atoa? É isso?

            Concordo que hoje, dizer que ele é um bom arremessador não procede, quando na verdade ele se mostra inconsistente nesse aspecto, analisando o game log dele, tem jogos que ele acerta 3-4, 4-4, depois 0-2, 1-1, 1-2, e por aí vai.

            Sempre achei o espaçamento dos Lakers muito ruim, vejamos agora com LeBron concentrando a atenção das defesas, e tendo 3 bons playmakers como o Ingram se saí no ataque. O ponto é, ele não apresenta uma mecânica de arremesso defeituosa, ou insegurança para arremessar, ele tem potencial para ser um arremessador decente, seu desempenho em Duke é um parâmetro para isso, assim como seus bons momentos na NBA, precisa ser regular agora.

          • Diego Costa

            Estou dizendo que nesse caso das bolas de 3 é algo diferente, na universidade as defesas são diferentes, a responsabilidade do jogsdor é diferente. E uma diferença de 5.4 chutes pra 1.8 mostra bem o que falo.

          • dirct

            Concordo com vc, na universidade até o Lonzo era um bom chutador que matava bola de fora, NBA o buraco é bem mais embaixo, tirar média por menos de dois arremessos por jogo é uma amostra muito pequena.

          • Marcelo Desoxi

            Eu sei que Duke é Duke, rsrs.
            Claro que o estilo de jogo é outro, mas se não pudermos levar as universidades como parâmetro para medir potencial, então acabem com a NCAA, rs, é isso que você dá a entender.

            O Ben Simmons é só um título de comparação, para mostrar que se ele fosse um ruim arremessador ele teria aproveitamento/número de tentativas semelhante.

            A questão é que o fundamento ele tem, agora é aprimorar.

    • Dudu Ferrero

      pra ele ser agressivo precisa realmente fortalecer o fisico dele…. e isso nao é algo tao absurdo de conseguir, o Lebron ta la começa a treinar com ele kkk mestre nisso kk

  • Todd Porn Gurley

    off: que avaliação horrível aquela do Globoesporte.com

    • Celtics pride

      O grupo GloboSAT/Globo/sporttv não cansa de passar vergonha jamais amigo kkkk

    • Daniel Tavares

      A avaliação foi ruim, mas achei o esboço do método interessante. Se for aprimorado fica algo bem legal de se usar como uma medida de comparação

  • Asf 152

    Se pensar mais um pouquinho, pode vir a ser um grande jogador, mas pra mim pré temporada não significa quase nada

  • Rafael Victor

    Boto fé!

    Vai arrebentar!