Em casa, Bucks derrota Celtics e leva decisão de vaga para o jogo 7

(3) Boston Celtics 86 X 97 Milwaukee Bucks (3) 

Confirmando o status de série mais equilibrada dos playoffs até aqui, Boston Celtics e Milwaukee Bucks se enfrentaram na noite de quinta-feira, em Wisconsin. Até o momento, as duas equipes fizeram valer os mandos de quadra e venceram todos os jogos que tiveram em casa, com três vitórias para cada lado. Decisivo no final do jogo, o destaque da partida foi o ala Giannis Antetokounmpo, que anotou 31 pontos e apanhou 14 rebotes.

Sob liderança do armador Terry Rozier, autor de 11 pontos e com três bolas de três convertidas, o Celtics passou praticamente todo o primeiro período na frente no placar, chegando a abrir dígitos duplos de vantagem para o rival. Entretanto, no final do quarto inaugural, com a entrada do ala-pivô Jabari Parker, o Bucks se reestabeleceu no confronto e trouxe a diferença para apenas dois tentos.

Mais uma vez o armador Marcus Smart entrou bem na partida, obviamente contribuindo de forma significativa na defesa, cavando faltas e provocando erros do adversário. Do outro lado, o pivô Thon Maker não conseguia repetir as boas atuações de jogos anteriores, precipitando-se nos arremessos e não tendo êxito na proteção do garrafão no setor defensivo.

Como basicamente tem ocorrido durante toda a série, a defesa continuou sendo um fator de desequilíbrio. Assim, os donos da casa conseguiram a virada no segundo período, graças à forte marcação e à explosão do jogo em transição, tendo como destaque o trio Antetokounmpo, Middleton e Bledsoe, que inclusive foram responsáveis por mais da metade dos pontos do Bucks na primeira metade do jogo.

Na volta do intervalo, o time do técnico Joe Prunty ampliou a vantagem para quatorze pontos, mas logo o Celtics reagiu com ótimas jogadas da dupla de alas Jaylen Brown e Jason Tatum, que juntos fizeram 17 pontos no terceiro período. Mesmo assim, a equipe de Milwaukee conseguiu segurar a vantagem e, após um último quarto equilibrado, garantir a vitória por 97 a 86.

Com esse resultado, a série ganhará um último e decisivo jogo, que acontecerá no próximo sábado, às 20h00, horário de Brasília, no TD Garden, em Boston. 

Destaques

Boston

Jason Tatum: 22 pontos
Terry Rozier: 18 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Jaylen Brown: 14 pontos e cinco rebotes
Marcus Morris: 12 pontos
Al Horford: dez pontos, dez rebotes e dois tocos

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 31 pontos, 14 rebotes e dois roubos de bola
Khris Middleton: 16 pontos, cinco rebotes e 7-8 nos arremessos de quadra
Malcolm Brogdon: 16 pontos, seis rebotes e 5-7 nos arremessos de quadra
Jabari Parker: nove pontos e 11 rebotes

  • Daniel Tavares

    Se Bledsoe tivesse afim de jogar de verdade, esse time daria ainda mais trabalho..

    • Doug

      Pois é…a minha impressão é a mesma…Bledsoe está fazendo um corpo mole danado…parece que não tem comprometimento nenhum…impressionante…tem entregado pouquíssimo para tanta marra…a chegada dele era para, “supostamente”, colocar o time na luta entre os primeiros do leste, mas…

      • Guilherme Petros

        A galera pega no pé do Harden e do Westbrook (um com mais razão que outro), mas o que o Bledsoe faz na defesa é vergonhoso. Ta louco. Ai ninguém entende como o Dellavedova tem minutos em todos times que joga…

        • Doug

          Uma preguiça horrorosa…

    • Guilherme Petros

      Ele na defesa é ta de doer

      • Daniel Tavares

        imorales. E o pior que quando ele quer marcar, ele é bom, tendo como maior defeito só a altura.

  • Gustavo

    Khris Middleton puxa a fila dos jogadores subestimados da liga. Muito inteligente e eficiente dos 2 lados da quadra. Precisa ser mais utilizado pelo Bucks.

  • Claudio R.

