“Hoje, Celtics não é um time tão bom quanto se anuncia”, alerta Brad Stevens

A temporada sequer começou e Brad Stevens já parece muito preocupado com o desempenho do Boston Celtics. Após a derrota contra o Cleveland Cavaliers, na terceira partida da pré-temporada, o jovem técnico fez questão de diminuir a empolgação em torno da equipe criticando a postura do elenco. Sobra talento, mas, para o treinador, ainda falta mais assertividade no trabalho da equipe.

“Não temos chance de dominar adversários baseados apenas no talento. Hoje, nós não somos tão bons quanto se anuncia por aí. É evidente que trabalhamos muito, mas isso não se traduziu dentro de quadra ainda e significa que precisamos fazer melhor. Não poderia estar menos impressionado. Pelo menos, temos consciência de que só tivemos uma semana de treino ainda”, alertou Stevens, em entrevista coletiva depois do jogo.

Como em qualquer duelo de pré-temporada, o Celtics não usou sua rotação regular provável ao longo da noite. O astro Kyrie Irving foi poupado do compromisso e o seu substituto, Terry Rozier, foi o único titular que esteve em quadra por mais do que 15 minutos. A minutagem também foi influenciada pelo ótimo primeiro tempo do Cavs, que foi para o intervalo já com 17 pontos de vantagem.

“Nós não jogamos com o esforço e garra que estamos acostumados hoje. Eu acho que é isso que chamou a atenção de Brad. Vamos chegar ao nosso melhor, mas não acontece do dia para a noite. Leva tempo. Está levando mais tempo do que esperávamos e gostaríamos para acertar as coisas, mas vamos resolver tudo”, assegurou o ala Jaylen Brown, que marcou dez pontos no confronto.

Com a saída de LeBron James do Cavaliers, o Celtics tornou-se claro favorito ao título do Leste na próxima temporada para a maioria dos torcedores e analistas. A equipe, desfalcada dos astros Irving e Gordon Hayward, já havia forçado o time de Cleveland a fazer uma série de sete jogos nas finais de conferência deste ano, ficando a apenas uma vitória de chegar à decisão da NBA.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Nada para se preocupar, na regular as coisas mudam.

  • Constantino

    Por isso digo e repito: Lakers, com nosso núcleo jovem, é time para ser respeitado.
    Os próprios verdes, que realmente possuem um bom time, não deram mostras que estão tão a frente assim da concorrência, embora joguem no leste para efeito de comparação.
    Ainda assim é pré-temporada, e o que menos importa é o resultado. Dito isso, para falar do maior de todos, já percebemos melhoras no primeiro quarto do segundo jogo contra o Denver. Lebron, já sabendo de sua atual contribuição usando o manto sagrado, mesmo jogando de segunda marcha já da mostras claras de seu potencial, ou seja, essa temporada jogará no modo MVP.
    Rondo cerebral, comandando e organizando nossa equipe.
    Ingram mágico como sempre, auto-confiante como nunca.
    McGee como uma grata surpresa, tem tudo para fazer a melhor temporada de sua carreira.
    Kuzma e Hart para comandar nossa segunda unidade.
    Em resumo, tendo como parâmetro a performance dos verdes, da pra cravar o Lakers indo muito longe esse ano. Basquete se ganha jogando, e nesse quesito o Lakers tem potencial para jogar demais!

    • Ramon

      Constantino constantemente concordando em nos fazer rir

    • Marcio

      tu sera metralhado por essas palavras… Alias falou muito bem.. Ja tem 2 digitando.

      • Constantino

        Tento ser ao máximo imparcial.
        Mas a galera odeia o fato de o gigante ter acordado.
        Prevejo felicidades para nossa franquia em um futuro próximo.

        • Marcio

          Sim e como odeiam o Lakers…

          • Constantino

            Serei honesto, cansei de tankar.
            Agora estamos próximos da desforra.
            Prevejo dinastia “roxa e dourada”

          • Guy de Lombard

            Ninguém odeia o Lakers, isso seria odiar o próprio basquete. O que muitos odeiam são os torcedores chatos.

