Fora de casa, Embiid comanda vitória do Sixers sobre o Celtics

(21-20) Philadelphia 76ers 89 x 80 Boston Celtics (34-12)
O Philadelphia 76ers superou, fora de casa, o forte Boston Celtics na noite de quinta-feira. O pivô Joel Embiid comandou o 21° triunfo da equipe na temporada e o Sixers segue firme em busca de uma vaga nos playoffs, que não acontece desde 2011-12. Já o Celtics, perdeu a segunda seguida em seus domínios, mas continua liderando a conferência Leste. Sem o astro Kyrie Irving (dores no ombro esquerdo), o técnico Brad Stevens utilizou o armador Marcus Smart em seu lugar.

O time de Massachusetts começou forte e anotou os seis primeiros pontos do embate. Entretanto, os reservas do Sixers entraram em quadra e viraram a partida em 16 a 14, após cesta de Trevor Booker. Embiid fez cinco pontos seguidos no início do segundo quarto e o time de Philadelphia vencia por 25 a 21. Marcus Morris descontou para o Celtics, mas o Sixers fez nove pontos consecutivos para abrir 11 de vantagem. Com os ataques pouco inspirados, o Sixers foi para os vestiários liderando por 39 a 32.

Na volta do intervalo, Dario Saric fez de três e, em seguida, converteu dois lances livres para deixar sua equipe na frente por 44 a 32. Robert Covington ampliou a liderança para 14 pontos e, depois, Amir Johnson, ex-Celtics, deixou em 54 a 39. Justin Anderson, em lances livres, colocou o Sixers na frente por 16. O reserva T.J. McConnell acertou duas cestas de três em menos de um minuto para deixar em 65 a 49. O Celtics só superou a marca dos 50 pontos quando restavam 55 segundos para acabar o terceiro período, com Jaylen Brown. A diferença pulou para 21 pontos no início do quarto decisivo depois de cesta de Embiid. Os donos da casa ainda esboçaram uma reação e, após cesta de três de Brown, o placar estava em 86 a 76. Com dois minutos para o fim, o calouro Jayson Tatum fez de três e a vantagem caiu para sete. No entanto, o Celtics seguiu ineficaz no ataque, não conseguiu converter seus arremessos e acabou falhando nos instantes finais.

Destaques

Philadelphia

Joel Embiid: 26 pontos, 16 rebotes, seis assistências
Dario Saric: 16 pontos, seis rebotes, três roubadas
T.J. McConnell: 15 pontos, três roubadas

Boston

Marcus Morris: 14 pontos, seis rebotes
Al Horford: 14 pontos
Marcus Smart: 13 pontos, cinco rebotes
Jayson Tatum: 11 pontos, quatro rebotes
Jaylen Brown: 12 pontos


(13-32) Orlando Magic 103 x 104 Cleveland Cavaliers (27-17)

No sufoco, o Cleveland Cavaliers superou o Orlando Magic em casa e voltou a vencer após quatro derrotas consecutivas. Isaiah Thomas, autor dos dois lances livres que definiram o embate, foi o cestinha, com 21 pontos. LeBron James, “apagado”, ficou com 16 pontos, mas errou as quatro tentativas de três. Nos últimos quatro jogos, o astro acertou somente duas das 18 tentativas de longa distância. Recuperado de lesão, Derrick Rose retornou às quadras e fez nove pontos em 13 minutos.

Pelo Magic, o armador Elfrid Payton foi o melhor, com 19 pontos e oito assistências. O time da Flórida chegou a estar perdendo por 22 pontos no segundo quarto, mas reagiu no terceiro quarto e chegou a virar em 103 a 102, após cesta do reserva Shelvin Mack. No entanto, o mesmo Mack fez falta em Thomas, que nos lances livres, recolocou o Cavs na liderança. Payton ainda teve a chance de dar a vitória ao Magic, mas falhou.

