Até se machucar e perder o restante da temporada, o ala Rudy Gay (foto) era considerado o principal jogador do Memphis Grizzlies. Muitos diziam que o time sentiria a ausência do jogador nos playoffs. Porém, o que tem sido visto até aqui é que o Grizzlies eliminou o favorito San Antonio Spurs na primeira rodada e hoje está a uma vitória de chegar à final da Conferência Oeste.

Um rumor forte da imprensa americana aponta que a direção do time de Memphis, impressionada com o sucesso da equipe sem Rudy Gay, estaria propensa a trocar o jogador. Soma-se a isso o fato de Gay ter um contrato “salgado”. Ele vai receber 68 milhões de dólares pelas próximas quatro temporadas.

Outros dois fatores econômicos podem facilitar a saída do ala de Memphis. O ala-pivô Zach Randolph, que vem sendo o principal jogador do Grizzlies na pós-temporada, assinou recentemente uma extensão de contrato no valor de 71 milhões de dólares. E o pivô espanhol Marc Gasol, que também vem se destacando nos playoffs, será agente livre ao fim da temporada. A direção da franquia já falou abertamente que vai fazer de tudo para não perder o jogador e, provavelmente, oferecerá um contrato generoso ao espanhol.

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.