(OT) (33-38) Chicago Bulls 120 x 122 Toronto Raptors (42-29)

https://www.youtube.com/watch?v=ujeWPt5T4JU

O Toronto Raptors não batia o Chicago Bulls desde 2013, e os torcedores no Air Canada Centre viram o jejum ser quebrado de maneira emocionante, com direito a reviravolta, overtime, e muita confusão. O jogo terminou 122 a 120 para os mandantes.

A partida começou com domínio do Bulls, que precisava da vitória para empatar com o Detroit Pistons na nona posição da Conferência Leste. A dupla de armadores Jimmy Butler e Rajon Rondo teve um início particularmente bom: a dupla combinou para 20 dos 25 primeiros pontos da equipe de Chicago, que dominava a partida. No final do quarto, contudo, DeMar DeRozan e Serge Ibaka chamaram a responsabilidade e reduziram a diferença para apenas quatro pontos. No período seguinte, a supremacia dos visitantes continuou, e a vantagem chegou a 16 após cesta do alemão Paul Zipser. O Raptors reagiu rapidamente, contudo, e, como no primeiro quarto, a diferença caiu substantivamente. A três segundos do fim e com o relógio estourando, DeRozan acertou longo arremesso de três, que reduziu a vantagem para apenas cinco pontos. As equipes foram para o intervalo com o Bulls liderando por 59 a 54.

Na volta do intervalo, o Bulls, como nos dois primeiros períodos, novamente começou melhor, e voltou a liderar por duplos dígitos após cesta de três de Rondo, que atingiu 22 pontos. Ele terminaria o jogo com 24, sua maior pontuação até agora em sua passagem pelo Bulls. O terceiro quarto, contudo, foi mais marcado por sua ação com a bola parada. A pouco menos de quatro minutos para o fim do período, Robin Lopez e Serge Ibaka se envolveram em confusão: o ala-pivõ do Raptors deu um “chega para lá” no pivô do Bulls, que respondeu dando um tapa na bola e tentando tirá-la das mãos de Ibaka. A partir daí, o clima esquentou e os dois trocaram (tentativas de) socos, até serem devidamente separados por jogadores de ambas as equipes. Após analisar o incidente, a arbitragem não teve dúvida em ejetar os dois jogadores da partida. Ainda que a liderança parecesse confortável, visto que o Bulls terminou o quarto liderando por 15 pontos, a briga parece ter incitado os torcedores da equipe canadense, que vibrava ainda mais a cada cesta e exercia forte pressão nos visitantes.

O período final chegou, e o Bulls parecia confortável com sua vantagem. No começo do período, o Raptors realmente não incomodou muito, mas conforme o tempo foi apertando, a equipe pareceu se encaixar ofensivamente. Em menos de três minutos, a diferença caiu de 15 para 6 pontos, e o jogo ficou aberto. O empate chegou a 1:50 para o fim da partida, com cesta do armador Cory Joseph, que vem substituindo Kyle Lowry na rotação titular. Com a torcida e o momentum contra, Butler foi e converteu dois arremessos cruciais, que deram ao Bulls quatro pontos de vantagem. Aí foi a vez de DeRozan aparecer: o ala-armador do Raptors também acertou dois arremessos seguidos, ganhando um lance livre de bonificação após o segundo. DeRozan, contudo, errou o lance livre, e as equipes tiveram que decidir a partida no período extra após terminarem o tempo regulamentar empatadas em 113.

No overtime, as defesas foram mais eficientes do até então na partida. Durante os quatro minutos iniciais, foram apenas seis pontos, dois para Butler e quatro para DeRozan. Com a vantagem de dois pontos, o Raptors converteu mais duas cestas, com Patrick Patterson e Cory Joseph, colocando uma vantagem de seis pontos a menos de dezoito segundos do fim. Foi a vez do Bulls colocar emoção num jogo que parecia decidido: a equipe reduziu a diferença para dois pontos a três segundos do fim, e estava a um falta forçada e lance livre errado de uma chance de empatar a partida. Contudo, a equipe não conseguiu forçar a falta em DeMar DeRozan, e o jogo terminou com vitória dos canadenses.