Destaques

Orlando

Elfrid Payton: 19 pontos, oito assistências, quatro rebotes
Aaron Gordon: 17 pontos, 11 rebotes, três roubadas
Evan Fournier: 17 pontos, cinco rebotes
Jonathon Simmons: 16 pontos, quatro assistências
Mario Hezonja: 12 pontos
Shelvin Mack: dez pontos
Bismack Biyombo: quatro pontos, dez rebotes

Cleveland

Isaiah Thomas: 21 pontos, quatro assistências
LeBron James: 16 pontos, seis assistências, cinco rebotes, seis erros de ataque
Kevin Love: 12 pontos, 11 rebotes
Dwyane Wade: 11 pontos
Jeff Green: dez pontos, oito rebotes
Jae Crowder: dez pontos, cinco rebotes


(29-18) Minnesota Timberwolves 98 x 116 Houston Rockets (31-12)

Em casa, o Houston Rockets bateu o Minnesota Timberwolves e chegou a 31 vitórias em 43 jogos na atual campanha. A partida marcou o retorno de James Harden, que não jogava desde o dia 31 de dezembro, por contusão na coxa. No entanto, o astro estava fora de ritmo e foi marcado por Jimmy Butler, o que explicam sua má performance ofensiva. Harden saiu de quadra com dez pontos e sete assistências, mas converteu apenas três dos 15 arremessos tentados. Quem também reapareceu foi o brasileiro Nenê. Fora de combate desde o dia 3 de janeiro, por conta de lesão no joelho, Nenê somou 12 pontos e oito rebotes em 22 minutos. O Rockets não contou com Gerald Green e Trevor Ariza, suspensos pelas brigas contra jogadores do Los Angeles Clippers. Luc Richard Mbah a Moute entrou no lugar de Ariza no quinteto titular.

Pelo Timberwolves, nem mesmo a grande noite de Karl-Anthony Towns foi suficiente para evitar a segunda derrota seguida. Towns obteve 22 pontos, 16 rebotes e cinco bloqueios, enquanto Butler contabilizou 23 pontos e quatro rebotes. A equipe, que se aproximou do San Antonio Spurs na luta pelo terceiro lugar da conferência Oeste nas últimas rodadas, perdeu as quatro partidas que realizou fora de casa em janeiro.

Destaques

Houston

Eric Gordon: 30 pontos
Chris Paul: 19 pontos, nove assistências, seis rebotes, três roubadas
Clint Capela: 20 pontos, cinco rebotes
Luc Richard Mbah a Moute: 14 pontos, cinco rebotes
Nenê: 12 pontos, oito rebotes, 22 minutos
James Harden: dez pontos, sete assistências, 3-15 em arremessos

Minnesota

Karl-Anthony Towns: 22 pontos, 16 rebotes, cinco bloqueios
Jimmy Butler: 23 pontos, quatro rebotes
Andrew Wiggins: 16 pontos, cinco rebotes
Tyus Jones: 13 pontos


(24-21) Indiana Pacers 86 x 100 Portland Trail Blazers (24-21)

O Portland Trail Blazers venceu o Indiana Pacers em seus domínios e alcançou o 24° triunfo em 45 partidas na atual temporada, mesma campanha do adversário da noite. Damian Lillard ficou com 26 pontos, mas errou 13 dos 21 arremessos arriscados. O armador ainda distribuiu oito assistências. Quem foi bem mesmo foi o pivô Jusuf Nurkic, que aproveitou a ausência de Myles Turner para obter o primeiro duplo duplo desde o dia 8 de janeiro (cinco jogos). O Blazers venceu a quinta dos últimos oito jogos.

Já o Pacers sofreu no último quarto. Após um início ruim, o time chegou a virar no terceiro período e liderou por 72 a 66. No entanto, a equipe sofreu um apagão e anotou apenas dois pontos em incríveis oito minutos. Quando voltou a pontuar, o Blazers já estava na frente por 89 a 77. Victor Oladipo fez sete dos 12 pontos do time no quarto decisivo, mas em vão.

