Damian Lillard culpa imprensa por pedidos de troca e movimentação de astros na NBA

Damian Lillard é um astro remando contra a maré da NBA atual. Enquanto vários atletas de elite resolveram buscar títulos mudando de franquias, por trocas ou na agência livre, o armador estendeu o seu contrato com o Portland Trail Blazers até 2025. Qual o motivo para uma postura tão diferente? Ele não se deixará levar pelo que outras pessoas acreditam ser melhor para sua carreira.

“Acho que astros vão embora dos seus times por causa da imprensa, da influência externa de pessoas opinando sobre seus legados. Há jogadores tomando decisões baseados em que comentaristas e torcedores acham que eles deveriam fazer. Os caras estão abrindo mão de milhões por pressão de gente que nunca vão ver na vida”, criticou o craque, em entrevista recente ao “Joe Budden Podcast”.

Desde o início da carreira, Lillard declara amor ao Blazers e já se posicionou mais de uma vez contra os chamados “supertimes”, as reuniões de astros na NBA. O ídolo de 29 anos assegura que só quer ganhar um título se fazê-lo em Portland. Por isso, ele não vê sentido em abdicar dos laços com uma cidade e os maiores salários pela incerteza de ser campeão que já tem em sua atual equipe.

“A questão é que eu não acho que decidir permanecer na sua equipe signifique que você não se importa em conquistar títulos. Não é assim. Mas, quando você estiver aposentado com uns 42 anos de idade e não tiver nenhum anel de qualquer forma, as mesmas pessoas que te criticam agora vão fazer piada por você ter atirado uns US$60 milhões pela janela ‘por nada’”, concluiu o experiente armador.

Selecionado na sexta posição do draft de 2012, Lillard tornou-se a maior referência do Blazers nos últimos anos e conduziu a franquia até as finais do Oeste nesse ano – o melhor resultado do time em quase duas décadas. O quatro vezes all-star tem médias de 23.5 pontos, 4.2 rebotes e 6.3 assistências em 549 partidas realizadas pela equipe do Oregon – todas, inclusive, como titular.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Lucas Henrique

    Ta certo o Lillard

  • Lucas Soares da Rocha

    Gosto mto do Lillard, e um dos motivos é essa filosofia dele. É um cara que não busca o título a qualquer preço, e sim busca orgulhar o time que confiou nele e que ele ama. Infelizmente é difícil ver o Blazers sendo campeão nos próximos anos, mas eu torço para eles surpreenderem e ganharem

  • Mathias

    Guardadas as proporções, eu acho que vibraria com um título do Lillard pelo Portland como vibrei quando o Dirk ganhou aquele anel histórico com o Dallas. Cada um tem o direito de tomar o rumo que achar melhor para a carreira, mas é inigualável ver um cara persistir em uma franquia, pastar durante anos, ser contestado e, depois de tudo, conseguir levantar um caneco.

  • Dudu Ferrero

    “Estão abrindo mão de milhões por gente que nunca vão ver na vida” só que tem muito atleta que não está ligando prós milhões a mais eles querem a sua realização profissional que é ganhar um título, jogar em equipes de ponta, times que tem uma história rica nem tudo se resume a dinheiro até porque jogares de elite já terão contratos ótimos independente de onde estejam

    • Lucas Henrique

      Apenas 1 time é campeão, abrir mão de grana quando você é um jogador top para ir para um contender é uma opção, mas eu não faria, prefiria ter a grana e o reconhecimento da torcida do seu time

  • Brockbell

    Vai gerar controvérsias, mas Lillard jogou como top 1 Pg da liga nessa temporada passada. Curry estava abalado e n jogou na melhor forma, Irving n conseguiu fluir em Boston, Lowry e West n jogaram mais que Lillard, e Harden pra mim jogou na 2 de SG.
    Essa temporada a concorrência só aumenta, com Young, Simmons…, e
    Além de Kemba e Conley em times melhores.

    • Wilker Pereira

      Prove isso q vc falou com números? Ou melhor com argumentos concretos e palpáveis de q Lillard jogou melhor q Curry. Na minha opinião ele na ultima temporada apenas passou de 3 a 2 pg da liga ultrapassando o West

      • Brockbell

        Os números dos dois são muito proximos, Curry leva vantagens em alguns números, Lillard em outros, como assistências por exemplo.
        Curry n precisa provar mais nada, e Lillard vem mostrando que n faz feio, se comparado ao top Pg da liga. Mas olhando essas ultimas temporadas, e olhando o entorno do time, olhe as estatísticas dos companheiros de Lillard e do GSW.
        Conheço muita gente que n coloca Lillard nem no top 3 da posição.

