(22-20) Oklahoma City Thunder 88 x 104 Minnesota Timberwolves (27-16)

O Minnesota Timberwolves recebeu o Oklahoma City Thunder e saiu com a vitória. Após dois quartos equilibrados, a equipe se sobressaiu e ficou à frente até o fim, em noite produtiva de Jimmy Butler, Karl-Anthony Towns e Andrew Wiggins. No lado do Thunder, Westbrook carregou a equipe, enquanto Paul George e Carmelo Anthony sofreram com o aproveitamento nos arremessos.

Westbrook começou a partida em um ritmo muito intenso e já começou a se destacar nas estatísticas desde o início. As equipes ficaram próximas no primeiro quarto e foram para a segunda etapa empatados. Após um início de segundo quarto com aproveitamento muito baixo nos arremessos, as equipes conseguiram se encontrar. Westbrook e Carmelo Anthony lideraram de um lado, enquanto Karl-Anthony Towns e Wiggins se destacaram do outro, mas o equilíbrio permaneceu e mais uma vez um período acabou empatado: 47 a 47. 

Após o intervalo, as coisas mudaram. O Twolves passou a se sobressair no jogo e a se distanciar no placar, muito por conta de Jimmy Butler, que após um primeiro tempo discreto na pontuação, anotou dez pontos e liderou a equipe no período. O Thunder tentava se manter no jogo e impedia que uma diferença irreversível fosse construída, mas os donos da casa foram para o período final vencendo por 11 pontos de vantagem.

O último quarto serviu para o time de Minnesota confirmar o melhor momento e aumentar ainda mais sua vantagem. Uma enterrada de Towns, com seis minutos para o fim da partida, deixou o Twolves 15 pontos na frente. A equipe soube administrar o resultado e Butler comandou as ações no fim, garantindo o resultado positivo.

Destaques

Oklahoma

Russell Westbrook: 38 pontos, dez rebotes, cinco assistências, quatro roubos de bola
Carmelo Anthony: 15 pontos
Paul George: 13 pontos, seis rebotes, quatro assistências
Steven Adams: oito pontos, oito rebotes

Minnesota

Jimmy Butler: 26 pontos, oito assistências, sete rebotes, quatro roubos de bola
Andrew Wiggins: 19 pontos
Karl-Anthony Towns: 18 pontos, 12 rebotes
Taj Gibson: nove pontos, cinco rebotes


(15-28) Dallas Mavericks 115 x 111 Charlotte Hornets (15-24)

Destaques

Dallas

Harrison Barnes: 25 pontos, 11 rebotes
Yogi Ferrell: 22 pontos, quatro rebotes
Dirk Nowitzki: 19 pontos
Dennis Smith Jr: 15 pontos, seis assistências
J.J Barea: 12 pontos, seis rebotes, cinco assistências

Charlotte

Kemba Walker: 41 pontos, quatro assistências, três roubos de bola
Dwight Howard: 15 pontos, 12 rebotes, quatro tocos
Jeremy Lamb: 12 pontos, quatro rebotes
Michael Kidd-Gilchrist: 11 pontos, quatro rebotes


(17-24) Utah Jazz 107 x 104 Washington Wizards (23-18)

Destaques

Utah

Ricky Rubio: 21 pontos
Ekpe Udoh: 16 pontos, nove rebotes, quatro tocos
Donovan Mitchell: 16 pontos, cinco rebotes, quatro assistências
Joe Johnson: 16 pontos, quatro rebotes, quatro assistências, três roubos de bola
Joe Ingles: dez pontos, seis assistências, cinco rebotes

Washington

John Wall: 35 pontos, 11 assistências, seis rebotes, três roubos de bola, oito erros de ataque
Bradley Beal: 23 pontos, sete assistências, cinco rebotes, cinco erros de ataque
Otto Porter Jr: 14 pontos, seis rebotes, três roubos de bola
Kelly Oubre Jr: 12 pontos, seis rebotes


(22-18) Detroit Pistons 114 x 80 Brooklyn Nets (15-26)

Destaques

Detroit

Andre Drummond: 22 pontos, 20 rebotes, cinco assistências
Tobias Harris: 22 pontos, quatro rebotes
Dwight Buycks: 17 pontos
Avery Bradley: 13 pontos, cinco assistências
Luke Kennard: 13 pontos, seis rebotes

Brooklyn

Allen Crabbe: 20 pontos
Rondae Hollis-Jefferson: 15 pontos, sete rebotes, três roubos de bola
Caris LeVert: 12 pontos, cinco rebotes


(24-17) Miami Heat 114 x 106 Indiana Pacers (21-20)