Destaques

Indiana

Victor Oladipo: 23 pontos, sete rebotes
Darren Collison: 23 pontos
Thaddeus Young: dez pontos, 14 rebotes
Domantas Sabonis: nove pontos, dez rebotes

Portland

Damian Lillard: 26 pontos, oito assistências, cinco rebotes
Jusuf Nurkic: 19 pontos, 17 rebotes
C.J. McCollum: 16 pontos
Al-Farouq Aminu: 12 pontos, nove rebotes
Shabazz Napier: 13 pontos, quatro rebotes

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Hugo

    Joel Embiid sobre a Rihanna ter o recusado:

    “Ela me negou naquela época, então por que voltar a insistir nela? Tenho que passar isso e seguir em frente para a próxima. Confiar no processo.”

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK #TrustTheProcess

  • dirct

    “No entanto, o mesmo Mack fez falta em Thomas, que nos lances livres, recolocou o Cavs na liderança”

    Não, não houve falta alguma foi uma bola presa claramente com os dois jogadores segurando somente a bola que os juízes “transformaram” em lances livres para os CAVs.

    • Gustavo – DefendTheLand

      Erros acontecem a favor e contra, com todos os times.

      • dirct

        Eu não estou desmentindo essa afirmação, o que eu escrevi é que a matéria nem toca no assunto de que a falta não existiu

  • Vinícius Maia

    E de pensar que a pouco tempo atrás estávamos sonhando com primeiro lugar no leste e LeBron MVP. #tragico

    • Albert Santos

      O time está me preocupando. Vem jogando mt mal defensivamente. Os jogadores não demonstram vontade nenhum em defender. Talvez trocando de técnico as coisas podem melhorar !

      • Vinícius Maia

        Isso é o que mais me incomoda no cavs: falta de vontade. Os caras jogam com preguiça. Não jogam como um time que quer ser campeão. Outro dia assisti o jogo do gsw x Bucks e deu gosto de ver o Bucks jogar. Gsw é nitidamente superior, mas era visível que o time do Bucks não de acomodava e dava tudo de si na quadra. Já o cavs, parece jogar como um time que pode vencer a hora que quiser e que não precisa se preocupar com a temporada regular. A postura dos jogadores em quadra tem sido ridícula. Se o LeBron renovar, espero que essa temporada sirva de lição para ele deixar a diretoria se livrar de seus parças Tristan Thompson e J.R. Smith. Smith nunca mais foi o mesmo depois que ganhou seu tão sonhado contrato de 15 milhões que engessou o cap na época.

        • Albert Santos

          Concordo mano.

    • Kevin Faria

      O MVP do LeBron já era. E pro Cavs conseguir algo esse ano só tendo alguma reviravolta nos bastidores do time. O que é triste, pois um time com tanta qualidade técnica como o Cavs era pra ser um espetáculo jogando, assim como outros times na liga.

      A equipe que eu mais vi essa temporada foi o Cavs, mas do jeito que está jogando agora, a vontade de assistir os jogos é quase zero.

  • Wellington Origuela

    Esse futuro campeão do leste tem um ataque muito poderoso. 32 pontos no primeiro tempo.

    • dirct

      Por aí vc vê que o Irving ao contrário do que muitos falam tem muita influência nesse time e ele não estava ontem, mas não vamos ser injustos esse jogo foi muito atípico e o forte do Boston sempre tem sido a defesa com Brad Stevens

  • Gustavo – DefendTheLand

    LeBron sobre seu jogo de hj, precisa voltar pro MVP mode pra ontem.
    https://twitter.com/KingJames/status/954195334644641792

  • Thiago / The Legend of NFL

    Falar sobre esse Cavs já deu. Se tiver trade, demissões, aí ok. Caso contrário, é essa porcaria aí.

    Pelo o que parece, o jogo entre 76ers e Boston foi bem ruinzinho.

