“Eu não quero ser e não sou um líder”, reconhece Kevin Durant

Kevin Durant foi centro de uma das maiores polêmicas da história recente da NBA, após escolher sair do Oklahoma City Thunder para reforçar o poderoso Golden State Warriors. Após mais de um ano, a opção foi justificada com pleno sucesso: a equipe foi campeã da NBA e o astro levou o prêmio de MVP das finais. A glória veio, mas ele admite não se sentir totalmente adaptado ainda à nova casa.

“Eu acordo todos os dias e ainda estou me acostumado a morar em Oakland, viver com meus novos companheiros e equipe. Ainda é uma transição em minha vida e levará mais tempo. Mas vim aqui para jogar basquete do exato mesmo modo que estou no momento. Isso é o mais importante”, explicou o astro, em uma longa entrevista à revista GQ publicada nesta quinta-feira.

Na Califórnia, Durant encontrou um ambiente acolhedor para enfrentar a pior crise de imagem da carreira e conquistar o primeiro título da NBA na carreira. Encontrou também um panorama com all-stars e jogadores estabelecidos para compartilhar a responsabilidade envolvida com um time vencedor. Um cenário coletivo, de grupo, que agrada muito mais ao ala.

“Eu acho que Stephen [Curry] é o rosto da franquia e isso ajuda-me. Não quero ser e não sou um líder. Eu não me sinto bem dizendo para que os outros me sigam. Meu perfil é mais de chamar todos para atuarem juntos, sem importar-se se serei o cara que estará à frente. Meu tipo de liderança é fazermos juntos e comandar pelo exemplo”, reconheceu o craque, revelando um perfil mais agregador.

Durant não se considera um líder, mas foi a referência técnica do Warriors rumo ao título da temporada passada. Seu grande momento aconteceu no terceiro jogo das finais contra o Cleveland Cavaliers, quando converteu uma cesta decisiva de três pontos para virar uma incrível partida e quase garantir o campeonato. Algo que vai muito além do seu grande momento em uma série de playoffs.

“Aquele foi o melhor momento da minha vida. Eu fiz a cesta da vitória de um jogo de finais contra o meu ídolo, alguém que realmente acompanho desde criança, em LeBron James. Foi um sentimento extraordinário. Mas é algo que preciso guardar na memória agora e seguir em frente. Preciso entrar novamente em quadra nesta temporada e simplesmente jogar”, finalizou Durant.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Jefferson Cavalcanti

    Bela atitude, foi honesto. Ninguém é obrigado a ser nada que não quer ser.

  • Ricardo Stabolito Junior

    A declaração é bombástica, mas, para ser sincero, não vejo nada demais no que ele disse.

  • Thiago pereira dos santos

    Boa KD.sábia palavras,você não precisa ser o líder e nem o rosto da franquia(que é o curry),é só jogar o seu grande basquete que está bom,e aquele bola de três no 3°jogo contra o Cleveland,foi fantástica!

  • Danilo

    Vish kkkkkk, mas ele foi sincero, e todo mundo vê que o jogo do GSW flui melhor quando o Curry está em uma grande noite, isso é muito claro.

  • PJ Dozier n°35 ☇

    É justo,nem todo mundo é obrigado a ser um líder. Eu não sou torcedor e mt menos trabalho no Warriors,mas me parece q o líder deles é o beiçudo.

  • Victor Chittolina

    Em um time cheio de estrelas, esse tipo de atitude, deixar o ego de lado e fazer-se mais um, pode ser exatamente o tipo de liderança que o GSW precisa. Alguns supertimes sucumbiram por causa da batalha de egos e, com esse tipo de declaração, o Durant talvez seja um líder maior do que imagina.

  • Gustavo Rocha

    Achei legal a declaração dele e, principalmente, corajosa.
    Na NBA a palavra “líder” é usada sem muito critério. Basta o cara ser um excelente jogador que ele já é considerado o líder do time, o que não concordo. O GSW é um exemplo correto de liderança. Dentro de quadra, por mais que Curry, KT e Durant sejam jogadores muito melhores que seus companheiros, é notório que a LIDERANÇA do time é de jogadores como Green, Iguodala e Livingston.