    Time do bucks é bom, quinteto inicial é um dos melhores no quesito defesa se quisessem defender só com um pouco de organização. Talvez seja o time mais atlético da liga, só tem cavalo, e msm assim tem tido problemas no ataque e defesa. O celtics só foi a 7 jogos e tem risco de perder pq está sem o Irving, se estivesse completo, duvidaria muito se alguém os vencesse nesse ano, time organizado tipo spurs. Foi um bom jogo, primor? Não, nenhum jogo de offs do leste foi, mas tem tido jogos emocionantes sim. Tô gostando dos offs desse ano ( claro q não os jogos do Lebron né? Queria 4×0 logo mas…)

    • Marcelo Desoxi

      Teoricamente esse time deveria ser top defendendo, acumulam atleticismo, envergadura, altura…
      Mas a verdade é que, pelo menos na regular, essa defesa foi ruim.
      Se perdem nas trocas, fazem bobagens no pick&roll, não acompanha o adversário… Enfim.

      Décimo sexto em pontos cedidos e décimo nono em defensive rating.

      • Michel Moral

        Ontem eles até se postaram bem na marcação (permitiram somente 86 pontos do oponente), mas realmente é um time que, no papel, poderia ser top 3 em eficiência defensiva.

        O Bledsoe sempre foi bom defensor, o Middleton é um ótimo defensor. Aí você tem Maker e Dellavedova no banco…

        Mas aí talvez seja problema de treinador mesmo.

        • Claudio R.

          Acho q sim… esse time com o popovich seria a melhor defesa da liga

      • Claudio R.

        É só falta de atenção e organização, pq talento, físico e jogadores tem pra defender… esse time era pra ser que nem o Detroit do billups, e wallace só cavalo

  • Marcio

    Vai Milwaukee

  • Rogério Rodrigues

    Boston não soube administrar o jogo quando chegava perto e até empatava o placar, aconteceu umas 3x e sempre ficavam afoitos mandando bolas de tres mal trabalhadas, Bucks soube se impor e levou a melhor.
    Na boa, o grego só sabe ir na base da brutalidade o jogo dele não é nada refinado certos momentos chega ser feio. Mas como o cara é uma aberração fisica ele acaba levando vantagem.
    As contusões no Celtão estão sendo muito sentidas e o Irving faz muita falta pra fechar jogos

  • BucksDream

    Muito feliz pelo resultado e pela entrada do Brogdon no quinteto titular, esse cara joga muito.
    Outro ponto que falei semana e volto a repetir: Jabari tem que jogar mais, não tem como tirar minutos dele e ter Snell jogando mto tempo.
    Maker ontem não foi tão bem, mas precisa jogar, tem potencial no mínimo pra ser um C decente pro nosso futuro.
    Midletton joga de terno, da gosto.

    Delly, Bledsoe e Zeller precisam jogar melhor.

    Agora é tentar fechar a série, muito difícil devido ao treinador e organização do Celtics, mas enquanto tem bambu tem flecha kkkk
    Fear the Deer!

    • Doug

      Jabari joga muito…está jogando menos tempo tb porque volta de lesão e etc…mas, no mínimo, ele tem de jogar uns 30 min nesse time aí…eu o colocaria de titular facilmente…gosto muito dele…Brogdon é muito sólido…garoto de futuro…já Snell, realmente, é limitadíssimo…e tem dia que nem defender ele defende…acredito que tenha que perder minutos nesse time aí…um big ball, em dado momento, com Brogdon, Middleton, Parker, Puto e Maker fica regaçante..o duro é o Bledsoe jogar 32 minutos para fazer 9 ptos e dar 4 assistências…aí não…e cadê o Jennings? Está lesionado? Esse cara, se focado, pode contribuir muito para esse time aí…muito fraquinho esse técnico dos cervos…

      • Vitor Martins

        Brogdon é bom, mas tem 25. Acho que deixou de ser um “garoto”. A título de comparação, Irving tem 26…

        • Doug

          É…nesse ponto sim…embora só tenha uma temporada de experiência…mas, ainda é novo…

        • Doug

          O próprio Parker tem 23, embora já tenha “3 temporadas” (sem os descontos das lesões)…

      • BucksDream

        Esse big ball ai seria minha formação principal, os melhores em quadra, cada um com sua função.