    Pacers massacrado

  • Daniel Azevedo

    Joel Embiid, que homem!!!!
    O arsenal ofensivo do cara é absurdo, chuta de qualquer canto da quadra, com marcação, sem marcação, jogo de pernas, post, e quando se esforça na defesa ainda faz um estrago.

  • Julio Zago

    Partida muito abaixo do Celtics ontem! Desempenho ofensivo sofrível e defesa ineficaz sobre Embiid. Aliás, ainda que Baynes tenha melhorado um pouco a proteção de aro, para dar um salto definitivo na sua projeção o que falta ao Celtics é um C mais qualificado.
    Enfim, já falei aqui muitas vezes que em uma temporada tão longa diversas oscilações vão ocorrer, não tem como fugir muito disso, ontem a ausência do Irving foi muito sentida, a falta de um líder ofensivo causou muitas dificuldades, o Celtics teve dificuldade para pontuar.

  • Dudu Ferrero

    O Lebron tem caido demais no 2 Tempo das partidas. sera a idade ou fase ruim msm?

    • Daniel Bruno Corvelo

      Acredito que seja as duas coisas, LeBron nos últimos anos já havia diminuído sua intensidade defensiva para compensar a perda da explosão física e nos playoffs ele aumentava o ritmo mas parece que a fase de decadência está começando a chegar para ele.

      • Bruno Macedo

        Kkkkkkkkkkk

  • Guilherme Petros

    O Celtics vai se complicar co o Sixers pra sempre?

    • BrenoSixers

      Rivalidade Sem fim!

  • Warriors

    Não sei o que mais foi ridículo no jogo do Cavs..:a apatia dos jogadores em quadra que quase tomam uma virada pro último colocado.!!.ou a arbitragem caseira fazendo o Cavs ganhar a partida..!!

  • Warriors

    Celtics tem problemas quando enfrenta time com ótimos pivôs..!!.

    • Beto cargnin

      Aquele dia o Davis deitou e rolou em cima do Celtics, agora foi o Embiid.
      Time nao tem ninguem reboteiro.

    • Doug

      Normal. Celtics não têm protetores de aro bastantes (isso não é de hoje)…Horford é um pivô mais técnico e Baynes é bem limitado, apesar de guerreiro…Amir é outro bem meia boca…

      • Leonardo Gonçalves

        Amir ta no Sixers. Theis faz um trabalho interessante, mas ainda é novato

        • Doug

          É verdade…Amir está lá…perdeu espaço com o Booker…

        • Doug

          Theis até que faz um trabalho interessante sim…mas, ainda é pouco para o garrafão verde…ele precisa ganhar mais corpo tb…

    • Pablo Leite

      A impressão que fica é que o Celtics é um time feito para defender o small Ball. E o garrafão fica desguarnecido.

    • romulor2

      Sempre… nos melhor defensor de big mans é o Theis que joga poucos minutos, por isso AD e Cousins são os mais envolvidos em rumores

  • Doug

    Boa, Gustavo…ficaria bacana se em todos os videos tivesse uma sinopse dessas…sei que quando a rodada é grande fica difícil…mas, seria bacana se possível, levando em conta que vcs são vários colaboradores, nem que fosse um parágrafo só bem sintético mesmo…

  • BrenoSixers
  • – Tiago

    Rockets tem um timaço, se não fosse o GSW seria o time com mais chances de ser campeão esse ano…Espero que esse time consiga bater os Warriors.

    obs – CP3 joga um absurdo, ta loco

  • Pablo Leite

    Eis que o Pistons foi caindo até estar fora dos oito primeiros do leste. Van Gundy não tem jeito mesmo.

  • Lucas

    Fala pessoal do Jumper Lebron James está a 25 pontos de chegar aos 30.000 pontos está certo?

    • Claudio R.

      Sim… próximo jogo ele passa

  • TRUETHIAGO

    Jogo de arder os olhos mesmo, com a única ressalva de mais uma bela atuação do Embiid, coroando sua merecida escolha para o All-Star.

