Ex-Cavaliers, David Griffin assume operações de basquete do Pelicans

O New Orleans Pelicans já possui um novo “homem forte” em suas operações de basquete. Segundo Adrian Wojnarowski, da ESPN, a franquia acertou a contratação de David Griffin, ex-gerente-geral do Cleveland Cavaliers, para ter pleno controle sobre os bastidores do basquete da organização. O cargo que ele ocupará vai ser formalmente descrito como vice-presidência executiva.

O profissional de 46 anos chega à equipe para ocupar posto interinamente ocupado por Danny Ferry, após a demissão do gerente-geral Dell Demps. O ex-jogador era muito bem visto dentro do time e seria um dos favoritos do processo de seleção da alta cúpula de Nova Orleans, mas decidiu retirar-se de consideração para o cargo por não querer “tirar” a família da atual casa, em Atlanta.

Griffin aceitou o emprego com a promessa de maiores investimentos em equipe de avaliação de atletas e recursos, segundo Wojnarowski. Uma das aparentes certezas sobre a nova gestão é a permanência do técnico Alvin Gentry, que possui enorme aceitação interna e com quem o novo vice-presidente já trabalhou quando ambos estavam no Phoenix Suns.

O primeiro trabalho do dirigente será encontrar a troca ideal para o astro Anthony Davis, que pediu para ser negociado pouco antes do fechamento da janela de transferências da temporada. Griffin chegou a três finais consecutivas da NBA no comando das operações do Cavaliers e conquistou o título da liga em 2016.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.