Confira como foi a nona rodada da EuroLiga feminina

Por Cainã Lima 

(FRA) Montpellier 85 x 79 Arka Gdynia (POL)

A equipe polonesa ocupava a fração da tabela tumultuada por Lyon, Girona e Sopron. O embate diante do Montpellier em ascensão conferiria ao Arka Gdynia a chance de se afastar do emaranhado de equipes ao final da tabela. Mas a equipe polonesa não estreou bem 2020. O Montpellier continua a melhorar sua competitividade e comprova ter duas jóias na ala Gabby Williams e a pivô Stephanie Mavunga, protagonizando jogos disputados contra boas equipes. Balintova e Bec Allen foram os destaques pela equipe polonesa em uma partida divertida e disputada, porém, o Arka Gdynia ainda aparenta em diversos momentos a equipe perdida do início e meio do campeonato, que está se encontrando tarde demais para uma reação.

Destaques

Montpellier
Stephanie Mavunga (C): 30 pontos, seis rebotes, três roubadas de bola e três tocos
Gabby Williams (SF): 20 pontos, quatro roubadas de bola e dois tocos

Arka Gdynia
Barbara Balintova (PG): 24 pontos, sete rebotes e quatro assistências
Bec Allen (SF): 21 pontos e oito rebotes


(ESP) Girona 65 x 63 Lyon (FRA)

A ausência da ala-pivô brasileira Clarissa dos Santos na equipe francesa é notória. O Lyon sequer consegue emplacar um ataque regular contra uma das piores defesas do campeonato. A exigência por uma resposta ofensiva diante de um ataque menos entrosado e produtivo, recaiu sobre a recém chegada ala Alysha Clark. Ao menos em seu primeiro jogo pela equipe na Euroliga Feminina, Alysha indica que pode ser a peça que interliga a equipe e assume nos momentos críticos. O Girona continua a oferecer palco para o show solo de Magali Mendy, mas o Lyon explodiu no início do segundo período com 33 pontos (diretamente ou não sua maioria vieram da estreante) e recuperou-se de um confronto monótono.

Destaques

Girona
Magali Mendy (SG): 25 pontos, quatro rebotes e oito roubadas de bola
Adaora Elonu (SF): 14 pontos e sete rebotes

Lyon
Alysha Clark (SF): 18 pontos e quatro rebotes 
Helena Ciak (C): 12 pontos e 12 rebotes


(CZE) USK Praha 82 x 64 Bourges Basket (FRA)

Desde que Alyssa Thomas disputou as finais da WNBA, ela não tem se permitido atuações mais discretas. Mais surpreendente é o padrão e constância do estilo de jogo imposto pelas atletas ao redor da ala-pivô. Uma defesa agressiva, que pune até os desperdícios de bola e um ataque altruísta. A sensação é que ainda nos piores dias, sempre haverá alguém disposta a achar as companheiras em seus melhores dias e posições para pontuar. A armadora Cristina Ouvina e ala Valeriane Vukosavljevic se destacaram pela equipe tcheca. Ainda que o Bourges conseguisse achar-se em quadra para pontuar, a defesa tcheca abafou um ataque promissor comandado pela dupla de pivôs Alexia Chartereau e Iliana Rupert.

Destaques

USK Praha
Alyssa Thomas (PF): 17 pontos, oito rebotes e oito assistências
Valeriane Vukosavljevic (SF): 17 pontos, seis rebotes e três roubadas de bola
Cristina Ouvina (PG): 11 pontos, oito rebotes e seis assistências

Bourges Basket
Alexia Chartereau (PF): 14 pontos
Iliana Rupert (C): 12 pontos e dez rebotes


Outros jogos
(RUS) Nadezhda 50 x 71 UMMC Ekaterinburg (RUS)
(TUR) Fenerbahçe 70 x 52 Sopron Basket (HUN)
(LET) TTT Riga 82 x 64 Castors Braine (BEL)
(ITA) Reyer Venezia 70 x 61 Çukurova (TUR)
(ITA) Famila Schio 70 x 53 Dynamo Kursk (RUS)

Classificação

Grupo A
1- UMMC Ekaterinburg e USK Praha: oito vitórias e uma derrota
3- Tango Bourges e Nadezhda: seis vitórias e três derrotas
5- Castors Braine e Reyer Venezia: três vitórias e seis derrotas
7- Çukurova: duas vitórias e sete derrotas
8- TTT Riga: duas vitórias e sete derrotas

Grupo B
1- Fenerbahçe: sete vitórias e duas derrotas
2- Famila Schio e Montpellier: sete vitórias e três derrotas
4- Dynamo Kursk e Lyon: quatro vitórias e cinco derrotas
6- Arka Gdynia, Girona e Sopron: três vitórias e seis derrotas

Próxima rodada

15/01 (quarta-feira): UMMC Ekaterinburg x Reyer Venezia, Çukurova x USK Praha, Dynamo Kursk x Montpellier, Arka Gdynia x Fenerbahçe, Tango Bourges x TTT Riga e Castors Braine x Nadezhda
16/01 (quinta-feira): Sopron x Girona e Lyon x Famila Schio