Destaques

Miami

Goran Dragic: 20 pontos, nove assistências
Hassan Whiteside: 16 pontos, 15 rebotes, quatro tocos
Wayne Ellington: 15 pontos, cinco rebotes
Bam Adebayo: 15 pontos, cinco assistências
Tyler Johnson: 15 pontos, cinco rebotes
Josh Richardson: 14 pontos, quatro assistências
Kelly Olynyk: 11 pontos

Indiana

Victor Oladipo: 26 pontos, sete rebotes, quatro assistências, três roubos de bola
Domantas Sabonis: 18 pontos, sete rebotes
Lance Stephenson: 15 pontos, oito rebotes, quatro assistências
Bojan Bogdanovic: 15 pontos, seis rebotes
Thaddeus Young: 12 pontos, nove rebotes


(15-27) Chicago Bulls 122 x 119 New York Knicks (19-22) (2OT)

Destaques

Chicago

Lauri Markkanen: 33 pontos, dez rebotes
Denzel Valentine: 20 pontos, nove rebotes, quatro assistências
Robin Lopez: 20 pontos, sete rebotes
Justin Holiday: 16 pontos, nove rebotes
David Nwaba: 13 pontos, cinco rebotes

New York

Michael Beasley: 26 pontos, 12 rebotes
Kristaps Porzingis: 24 pontos, seis rebotes, quatro tocos, cinco erros de ataque
Jarrett Jack: 16 pontos, dez rebotes, dez assistências, cinco erros de ataque
Courtney Lee: 16 pontos
Enes Kanter: 15 pontos, sete rebotes


(22-19) Portland Trail Blazers 112 x 121 Houston Rockets (29-11)

Destaques

Portland

Damian Lillard: 29 pontos, oito assistências, cinco rebotes
CJ McCollum: 24 pontos, seis rebotes, quatro assistências
Evan Turner: 18 pontos
Ed Davis: 11 pontos, dez rebotes

Houston

Chris Paul: 37 pontos, 11 assistências, sete rebotes, três roubos de bola
Eric Gordon: 30 pontos, cinco rebotes
Clint Capela: 13 pontos, nove rebotes
Tarik Black: 13 pontos, cinco rebotes
Gerald Green: 12 pontos, seis rebotes, quatro assistências


(20-20) New Orleans Pelicans 102 x 105 Memphis Grizzlies (13-27)

Destaques

New Orleans

DeMarcus Cousins: 29 pontos, oito rebotes, cinco erros de ataque
E’Twaun Moore: 16 pontos, quatro rebotes, quatro assistências\
Rajon Rondo: 14 pontos
Jrue Holiday: 12 pontos, seis rebotes, seis assistências

Memphis

Tyreke Evans: 28 pontos, seis rebotes
Marc Gasol: 21 pontos, dez rebotes, sete assistências
JaMychal Green: 20 pontos, 14 rebotes
Andrew Harrison: 11 pontos, sete rebotes


(12-30) Orlando Magic 103 x 110 Milwaukee Bucks (22-18)

Destaques

Orlando

Evan Fournier: 21 pontos, quatro rebotes
Bismack Biyombo: 14 pontos, nove rebotes
Mareese Speights: 14 pontos
Mario Hezonja: 13 pontos, quatro rebotes
Aaron Gordon: 11 pontos, quatro rebotes

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 26 pontos, sete rebotes
Khris Middleton: 22 pontos, cinco rebotes, quatro assistências
Eric Bledsoe: 15 pontos, cinco rebotes, quatro assistências
John Henson: 14 pontos, dez rebotes
Malcolm Brogdon: 14 pontos, nove rebotes, sete assistências


(11-30) Atlanta Hawks 110 x 97 Denver Nuggets (21-20)

Destaques

Atlanta

Dennis Schroder: 19 pontos, dez assistências
Taurean Prince: 16 pontos, cinco rebotes, sete erros de ataque
Ersan Ilyasova: dez pontos, nove rebotes
Malcolm Delaney: dez pontos, seis assistências

Denver

Gary Harris: 25 pontos, sete rebotes
Will Barton: 15 pontos
Jamal Murray: 13 pontos
Trey Lyles: 11 pontos, seis rebotes


(19-21) Los Angeles Clippers 125 x 106 Golden State Warriors (33-9)

Destaques

Los Angeles

Lou Williams: 50 pontos, sete assistências
Tyrone Wallace: 22 pontos, seis rebotes, quatro assistências
Montrezl Harrell: 14 pontos, sete rebotes
C.J. Williams: 12 pontos
DeAndre Jordan: dez pontos, 12 rebotes

Golden State

Kevin Durant: 40 pontos, quatro rebotes, quatro assistências, cinco erros de ataque
Zaza Pachulia: 12 pontos, cinco rebotes
Andre Iguodala: nove pontos, três roubos de bola

Eduardo Ribeiro
Eduardo Ribeiro
Paulista, cursando Jornalismo e membro do Jumper desde 2015. Twitter: @Edu_Ribeiro33
  • Tulio Machado

    Markkanen é o melhor PF dessa classe! O finlandês é gigante!!! Dunn, Lavine e Markkanen é o novo big3 do Leste

    • Frank Erickson

      Troca o Miroshit com o Jazz, e com as duas picks é só recrutar o Mo Bamba e o Mikal Bridges, e teremos um ótimo time num futuro próximo.