        • Aaron Donald GOAT

          Mt gente não coloca pq é uma posição difícil de rankear mesmo.
          Isso pq o Wall ta lesionado,imagina se não tivesse.

        • Wilker Pereira

          Lillard na última temporada passou o West e chegou ao 2 lugar pg (mas apenas no momento porque na carreira o west esta a frente dele) mas dizer q Lillard passou Curry não existe argumento possível , os números do Curry no geral foram superiores a campanha do Curry foi melhor , Curry chegou a final da NBA com un time q mais parecia um hospital e quando se encontraram nos offs Curry voltou a varrer o Lillard (q mais parece uma criança quando joga contra o Curry nos offs) e com record de pontos em varrida (passando nada mais nada menos q Lebron Kobe Shaq neste quesito) entao pergunto qual e o argumento plausível de dizer q Lillard foi o melhor pg?

          • Brockbell

            Man vc é questão de interpretação, jogar como top 1 pg da liga não o msm dele ser o top 1 pg da liga . Lillard fez uma ótima temporada, jogou e fez o que podia com esse Blazzers. A campanha do Blazzers mostra isso.
            Curry é o melhor Pg da liga e consolidado faz algumas temporadas, e sempre mantem o nível. Em um ano turbulento ele tem números absurdos, e Lillard msm nesse Blazzers teve numeros tão bons quanto.

  • Renan souza

    Errado ele não está,a impressa sempre influênciou nas trocas,desde antigamente ate os dias atuais,porém,agora essa pressão se torna ainda mais intensas por causa das redes sociais e a modernização da tecnologia onde qualquer espirro que o jogador dá ja vira repercussão para o país inteiro,além de todas as especulações e análises tiradas da bunda relacionadas aqueles espirro.

  • Alan Ribeiro

    Finalmente eu vi esse cuzão falar a verdade clara, 👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏 Ele só pensa na grana é por isto que assinou o maior contrato da nba.
    Esportivamente não vai ganhar nada, mas financeiramente é uma ótima, uma pessoa deve pensar nela e em quanto pode ganhar, agora quero ver alguém defendendo Lilard pq ele foi leal a franquia, kkkkkk só ficou pela grana.

    • MessiGOAT

      Sua postura é tão cheia de bronca do povo que defende o Lillard que atrapalhou sua interpretação do que ele disse. Lillard não ficou só pela grana, ele não disse que ficou só pela grana, sempre falou que não trocaria de time por uma proposta de se dar bem, que era pra ser campeão ali no blazers, senso de ”minha equipe” quase raro na nba, ter conquistado direito a ganhar mais grana no time que ele gosta faz parte das regras salariais da nba, não há absolutamente nada com Lillard nisso, Blazers pagaria rindo o mesmo salário a outra super estrela se as regras permitissem, ele não falou que a grana vem primeiro, muito pelo contrário. Vou desenhar o que ele falou para que você consiga compreender. Respeitosamente falando, você precisa ler mais, a boa interpretação de um texto só ocorre com muita leitura. Damian Lillard apenas disse ”Há jogadores que estão se importando com quem jamais estará ao lado deles quando as coisas não derem certo, são influenciados a todo momento a buscarem títulos a todos custo como se isso fosse um cuidado dessas pessoas com os jogadores, mas no fim nunca estiveram/estarão ao lado deles, pressionam, alimentam a ideia de legado com títulos, mas no fim irão virar as costas e vão criticar se o título não vier e, pior, ainda vão jogar na sua cara que perdeu milhões, ou seja, não foi capaz de vencer os títulos e ainda foi burro na administração da carreira.”. No fundo Lillard apenas está dizendo que não é pra se importar com a opinião de quem não te conhece, não sabe o que você passa, mas jura estar lhe dando os melhores conselhos pra sua carreira, pois não estarão ao seu lado quando você precisar.

  • Lyardson

    Deixou claro que pensa no dinheiro antes de tudo, depois prefere sofrer em Portland a sofrer em outro lugar… Até por que tinha um supertime a ser batido agora é outra história.

    • MessiGOAT

      Não, não deixou nada disso claro.