        • Chimbinha “o banido”

          Tu é completamente imparcial

    • Beto cargnin

      Hahaha.
      Sempre se superando.

      • Constantino

        Diga pq, por favor.

    • Claudio R.

      calma cara com as expectativas…. mas acho que o lakers vai jogar melhor qque muita gnt ta prevendo, e acho que fica entre 3º e 5º na conferencia, e pode dependendo do cruzamento chegar na segunda rodada dos offs com chance de passar pra final de conferencia…

      • Constantino

        Claudio, são expectativas realmente.
        Mas não vejo motivo para não tê-las.
        Se o maior de todos não trombar com o Warriors antes da final, não confio em qualquer outra equipe para nos bater nos offs.
        Equipe com extremo potencial nós possuímos.
        Olha o quarto memorável que fizemos ontem.
        E no pior cenário, na próxima temporada teremos Ingram já “desenvolvido” além de um top All Star ao lado de Lebron (K.Leonard ou Davis).
        Não tem porque não ser otimista.

        • Beto cargnin

          Viu.
          Se superou denovo.
          Preciso nem dizer pq.

      • Michel Moral

        Lembrando só que previsão é feita com um conjunto de situações.

        O Lakers, na teoria, não tem um time coeso e jogadores que se completam.

        O Lakers, na teoria, só tem o LeBron James como um jogador testado e pronto.

        O Lakers contratou vários jogadores que, há pouco tempo, ninguém queria nem para compor elenco, como Rondo, Stephenson, McGee e Beasley. Claro que todos eles tiveram uma temporada de redenção e voltaram à tona no cenário do basquete, mas ainda precisam ir além para passar segurança.

        Então, eu vejo que as previsões são pautadas por essas questões, mas tem o contraponto.

        Os jovens estão se desenvolvendo, principalmente Ingram e Kuzma. Existe uma grande expectativa sobre o Ball…

        E, por fim, tem o fator LeBron, que aí não nos permite duvidar de nada.

        Não acho um absurdo alguém cravar o Lakers como um time que brigará por mando de quadra na temporada regular, mas vejo de forma muito otimista e até improvável.

        Hoje, pra mim, uma vaguita na pós-temporada, está de bom tamanho.

        Quando o Rockets se desfez de D12,muita gente apontava para um time de tank… Já estavam pedindo para negociar Harden e tudo mais. E foi exatamente ali que o time cresceu e chegou a disputar as melhores campanhas. Ou seja, existe exceção a regra. Mas apostar na exceção é difícil.

        Se pegar minha previsão do confronto Blazers x Pelicans dos playoffs, vai ver que apostei no Pelicans (4×2). Todo mundo me xingou de louco e eu até entendo por isso. Mas não acho que apostaria nesses resultados como regra.

        • Guy de Lombard

          Acho que o time até o final da regular estará bom, o problema é a quantidade de jogos que pode perder até dar liga. No oeste, isso pode fazer a diferença para o mando de quadra.

    • Guilherme

      Admiro seu otimismo, camarada.

      • VictorLakers

        Admiro quem le ou leva a serio um comentario de um cara desses. Meus sinceros parabens

        • Guilherme

          Não ler é impossível, levar a sério já é outra questão. Eu não levo, então é melhor tirar na boa do que discutir ou xingar o cara.

        • Constantino

          Não entendo o porquê de não ser levado a sério.
          Por exemplo, ao menos não tenho nenhuma intenção de me enganar com o “Zonzo”.

    • Vitão Lakers

      Os haters safado vão se doer bastante, e eles merecem. Mas você forçou um pouco mano, não dá pra cravar absolutamente nada por pré temporada. Aliás, essa declaração do Stevens não é nada mais do que um puxão de orelha no grupo. Até porque essa molecada dos Celtics tem jeito de achar que tem o rei barriga, principalmente o Tatum que chuparam o saco dele até dizer chega nessa offseason.