  • Brinell Arcanjo

    Rubio 21 pts 3 assistencias!

    • Paulo Sérgio

      O mundo não é mais o mesmo

    • Beto cargnin

      Rubio 21 pontos
      Rondo 14 pontos

      Que loucura

  • King Cuban #MFFL

    Mas o que é que os Mavs estão a fazer… Só não nos afastamos muito da corrida pelas primeiras picks pois os Grizzlies, Hawks e Bulls venceram… Fora Donnie Nelson… chega de montar equipas cómicas… Chega de J.J. Barea, Wesley Matthews, Salah Mejri, Devin Harris… Eu quero um franchise player para ontem ou vamos continuar a rodar em círculos dos veteranos.

    • Vinícius Maia

      Você não acredita que Dennis Smith Júnior possa vir a ser um franchise player? Claro que um jogador sozinho não vai dar títulos a franquia, ele precisa de um bom elenco de apoio e por isso seria ótimo o mavs conseguir mais uma boa escolha, mas acho que o Dennis Smith Júnior tem potencial também. Vale lembrar que ainda é o primeiro ano dele e muitos jogadores só começam a mostrar seu verdadeiro potencial depois de algum tempo na liga.

      • King Cuban #MFFL

        Ele pode até ser mas nós precisamos de mais sangue novo na equipa… Olhe só para a distribuição de tempo da equipa:

        Harrison Barnes – 34 minutos – 25 anos
        Wesley Matthews – 34 minutos – 31 anos
        Yogi Ferrell – 28 minutos – 24 anos
        Dennis Smith Jr. – 27 minutos – 20 anos
        Dirk Nowitzki – 25 minutos – 39 anos
        J.J. Barea – 23 minutos – 33 anos
        Devin Harris – 19 minutos – 34 anos

        Você pensa que isto é um rebuild serio?

        • vsr.snake

          O Barnes ainda é novo e, querendo ou não, desde o ano passado tem se mostrado um jogador bem bom nos dois lados da quadra. Wes só teve a primeira season dele boa, no nível que ele vinha no Blazers, depois foi uma decepção mesmo, sei lá o que aconteceu.

          Os outros são role players, que seriam úteis caso o Mavsão tivesse pelo menos um cara all star. Mas não tem muito o que fazer não, não dá pra simplesmente arrumar um monte de jovens de uma hora pra outra, o processo é lento mesmo, principalmente pra uma franquia como o Mavs.

        • Vinícius Maia

          Não penso que é um rebuild sério, pelo contrário, a uns tempos atrás até fiz uma crítica aqui no Jumper a mediocridade do mavs e a conformidade da diretoria com isso. Não sei dizer porque, mas apesar de não acompanhar muitos jogos da equipe, eu me simpatizo com o mavs. Talvez por ter sido um time que esteve nos playoffs várias vezes, eu me acostumei a ver a equipe lá e acho palha ver o time na situação que está. Inclusive, a anos atrás, quando nowitzki era expirante, eu disse que seria muito digno mavs tentar enviar o alemão para um time capaz de disputar títulos, onde ele poderia disputar mais um anel jogando em alto nível e a equipe partisse para uma reconstrução completa, buscando jovens no draft. E eu continuo achando que seria uma boa mavs tentar trocar esse monte de veteranos ai que você citou, por escolhas de draft.

          Mas o que eu achei estranho no seu comentário, é que eu tive a impressão que você não acreditasse no Dennis Smith Júnior para o futuro da franquia e eu acho que ainda é cedo para desacreditar do moleque. Já vi gente dizendo aqui que o garoto é uma decepção e acho que ainda é cedo para isso. E acrescento mais uma coisa sobre o Smith Júnior: vou torcer muito para o garoto dar uma bela enterrada na cabeça do Draymond Boca de Caçapa Green, por ele ter provocado o garoto kkk

          • Gabriel M.

            Vinícius, não é q o DSJ não tenha futuro. É que o Dallas precisa de muito mais.
            Além de deixá-lo o máximo de tempo possível pra pegar cancha.
            Tirando ele, Dirk e o Barnes a gente não tem mais ninguém pra um rebuild sério. Só temos role players. E o W. Matthews, q sei lá oq tá fazendo lá ainda.
            Realmente espero que o tank seja sério depois do All Star.

          • Gabriel M.

            Aliás, o dallas deu sorte de ter pego o DSJ, depois de não tankar temporada passada.