    • Guilherme Petros

      po, o Delly se entrega pra caramba e defende muito bem…

      • Doug

        É…o que ele joga é isso mesmo…tb acho que não se tem como esperar mais dele não…

        • Guilherme Petros

          Muita entrega, tem boa noção de liderança, sabe jogar de forma coletiva e tem muita entrega e defessa pra oferecer. Não acho ruim, mas temos que saber que é isso.

      • Michel Moral

        Exato. Exigir algo além de dedicação do Dellavedova já é demais! rs rs rs

      • BucksDream

        Mas é muito grana por tão pouco basquete.

        • Guilherme Petros

          aí são outros 500… rs

  • Guilherme Petros

    Falei que essa porra ia até o jogo 7 com cada um vencendo em casa…

    • Marcelo Desoxi

      e agora ?

      • Guilherme Petros

        agora vamos ter que aguentar outro jogo dessa serie terrível! rs

  • Marcelo Desoxi

    Jogo 7 hoje, jogo 7 amanhã,

    Jogo 7 pra sempre !

  • Alex Alves

    Quero ver esse jogo 7 com toda certeza vai ser bem disputado, os jovens do Celtics vão precisar se superar.

  • Michel Moral

    Difícil prever como Danny Ainge vai administrar esses talentos em Boston, mas temos que admitir que se ele convencer esses garotos a comprarem o projeto, as chances de vencer um título aumentam muito!

    Lembro-me que quando o Celtics trouxe o Irving no início da temporada, o Rozier deu uma declaração dizendo (não lembro exatamente as palavras) que “se as pessoas achavam que ele seria um coadjuvante pela chegada de Kyrie, ele provaria que estavam erradas”.

    Verdade seja dita: ele deu conta do recado mesmo. Nessa temporada ele tá jogando mais do que boa parte dos armadores titulares da liga. Para citar alguns exemplos, Reggie Jackson, Elfryd Payton, Pat Beverly, Jarret Jack / Ntilikina, Kris Dunn, George Hill e, por que não, do que o próprio Bledsoe. Sei que alguns desses nem jogaram direito, mas mesmo quando jogam/jogaram, não fazem muito melhor do que Rozier tem feito.

    Tatum e Brown são o futuro desse time. Não sei o que o Stevens vai fazer quando Hayward estiver de volta, porque hoje a única vaga disponível mesmo nesse Celtics é a de ala-pivô, considerando Horford um C (e fazendo honrarias ao trabalho do Baynes também).

    Smart é outro que desempenha um papel defensivo excepcional. Vai fazer muita falta se sair. Na verdade, até pra ele seria bom se ficasse, pois dificilmente ele terá o mesmo destaque em outra equipe. Agora, o problema são as doletas.

    Ainda acho que o Bucks, pela bagagem dos jogadores na liga, tem obrigação de vencer a série. De qualquer forma, esse jogo 7 deverá ser de arrepiar!

    • Alex Alves

      Concordo com você, ao fim dessa temporada Ainge vai ter que decidir o futuro da franquia se continua com Smart ou Rozier (os dois deve ser quase impossível ficarem no time).

      Para a próxima temporada ele deve buscar alguns (bons veteranos) FA disponíveis no mercado, além disso tem o draft (quem sabe pela sorte o Boston não possua uma pick top 5). Ou talvez o Ainge vá fazer sua última cartada e partir para outra trade gigante.

    • Pedro Franco

      A questão é: quanto o Smart e o Rozier pedirão pra renovar? Se tiver que optar entre um ou outro, ficaria com o Smart.

      • Michel Moral

        No início dessa temporada, Ainge deu uma declaração afirmando que Rozier e Tatum teriam total prioridade na questão das renovações.

        Em relação ao “novo Paul Pierce”, a renovação está muuuuuito longe. Vai acabar o contrato do Horford e até esse do Hayward será expirante quando a hora chegar. A situação de Brown é semelhante, mas um ano antes.

