Antes de brilhar com a camisa do New York Knicks, o armador Jeremy Lin teve que suar para encontrar seu espaço na NBA. No início da atual temporada, ele teve uma rápida passagem pelo Houston Rockets, mas acabou dispensado. Vendo o sucesso recente do atleta, o gerente geral Daryl Morey admite o arrependimento por não tê-lo mantido no elenco.

“Nós deveríamos tê-lo mantido aqui. Eu não sabia que ele era tão bom. E qualquer um que diga que sabia está mentindo”, afirmou o dirigente, em seu perfil em uma rede social. A liberação de Lin abriu a vaga no elenco texano preenchida pelo pivô Samuel Dalembert.

Apesar de lamentar a saída, Morey se diz contente pelo sucesso do jogador de origem taiwanesa. “Finalmente, estou muito feliz. Ele é muito esforçado, bom e humilde. Tem um grande futuro pela frente”, declarou.

Lin tem 23 anos e passou a assumir um papel de destaque na rotação do Knicks nesta semana. No período, ele acumula médias de 25.3 pontos, 3.6 rebotes e 8.3 assistências.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • n

    “médias de 25.3 pontos, 3.6 rebotes e 8.3 assistências” nossa mano.. Jeremy Lin for life

  • Marcelo Kenji Sime

    Só uma correção: Lin é de origem taiwanesa, não tailandesa.