Não importa se o draft é “forte” ou “fraco”, cheio de astros ou com profundidade de talento, são pouquíssimos os torcedores que não ficam ansiosos com a chegada do recrutamento da liga. Por isso, o Jumper Brasil “aquece” sua cobertura do evento desse ano fazendo uma pergunta simples sobre diversos prospectos, iniciando pelo badalado Anthony Edwards: o que nós gostamos e não gostamos nos principais prospectos do draft 2020?

Para responder a essa pergunta, nós trouxemos os dois comentaristas de draft do site – com dez anos dedicados à cobertura e análise de prospectos de basquete –, Gustavo Lima e Ricardo Stabolito Junior. Além deles, temos a presença do nosso colaborador especializado em recrutamento, Lucas Torres, e o convidado especial Luis Poliseli, gestor da página “Basketball Scouting Brasil” no twitter.

Então, chegou a hora: afinal, nesse draft, o que nós gostamos (e não gostamos) em Anthony Edwards?

 

ANALISTA

GOSTAMOS

NÃO GOSTAMOS

Gustavo Lima
Jumper Brasil
 “Tem atributos físico-atléticos de elite que usa para competir nos dois lados da quadra. É agressivo em relação à cesta e combativo na marcação, sem fugir do jogo de contato”
“Tomada de decisões em geral. Por mais que tenha enorme upside, ele precisa ser mais assertivo e consistente nos dois lados da quadra. Sua visão de quadra, em especial, é particularmente questionável”
Lucas Torres
@centraldodraft
“Edwards é dono de condição atlética rara, combinando enorme força física, explosão e a agilidade para trocar de direção como um guard menor. Possui ainda tremendo controle corporal e equilíbrio tanto em áreas congestionadas, quanto depois de receber contato”
“Sua intensidade nos jogos oscila bastante: mostra tendência a “descansar” em posses de bola na defesa e contentar-se com arremessos à distância no ataque, quando pode colocar pressão no aro e ser mais agressivo sempre que quisesse” 
Luis Poliseli
@BasketScoutBR
“Edwards possui recursos físicos e atléticos para ser um jogador de elite nos dois lados da quadra. É forte, rápido, explosivo, ágil e com ótima impulsão”
“Sua tomada de decisão e habilidade de criar para outros, playmaking, deixam a desejar. Visão de jogo e inteligência para resolução rápida em quadra ainda são muito limitados”
Ricardo Stabolito Jr.
Jumper Brasil
 “Edwards é um criador de arremessos natural, uma característica particular de astros do jogo. Possui a combinação ideal de condição atlética, força física, trabalho de pés e recursos funcionais no drible para criar separação e arremessar por cima de defensores”
“Eu acho que Edwards ainda não tem uma real compreensão dos pontos fortes do seu jogo. Passa a impressão de atuar por puro instinto em termos de tomadas de decisão e ritmo – o que faz com que soe fora de controle em vários momentos”

 

Esse mesmo tratamento será dado a outros 19 dos principais prospectos do draft nas próximas semanas, até a véspera do recrutamento. Isso sem contar que, em nossos arquivos, você poderá encontrar perfis técnicos detalhados de mais de 50 jogadores elegíveis para se tornarem atletas da NBA nesse ano, publicados ao longo dos últimos meses no Jumper Brasil.

O draft vai acontecer em 18 de novembro e, como já se tornou tradição, a nossa equipe vai fazer a transmissão ao vivo do draft no Youtube, analisando todas as escolhas e trocas que prometem agitar uma das noites mais importantes da liga com o time mais experiente e preparado do país. É só aguardar, pois isso é só o começo!

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:    

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook