“Um leão enjaulado”. É assim que o calouro Derrick Williams está se sentindo no banco de reservas do Minnesota Timberwolves. Desde o retorno dos alas Michael Beasley e Martell Webster à rotação da equipe, o segundo selecionado do recrutamento de 2011 viu seu tempo de quadra cair quase pela metade. Por meio de sua conta em uma rede social, o jogador expôs a frustração de estar sendo pouco acionado pelo técnico Rick Adelman.

“Eu só quero ir lá e jogar mais… todos querem, mas não posso fazer nada a respeito. Não é minha decisão”, disse o novato. Nos últimos seis jogos, o ala jogou média de apenas 10.7 minutos. Com a suspensão do ala-pivô Kevin Love, porém, é esperado que o ala tenha maior tempo de ação nas próximas duas partidas.

Williams ainda admitiu que precisa se adaptar melhor ao seu papel no Twolves para merecer a confiança de Adelman. “As pessoas dizem que estou jogando mais hesitante do que na época da faculdade. É uma função diferente, mas todos precisam se adaptar. Tenho que fazer o treinador confiar em mim”, concluiu.

Nos 24 confrontos que disputou na atual temporada, Williams atuou 18 minutos em média, acumulando 7.3 pontos, 3.8 rebotes e quase 43% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.