    • Thiago Pinto

      Cara, vc assiste os jogos torcendo pela derrota?

      • King Cuban #MFFL

        Já nem assisto… No inicio tentava só para ver o desenvolvimento do DSJ mas depois comecei a ver que não tenha razão para tal pois o Barea, Harris, Wes passam mais tempo em campo.

    • Beto #MFFL

      Já estamos na pior posição possível. Espero que após a trade deadline o time abrace o tank de vez.

    • Mandelindo

      Meu pau no teu cu

    • Gabriel M.

      Entrei só pra ver o teu comentário King Cuban.
      Que péssimas vitórias

  • Chimbinha

    Parece que ninguém quer tankar kkkkk

    • Pablo Leite

      Não compensa mais. Se não me engano, os oito piores têm as mesmas chances nas novas regras do draft.

      • Chimbinha

        Tem certeza,? acho que não mudou pra desse jeito não

        • Pablo Leite

          Mudaram as regras do draft, para evitar o tank. Se não me falha a memória é isso, as oito piores campanhas tem as mesmas chances.

          • Chimbinha

            Dei uma olhada.Começa a valer só em 2019.Na nova configuração do recrutamento da NBA, as três equipes com os piores desempenhos compartilharão uma chance de 14% de obter a escolha número 1 do Draft. No sistema atual, as percentagens são de 25, 19.9 e 15.6, respectivamente.Agora, quatro equipes – não mais três – se tornarão parte do sorteio da loteria, o que significa que uma equipe pode cair até quatro posições no recutamento. Por exemplo, o último colocado, que seria o primeiro no sorteio e teria mais probabilidades de ficar com a 1ª escolha, pode perder posições e ficar com a 5ª, a qual já lhe é garantida.

            Seguindo esta lógica, o segundo pior colocado poderá cair até a sexta escolha, o terceiro até a sétima, e o quarto já está garantido no top-8.

          • Vitor Martins

            Bom saber, acho que melhora um pouco!

    • JAMnba

      ainda bem, isso é patético.

  • Pablo Leite

    Os Bulls sofrem com Forman e Paxson há um bom tempo, mas acertaram em cheio em escolher Markkanen, que vem evoluindo mais a cada jogo. Vamos ver o que LaVine adiciona ao time, para saber se ao lado do finlandês, serão a base da franquia para os próximos anos.

  • Igor Dourado

    Vai ter briga de foice no escuro para assinarem com Lou Williams! O cara nasceu para pontuar saindo do banco.
    Torço para que o Wolves não chegue só o pó da rabiola nos offs! Tem tudo para encarar qualquer adversário de forma equilibrada, só que a falta de experiência pode pesar.
    Heat com uma equipe arrumada, mas sem nenhuma estrela. Pat Riley tem que fisgar logo sua “baleia”, pois acho que a equipe ficará que nem o Hawks era, equipe para ficar no limbo.

  • JAMnba

    Rapaz quem diria que em pleno 2018 iriamos ver Tyreke Evans e Michael Beasley fazendo chover em seus respectivos times, Evans tomou o protagonismo do Gasol e Beasley vem pontuando mais que o KP seguidamente… TEMPOS LOUCOS AMIGOS…

    • Will #lakaodamassa

      A ameba do beasley pontuando mais que KP…
      Kkkkk
      Que coisa não

      • Beto cargnin

        O cara se converteu.

      • JAMnba

        e o que me preocupa ou deixa feliz ( nao sei dizer) e que nao vem de agora ja esta em uns 10 jogos assim e na maioria das vezes saimos vencedores contra times de offs como Boston e OKC. ou ele esta se tornando o jogador que todos esperavamos no draft ou o KP que esta mal mesmo.

      • Rogério Rodrigues

        Ja teve a Linsanity, agora é a Beasleyinsanity kkkkkk

    • DNT

      Sem falar no TD do JJ, isso sim é bizarro….

      • JAMnba

        hahahaha verdade

  • Deichmann

    Não olhe agora… Mas continuamos em 4° kkkkk Dragic se estivesse no nível das últimas 6 partidas merecia ser lembrado pro ALL star…. #tecuidaceltics #spoelstraMVP #jimcarreyfilipinos2 #hashragsdandosorte #empolgou

  • marcelo pinaffo

    Me chama mais atencao ver o rondo fazer 14 pontos do q 25 assist.

  • AlexS.F.

    Wolves melhorou demais na defesa nos ultimos jogos, e isso é graça a melhora do Towns e Wiggins.

    Wiggins ontem defendeu demais qualquer um que tava na frente dele.

  • Pierry Silva

    Lou Williams mete 50 pontos no Warriors, depois volta pra casa e tem duas namoradas esperando por ele.
    QUE HOMEM!