      • Constantino

        Sim, como disse acima, em pré-temporada o que menos importa é o resultado.
        Mas serve muito para analisarmos a maneira como a equipe se porta. Serve também para percebermos o quanto nossa segunda unidade tem profundidade ofensiva, e como Luke é péssimo nas rotações.
        Stevens fez o certo sim (em minha opinião é top 3 na liga), e gosto demais do estilo do Tatum (de fato acho que o garoto vai longe). Ainda assim, Ingram tem muito potencial, e aposto no nosso moleque comandando a NBA em 3 ou 4 temporadas.

        • Thiago Pinto

          Te proponho uma aposta. Volte aqui daqui a 4 temporadas e o Ingram não será top-10 da liga.

          • Constantino

            Ingram possui um teto elevadíssimo.
            Em 4 temporadas coloco ele no top 3 tranquilamente, já imaginando a natural queda de Lebron, Durant e Kawhi.

          • Thiago Pinto

            Irving, Davis, Grego, Simmons, Mitchell, Tatum, Embiid, KAT,…isso só para ficar nos óbvios. Ingram vai ter que comer muito feijão com arroz…

    • Jefferson Cavalcanti

      Segura o cu Warriors.

      73-9 ameaçado.

      Varrida na final do oeste.

      Ingram vai por o Durant no bolso.

      • KyrieMVP- caçador de clubista

        Quem discordar eh clubista. Lonzo ball melhor que curry.

      • Vitão Lakers

        Ir longe não quer dizer destronar o Warriors ow clubista zé ruela.

        • Jefferson Cavalcanti

          kkkkkkkkkkk Eu sei, mas leia o texto do seu companheiro de torcida:

          “Rondo cerebral, comandando e organizando nossa equipe.
          Ingram mágico como sempre, auto-confiante como nunca.”

          é tanta empolgação que fica engraçado.

          • Vinícius Maia

            Também achei esse “Ingram mágico como sempre” bastante forçado. O do Rondo até dá para relevar porque, quando o Rondo quer, ele é monstro mesmo na organização do ataque, mas Ingram mágico foi bastante forçado, até porque quando eu vejo um termo como esse sendo utilizado para falar de um jogador, eu penso num jogador muito fora da curva que, não apenas joga muito, mas apresenta algum tipo de inovação, tipo Jokic que é um pivô, mas tem uma habilidade talvez nunca vista num pivô para passar e envolver os companheiros no jogo ou Curry com seu volume e aproveitamento fora do comum nos arremessos de três.

            Ingram ainda está longe de ser um jogador acima da média, o que dirá “mágico” kkkkk.

  • KyrieMVP- caçador de clubista

    Q comentário desse Constantino. Pqp. Lakerianos e sua demência. Vai pro lakers brasil cara, um comentário desse la ia ganhar uns 25 votos positivos. Olha a foto do nick desse cara tbm.

    • Constantino

      Oq tem contra o Shaq?
      O cara foi monstruoso demais!

    • Vitão Lakers

      Toma no seu cu ow clubista safado.

    • Marcio

      E qual foi o comentário dele?? Alias vc fala da foto do cara e usa um nick bizarro desses. Poderia segura o choro ne verdinho.

    • Yan

      só bloquear

  • Michel Moral

    O Celtics hoje é um time completo. Tem estrela, tem elenco, tem técnico, tem GM, tem regularidade…

    Acho que os caras têm que escolher entre duas situações agora:

    1 – confia e espera que os jovens vão se tornar estrelas. Entre eles, os principais: Jaylen Brown e Tatum. Com Smart e Rozier evoluindo muito também; ou

    2 – faz “pacotões” com pelo menos três desses nomes, mais alguns caras que acabaram valorizados como, por exemplo, Baynes e Morris, para tentar trazer pelo menos mais um jogador de elite. Isso, claro, contando com uma renovação de contrato camarada de Horford na próxima offseason (o que eu acho bem provável de se acontecer para ter cap space para mais um grande jogador.