    • Marcinho Mueller

      Falar que Curry não é líder? Ele sempre da a cara pra bater, pode ser que algumas vezes ele pipoca e tal. Mas ele ta sempre la dando entrevista, falando sobre o elenco, pelo que falam é um cara bem legal de convivência e um exemplo nos treinos. Pode ser que esses jogadores que você falou, falam mais dentro de quadra e tal, mas ser um líder não é só falar, são as atitudes. Como falei ali em cima, não gosto do Durant pessoa e gosto do Durant jogador. O curry eu gosto como pessoa e como jogador, só goro ele porque não curto o GSW.

      • Gustavo Rocha

        Em momento algum falei mal do Curry. Inclusive, tirando o “só” o jogo 7 das finais da NBA, não há o que se falar de negativo do jogo dele. Mas fui claro qndo me referi a DENTRO DE QUADRA. Por melhor que o Curry (pra mim o mais importante jogador do time) e Durant sejam, quem toma a liderança em comandar o time são os caras que citei.

        • Marcinho Mueller

          Eu entendi que você não falou mal do Cury. É que pra mim o que o Durant quis dizer é que ele não é líder do time em si, e não dentro de quadra, pois em todos os jogos pode ver que Durant é o que mais fala, com a arbitragem, com os companheiros, ta sempre falando na defesa, igual o Green. Porém acho que ele quis dizer que não é líder da franquia, coisa que eu vejo no Curry, que é ser um exemplo, falar por todos jogadores, pelo o que falam, ele sempre chega antes no treinos e tal. Acho que foi nesse sentido que Durant quis dizer que ele não é líder, pois dentro de quadra o Durant ta sempre falando e ajudando. Mas eu entendi seu ponto de vista sim!

  • Chimbinha

    Aquele bola de três foi no jogo 4.Tava 2×1 pros modinhas.Se Cavs empatam , vencendo o jogo 4 ,ia botar uma pressão danada.Mas o cupcake tava encapetado nesse dia

    • #StrenghtinNumbers-GO WARRIORS

      Tá doido ? GS abriu 3×0 na série

      • Chimbinha

        É, tô mesmo

        • #StrenghtinNumbers-GO WARRIORS

          Acontece rs, é só lembrar que ficou toda aquela tensão para saber se ia rolar varrida ou não.

  • Marcinho Mueller

    Basta ver as escolhas dele, da pra ver que ele não é um líder nato. Não gosto dele por suas escolhas, mas respeito ele como jogador.

  • felipe fernando Oliveira

    Por isso OKC perdeu aquela série pros Warriors. OKC ficou perdido sem um líder pra reagrupar a equipe. Bom que em Oakland ele não precisa ser um líder e pode jogar seu basquete sem essa pressão.

    • João Simplicio

      Acho q o problema do OKC é o Donovan! Observe q varios kras q saíram de lá conseguiram destaque em outras equipes: Waiters, oladipo, barba, até o kanter! Kd saiu e foi campeão logo em seguida!

  • Enzo Soares

    Ainda bem né, imagina se tivéssemos um líder que só fala da ex.

  • Vitor Medson

    Alguns podem até não concordar com certas atitudes dele, mas um jogador do nível dele dar uma declaração dessa é pra se respeitar. Geralmente todos os grandes astros querem ser o centro e ele caminha na direção contrária.
    Tá rumando para ser TOP3 SF all time (brigando nas cabeças) e TOP10 all time

  • “KOBE” -Thank You Kyrie.

    Ele ainda disse, ñ lembro se foi nesta entrevista ou para o Bleacher Report ou para a Slam Magazine, de q a bola de 3 pts decisiva dele no Jogo 3 das Finais foi um “Foda-se” para o Paul Pierce. rs

    • PAPAI LEBRÃO

      Cavs tinha que ter ganho aquele jogo… Caso vencesse, teríamos excelentes chances de sermos campeões!