Destaques

Chicago

Jimmy Butler: 37 pontos, dez rebotes e seis assistências
Rajon Rondo: 24 pontos, cinco rebotes, oito assistências e quatro roubadas de bola
Paul Zipser: 12 pontos, cinco rebotes e quatro assistências
Robin Lopez: 12 pontos e quatro rebotes (ejetado)
Cristiano Felicio: cinco pontos e dois rebotes

Toronto

DeMar DeRozan: 42 pontos, sete rebotes e oito assistências
Cory Joseph: 19 pontos
Serge Ibaka: 16 pontos e seis rebotes (ejetado)


(34-37) Detroit Pistons 96 x 98 Brooklyn Nets (14-56)

https://www.youtube.com/watch?v=8-pKL1hhhOI

Destaques

Detroit

Tobias Harris: 24 pontos e cinco rebotes
Kentavious Caldwell-Pope: 19 pontos e quatro rebotes
Ish Smith: 16 pontos, sete rebotes, quatro assistências e três roubadas de bola
Andre Drummond: 13 pontos e 17 rebotes
Marcus Morris: 13 pontos e quatro rebotes

Brooklyn

Brook Lopez: 29 pontos e sete rebotes
Caris LaVert: 15 pontos
KJ McDaniels: 11 pontos
Spencer Dwinddie: dez pontos, oito rebotes e quatro assistências
Archei Goodwin: dez pontos


(22-49) Phoenix Suns 97 x 112 Miami Heat (35-36)

https://www.youtube.com/watch?v=at6SjHZ6vi8

Destaques

Phoenix

Marquese Chriss: 24 pontos e sete rebotes
Leandro Barbosa: 13 pontos
Alex Len: 12 pontos, 11 rebotes e quatro tocos
TJ Warren: 12 pontos e cinco rebotes
Devin Booker: 11 pontos, quatro rebotes, cinco assistências e sete desperdícios de posse

Miami

Hassan Whiteside: 23 pontos e 14 rebotes
Tyler Johnson: 17 pontos, seis rebotes e quatro assistências
Goran Dragic: 16 pontos e quatro rebotes
Josh Richardson: 14 pontos
Willie Reed: 12 pontos e sete rebotes
Wayne Ellington: 11 pontos
James Johnson: dez pontos


(40-31) Memphis Grizzlies 82 x 95 New Orleans Pelicans (30-41)

https://www.youtube.com/watch?v=8j1n9OG8R60

Destaques

Memphis

Mike Conley: 16 pontos e seis rebotes
JaMychal Green: 12 pontos
Marc Gasol: 12 pontos, oito rebotes e quatro assistências
Troy Daniels: 12 pontos
Andrew Harrison: dez pontos e quatro rebotes

New Orleans

DeMarcus Cousins: 41 pontos, 17 rebotes e três tocos
Anthony Davis: 19 pontos e 13 rebotes
Jrue Holiday: 11 pontos e seis assistências
Jordan Crawford: dez pontos


(57-14) Golden State Warriors 112 x 87 Dallas Mavericks (30-40)

Destaques

Golden State

Klay Thompson: 23 pontos e três roubadas de bola
Ian Clark: 18 pontos e quatro rebotes
Stephen Curry: 17 pontos, cinco rebotes e nove assistências
Patrick McCaw: dez pontos

Dallas

Dirk Nowitzki: 16 pontos e nove rebotes
Nerlens Noel: 14 pontos e sete rebotes
Yogi Ferrell: 12 pontos e quatro assistências
Seth Curry: dez pontos e quatro assistências


(35-35) Milwaukee Bucks 93 x 90 Portland Trail Blazers (32-38)

Destaques

Milwaukee

Kris Middleton: 26 pontos e três roubadas de bola
Giannis Antetokounmpo: 22 pontos e oito rebotes
Greg Monroe:  nove pontos e nove rebotes

Portland

Damian Lillard: 31 pontos, cinco rebotes, sete assistências e quatro roubadas de bola
CJ McCollum: 21 pontos
Jusuf Nurkic: 11 pontos e 14 rebotes
Allen Crabbe: 11 pontos e cinco rebotes


(54-16) San Antonio Spurs 100 x 93 Minnesota Timberwolves (28-42)

Destaques

San Antonio

LaMarcus Aldridge: 26 pontos e cinco rebotes
Kawhi Leonard: 22 pontos, quatro assistências e três roubadas de bola
Pau Gasol: 11 pontos e seis rebotes
Manu Ginobili: 11 pontos e três roubadas de bola

Minnesota

Karl Anthony-Towns: 25 pontos e 14 rebotes
Andrew Wiggins: 22 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Shabazz Muhammad: 18 pontos e quatro rebotes


(43-29) Los Angeles Clippers 133 x 109 Los Angeles Lakers (20-51)

Destaques

Clippers

Chris Paul: 27 pontos, oito rebotes e quatro assistências
JJ Redick: 24 pontos
Austin Rivers: 18 pontos, quatro rebotes e quatro assistências
Jamal Crawford: 15 ponros
DeAndre Jordan: 12 pontos e 11 rebotes
Blake Griffin: 12 pontos e oito assistências
Marreese Speights: dez pontos e sete rebotes
Brandon Bass: dez pontos

Lakers

Brandom Ingram: 21 pontos e cinco rebotes
Julius Randle: 19 pontos e sete rebotes
D’Angelo Russell: 18 pontos e cinco assistências
Ivica Zubac: 17 pontos e sete rebotes
Thomas Robinson: 16 pontos e seis rebotes

  • Yan Alves #TankBrothers
  • Beto #GOATDirk30K #MavsNemNem

    Barnes faz uma boa temporada, porém precisa ter mais personalidade para chegar ao próximo nível, é muito apático em determinados momentos, tem que ser ser mais agressivo e tomar conta desse time.