    A primeira opção é muito boa. Foi assim que o Warriors construiu a base vencedora que tem hoje. Aqui as chances de uma dinastia ou muitos anos de sucesso é maior.

    Já na segunda, a questão é imediatista. Aproveita para montar um big three e bater de frente com o Warriors.

    • Jefferson Cavalcanti

      Eu ficaria com a primeira opção. Não porque eu sou paciente, um lorde com visão de futuro e planejamento a longo prazo. Mas, porque eu acho o Warriors imbatível neste momento.

      O Rockets não tem escolha a não ser o imediatismo. Ou briga agora, ou a janela pro título se fecha. O Celtics pode esperar pelo menos dois anos. Não vale a pena perder jovens jogadores excelentes por ter uma chance de brigar com um time tão bom.

      É melhor o Ainge esperar o problema. Quero dizer que não tem sentido trocar os jogadores porque vai faltar espaço pra alguém e os jogadores vão ficar insatisfeitos. Espera isso acontecer.

      Brown deve ser o primeiro a perder espaço, quando ele ficar insatisfeito e se ficar insatisfeito o GM vê o que pode fazer

      Tatum eu acredito que vá continuar jogando por muito tempo.

      Rozier a decisão é só no ano que vem. Se o Irving for embora renova, se ele ficar vê o que faz também. Mas é claro: só no ano que vem.

      • Vinícius Maia

        Isso sem falar que, em dois anos, além dos jovens se desenvolverem mais, pelo menos um dos dois astros deve crescer mais (Irving). Irving ainda é jovem, não acredito que já atingiu seu teto. Ele pode alcançar vôos mais altos no futuro próximo.

      • Michel Moral

        Eu também apostaria nos jovens.

        Acredito também que isso de perder o espaço possa acontecer, principalmente com Brown e Rozier. É algo muito mais natural do que uma falta de reconhecimento. O Barba buscou espaço dele, T-Mac, entre outros. Claro que cada um com a sua história, mas cada um seguiu seu caminho.

        Também não acredito que algum time da NBA seja capaz de derrubar o Warriors. Pelo menos não enquanto o Durant estiver lá.

        Mesmo que o Celtics traga, supondo, Anthony Davis e Kawhi Leonard, isso não o torna mais favorito do que o Warriors, apenas daria esperança. Lembrando que a chegada desses nomes fatalmente provocaria a saída de outros.

    • Celtics pride

      Creio que a primeira opção, mesmo movendo todos esse jovens em trocas por um AD e outro qualquer all-star não vejo muitas chances de vencer o GSW em 7 jogos então Ainge vai na primeira opção mesmo kkk

  • KyrieMVP- caçador de clubista

    Analisando friamente e sem influencia do lakinho, essa declaração foi apenas para acordar o time. Baixar a bola dos jogadores. Boston é MUITO superior aos times do leste e só um desastre(lesões) tira o celtão da final esse ano.

  • LeBrOSMAN #YoungBull

    Eu concordo com o Stevens. O Celtics em seu 3º jogo de pré-temporada poderia ter mostrado mais, principalmente no ataque, enquanto o Cavs ainda estava fazendo sua primeira partida.
    Talvez seja precaução dos próprios jogadores em ñ se desgastarem demais na pré-temporada, já q o Celtics foi uma das equipes q mais sofreram com lesões na temporada passada, e focar na temporada regular

    • Claudio R.

      ta todo mundo com medo de se machucar isso sim… eu acho que o celtics por ja ter jogado juntos a 2 anos ( a maioria) ja deveria ter um sistema de jogo que permitisse mesmo em marcha lenta produzir jogos dificeis pro adversario msm em pre temporada… mas…. A NBA é boa por isso, nada é o que parece

      • Michel Moral

        O grande problema nesse ponto (lesão) é o Kyrie.

        O Hayward vem de uma lesão séria, claro, mas não é um jogador com histórico. Não sou médico, porém, tenho por base o que aconteceu com Paul George, que teve cuidado na recuperação e não teve maiores problemas.

