Derrick Rose pretende retornar às quadras no Mundial da Espanha

O retorno do astro Derrick Rose às quadras após passar pela segunda cirurgia no joelho em menos de dois anos pode acontecer longe dos torcedores do Chicago Bulls. Um dos 28 pré-convocados da seleção norte-americana para o Mundial da Espanha, o armador disse que pretende recuperar-se a tempo de estar com o time dos EUA na competição, que vai ser disputada entre agosto e setembro deste ano.

“Eu estou ansioso para voltar às quadras neste verão e ter a chance de representar o nosso país. É sempre uma honra jogar na seleção norte-americana e sob o comando do ‘Coach K’ [Mike Krzyzewski]”, declarou o titular da campanha do título mundial de 2010, na Turquia, em nota oficial da USA Basketball.

Rose rompeu o menisco do joelho direito em novembro do ano passado e não retorna mais nesta temporada. A campanha, que durou apenas dez partidas, marcava sua aguardada volta ao basquete depois de 18 meses recuperando-se de uma lesão no ligamento cruzado anterior do outro joelho. O treinador do Bulls e auxiliar da seleção, Tom Thibodeau, acredita que atuar pela seleção representa mais uma oportunidade do que um risco ao comandado.

“Estou esperançoso de que Derrick participará da preparação e vai ao Mundial, mas muito depende da sua condição física. Eu sei que ele gostou muito de viver essa experiência no passado e como a USA Basketball também gosta dele. Acho que é uma grande honra e privilégio. Espero que tudo termine dando certo”, disse o técnico, incentivando o astro a treinar com o USA Team nas férias.

Enquanto o meio do ano não chega, Rose começou a dar sinais de recuperação na última semana: além de voltar a viajar com o elenco do Bulls, ele reiniciou trabalhos leves dentro de quadra. “Derrick está arremessando e voltando bem, mas ainda longe de um retorno. É importante que dê um passo de cada vez, seja paciente e ganhe aos poucos sua melhor condição”, ressaltou Thibodeau.

Considerado uma convocação certa para as Olimpíadas de Londres-2012 antes de romper o ligamento do joelho, Rose deverá estar no grupo que vai à Espanha se apresentar condições plenas de jogo. Em 289 partidas disputadas como profissional, o MVP da temporada 2010-11 acumula médias de 20.8 pontos, 3.8 rebotes e 6.8 assistências.

[polldaddy poll=7748198]

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • dede

    nao complica rose, so volta em novembro…e faça o bulls tentar o setimo titulo!!!!