Jaylen Brown quebra recorde de mais de 60 anos no Celtics

O ala Jaylen Brown quebrou uma marca histórica do Boston Celtics no segundo jogo da série contra o Milwaukee Bucks. Aos 21 anos e 175 dias, ele tornou-se o jogador mais jovem da história da franquia a marcar 30 pontos em uma partida de playoffs nesta terça-feira. O recorde era mantido pelo lendário Tom Heinsohn por mais de seis décadas – mais precisamente, desde 23 de março de 1957.

Para o terceiro selecionado do draft do ano retrasado, sua atuação reflete o espírito do time nos últimos meses de campanha e entrando na pós-temporada. “Eu estou mais confiante do que nunca. As pessoas em geral vêm descartando nossa equipe desde o início da temporada e, diariamente, estamos provando que estão errados. Então, é só isso que seguiremos fazendo”, garantiu Brown, que marcou exatos 30 pontos na vitória, convertendo 12 de 22 arremessos de quadra.

Heinsohn, de 83 anos, estava no ginásio acompanhando o confronto como um dos analistas da transmissão de uma rede de televisão de Boston. Questionado sobre a quebra do seu histórico recorde, o membro do Hall da Fama como jogador e técnico encarou a situação com bom humor – até porque reconheceu sequer se lembrar de quando ou em que jogo havia estabelecido a marca.

“Cara, eu nem lembro disso. Quem lembraria? Disseram-me que foi em Syracuse, contra o Nationals. Foi 1957 ou algo do tipo. Eu não sabia mesmo. O que importa mesmo é que Jaylen vai ser um superastro nessa liga, um all-star mesmo, assim como Jayson [Tatum]. São dois fantásticos competidores e formam um incrível núcleo em torno do qual construir um elenco vencedor”, elogiou a lenda celta.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Paulo Henrique

    Joga demais, no auge vai ter médias de 20 ppg. Só tem q evoluir esse FT que é ridículo

  • Um excelente jovem. Marca muito bem, tem atleticismo e sabe encestar quando é necessário. Futuro de Boston é brilhante, ainda mais com o Greg Poppovich do futuro.

  • Alex Alves

    O que mais curto nele é a a força mental, vamos provando diariamente rsrs. Acho que se tiver espaço na próxima temporada já joga próximo aos 20 ppg.

    • Rogério Rodrigues

      Proxima temporada acho dificil alguem mais alem do Irving ter mais de 20ppg, talves o Hayward tbm.
      Irving 25, Hayward 20, Brown 18, Tatum 15, Horford 12, Morris 12, Rozier 12, fora outros que se destacaram como Theis, Larkin entre outros que podem agregar.
      Só ai já deu 114pts, por isso acho que eles terão uma media um pouco mais baixa.
      Mas todos eles tem potencial pra pontuar mais do que estipulei, só que o Brad sabe rodar bem o time e não precisa dar muitos minutos pra ninguem.

  • Renato

    Entendo a hype ligada ao Sixers ate pq sou fã do Embiid e reconheço o talento do Simmons, mas este Celtics a partir do ano que vem ninguém segura. Imagina essa equipe com mais 2 All Star. Como alguna brincam e o GSW do leste, so que tem um técnico ainda melhor

    • Bruno Ribeiro-76ers

      Imagina os duelos épicos que podem ocorrer entre os dois times nos próximos anos, mas reconheço que o Celtics está à frente se os garotos, de ambos os lados, evoluírem como a gente imagina…

  • Diego Costa

    Tudo pra virar um dos melhores two way players dessa liga. Defende, pontua e tem um atleticismo acima da média.

  • Kaio_

    futuro all star.

  • Vitor S.M.

    O ponto positivo dessa temporada é que as lesões do Hayward e agora do Irving impulsionaram o amadurecimento precoce dos mais novos. Como já disseram abaixo, próxima season promete, com o ganho de dois AS no elenco. E o Brad Stevens é formidável.