      • “KOBE” -Thank You Kyrie.

        A equipe teve problemas com a rotação mt curta. Irving e LeBron jogaram praticamente o jogo inteiro. Aí nos minutos finais.. a equipe morreu fisicamente, e o GSW engatou aquele sequência sem resposta do Cavs.

        • PAPAI LEBRÃO

          O que você acha esse ano, seremos campeões?

          • “KOBE” -Thank You Kyrie.

            Vai ter q melhorar muito! rs. Principalmente a defesa. O Thomas é um jogador diferente do Irving, ñ é a dele jogar no mano a mano. Tem q ver o q irão fazer com ele para explorar a defesa do GSW.
            GSW ainda é favorito. Mas… Playoffs, podem acontecer mts coisas, ñ tá garantido.

          • PAPAI LEBRÃO

            Thomas sempre jogou bem contra o GSW, já reparou? Sei lá cara, eu prefiro pegar outro time na final, mas se pegar o GSW, temos chances sim.. Lebron vai ter que ir pra fazer 50 pontos por jogo velho.. Tem que ir pra dentro daqueles caras, entra na quadra pra amassar!

          • Carlos Souto

            Esse ano vcs não passam nem do Celtics.. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          • PAPAI LEBRÃO

            Apostinha?

          • João Simplicio

            Só apelando pro jogo físico e intimidação do Curry e Thompson, pq no talento não da pro Cavs não!!!

          • PAPAI LEBRÃO

            To vendo que você me ama demais! Talento? Vc entende muito de basquete… Não sei como você não está treinando um time na NBA, você é um gênio!!

          • João Simplicio

            “O que você acha esse ano, seremos campeões?”
            “Só apelando pro físico e intimidação do Curry e Thompson, pq no talento não da pro Cavs não!” Espero q entenda! Se não entender, eu explico mais detalhadamente!

          • Marcelo Desoxi

            4×2 Celtics

  • Guilherme

    Existe uma diferença entre ser o melhor jogador do time e ser o líder. Durant é o melhor, enquanto a liderança se divide entre Curry e Green.

  • PAPAI LEBRÃO

    Papai Lebrão é o líder do time, melhor jogador e o técnico. Coisa que você nunca vai ser cupcake… LEBRÃO TOP 2 ALL TIME!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Alex Vilela

      Mas a bola decisiva é do Irving ou do Allen kkkkk

      • PAPAI LEBRÃO

        Papai Lebrão é decisivo o jogo inteiro, deu o block mais espetacular da história do basquete… o resto não preciso te contar!

      • Danilo

        Então por que o LeBron tem o maior número de buzzer beaters da história dos playoffs ao lado de ninguém mais ninguém menos q Jordan(3 pra cada)??

        • PAPAI LEBRÃO

          Perde tempo com hater não irmão… LEBRÃO É MELHOR QUE OS 3 DO OKC JUNTOS!

          • Danilo Celtics #Banner18

            rumo ao penta

      • Gustavo – DefendTheLand

        Na real aql bola do jogo 6 contra o Spurs foi do LeBron, a jogada foi desenhada pra o LeBron chutar (até pq ele ja tinha metido uma anterior a essa, reduzindo a vantagem) ele apenas errou e o Allen teve a chance. Mas o GW do jogo 7 dessa final que eu saiba é dele, ou estou enganado?

        • Albert Santos

          Falou tudo kkk

      • Vinícius Maia

        Se não fosse o LeBron colocando a bola debaixo do braço e tirado uma vantagem de 10 pontos do Spurs e se não fosse o toco do LeBron no iguodala, Ray Allen e Irving não teriam espaço para seus arremessos decisivos.

    • João Simplicio

      Verdade, não ter nenhum respeito à hierarquia é algo a ser aplaudido! Super profissional vc mandar na equipe quando há um técnico lá pra fazer isso!

