“Daríamos um contrato para Ray Allen hoje”, garante GM do Rockets

Ray Allen está oficialmente aposentado há quase três temporadas e vai completar cinco anos sem disputar uma partida da NBA. Ainda assim, o veterano ala-armador continua a ser um sonho de consumo da direção do Houston Rockets. O gerente-geral da franquia, Daryl Morey, contou que bastaria um pequeno sinal de interesse do ex-atleta de 43 anos para que um vínculo fosse fechado entre as partes.

“Ray é minha obsessão. Ele seria perfeito para nosso sistema e sei que faz trabalho inacreditável mantendo a forma física, então o que vou dizer não é uma piada: nós daríamos um contrato de dez dias, provavelmente até maior, para ele hoje. É hora de vir para Houston ganhar mais um título, Ray!”, disse o executivo, em entrevista ao programa do jornalista Rich Eisen.

A esperança de Morey em contratar Allen, que já até foi eleito para o Hall da Fama desde que parou de jogar, aumentou após ver a ótima participação do ex-atleta no Jogo das Celebridades do All-Star Weekend. O lendário arremessador teve grande atuação na partida amistosa: foram 24 pontos, nove rebotes e cinco assistências em 28 minutos de ação.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Bruno Da Silva Francisco

    quando se vê a expressão ” grande atuação em partida amistosa” tem que existir um pingo de dúvida, não pelo talento do Allen, mas exatamente pois estamos tendo como referência, uma partida amistosa !!

  • vsr.snake

    Se fosse 10 anos atrás Ray Allen iria fazer a festa

  • Guy de Lombard

    Imagino os Warriors felizes explorando ele na defesa. Os Rockets teriam de mudar tudo aquilo que fizeram na temporada passada e que deu tão certo, ou seja, aquelas trocas de marcação que forçaram o GSW a jogar em isolação

    • Lyardson

      Mano a NBA está acabando com as marcações nos dias de hoje (vide os placares com 130, 140 pontos). Hoje nem todos os times marcam o quê marcar mais ganha a partida.
      *Claro que temos marcações mas contra os Warriors marcação não vai parar os caras, então o quê os foguetes precisariam para “vencer” seria o Allen metendo suas bolas de 3 e ajudar o time a melhorar no quesito.

      • suiciniV_Vascão

        se ganha quem marcar mais, quem defende melhor não perde rs

  • Claudio R.

    Pra mim se Allen tivesse o volume de chutes de 3 do curry, provavelmente o camisa 30 nunca alcançaria o Allen e nem seria considerado o melhor arremessador da história … o que jogar na era errada não faz.

    • Timóteo Rezende Potin

      Discordo. Ray Allen, em seu auge,no Bucks e no Sonics teve um volume muito alto (principalmente para a época) de 6~8 bolas de 3 por jogo. Steph foi chutar acima desse volume apenas na temporada 15-16, a temporada do MVP unânime, que é disparada (mas MUITO disparada) a melhor temporada de um arremessador na história da NBA. E antes dessa temporada ele já tinha quebrado o recorde de 3 pontos feitos na história da temporada regular 2 vezes, se não me engano, chutanto 7~8 bolas por jogo.

      Óbvio que caras como Ray Allen, Peja Stojakovic, Reggie Miller se tivesse jogado hoje poderia ter se aproveitado bem mais de suas skills (ou não, não dá pra saber), mas Stephen Curry é uma aberração.

      • vsr.snake

        Só nas três primeiras temporadas da carreira Curry chutou menos de 7 bolas 3 por jogo, e, comparando com as três primeiras temporadas do Allen, Curry nessa época já tinha uma media maior de tentativas/jogo. A partir de 2012 ele já chuta quase 8 bolas por jogo e o volume foi aumentando a cada ano.