    Estamos diante de um talento ímpar, é simplesmente absurdo o que ele já produz com essa idade (23) e o impacto que causa, dos dois lados da quadra, com pouco mais de 60 jogos de experiência nas costas.

    Mantendo-se saudável e, principalmente, se o Sixers conseguir dar o passo adiante nos próximos anos, tem potencial sim para ser MVP, eventualmente DPOY e se juntar aos grandes nomes da posição na história da liga.

  • Cedi LeBrOSMAN

    Rapaz…. KEMBA WALKER está disponível para trocas. Segundo o Wojnarowski.
    Só q obviamente, não é trocar apenas por ele. Teria q levar algum dos contratos ruins juntos (Marvin Williams, Batum. Howard, MKG), é o desejo do Hornets.
    Hornets quer um jogador jovem promissor, ou uma boa escolha de Draft. Depois do Hawks (querendo trocar o Schroder), o Hornets é outra equipe sob o efeito da hype de Trae Young. Querendo trocar o principal PG da equipe.

    • Bruno Macedo

      Kemba já chegou ao ápice não vai evoluir mais ao meu ver, acho difícil alguém dar muita coisa nele.

    • Marcelo Desoxi

      Howard = 23 Milhões
      Batum = +- 25 Milhões
      MKLixoGlass= 13 Milhões
      Marvin Williams = 14 Milhões
      Cody Zeller = 14 Milhões

      A franquia que querer, deve estar pronta pra aceitar pelo menos 2 buchas das citadas acima. Sabendo que o contrato do Walker acaba depois dos playoffs do ano que vem.

      • Paulo Henrique

        Em compensação o contrato do Kemba é bem aceitável

      • Cedi LeBrOSMAN

        Se eu fosse o Spurs, tentaria. Só q é uma negociação meio complicada, pq o Spurs tem jogadores q ñ vão trocar de jeito nenhum (Parker, Ginóbili, Kawhi, LMA), tem alguns outros com contratos ruins (Gasol, Mills), e tem o Rudy Gay, q eu ñ sei bem o q opinar, rs.
        Aí, sobram contratos mts baratos (Bertans, Dejounte Murray são boas moedas de troca), só q o Spurs tá na Luxury Tax, ñ tem como absorver contratos. Tem q ser tudo equivalente nos contratos.
        Na ESPN Trade Machine, deu certo uma negociação em q o Spurs enviaria Danny Green + Dejounte Murray + Bertrans, e poderia ser incluída várias escolhas de Draft, em troca apenas do Walker.
        Só q deverá ter ofertas melhores. O Spurs precisaria pegar um desses contratos ruins (e para equivaler os salários, oferecer os contratos ruins do Gasol, Mills, q ninguém quer.), ou arrumar um outro parceiro, para fazer uma troca de 3 equipes.

        • Tiago

          Que times vc acha que podem se interessar no Walker? Pensando rapidamente não consigo imaginar muita coisa não (além talvez do Spurs, que vc já citou).

    • Gustavo – DefendTheLand

      Se o contrato do Howard n fosse ruim, gostaria de ver o Cavs indo atrás dele, mas acho que n vai acontecer.

      • Vinícius Maia

        Pensei a mesma coisa.

    • Claudio R.

      Rapaz, uma dessas da pra pegar o batum e o kemba por Thompson, shumpert, Jr Smith + brooklyn pick

  • Cedi LeBrOSMAN

    Sobre, o Cavs. Vi q o LeBron jogou mt mal. E novamente perderam uma liderança de 20 pts para uma equipe na parte debaixo da tabela. Não é a primeira vez q acontece isso nesta temporada, nem nas temporadas anteriores, e nem será a última até o final da temporada regular.
    Precisa jogar com foco total, e não menosprezar os adversários mais fracos, durante os jogos. Mas, eu já cansei de dizer isso.

    • Albert Santos

      Cansou msm kkk

  • DNT – Porzingod MVP

    Eu vejo uma troca com os Knicks tototalmente viável.
    Hernangomez + Noah + 1st round 2018 por Willians + Kemba.