    • Marcio

      kkkk

  • Victor Chittolina
    • Vinícius Maia

      Tinha cansado desse meme, mas esse foi massa kkkk

      • Victor Chittolina

        hahaha até o mesmo meme tem que variar

  • Kevin Faria

    É incrível como os chutes de 3 estão cada vez mais se tornando uma das principais armas ofensivas de muitos times. A impressão que se passa é que hoje em dia todos os jogadores (com exceção da posição 5) precisam ter um arremesso de longa distância no mínimo razoável. É o meta que veio principalmente por causa de GS e muitos outros vem se aperfeiçoando nisso. Alguém sabe me dizer os times que mais convertem bolas de 3 (em qtde e em %FG) na liga?

    • TRUETHIAGO

      Quem mais arremessa e converte, disparado, é o Houston. Com quase 10 tentativas a mais em média do que o 2º colocado no quesito: 43,5 contra 34,0 dos Nets.

      Aproveitamento quem lidera é o GSW (39%), o que para mim é o real diferencial deles, a eficiência nisso, geralmente movimentando muito bem a bola e encontrando a melhor opção livre (“wide open”); não necessariamente a quantidade que chutam. Nessa temporada mesmo, eles não estavam nem no top 10 da última vez que vi.

      Se formos considerar o contexto histórico, de fato existe um “boom” de 2010 para cá (ou seja, de novo, antes desse GSW), assim como proporcionalmente também existiu na segunda metade dos anos 90. Sendo que um pouco antes já tinham alguns pivôs começando a arremessar de 3-PT regularmente, como o Bill Laimbeer nos Pistons, que é talvez o primeiro exemplo.

      Depois veio o próprio Sabonis lá em Portland, metia muita bola de 3 também para a época para um Big Man. Inclusive para mim tem tudo a ver o aumento das bolas de 3 com os europeus vindo para a NBA.

      Enfim, mas vale pesquisas, buscar artigos sobre, etc, é realmente um tema interessante. Tudo de maneira sóbria, sensata, sem cair nessa chatice de ficar demonizando o negócio, ou misturando preferências pessoais, aquela dicotomio boba da “bola de 3 x jogo de garrafão” e blá blá blá.

      • Kevin Faria

        É um assunto interessante sim, e não vejo problema nos times priorizarem isso também!

        É possível concluir que para ter um time forte e disputando finais é NECESSÁRIO ter bolas de três como uma das principais armas ofensivas? Olhando para GS, HOU e CLE eu diria que sim, mas e San Antonio ou Boston? Não tenho certeza se são times de chutar muito de fora, e por coincidência ou não, são times que possuem dois dos melhores técnicos da liga.

        • samuel

          O jogo entre times que chutam muita bola de 3 fica chato. Principalmente por que o basquete e a técnica se perdem dentro da partida. É sempre aquela correria e uma tijolada no aro. O Basquete jogado de times como SA, Jazz e Celtics é muito mais atrativo. O ideal é os times mesclarem todos os tipos de jogadas, hoje em dia é dificil encontrar um arremesso de midle range.

        • TRUETHIAGO

          Boston, sim (7º); Spurs, não (26º).

          O que de certa forma meio que já responde a pergunta.

          Claro que é uma arma importante, mas não penso que seja obrigatório para ser contender, brigar por título e tal. Existem times bons e ruins que arremessam bastante de 3, assim como existem times bons e ruins que arremessam pouco de 3.

          No final das contas, o que vai decidir será o conjunto da obra, o equilíbrio entre ataque e defesa, quem for mais eficiente, etc. Independente se chuta mais ou menos do perímetro, se joga num ritmo mais acelerado ou cadenciado, se tem como ponto forte o backcourt ou o frontcourt, acho que não existe uma regra exata.

          A única coisa que geralmente coincide se você pegar os últimos, sei lá, 15/20 times campeões, é que salvo alguma exceção, eles eram quase sempre top 10 tanto em OFF RATING quanto DEF RATING. Ou seja, equipes equilibradas dos dois lados da quadra.

      • Cedi LeBrOSMAN

        Esse “boom” desta época para cá, de 2010 até aqui, acho q tem mt a ver com a entrada dos nerds (os chamados “analytics” nos cargos executivos). Toda equipe tem essas pessoas nos departamentos, alguns até tem conta oficial no twitter só para trazer dados estatísticos da equipe (Cavs e GSW por exemplo.). E eu vi num post, de q o Lakers foi a última equipe a entrar nesta era de analytics (tinha um Front Office comandado pelos “Dinossauros” Mitch Kuptchak e Jim Buss), talvez ajude a explicar um pouco o quanto eles ficaram para trás nesses últimos anos.
        E o método dos analytics é priorizar arremessos de 3 pts (pq eles são os mais eficientes) e quase q ignorar os mid-ranges (pq são os menos eficientes, principalmente aqueles longos mid-ranges.). Isto é o q o Houston faz “na cara dura”, e é comandado pelo Nerd-mor da NBA, q é o Daryl Morey.
        Depois do Baseball (q começou esta fase mais analítica na década de 90), a NBA é o esporte mais matemático.
        Nunca se teve tanto dado sobre uma equipe, tanta estatística q ajudasse a explicar desempenho, e os GMs estão cada vez mais novos (o mais novo é do Bucks, com incríveis 34 anos, Jon Horst) e isto sem dúvida ajuda demais a por em prática o mantra dos analytics “Arremesso de 3 pts e infiltração e enterrada são mais eficientes do q longos mid-ranges, e arremessos de low-post.)