        Com relação ao Rozier é mais complicado, pois daqui duas temporadas o Celtics terá os contratos de Hayward e Horford vigentes, mais a renovação astronômica do contrato do Kyrie. Rozier deve receber um contrato similar ao do Covington no Sixers, por exemplo.

        Nesse sentido, acredito que Smart está numa condição bem complicada para receber um salário muito maior do que um role player receberia.

        De qualquer modo, já é certo que caras como Morris e Baynes terão que receber o mínimo se quiserem ficar. Caso contrário, o Celtics deve começar a preencher o elenco com jogadores experientes, como é uma praxe entre os contenders.

      • felipe fernando Oliveira

        Smart já será FA nessa janela, é restrito mas vai receber ofertas batendo na casa dos 15 milhões. Caso ele recebe, pra mim Celtics não irão cobrir. Rozier é FA na próxima janela então próxima temporada da pra tentar uma troca por ele.

        • Michel Moral

          Smart não é agente livre restrito.

          Tem uma oferta qualificatória, até onde eu sei…

    • Vitor Martins

      Irving, Brown, Hayward, Tatum e Horford. Acredito nesse quinteto pra próxima temporada. Smart deve ser negociado, se ficar é pq vai recusar propostas melhores pra acreditar no projeto. Rozier é uma incógnita. Depois de todo esse destaque ele vai querer voltar pro banco? Acho que ele começa a temporada no Celtics, mas não sei se termina. Administrar isso tudo vai ser realmente complicado!

      • Michel Moral

        Imagino que Rozier irá exigir um contrato semelhante ao do Covington, isto é, na casa das 16 milhas. Realmente é difícil… Porque os contratos de Hayward e Horford estarão vigentes (e caros) e junto vem a renovação com Irving.

        Rozier será, na teoria, o 6th man na próxima temporada.

        Se eu fosse o Ainge, usaria tanto Rozier como Smart para receber escolhas de draft. Stevens é mestre em lapidar jovens, que custarão bem menos aos cofres da franquia. E ainda formam um ativo interessante, caso necessite fazer mais uma investida por um grande nome.

        O problema é que o mercado da NBA não está muito favorável. Na última deadline, Ainge entregaria Smart por uma escolha de primeiro round, mas ninguém se interessou. Já não se fazem mais “Nets” como os de antigamente rs

        • Diego Costa

          Mas Rozier e smart é quase impossível alguém dar escolhas boas de draft. Falei aqui antes, Celtics deveria pegar o Horford e aproveitar a hype do Rozier e tentar trocar os 2 por algum C top na liga. E ainda pegar algum role player expirante . Deveriam tentar uma troca com o Griz pelo Gasolina.

          • Rogério Rodrigues

            Po, mas entre Gasol e Horford eu sou MUITO mais ficar com o Horford que ja conhece o esquema e tudo mais. Alem de não perder ninguem
            O tima ja está pronto, o problema é que não tivemos todos na temporada.
            Mas Irving, Smart, Brown, Tatum, Hayward, Horford, Theis, Rozier, Morris + Stevens é um elenco pra bater de frente com qualquer um.
            Se for pra trazer alguem o Ainge vai em Jokic, Leonard, Davis (que são MUITO dificeis de sair).

          • Michel Moral

            O Gasol é mais jogador do que o Horford, na minha opinião, e até acho que ele se enquadraria no perfil do Stevens, pois é um facilitador, tem bom chute e é um excelente defensor. Tudo que o Horford faz ele também consegue, mas melhor em qualidade.

            O problema é que a renovação do contrato do espanhol vai calhar junto com a do Irving. Fora que Gasol ainda está com um histórico incômodo de lesões.

            Nesse sentido, eu trocaria se fosse “pau a pau”: Horford x Gasol e, no máximo, algum jogador que não fosse Brown ou Tatum (além dos inegociáveis, claro), ou ainda alguma escolha de draft.

            Mas concordo com você que não seria subir tanto o patamar da equipe. Se é para ir para o mercado, que seja para trazer um grande reforço.

          • Vitor Martins

            Gasol é bem mais jogador que Horford, mas tem dois anos a mais. Isso pesa. Se ele tivesse uns 28 valeria a pena até envolver outro jogador jovem numa eventual troca. Mas com 33 eu acho que não rola.