        • Timóteo Rezende Potin

          O Ray tb chutava 8 bolas em 2005~2007 e nao tinha o aproveitamento monstruoso que o Steph tinha . O lance é que o Stephen Curry chrgou na NBA chutando 5 bolas por jogo e matando 44%. Ai a galera olhou e falou “vamos ver até onde ele Vai”.

          O argumento que se pode fazer ao meu ver é que o Ray Allen nunca teve o esquema que possibilitasse ele dar 8 arremessos com a qualidade que o Stephen consegue. Nao cheguei a assistir o Ray como FP mas imagino que os 8 arremessos que ele dava eram arremessos menos trabalhados e em situações.

          • Rogério Rodrigues

            Mas o Curry não arremessa em condições ideais sempre, pelo contrario.
            Curry busca o arremesso carregando a bola ate o ataque, após o drible e claro no catch and shoot tbm.
            Alem basicamente arremessava recebendo um passe, ou seja suas situações de arremesso eram mais ideais que o Curry faz hoje.

          • vsr.snake

            Na verdade não, Allen não arremessava só recebendo passa, muito pelo contrário. Agora, o que o colega se referiu como condições ideias diz respeito ao fato de que hoje se desenha muito mais jogadas para que se obtenha um tiro de 3 com maior eficiência, pois a orientação do jogo foi muito voltada pra esse aspecto. Logo, a busca por arremessos de 3 livres , que são os de maior aproveitamento, eh essencial pra equipes que jogam com muito foco nisso, como eh o Warriors e o Rockets

          • Rogério Rodrigues

            Eu sei q ele criava seu arremesso, mas nem compara com o Curry que cria muito mais seu arremesso em relação ao volume total.
            Allen se parece mais com Klay que com Curry, ai vai parte de um artigo q fala exatamente isso.
            Discussing the comparison between himself and Curry, Allen noted that he’d rather compare himself to Klay Thompson, which is fair, as Allen’s game is much more similar to Thompson than Curry. Thompson, as Allen did when he played, shoots the majority of his threes either in catch-and-shoot situations or after running off a screen, whereas Curry often shoots off the dribble, and is much more of a distributor.

          • vsr.snake

            Não discordo que, em relação a chutes de 3, o Allen seja similar ao Klay, principalmente ao catch and shoot da zona morta, que virou até trademark. Mas como shooter overall, ele era um scorer bem completo, que arremessa após o drible, atacava a cesta e lançava um step back, não se limitava a um shooter bem postado, igual poderia aparecer no último ano de carreira.

          • vsr.snake

            Sim, o volume e o aproveitamento do Curry fez com que ele subisse rapidamente na quantidade de bolas convertidas

      • Django

        Em um time como os Rockets mesmo, dificilmente ele exerceria outras opções que não fossem os chutes de três. Um cara desse nível seria excelente atleta em qualquer época, mas creio que hoje, era da estatística e chutes de fora como principal arma dos times, ele seria muito mais incentivado a aperfeiçoar ainda mais essas habilidades que qualquer outra coisa.

    • Django

      Talvez se Allen jogasse hoje ficaria limitado a arremessar de três e não desenvolveria outras áreas de seu jogo.

      • Timóteo Rezende Potin

        Até a decada passada os caras que eram ótimos arremessando de 3 faziam/desenvolveram isso como uma alternativa. Nao acho que dá pra prever direito a que aconteceria com a carreira dos caras se eles tivessem que moldar o jogo deles hoje. É muito fácil assumir que eles eram bons nisso logo hj fariam muito sucesso, mas talvez se eles jogassem hoje eles se desenvolveriam em torno de outra caracteristica pouco explorada no jogo a fim de se tornarem diferenciais, como eram na época que eram diferenciais por terem um ótimo arremesso de 3pt.

  • Anderson M. Santos

    Como esquecer aquela bola de 3 contra os Spurs? Empatando o jogo (já praticamente perdido), levando para a prorrogação! Que jogador e que craque!
    https://www.youtube.com/watch?v=tr6XsZVb-ZE