  • TRUETHIAGO

    Saudades, Lou… Volte um dia!

    https://www.youtube.com/watch?v=Mkj18vLZVEE

  • Murillo

    Pela terceira vez seguida o Markkanen enfia o Porzingis no bolso. Eu sempre falo aqui, mas vou continuar sendo repetitivo. A troca do Butler pelos Bulls foi ótima para o time de Chicago. Ganhamos um moleque de só 20 ano, com pelo menos 15 anos de carreira pela frente. Claro que muita coisa pode acontecer, mas se tudo correr dentro dos conformes o Markkanen vai ser sem dúvida nos próximos anos um grande nome da NBA. Dunn vem sendo cada vez mais consistente, cada vez melhor.

    • Thiago Pinto

      E ainda falta o LaVine, em teoria o principal reforço do Bulls na troca. Sobre a troca ainda acho que o Bulls devia ter ficado com a escolha.

    • Vitor Martins

      Cara me desculpa, mas não dá pra julgar uma troca pelos resultados posteriores surpreendentes não. Pacers parecia ter feito bobagem, hoje podem se gabar que pegaram um all-star, mas duvido que alguém na NBA realmente acreditava que Oladipo renderia tanto. O mesmo aconteceu com o Bulls, pareceu loucura na época ganhar tão pouco pelo Butler, hoje (com os mlks jogando bem) é fácil afirma que foi um bom negócio. E mesmo assim, mesmo parecendo que o Bulls se deu bem, ainda parece esdrúxulo terem também dado a sua escolha. Sem contar que num time que precisa de gente nova boa eles ainda venderam o Jordan Bell… Enfim, os outros exemplos também existem. New Orleans quando trocou o CP3 parecia ter se dado bem, com um futuro all-star, mas o Eric Gordan nunca chegou nesse nível e hoje a troca parece fracassada. Memphis virou piada por ter dado Gasol de graça, mas no fim acabou levando outro Gasol. Enfim, o que eu estou tentando dizer é que há resultados e um caráter imprevisível numa troca, que é o crescimento ou falta de encaixe do jogador no seu elenco. A troca foi ruim num primeiro momento pro Bulls sim, mas ai chegou esse caráter imprevisível, e hoje se deram bem. Mas acho difícil julgar o ontem com os olhos de hoje.

  • Thiago // NBA GAME

    B2B não é desculpa para grandes franquias.
    🙂

  • vsr.snake

    Esse finlandês tá saindo bem melhor que a encomenda, tem sido o melhor rookie da classe depois do Mitchell, e é muito interessante assisti-lo jogar. Outros que vem bem são Adebayo (que tem crescido nas últimas semanas) e o Smith Jr (new D-Rose hahahaha).

    A briga pelas seed’s 7 e 8 da West será muito interessante, até o Clippers, que estava no limbo, já tá quase com .500 na campanha.

    • Vitor Martins

      Torcida do Celtics e do Lakers vai te comer vivo! rs

      • vsr.snake

        Avalio também pelo contexto. A temporada do Tatum é excelente, mas, apesar da lesão do Hayward, o time Celtics é bem acertado e treinado, isso facilita o desenvolvimento. Óbvio que se espera mais do time do Celtics, mas não vejo isso como um problema sério avaliando o que está em torno do Tatum. Já o Bulls é/era totalmente o contrário disso, um caos do GM ao cara da água, e se destacar em meio a tudo isso, e de forma bem contundente, é algo bem significativo.

        • Vitor Martins

          Quem viu o Eurobasket sabe que o Finlandês tem MUITO basquete. Ainda vai crescer bastante.

    • Sérgio Menezes

      Markanem jogando demais e o menino Smith jr. mostrando que é o melhor armador do draft passado.