    • Juan Gabriel

      Acho que, de fato, esse é o principal problema nele. Desde o College. O foda é que isso não é muito fácil de adquirir, geralmente é dá pessoa, do jogador msm

  • Harper

    Nola em busca dá última vaga no west,e vão ter confrontos diretos com seus concorrentes 3 vs denver um vs dallas e um vs Portland, acredito que estão na briga e vem em grande evolução estão 5-1 nos últimos seis jogos com o boogie e AD jogando mt. Esse final de temporada promete.

  • Cousins dominante, boa vitória do Warriors e quase um DD para o Curry.

  • Lucas

    Ingran está muito bem que perda de tempo os outros meses podiam desenvolver ele, tiraram a sua confiança e agora que ele tem minutos está mostrando talento porém fica claro que este núcleo jovem tem problemas de defesa precisa cerca-los com jogadores dessa mentalidade.

    • Ou um auxilar técnico com foco em defesa. O afastamento do Mozgov, Deng e troca do Lou foi muito benéfico. Um crescimento significante nos números de Russel, Clarkson, Ingram e Zubac, eles tem tido boas performances. Ressalta como a prioridade da antiga administração estava errada, se o foco fosse desenvolver esses garotos, provavelmente a franquia estaria melhor.

  • Julio Zago

    Inexplicável o que jogou o Chicago no último período ontem, imagino a frustração de alguns torcedores da franquia vendo aquilo, na minha opinião a vaga aos offs está muito distante, o basquete apresentado, extremamente irregular e confuso não credencia o time.

  • King Cuban #MFFL

    Com os adversarios dos proximos jogos… ainda dá para conseguir uma boa pick dentro do top 7….

    • Vinicius_nba

      Top 7 eu não acredito King. Acho que na melhor hipótese a pick 8, torcendo muito pra Wolves e Pelicans. Quem você acha que sobra de bom pra nós?

      • King Cuban #MFFL

        Dennis Smith ou Frank Ntilikina

  • Carlos Humberto Nobre

    Inexplicável a derrota do chicago na noite de ontem. Mais uma vez repito! Não tem o que fazer! Com esse elenco o time não vai pra lugar algum! Tankar
    tankar Tankar, quem sabe daqui 3 anos

  • Brad

    Finalmente Cousins faz uma partida nível Sacramento, acho que os Bulls não vão pros Playoffs, Detroit tb já ta penando pra ir pro pareo. Acho que vai ser Bucks e Heat mesmo e to torcendo pro Pelicans ou pro Nuggets irem no Oeste

  • Alex Alves

    Nova Orleans está a um jogador de ser um time top, e claro uns 2 ou 3 bons nomes para compor elenco.

    • Gabriel S Monteiro

      O problema aí no meio da história é o CAP de NOLA

  • xmaah

    Cousins voando nesse jogo, Rondo jogando bem só falta ficar longe de mimimi

    Detroit deve urgente trocar esse Reggie seloko, I.Smith > Reggie.

    • Thiago25-NBA

      mas que mimimi o Rondo está?

      • xmaah

        até esses tempos tava de tretas com Wade e Buttler, mesmo que tenha dito verdades ele tem que se preocupar mais em jogar e vencer

  • Albert Medeiros

    Towns mostrando pq foi o calouro do ano na última temporada, uma consistência absurda, e esse Pelicans aos poucos vai se encaixando

    • Uma pena que ainda não conseguiram transformar esse talento em vitórias. Esperava uma temporada melhor dos Wolves, Wiggins e Towns com médias de 20 pontos, LaVine tinha 18 por jogo, antes de se lesionar. Achei o trio já pudesse melhorar os Wolves nessa season.

      • Vinícius Maia

        parece que o trio não se encontrou atuando em conjunto. Se você reparar, Towns e Wiggins subiram de produção desde a lesão do Lavine e antes da lesão, dificilmente os três tinham um dia bom juntos. Na maioria das vezes, pelo menos um dos três deixavam a desejar.

        • Thiago25-NBA

          ou chegam em um acordo com o Lavine para ele ser sexto homem ou troquem ele…concordo.