    • Wilker Pereira

      E mesmo q deixasse isso claro esta certo ! Existem supertimes duvidosos e que não deram certo ! E imagina vc abre não de milhões para ir se oferecer ;se ganhar algo tudo de bom e se não ganhar nada ? E ficar q nem um Malone ,Barkley ,Nash da vida ??

  • PauloLAKERS

    Gosto das declarações do Lillard, são muito mais humana do que aparentam. Antes da realização profissional, muitas jogadores só querem sair da miséria e poder ficar MUITO BEM de vida depois que a carreira terminar. Ficou claro que não pensa exclusivamente no título, mas se esse é o caminho que ele quer, quem somos nós ne. Mas se por um acaso, esse cara ganhar um título com Portland, vai ser algo muito legal de ver.

  • Guy de Lombard

    O Blake Griffin está muito feliz por ter pensado da mesma maneira que você, Lillard.

    • Playoffs Neném

      Putz… que pancada no lombo. Mas há de convir que Blake Griffin sempre se machucava na hora H. Mas mandar o cara pra Detroit eu achei sacanagem.

      • Guy de Lombard

        Isso alguns meses depois de a franquia ter feito aquela palhaçada toda para convencê-lo a ficar.

  • Alan Ribeiro

    Eu sei que não estou no lugar dele e sou pobre então fica difícil comparar, mas eu prefereria ganhar 160 milhões e ser lembrado quando me aposentar, do que ganhar 240 milhões e quando morrer ninguém sequer saber que eu joguei.
    Pegando a frase dele, não vejo muita diferença entre jogar 60 milhões fora porra sou rico do mesmo jeito, por isso que eu tenho orgulho de torçer para Dallas, pelo menos lá nos tínhamos um ídolo de verdade, Dirk várias vezes deixou de ganhar dinheiro para tentar trazer alguém e ser campeão, hoje ele ainda continua bem financeiramente, vai ganhar uma estátua na franquia e é idolatrado até por jogadores na NBA.
    Mas cada um é cada um.

    • Michel Moral

      Entendo sua posição e me incluo no pensamento “pobre”.

      A questão é que, quando se está lá em cima, ter o melhor salário é uma questão de autoafirmação quanto profissional / valor de mercado. E até mesmo uma relação de poder mesmo – quando um veterano (CP3, Kobe) exige contrato máximo, quando um jogador se queixa do contrato de outro jogador, etc. O cara se coloca num status soberano, tanto de responsabilidade como de representatividade.

      Não estou concordando com essa máxima. Como vc destacou, pra gente aqui, melhor ter 50 milhões que seja e ser lembrado por ter conquistado um título, do que 150 milhões e não ter o mesmo sucesso. Vive-se bem do mesmo jeito, rico do mesmo jeito… Mas não é isso!

      Se a gente for seguir esse raciocínio, por que LeBron recebe o que recebe no Lakers? Ainda mais agora que ele tá vivendo a última fase da carreira?! Não seria mais lógico abrir mão de toda a grana agora para ter mais uma estrela do seu nível no elenco? Por que Durant, machucado, não abriu mão de salário pelo seu time? Aliás, qualquer um, Irving, Harden, Lillard… Todos são ricos já!

      O problema é que nosso pensamento é de como se ganhássemos na mega sena. A gente nem precisa de tudo aquilo, a gente divide, sei lá… Mas quando a grana não cai no colo, vc que conquistou o seu espaço e é cobrado pelo rendimento, a forma de ver essa questão salarial muda muito!

      • Alan Ribeiro

        Entendo sua opinião em relação a rendimento e à auto afirmação profissional estarem ligados ao salário, só não consigo aceitar se ele quer se provar como jogador pq não tenta vencer um mvp, pq não tentar levar a melhor sobre um jogo contra Stephen curry nos play-offs, pq não tenta formar um time e ser campeão, o contrato dele podia ser gigante e mesmo assim sem ser a aberração de o maior da nba afinal ele sequer é o melhor armador da nba muito menos o melhor jogador, LeBron tem um contrato enorme e mesmo assim nem está entre os 5 maiores.

  • MessiGOAT

    Não se deixe influenciar por pessoas que não o conhecem de verdade, pois elas juram que o melhor para o seu legado é fazer isso e aquilo, dizem saber o que é melhor pra você, mas são elas mesmas que irão criticá-lo quando o título não vier, dirão que fez uma escolha ruim, inclusive pisarão no fato de ter aberto mão de milhões para correr atrás desse ou daquele super time, pois jamais estiveram ao seu lado. Está certíssimo o Lillard.