Segundo Shams Charania, do The Vertical, o pivô Greg Monroe exerceu a cláusula de extensão contratual com o Milwaukee Bucks. Assim, o jogador de 27 anos não será agente livre em julho e terá direito a US$ 17.9 milhões de salários na próxima temporada.

Apesar de o valor de seu contrato ser consideravelmente alto, Monroe é tido como um excelente companheiro de vestiário. Desde a temporada passada o pivô foi oficializado como reserva, tornando-se e a principal arma ofensiva entre os suplentes da equipe do Bucks, registrando médias de 11.7 pontos e 6.6 rebotes por partida, além de converter 53% dos arremessos de quadra, em 81 jogos disputados.

Com a permanência do jogador de 2,11m, a franquia de Wisconsin mantém a base promissora de 2016-17 para a próxima temporada, onde garantiu vaga nos playoffs, já que angariou 42 vitórias na campanha, figurando na sexta colocação da conferência Leste.

Em 2015, Monroe assinou vínculo de três anos com o Milwaukee Bucks pelo montante de US$50 milhões.

  • Caro demais para um banco, bom demais para ser banco.

    • danielzera

      Melhor comentário.

  • Thiago26-NBA

    Bucks se ferrou nessa

  • Alex Alves

    Vai tentar conseguir bons números e um ótimo contrato de 4, 5 anos temporada que vem

  • Albert Medeiros

    Esse cara é bom…

  • THIAGO GONZAGA

    Se essa base do Bucks crescer 10% esse ano ofensivamente, porque defensivamente eles são muito bons, dá pra brigar pela 4 posição do leste. Se conseguissem dois gatilhos na fa daria um bom upgrade neste time.

  • danielzera

    Sei lá, parece que ta meio acomodado esse daí…

  • Mavscelo

    Muito caro pra ser reserva

    • Vitor Martins

      Mas o titular é muito barato, compensa.

  • O problema pro Bucks é que com o Maker entrando no seu segundo ano, e o o Henson voltando de lesão, o Monroe se tornaria mais inútil na equipe, Monroe joga demais ofensivamente mas é uma anta na defesa, sem contar no salário que recebe..

  • Josias De Sá Nascimento

    Boatos colocam Rose no Nicks!
    Será?