      • PAPAI LEBRÃO

        Aceita que eu sou o maior de todos!

        • Thomazbrasil

          Kkkk acho o maior barato torcedor com dupla personalidade….. louco. Nem precisa levar a sério.

  • Augusto Filho

    Um cara com o talento que ele tem deveria ser mais alfadog, claro que existe a liderança técnica, e isto foi nítido em toda a série contra o Cavs, mas também é uma declaração que justifica muitas circunstâncias onde o West tentou 350875 bolas e ele chutou apenas 15.

  • Mathias

    se tivesse um perfil de líder, procuraria uma franquia para ser o tal, ao invés se juntar ao que já era disparado o melhor time da NBA e só perdera o título no ano anterior no detalhe do detalhe..

  • vsr.snake

    A gente viu isso na série contra o Warriors, especialmente no crunch time dos jogos 6 e 7, em que ele passava a bola pro Roberson chutar de 3 hahahahha

    Mas parabains pela sinceridade

  • Brad

    Como disseram abaixo, concordo com a vertente dele de nao se levar pelo ego e se pautar de líder, mesmo não sendo o líder, com certeza, ele é o melhor jogador do time.

    • Erich Zager

      ele é o líder em quadra, sem sombra de dúvidas…

  • Marcelo Desoxi

    É muito fácil identificar caras que são líderes natos, muito fácil. Alguns são mais discretos, tipo o Duncan outros mais “esparrados” tipo Kobe, LeBron e afins.
    E Durant, desde sempre, nunca teve esse tipo de personalidade.
    O que isso muda ? pouca coisa. É verdade que líderes, se acompanhados de talento, se tornam jogadores maiores do que os que são simplesmente talentosos, mas no caso do Durant o talento transcende tudo isso de liderança.
    Foi muito humilde.

  • Claudio R.

    Será sem dúvidas ao final da carreira um dos grandes, será o 3 melhor ala da historia(Acho muito difícil passar Bird e lebron) e deverá estar entre os 20 melhores do jogo se continuar ganhando e quebrando recordes.

  • Vinícius Maia

    As vezes eu tenho a impressão que nem o curry é o líder “moral” do time. Ele é a cara da equipe, mas eu tenho impressão de que, quando se trata de colocar ordem na casa, chamar a atenção de companheiros e coisas desse tipo, quem manda é draymond Green.

    • Samuel

      Eu acho q isso e um fato. O Green sempre reflete a moral e o estado de espirito do time. E o pilar defensivo. Sem ele, eu acho que continua um grande time, mas o gsw perde a hegemonia.

    • Erich Zager

      não só na NBA como no esporte em geral cada vez menos temos líderes…os jogadores cada vez menos tem personalidade para darem suas opiniões próprias e quando alguns dão ou saem umas burrices enormes ou então a galera critica demais…
      me parece que o KD quis dizer muito mais que ele prefere que o Curry seja o franchise player e não completamente em liderança como entendemos aqui no Brasil que é o cara que decide o jogo, dá uma ótima resposta pros repórteres , vai no churrascão com a torcida e ainda é o presidente da resenha dos jogadores…
      me parece que ele falou, galera, deixa o Curry ser o poster boy, fazer as ações de marketing e conversar com a mídia que o meu negócio é na quadra e nisso em comparação com qualquer jogador do time ele é um líder nato….

  • Thomazbrasil

    Pela decisão de se mudar para o time
    atual campeão deixou bem claro isso no Duran.

    Existem jogadores que querem um caminhar como líder e atingir objetivos e outros que não se importam com isso e vão onde já está tudo pronto e mais fácil. KD provou ser o segundo perfil.

    Só tipos de perfis nada de mais.

  • Norrin Radd

    Do jeito que o cara joga, pouco importa esse papo de ser líder. Com ele fazendo 30 pt por jogo eu arrumo outro pra ser lider.