          • Rogério Rodrigues

            Olha meu comentario acima q vai entender.
            E sobre perder jovens, por uma estrela eu concorde que certamente perderia mesmo (tirando o Tatum que acho ser joia do celtics), mas pelo gasol nao compensa perder ninguem.

          • Rogério Rodrigues

            Ai é que ta, nem no pau a pau eu trocaria. Os dois são muito parecidos.
            A galera tem mania de colocar o Horford la pra baixo, mas os dois são muito parecidos, inclusive em medias. Horford é um jogador facilitador, pra mim seria trocar seis por meia duzia. Al ta arremessando 43% 3pt nessa temporada.
            Olha a media dos dois na carreira.
            Gasol 15,2pts, 7,7rb e 3,3ast
            Horford 14,2pts, 8,6rb e 3,2 ast (suas medias no celtics são 5 ast e seu chuta pra 3 é 39%).
            Ou seja não vejo sentido em troca-lo pelo gasol.

          • Diego Costa

            Como ir em 3 jogadores desse nível sem perder jovens talentos? Impossível. Gasol é um jogador muito parecido com o Horford, tem um grande QI de basquete, defende bem, é mais alto pra um C e é mais completo ofensivamente. Não vejo problema nenhum dele se encaixar no esquema.

          • Michel Moral

            Por isso eu escrevi que “o problema é que o mercado da NBA não está muito favorável”, pois ninguém deve dar muito pelos dois.

        • felipe fernando Oliveira

          Mas como Aige conseguiria isso sendo que Smart apesar de ser restrito deve receber propostas em torno de 15 milhões. Rozier ainda tem mais um ano de contrato e com ele da pra tentar uma troca com essa valorização que ele teve. Pensar que no draft de 2015 Rozier estava cotado pra ser escolhido por OKC caso Booker saisse antes. Suns escolheu Booker e OKC ao invés de ir em Rozier, escolheu o coreografo mito Payne… KKKKKK

        • Hugo

          O contrato de Covington foi de 16M neste ano. Nos próximos será, em todos os anos, na faixa dos 10M.

          • Michel Moral

            É mesmo! Um puta achado do Sixers. Foi cirúrgico na hora de fechar.

            Como reserva e pela importância de Rozier, penso que deveria ser por aí também. Nada muito além disso.

  • Playoffs Neném

    Galera, bom dia. Primeiramente já vão me desculpando pois o site eh sobre basquete e perguntarei sobre nfl. Dito isso, pergunto a quem gosta de nfl e sabe das notícias. Shazier voltará a jogar pelo Steelers? Ontem o cara não tava conseguindo nem andar direito pra falar a pick do Steelers. Eh por causa do trauma da temporada passada ou algum outro motivo? Seria uma perda gigante pro meu time :/. Ele e TJ Watt iam infernizar vida de ataques

    • João Víctor Matos

      Ele não voltará nessa temporada pelo menos.

    • Claudio R.

      Dificilmente voltará s jogar, lesão na coluna dele foi grave, correu risco de vida até. Provavelmente vai se aposentar e trabalhar no steelers dps

      • Playoffs Neném

        Caramba viu velho!! Ninguém merece uma porra dessa e o cara já era capitão da defesa. Q merda! Ele, watt e dupree tinham potencial de ser o melhor trio de LB da NFL. Muito triste sinceramente. Mas desejar força e ver se recupera.

        • Claudio R.

          Sim…. a própria pancada foi assustadora, ele nem se mexia cara… pelo menos já tá andando ….

  • Decepção mesmo é o Bledsoe. Se ele fosse mais parecido com o Bledsoe do Suns essa série já teria acabado.

  • Julio Zago

    Sempre achei essa série complicada, o Bucks é um time com muito atleticismo, é difícil conter o jogo do Grego.
    Enfim, acho que o Celtics poderia ao menos ter dificultado mais as coisas ontem, talvez se tivesse um pouco mais de tranquilidade quando encostava no placar no segundo tempo, por mais que eu respeite Rozier a experiência do Irving fez falta no perímetro ontem, algumas bolas forçadas da linha de três foram difíceis de aceitar.
    Sem favoritismo para o jogo 7, muito difícil prever o que vai acontecer, mas só tenho que me orgulhar do meu time pois mesmo desfigurado consegue se manter competitivo, talvez seja esse o segredo para a garotada ir bem no próximo jogo, curtir o jogo, a responsabilidade que fique para o outro lado.