      • Markelle Fultz

        to voltando

        • Sérgio Menezes

          D. Howard chuta melhor lance livre que vc!

  • Bruno Macedo

    Miami dominou o Pacers o jogo inteiro, vindo de B2B e com vários jogadores inativos, tá certo que no fim deixou o time do Pacers encostar e quase perdeu, falta ainda um cara pra decidir no fim e controlar o jogo no final tambem, o dragic parece que chega o fim dos jogos todas as vezes cansado, mas sem dúvida é um dos símbolos do time nessas vitórias seguidas, destacar também o Hassan que ta voltando a dominar os garrafões dos adversários, Ellington com dois jogos não tão bons nas bolas de 3 mas conseguindo ser clutch e matar jogos, muitos falam que jogadores são especialistas em bolas de 3 mas especialista são, redick e Ellington o jeito que eles usa screens pra fazer os chutes rápidos são lindos de ver, não é aqueles caras que fica lá no corner esperando bola igual os jogadores do rockets por exemplo, Miami jogando um basquete muito sólido no momento pode ganhar de qualquer um, lógico que nos offs é outra história, mas a defesa nos já temos só falta um cara pra dá o up necessário pra brigar por final de conferência, Hayward poderia ter sido esse cara, mas confio que tio Pat vai atrás de um craque ainda pra se juntar a esse time aguerrido, não vamos ser um Hawks da vida isso eu garanto, até porque todos times que não tem o LeBron no time são Hawks no leste porque ele ganha a muitos anos kkk, inclusive com nós que foi 4 anos seguidos.

  • Bruno Macedo

    Caraca tava vendo os pontos do Lou e as bolas dele não pega no aro não kkk todas de chuá e com a marcação grudada nele, todos marcaram ele e ninguém parou, impressionante, agora eu te pergunto porque esse cara foi pro Lakers, quando tava no Raptors jogando bem e em um time que brigava por final de conferência, lógico que era difícil ganhar do cavs, mas pra que ir pra um time tão inferior.
    Tem jogadores que tomam decisões muito erradas na carreira.

    • Beto cargnin

      Sem contar que ele nao fica forçando aquelas bolas de tres toda hora, e cavando aquelas faltas ridiculas que os cara se joga em cima da marcaçao.
      Aquilo eh a coisa mais ridicula da NBA.

      • Vitor Martins

        Lou Williams chuta 6 lances livres por partida, James Harden chuta 10.
        Lou arremessa 7 bolas de 3, James Harden chuta 10.

        Mas tem que ser levado em conta que Harden passa muito mais tempo com a bola na mão, faz 10pts a mais por jogo, e jogo em um time com estratégia diferente, mas não diria que eles tem estilos tão diferentes assim…

        • Beto cargnin

          Acho até que aquelas forçadas do Barba as vezes è por causa do tecnico.
          Se ele tivesse outro treinador talvez ele nao forçace tanto.
          Talvez se os rockets diminuissem um pouco aquela chutaçao de bola bola de tudo que eh jeito.
          Mas estrategia eh estrategia.

      • Bruno Macedo

        O Lou é um peladeiro que sabe se conter e deu certo, Jamal que é um dos melhores reservas da história, também é um peladeiro só que ele sabe o seu papel no time e a experiência deu ele a cabeça pra executar suas jogadas na hora certa, hoje o Lou tá se tornando uma referência na posição de sixth que pra mim é a que todo time campeão tem que ter um jogador acima da média.

    • VictorLakers #LonzoGod

      O motivo ele explicou quando deu a coletiva, tava indo por que era um sonho dele.

      • Bruno Macedo

        No auge ir atrás de um sonho é uma piada, vai atrás de título isso é ir atrás de um sonho.

  • Dembe Zuma (n° 10)

    Corrijam aí
    Westbrook 88 x 104 Wolves

  • Rafael Victor

    Lou Williams detonou! Meteu 50 pts no Warriors na casa deles e ainda ofuscou um pouco a grande marca que o Durant atingiu na carreira ontem! Ruim é que tiveram mais um jogador machucado, dessa vez, o CJ Williams, que vinha demonstrando ser um grande achado no meio de tanta lesões nesse elenco do Clippers!

    Já o Warriors, embora tenham poupado o PipoCurry e o Thompson (o Green também deveria ter sido poupado, já que anda com o ombro fudido! Até porque não jogou porra nenhuma!), tem a arrogância de sempre achar que vão controlar o jogo todo e ganhar quando quiser, só que relaxam demais, o time adversário cresce, consegue a virada e sai com a vitória! Foi o que aconteceu ontem (e em em outros jogos)!

    É nessa brecha que eles vão cair bonito do cavalo nessa temporada!

    • Beto cargnin

      Acho que em uma série de 7 jogos só S.A com o kawi saudavel pode complicar.

