Mar 24, 2014; Charlotte, NC, USA; Houston Rockets center forward Dwight Howard (12) looks to pass during the first half of the game against the Charlotte Bobcats at Time Warner Cable Arena. Mandatory Credit: Sam Sharpe-USA TODAY Sports

A agência livre do pivô Dwight Howard começou a tomar forma nesta terça-feira. De acordo com Marc Stein e Chris Broussard, da ESPN, o agente livre de 30 anos agendou as duas primeiras reuniões com times interessados em seus serviços na offseason: Atlanta Hawks e Boston Celtics. É esperado que outras franquias entrem na disputa por sua contratação nos próximos dias.

O veterano anunciou que testaria o mercado após exercer a cláusula de rescisão automática existente em seu vínculo com o Houston Rockets. A equipe texana ainda fala na intenção de chegar a um acordo para mantê-lo no elenco, mas os supostos problemas pessoais que teria com o astro James Harden tornam a renovação virtualmente impossível.

O Hawks apresenta interesse em Horford – natural de Atlanta – para atuar ao lado ou substituir o agente livre Al Horford, que é pretendido por vários times nesta offseason. Já o Celtics traria o três vezes vencedor do prêmio de melhor defensor da liga para suprir a carência latente de opções de garrafão especializadas em proteção de aro no elenco.

Stein e Broussard apuraram que o Miami Heat seria outra equipe interessada em encontrar-se com o pivô quando começar a agência livre, visando um substituto para Hassan Whiteside. O Dallas Mavericks e Milwaukee Bucks já estiveram envolvidos em rumores ligados ao pivô no passado recente e espera-se que também tentem recrutá-lo.

Howard foi um dos melhores pivôs da NBA nos últimos anos, contabilizando oito convocações para o Jogo das Estrelas e cinco seleções para o quinteto ideal da liga. Na última temporada, pouco utilizado no sistema do Rockets, ele teve médias de 13.7 pontos, 11.8 rebotes, 1.6 tocos e 62% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Sid Payne- Dança muito

    Boaa, Celtics

  • Sou fã do Howard, se tiver cabeça, joga em qualquer time.

  • Thiago91

    Boston está com time mais promissor que já pode render o esperado na próxima temporada. O Hawks não vai sair daquilo que vem mostrando nas últimas temporadas.

  • Juka

    Acho que é o encaixe que o boston estava precisando!

  • Rodrigo Silva

    Boston precisa de Al Horford, não do D12

  • pedrokadf

    ” O Miami Heat seria um dos candidatos, caso perca Hassan Whiteside. ”
    Foi oq eu pensei rs

    • Thiago91

      Ali o peixe é maior…criar atrito com Wade é expulsão da franquia, hahahaha,

      • pedrokadf

        kkk né

  • Galvão – EL HEAT🔥 #305

    Howard a cada ano que passa tá mais pesado e mais desenteressado.

  • Alex Vilela

    Qual será a próxima franquia a cair no conto do pivô dominante de Orlando?

    • Michel Moral

      Do jeito que o pessoal gosta do Howard, parece que se ele for para o Nets vai transformar o time num contender!

  • Victor Cabral

    Seria ótimo em Boston! Se fecha uma dupla com Horford, ia ficar mais top ainda.

  • drakes

    Eu acho mais coerente pelo estilo de jogo, D12 em Atlanta, sobre o Boston pode estar entrando como facilitador de uma triangulação que pode ser Atlanta ou principalmente Bucks.

  • Danilo Veroneze

    vem teddy bear

  • – Tiago

    Ia ser uma boa para o Celtics

  • Alfredo Carlos Soares Dutra

    Se o Atlanta Hawks renovar com o Al Horford, não vejo necessidade da contratação do Dwight Howard. Além disso, ultimamente, Howard parece estar em declínio técnico e com a saúde problemática. Se ele concordar com a reserva e com um salário abaixo do que ganhava no Houston, aí sim, a contratação seria viável.

    • Michel Moral

      Tudo que vc colocou é praticamente impossível.