    • Guilherme

      Com Irving jogando em alto nível, como ele habitualmente joga em playoffs, Boston não teria dificuldade em fechar a série em 5 jogos. Mas é bom mesmo pra garotada pegar um caldo e voltar mais firme nos próximos anos.

  • Will

    Muito boa a série entre os Celtics e Milwaukee. Até aqui, muito equilíbrio e muita luta, com cada time ganhando em seus domínios, levando a um inevitável game 7.
    Para esse jogo final, a favor dos Bucks tem o fator do maior atleticismo do time e o grego, que na base da força e do atleticismo está levando vantagem no confronto com o garrafão celta (especialmente quando contra o Baynes).
    A favor dos Celtics tem o fator dos jovens do elenco, que não sentiram o peso dos offs, estão chamando a responsabilidade e respondendo à altura, o técnico Brad Stevens, que tem feito a diferença à frente do time de Boston e o fato de o último jogo ser em terreno celta.
    Meu palpite: Eu acho que o fator “casa” será decisivo e Boston fecha a série em 4×3.

    • Walmir

      Oremos!

  • Marcos Oliveira

    O futuro da NBA é gigante…

  • Marcos Gordinho

    A nova geração deu as caras definitivamente nessa temporada. Estão impactando já em suas primeiras temporadas, assumindo titularidade absoluta e chamando a responsabilidade. Hora de sentar e curtir o que cada um têm a oferecer. A obrigação de vencer a série é toda do Bucks, time mais experiente, sem desfalques importantes e com um FP de fato atuando nos jogos. Do lado celta, uma equipe aguerrida com bons recursos e um dos melhores técnicos da liga extraindo leite de pedra. Só que a ausência de Irving pesa muito em momentos decisivos, a balança está equilibrada deixem os meninos virarem homenzinhos!!!

  • Allan Lopes Soledade

    Série fantástica,os times dando aula principalmente na parte defensiva, com jovens talentos brilhando.Há de se exaltar a garra do Celtics, mesmo se perder sai de cabeça erguida.Se o Bucks encaixar a marcação como fez ontem, leva.Jogando em casa o Celtics tem chances. Ou seja,tudo pode acontecer. Imagina a decisão no OT? Kkkkk

  • Rafael Victor

    O Grego causando estragos com sua passada monstruosa no eurostep!

    https://www.youtube.com/watch?v=vJu7T-7hYO8

  • Diego Elias

    Com certeza eu posso dizer que vi Lebron destruir na quarta e que vi Antetokumpo destruir na quinta porque o que o grego fez ontem no último quarto foi insano e pensar que ele ainda não atingiu o teto máximo dele de evolução. Se esse cara aprender a chutar de 3 eu me arrisco a dizer que ele nos próximos 5 anos poderá vir a ser top 3 ou até o melhor jogador da liga.

    • Claudio R.

      Ele e o simmons precisam desenvolver um mid range urgente, se isso acontecer, já era… o grego tem o q 23 anos ? Quando tiver 27 no auge físico será imparável

      • Diego Elias

        Imparável ele meio que já é né kkkkkk com aquele euroestp fantástico. Teve momentos no jogo de ontem que ele tava marcando o Horford tamanha a versatilidade defensiva que ele também apresenta. Acho que se os Bucks conseguirem desenvolver o Maker na 5, o Parker conseguir se manter saudável, e arrumarem um armador perdido por ai tipo o Kemba Walker por exemplo, esse time vai dar muito trabalho.

        • Claudio R.

          Eu acho justamente o contrário, precisam é de um 5 porreta, tipo DeAndre Jordan … seria o q falta pra esse time ficar monstro de vez….