          • Albert Medeiros

            Melhor trocar, o cara tem talento e idade, fazer uma troca envolvendo bom defensor da liga

          • Vinícius Maia

            Concordo e como eu disse aqui uma vez, pensando no que seria melhor para o Wolves, um reserva como Lavine, na minha visão, seria um luxo, pois eu, particularmente, vejo muito potencial no rapaz. Na verdade eu vejo mais potencial nele do que no Wiggins, pois ele chegou na NBA como um cara “inferior” ao Wiggins, evoluiu e hoje está praticamente no mesmo patamar. Mas pensando no que seria melhor para o Lavine, eu acho que o ideal seria uma troca, pois ele pode crescer muito jogando num time que ele tenha mais espaço. O Sixers, por exemplo, seria uma boa, pois é um time que precisa de jogadores de perímetro.

      • Albert Medeiros

        vdd, mas sou otimista com esse time, cara, acredito q na próxima temporada eles vem mais forte pra disputa

  • Henrique

    KAT é um monstro. Ele será gigantesco na NBA. Não tendo problemas com lesões e sempre buscando o melhor para si, é o melhor jogador sub-23 que uma equipe pode ter.

    Zubac tem talento. Sempre que recebe minutos em quadra corresponde.

  • Diego Varjão
  • ThunderSPD-SuperPatrulhaDelta

    robin lopez o verdadeiro franchise player do bulls kkkkkk

  • Rafael Victor

    Inexplicável a derrota do Bulls ontem!

    Entregada MONSTRA!

    • Burnie … Wtf??

      Foi a maior entregada de paçoca da temporada…

    • Charles Teodista

      Na verdade perdeu o jogo porque depois que Lopez e Felício saíram e o garrafão ficou desprotegido.

      A maior parte dos pontos de Toronto a partir daí foi na área pintada.

  • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

    zubac o novo porzingis ¨! lakers é lakers

    • 2Pac & Snoop – LA to Vegas –

      Ele lembra o Marc Gasol no começo da carreira …!

  • Thiago25-NBA

    Aprenda Cavs, quase 30 pontos de diferença para o Clippers…no terceiro quarto estava com o jogo ganho.

    Os jogadores da NBA estão muito estressados, já elevaram o nível para socos…hahahah.

    Nogueira deveria procurar outra franquia, já mostrou que pode ser útil. Esse técnico fdp literalmente ejetou o rapaz do time e não o deixa desenvolver.

  • 2Pac & Snoop – LA to Vegas –

    OFF : Estatua do Shaquille O’Neal sendo instalada no Staples Center …https://twitter.com/SHAQ/status/844573205008306176

  • Bruno Macedo

    Essa temporada era a de afirmação do bucks mais as lesões atrapalharam e pra mim o melhor núcleo de jovens dá liga pelo menos os mais prontos, nos últimos 10 jogos eles tem o melhor recorde dá liga com 8-2 e hoje pega o kings pra chegar de vez na briga pela quinta vaga.
    Miami como sempre o banco jogando muito e dragic e Hassan tendo que jogar só praticamente no time titular o bom é que quando o waiters tá ele ajuda muito e ontem o Josh parecia tá voltando o jogador que foi muito útil temporada passada e nessa se perdeu em contusões, agora a lesão do Hassan poderia ser evitada ontem mas quando o cara tá jogando bem é normal ver ele jogar até o fim, agora o Miami vai ficar sem jogador alto no banco de reservas, vamo ver qual vai ser a grande sacada do spoelstra que tá fazendo um trabalho excelente nessa temporada. Vamo de okaro e JJ no garrafão e jogar com vontade e já era kkk.

  • Gabriel S Monteiro

    Rajon Rondo: 24 pontos, cinco rebotes, oito assistências e quatro roubadas de bola
    Ainda dizem que esse cara está morto, Rondo em um time competitivo, ainda tem muito pra render, o cara não desaprendeu, e a comissão e o time do Bulls não ajudam, claro que ainda acho que é meio problemático, mas vejo ele caindo bem em NOLA, e não seria uma adição cara ao elenco que já tem um CAP complicao, Jrue pode jogar na dois também, arrumando um veterano que seja um bom arremessador ficaria um time bacana de se ver!

    Ingram evoluindo com tempo de quadra, era pra ter sido isso desde o começo da temporada né..

    LaMarcus fazendo um bom jogo depois de bastante tempo na casa do 17/20 pontos, crescendo em um momento importante perto dos OFFs

    Kris Middleton: 26 pontos e três roubadas de bola
    Voltou bem pro time, uma pena as várias baixas que o Bucks sofreu na temporada!!