Greg Oden reconhece: “Sou um dos maiores busts da história”

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=i2qxkRuMono]

O anúncio da contratação de Greg Oden pelo Miami Heat causou curiosidade e expectativa ao redor da liga em agosto do ano passado. Após quase nove meses, é fácil esquecer que o pivô sequer integra o elenco do técnico Erik Spoelstra. Ele foi trazido supostamente para ajudar os atuais bicampeões a encararem os atletas mais pesados de oponentes nos playoffs, mas, até agora, o reforço foi o único jogador ativo do time a não ter atuado ainda nesta pós-temporada. Muitos podem imaginá-lo cabisbaixo ou descontente no fim do banco de reservas, mas não é assim. Pelo contrário.

“Eu não fui nem um jogador de basquete nos últimos quatro anos. Recebia salários para ficar me exercitando, em recuperação. Gastei todo esse tempo apenas tentando entrar em quadra de novo. Já sabia quando cheguei aqui que não era mais o atleta que fui um dia. Eu só queria estar saudável e, então, ajudar da forma que pudesse”, afirmou a primeira escolha do draft de 2007, que teve a carreira quase encerrada por uma série de lesões, ao site Grantland.

A chegada de Oden parecia ter como objetivo enfrentar um novo embate com Roy Hibbert e o Indiana Pacers nos playoffs. No entanto, o primeiro ensaio não saiu como previsto: escalado como titular em um dos jogos entre os times nesta temporada, ele acabou sendo totalmente dominado pelo oponente. Permitiu oito pontos em seis minutos a Hibbert, deixou a quadra e não voltou mais.

Teoricamente, nada impede que o pivô entre nos minutos finais de partidas já decididas e faça sua presença ser sentida na pós-temporada. Mas, para alguém com o seu histórico de lesões, o preço de jogar em vão pode ser alto demais. “Adoraria atuar vários minutos, mas meu corpo precisa passar por todo um processo para estar pronto e recuperar-se. Não vale a pena fazer tudo isso por um ou dois minutos no fim de uma noite resolvida”, explicou.

Oden tem apenas 26 anos, mas, entre outras intervenções, já foi submetido a três cirurgias de microfraturas no joelho. Sua fragilíssima condição física limitou-o a disputar somente 105 das 558 partidas que poderia ter jogado desde que se profissionalizou. A história do atleta é ainda mais notória porque o segundo selecionado do recrutamento de 2007 foi o ala Kevin Durant, que acaba de ser eleito MVP da temporada.

Ninguém melhor do que o próprio Oden conhece sua trajetória e dificuldades. Consciente de sua história, ele quer apenas estar em paz com suas decisões daqui para frente. “Eu sei que sou um dos maiores busts da história da NBA e isso só vai piorar quanto mais feitos Durant conseguir. É frustrante que, às vezes, meu corpo não possa fazer o que minha mente quer. Mas preocupar-se ou reclamar disso não vai consertar nada. Eu queria poder jogar mais, mas não me arrependo de voltar e ter assinado com o Heat”, cravou, sem se incomodar, no fim do banco de reservas.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • oshiro

    imagina o psicológico desse homem… coitado 😡

  • Vinícius Maia

    Imagine o time que o Blazers teria se tornado se não fosse os problemas físicos de Brandon Roy e Greg Oden. Oden e Lamarcão poderiam se tornar uma das melhores duplas de garrafão que a NBA já viu jogando ao lado de um ala-armador que, hoje, poderia ser o mais dominante da liga com folga. É uma pena que tanto Oden quanto Roy sejam de vidro

    • Big Nose

      Exatamente..esse draft do 2007 eu acompanhei bem, realmente o Oden era um monstro..aposta quase certa. Tinha problemas no joelho, mas eu acreditava q poderia ser tratado, assim como aconteceu com Blake griffin. É realmente uma pena, pq Lilard, roy, lamarcus e Oden seria uma equipe muito forte, montada toda através de draft, o q eu considero mais dificil..