          • Diego Elias

            É pode ser mas que acho que por exemplo tivesse o Kemba no lugar do Bledsoe essa série ja teria acabado

  • Paulo Henrique

    É amigos, acabou a brincadeira, mas foi bom enquanto durou https://twitter.com/anthonyVslater/status/989614248278966272

    • Playoffs Neném

      Kkkkkkkkkk… o homi vai voltar

    • pedrokadf

      ai sim haha… que volte saudável !! é incrível ver esse cara jogar basquete…

    • wilker pereira

      A gora a varrida nos Pelicans ja e possivel…
      Embora o time que eu tenho quase certeza que vai tomar varrida dos Warriors numa eventual
      WCF sao os Houston!!!

  • Guilherme

    O grego é imarcável, principalmente pra esse time de Boston. Dito isso, ontem tava trocando uma ideia com um camarada e ele falou algo que me deixou pensativo: “é melhor perder agora do que nas semis e na final de conferência.” Tendo a concordar. Jamais torceria contra os Celtics, nunca, mas se formos eliminados, não vou ficar brabo. Decepcionado, talvez. O fato é que o time é muito jovem e muito inconsistente, o que dificulta qualquer análise nesse momento, principalmente sem Kyrie e GH. É consenso que o time é muito promissor, e Jaylen Brown, Tatum e Rozier são grandes talentos, mas não são confiáveis ainda pra uma disputa de playoffs. Tenho certeza que, no ano que vem, vão estar muito mais maduros e preparados. Enfim, que venha o jogo 7 e seja o que Deus quiser,

    PS: Morris, tijola mais que tá pouco. FDP

    • // °Thiago √ AAB on fire 🔥🔥**/

      Não acho que esse pensamento entre com o atual momento do Celtics. Os garotos estão chamando a responsabilidade no que podem. É surpreendente ver o que estão fazendo depois que os principais jogadores não atuam por conta da lesões. Eles podem pegar adversários mais difíceis nas semis, mas eles não terão obrigação de vencer, eles já não têm agora contra o Bucks. O mais importante são os jovens se desenvolver ao máximo, ser eliminado agora ou não é o menos importante.

      • Guilherme

        Pra questão de desenvolvimento do time, sem dúvida, o melhor é ganhar o jogo 7(e temos plenas condições pra isso). Toquei no aspecto puramente do torcedor, porque, convenhamos, é muito difícil esse time remendado passar mais uma rodada. Os Sixers são MUITO mais time do que os Bucks, seja na questão talento, seja na questão jogo coletivo(o mais importante, na minha opinião). Philla tem um belo treinador. Enfim, seria pedreira. Mas sim, os garotos estão fazendo a sua parte, ontem Tatum foi bem a partir do terceiro quarto, Rozier começou a série on fire e Brown é o mais consistente até aqui. Não tenho o que reclamar. Essas oscilações são normais para um time tão novo e inexperiente.

        • Rogério Rodrigues

          Perai, vc é celta e ta torcendo pra ter só mais um jogo do SEU time na pós temporada? Tu não tem o celtic pride nao mermão, pede pra sair.
          kkkkkk zueras a parte bora torcer firme uai

          • Guilherme

            Claro que não cara, é só ler a parte que eu disse que jamais torceria contra e etc. Só não vou ficar puto se formos eliminados, vou ficar chateado, mas olhando de maneira racional, é um resultado até aceitável. Go Celtics

          • Rogério Rodrigues

            Falei na zoeira, mas claro se perder tambem ficarei chateado. Mas temos um leve favoritismo mesmo com o time desfalcado pois estaremos jogando em casa e até agora o mando tem feito diferença

    • Celtics não tem consegui forçá-lo a arremessar, creio que essa seja a melhor alternativa para lidar com o Grego, ontem nos minutos finais ele recebeu uma bola na linha dos três pontos, mesmo livre ele hesitou, pensou e foi para a cabeça do garrafão arremessar e errou, mas Brogdon bem posicionado pegou o rebote e iniciou uma segunda jogada que deu resultado, mas foi um minuto em que vantagem do Bucks era pequena, e a falta de arremesso poderia ter custado caro. Enfim, na área pintada Giannis é imparável, fora dela o Celtics pode forçá-lo a errar, resta saber se a equipe conseguirá executar um plano como esse.