        Agora, o Irving é um Dwyane Wade da vida. A carga de jogos sobrecarrega demais. É o cara que se vai ter jogo contra um Knicks, um Suns, um Bulls, é melhor aproveitar e poupar.

        Mas esse “receio” de lesão não pode atrapalhar também. A continuidade é fundamental para atuar em alto nível. Às vezes uma redução de minutos resolve o problema.

  • Zé Bocão

    Nos ultimos 2 anos, sempre comentei com frequência aqui no Jumper. Gostava bastante, pois haviam pessoas sensatas, com comentários interessantes e debates enriquecedores.
    Claro que sempre houve aqueles que faziam comentários surreais ou que não entendem nada de basquete, mas na sua grande maioria os comentários eram feitos por gente que gostava, entendia e tentava deixar uma contribuição sensata.
    Desde que o lebron assinou com o lakers isso aqui virou um inferno, apareceu um tanto de gente alucinada, sem noção e que nada contribue com o site. Está realmente muito difícil continuar lendo e comentando por aqui.

    • Ah mano, cale a boca. Lakers campeão!

      Brincs. Acompanho o site há muito tempo e concordo com o que você tá falando.
      Na realidade acredito que já desenvolvi um filtro potente contra esses comentários de baixo calão… eu passo o olho, dou uma risada ou me estresso de leve (rs) e sigo acompanhando os comentários. Tem que amar o esporte e o site pra continuar firme mesmo. Abraço aew.

      • Vinícius Maia

        Para de disfarçar oshiro. Você também é da turma do Lakers é Lakers kkkkk

    • Guy de Lombard

      Concordo e faço um adendo: eu voltei a acompanhar a NBA pq estava cansado de torcedores de futebol. Infelizmente, há aqueles que vem aqui com a mesma mentalidade.

  • Brockbell

    Brad se mostra um cara pé no chão. Sabe que o time tem limites,e joga sabendo de suas fraquezas, por isso esse time chega longe. Tem muito técnico e jogador que fala cada burrice, “Sou o melhor, me time é o melhor não se pode desprezar…”
    Eu vi esses dias jogador do Cav falando que o time continua sendo favorito da conferência!!! Onde? Quando Lebron carregou nas costas?
    Eu valorizo esportista que sabe seus limites, baixa a cabeça e treina quando tem que treinar, e levanta sua bola depois do resultado.

  • M.

    Conversa pra boi dormir, para os times não focarem muito no Celtics.
    Kerr também faz muito isso, exalta o adversário para levantar e depois da o golpe.
    Mas pode ficar tranquilo, Warriors está ligado nesse papo, o Exodia só vai ser revelado nos offs.

  • Iverson

    Humildade
    O segredo do sucesso dos grandes

    • Só vou ressaltar a ironia do conteúdo do seu comentário com o seu username kkkk

      • Vitor Martins

        hahahahahaha

      • Ser_Humano_Vivo

        Pra quê isso ? O cara é xará de um dos jogadores mais humildes da história da NBA. Não entendi onde está a ironia. /s

  • Victor Chittolina

    Eu acho que a enorme pressão sobre o time é devido ao fato de estar escrito “Celtics” no mítico uniforme verde e branco. É o time com mais títulos, acostumado à glória, a ter grandes jogadores, mas não custa lembrar que o patamar alcançado peli time hoje era algo impensável quando a reconstrução começou.

    A gente tem que lembrar que o último time candidato ao título tinha 4 All Star (Pierce, Allen, Garnett e Rondo), sendo que 3 deles são ou serão imortalizados no HoF. Não foi um time mediano perdendo uma peça. Foi um grande time perdendo jogadores históricos, no que parecia ser uma manobra questionável e acabou se tornando uma tacada de mestre.

    Hoje, o time conta com 3 AS provados (Irving, Hayward e Horford), além de alguns jovens talentos dos mais promissores (principalmente Tatum, mas também Brown e Rozier). Se não bastasse, tem jogadores versáteis para várias posições.