      • Não da pra esquecer que caso Oden tivesse em alto nivel, e o Roy tbm, dificilmente a equipe teria feito aquela campanha pífia que originou damian lillard

      • RodrighoN

        O Lilard acho que foi um presente do nets não foi não?na troca do G.Wallace?Uma pena o cara era para ser dominante mais o Corpo não aguentou.

  • Não foi um jogador mas mesmo parado fez mais dinheiro que muita gente em uma vida toda huaheuhaue tem que reclamar não, só levantar a mão pro céu e agradecer, apesar dos pesares.

  • AlexT-Wolves

    Não acho!!! Tanto ele quanto o Brandon Roy tiveram problemas com lesão e infelizmente não conseguiram se superar. Eu fico muito triste principalmente pelo Brandon Roy que ainda fez sucesso e viu tudo indo pro ralo.

    Bust para mim é Michael Olowokandi, Kwame Brown e Darko Milicic.

    • Concordo, acho que ele foi vítima do próprio corpo, uma infelicidade. Esses que você citou sim, são verdadeiros busts.

  • J. Junior

    Eu tbm nao me encomodaria. Treinando com ngm menos que Lebron James, jogando na NBA, chance de título e ainda recebendo pra isso. Eu jogava fácil kkkkkk

  • Dantas

    Ele nunca vai poder jogar em alto nivel ?

  • simoes12

    Para mim, Greg Oden é a definição perfeita de “Injustiça”.
    Um Center talentosíssimo saindo do College, uma pena que seus joelhos tenham se entregado.

    Dwight Howard não seria ninguém com Oden saudável.

  • Já pensou o Greg Oden com pouco mais de 100 partidas na NBA e com um anel de campeão, coisa q muitos outros grandes jogadores não tem ?
    Mas falando da situação do dele é realmente dose p leão… Mas pelas suas declarações me pareceu uma pessoa muito conciente! Força p ele!

  • William

    Pessoal fala no esquadrão que o blazers poderia ter formado se ele e o roy se mantivessem saudáveis, mas nessas circunstâncias eles dificilmente conseguiriam a pick do Lillard.

    • oshiro

      Acredito que muitos torcedores do Portland aceitariam fácil uma troca do Lillard por Oden + Roy saudáveis!

      • Vinícius Maia

        Nem sou torcedor do Portland, mas um time com um big three formado por Brandon Roy saudável, LaMarcus Aldrige e Greg Oden saudável, quem não gostaria? Acho que até o big three do Miami ficaria para trás perto desse ai

      • oshiro

        Brandon Roy simplesmente mitava. Com meia perna ele detonou o Dallas em um jogo, nos playoffs de 2011. É realmente uma pena… =s

  • Leo

    Deu pena do Oden, se o físico permitisse ele provavelmente seria um All-Star e estaria disputando um título como protagonista.

    Ele certamente está ganhando um bom dinheiro, mas não me parece um homem feliz

    • oshiro

      De fato.. mais um exemplo de que dinheiro não é tudo, certo? =/ pobre Oden

  • Maia-bucks

    Tem q focar em ganhar alguns minutos, de vagar sem correr.

    E qnt a isso fica a dica pro draft. Embiid deve despencar. Tem mock flnd em 7 posicao…

    • Todos os mocks que vejo cravam Embiid entre 1º. e 3º.

  • Coitado do Blazers,poderiam ter Lamarcus e Durant no time,rsrs

  • Celso Cachali Jr

    Nossa pensa LaMarcus e Durant…. no mesmo time… ja tinham sido campeões… Mas o que me deixa mais triste nao é tanto pelo ODEN… e sim pelo ROY… ele era foda… a nivel de WADE e melhor do que HARDEN. Oden por sua vez fez uma carreira universitaria tb monstruosa… mas nao se cuidou como devia…BRANDON… pensem era para ser assim o time do Portland, ROY, DURANT e LaMarcus… afe nao teria para ninguem… hoje aposter em um CENTER é complicado… EMBIID para min tem numeros inferiores a ODEN… nao apostaria nele nunca.