      O Hawks não vai fechar com dois pivôs. É um ou outro.

      E jamais Howard irá para algum lugar para ser reserva, muito menos para ganhar salário baixo.

  • Rodrigo Oliveira

    Me surpreende essas médias dele na última temporada. tinha jogos que ele só arremessava duas vezes.

  • Paulinho Sérgio

    Aí sim Celtics. Brad vai tirar o máximo desse cara.

  • Michel Moral

    Essa ideia de que Howard não rende mais porque é brigado com o Barba, eu não engulo!

    Historicamente sempre existiram times campeões e de sucesso com craques que mal podiam se olhar. Isso em praticamente todos os esportes. Claro que na hora da renovação de contrato, como é o caso, isso pesa, mas não que o cara não rende por conta disso.

    E sobre a tese dos que dizem “olha, ele precisa jogar em outro sistema de jogo”. Tudo bem, isso é importante e faz diferença. Mas convenhamos que com esquema tático favorável, até jogador ruim joga bem! Jogador top de linha faz seu trabalho acima da média de qualquer jeito. Se a gente colocar ele no Warriors ele vira All Star, pode ser DPOY… E quem não né?!

    D12 tem médias excelentes. Porém, quem vê stats não vê o desperdício de talento que ele é.

    Problema de lesão? OK. Grant Hill só não foi talvez um top 5 SF all time por causa de lesões. Mas foi top 5 all time? Não. Então, acabou.

    • Eu acho que é um combo de tudo, problema com Harden, esquema ruim para ele, e birra. Treta com o Harden, muito provavelmente por motivos egocêntricos, o esquema não o favorece, ele recebe cada vez menos a bola, ai vem a birra, isso o desmotiva e ele jogou a última temporada por obrigação. Enfim, bom jogador mas nunca foi um líder, e sempre foi cabeça de vento. Deveria tomar vergonha e parar de frescura afinal seu auge físico já está chegando ao fim.

      • Michel Moral

        Essa história de não passar a bola, eu acho um pouco questionável.

        Jogador que quer a bola, reclama. Não nos microfones no pós jogo para jornalistas. Jogador que está puto que não recebe a bola esperneia e xinga dentro de quadra. Reclama para o companheiro, expõe isso em reunião com o time. Se o Howard fez isso alguma vez, deve ter sido tão isolado e insignificante que nem dá para considerar que ele de fato o fez. E isso tem acontecido desde os tempos de Lakers.

        Então, eu penso assim: eu não tenho “peninha” de jogador mole. Mole de personalidade!

        Se está realmente puto por não ter a bola, quando a bola chega não passa! Simples assim. Faça tudo sozinho. A partir desse momento o problema é do técnico, que vai ter que administrar a situação e punir quem não estiver jogando para o time.

        E o técnico está lá para que? É um espantalho?

        Lembro que Edmundo e Evair não podiam nem se olhar em 97 ou 98, quando jogavam pelo Palmeiras. O Edmundo chegou a declarar que quando fazia uma jogada de linha de fundo, se visse o Evair na área, mesmo sem ângulo, batia direto para o gol! resultado: os caras foram campeões de tudo.

        Quando a conversa é de nego ruim, tudo bem, tem que abaixar a bola do rapaz. Agora, estamos falando de um pivô que é um dos melhores dos últimos anos, com médias superiores a 60% de FG.

        Pra mim, isso não cola.

        • Concordo com tudo, não defendo o Howard não, só tento interpretar o que se passou em Houston, e o que melhor define o problema é o que o Kobe disse pra ele, “soft”. É isso que o Howard é, nunca foi de fato um líder, sempre foi mimado, e nunca aceitou a posição de número 2, nem nos Lakers e muito menos nos Rockets onde ele não previa o crescimento do Harden e tinha a convicção de que seria o astro do time.

          Embora eu também não possa deixar de criticar o Harden, acompanho essa liga desde 2001 e ele é um dos mais incompetentes que eu já vi para envolver os companheiros ao invés de apenas monopolizar o jogo.