    Se é um time com uma mescla de experiência e juventude, todos com muito talento, ainda é um time que foi reformulado a uma temporada e que, se excedeu às expectativas chegando a um jogo 7 de final de conferência, ainda temos que relevar que teve esse “sucesso” em um leste muito fraco, que o seu maior adversário era um jogador, não um time.

    Talvez o Stevens faça essas ressalvas para proteger o elenco dessa hype criada em um cenário não ideal. Ninguém sabe ao certo quão bom pode ser esse time. Pode ser que seja ótimo e isso pode ser uma decepção quando todos esperam excelência.

    Eu, particularmente, acredito que seja um contender “de verdade”, mas não custa ter cautela e paciência pra ver o resultado final.

  • Jack

    Acostumado a ser puta do Cavs recentemente… aí mesmo sem o Papai apanha 😂

  • Guilherme Petros
  • felipe fernando Oliveira

    É esperar pra ver. Mas é impressão minha ou após saída de.Lebron os técnicos mostram seu valor. Vide Erik spolstra

    • Vitor Martins

      Spolstra já era bom COM o LeBron. Claro que ao piorar o time e ele conseguir tirar mais de jogadores medianos fez ele ser mais reconhecido, mas isso que ele era ruim foi criação de Agra e Zé Boquinha. Chegaram até dizer que ele era fantoche do Pat, o que NINGUÉM nos eua falava.

      • dirct

        Não é bem assim né, na época do Lebron no Heat Spolstra não era considerado um bom técnico mesmo nos EUA, após a derrota para o Dallas ele “apanhou” muito da mídia norte americana e esteve perto de ser demitido sendo bancado pelo Pat no final, tanto é verdade que assim como Lue Spolstra mesmo com um time campeão não estava entre os favoritos para nenhuma premiação para técnicos na época, ele era considerado “o cara no lugar certo e na hora certa”, o reconhecimento só veio após aquele Heat campeão se desmanchar.

    • Guy de Lombard

      Com um jogador como LeBron no time o técnico não tem muita margem de manobra, não é? E não é culpa do cara ser tão bom.

  • dirct

    Isso foi apenas uma maneira educada do Stevens dizer: “Por**a Smart! passa a bola cara***ho vc nao é o Curry!”

    Acho que ele quis dizer isso na verdade.

  • Gabriel Queiroz Miguel

    minimizando a pressão, falando pros reservas melhorarem “porra, perder pra um time treinado pelo Ty Lue”

  • Rafael Victor

    Técnico consciente!

  • Poli Canassa

    Senhoras e senhores, está aí o verdadeiro FP do Celtics, atualmente: Brad Stevens.
    O cara já tirou leite de pedra e continua provando que não só é inteligente, é consciente.

  • PatrickLakers

    Declaração pra tirar a pressão do time, papo furado, se não ganhar essa conferência de NBB nessa temporada vai ser um fracasso.

    • César WESTBROOK

      se o lakao n ganhar a nba com os jovens mais talentosos de todos os tempos sera fracasso tb?
      HAHAHA

      • PatrickLakers

        O papo nem é sobre o Lakers e vem um retardado falar sobre, depois ficam putos quando chamamos de haters.

        • César WESTBROOK

          naum colega
          vcs sempre se acham maiorais
          se axam no direito de avacalhar inclusive chamando a conferencia leste de nbb
          mas se falar dos jovens de diamante sai de baixo

          • PatrickLakers

            Os próprios torcedores de times da conferência leste acham a conferência fraca, não tem nem comparação uma conferência com a outra.
            PS: Continua citando o Lakers sem ter nd ver com o assunto.

          • Will #lakaodamassa

            Além de hater, é analfabeto.

  • Baiano

    Pré-temporada

  • Gabriel De Oliveira Meira

    A conferência tá ficando mais forte, há a possibilidade de Butler ir pra lá. Concordo com ele, mas ainda sim acho que Celtics leva…..

    Uma surra do cavs! Kkkkkk freguês é sempre freguês, tem sempre razão! Mas quem fica com o lucro é o patrão! Go Kevin Love 28 PPG!