    • Vinícius Maia

      Cara, sou torcedor do cavs, mas nem eu consigo ter esse otimismo que você tem numa derrota do GSW. Claro que eu acredito e torço para o meu cavs vencer, mas se a vitória vier, acredito que virá em 7 jogos complicadíssimos com LeBron, Wade, love e Thomas deixando tudo de si na quadra. Cavs não vai vencer se os principais jogadores não derem tudo de si a cada jogo. Tem torcedor do cavs que acredita, terminantemente, que o time se poupa em quadra e as vezes até finge uma crise interna para mostrar tudo que tem nos playoffs. Eu não acredito nisso e ainda que fosse verdade, eu acho que o GSW também mostrou na última temporada que, os playloffs é outra competição para eles e que eles aumentam ainda mais a intensidade. GSW e Spurs são dois times na liga que nunca devem ser subestimados.

      • VictorLakers #LonzoGod

        Principal problema hoje do cavs é o Lue, enfrentar um cara do calibre do Kerr, que melhora é surpreende a cada dia, pra ganhar só um milagre. Mas é bem possível, Thomas vai descarregar o Lebron um pouco. Mas até pegar ritmo … vai difícil

      • Thiago // NBA GAME

        Esses pensamentos são soberbas, é bem óbvio. Sem generalizar, mas alguns omitem a vdd

    • M.

      Ninguém te dá moral aqui, ouvi essa mesma conversa antes das finais desse ano, que Curry iria pipocar, que Cavs iria amassar GSW, não sei se você quer ser piadista ou simplesmente comenta sem nenhum embalsamento e erra tudo que acha que vai acontecer.

    • CURRY

      Mas quem vai aproveita essa brecha? Eu tava pensando aqui o spurs mas kahwi de vidro Leonard n sai da DM 🙁

    • Henrique GoWarriors

      é tudo que você espera, o ódio que você tem dos Guerreiros é foda

      • Rafael Victor

        Não se iguale aos Filhotes de Roby Porto!

        Não tem odio, cara!

        Sou igual ao Claudinho & Buchecha: Só Love! hahaha!

    • wilker pereira

      o cara odeia o curry
      aceita que doi menos o cara e top 3 da nba actualmente

    • Thiago pereira dos santos

      Fica nessa secada ai,quem sabe um dia da certo,pois graças a Deus ate hoje nao aconteceu nada disso!

      • Augusto Filho

        Tu já esqueceu da virada mais humilhante da história dos playoffs???

        • M.

          Pelo menos o Curry aprendeu, e o Lebron 3-5, uma final perdeu de 4×0, duas finais perdeu de 4×1, duas finais perdeu de 4×2, uma final ganhou de 4×1, e duas finais ganhou de 4×3, esse é o top 3 all da galera?
          Prefiro perder uma final humilhante do que perder 5 finais, aliás, por essa derrota o GSW se reforçou com Durant.

          • Augusto Filho

            Eu prefiro entrar pra história como um jogador que foi a 7 finais seguidas do que o “único” time na história da NBA que perdeu uma final tendo uma vantagem de 3×1, sendo o último jogo em casa.

          • wilker pereira

            7 finais seguidas
            quantas vitorias???
            se continuar assim esta mais para jerry west (em finais) do que michael jordan

          • Augusto Filho

            Se ser o logo da NBA é ruim, putz. Mas pera, tem um cara chamado Robert Horry, talvez ele seja o GOAT não? É cada falsa simetria. Dá é pena de alguns comentários.

        • Thiago pereira dos santos

          Não,mas fizeram uma final de igual para igual,decidida em 7 jogos,e perdendo por apenas uma diferença de 4Pts,então não fizeram feio,além de já terem ganho dois titulos em três finais disputadas,o que já é grande coisa,e longe de cairem do cavalo!

  • DNT
    • Will

      Jogou muito ontem e fez a diferença para o Clippers!
      Pelo que jogou nessa partida (especialmente no segundo tempo), foi uma vitória merecida pro time angelino!

  • Elias Ferreira

    Lou Williams pra Sixth Man of the Year!

  • CMM17

    Mds Sam Presti você conseguiu o Paul George e o Carmelo Anthony por meio de trades agora pode conseguir o Fizdale e “jogar o boné do Donovan”;é tão difícil assim meu caro Sam Presti?

  • LAU-ree MARK-a-nin

    Jogo muito!

    • TRUETHIAGO

      Nessa foto o Markkanen parece o Ivan Drago no Rocky IV

  • Sérgio Menezes

    Smith jr. tá sendo bem consistente nos últimos jogos, provando que pode ser o melhor armador do draft passado.

    • Vitor Martins

      Calma, Fultz ainda nem “estreou”.

    • Asf 152

      Gosto muito do Dennis Smith, no momento ele é o melhor armador do draft passado

  • Doug

    Bicho , que partida do Markkanen…CP3 tb segurando bem a ausência do Barben…e que dupla sem brio o PG13 e o Melo…nao é possível…so com uma injeção de adrenalina nesses caras…West deve estar puto, pq esses caras estão exalando à displicência, apatia e dispersão…nao é à toa que resolve jogar sozinho…

  • Doug

    Galera está viajando no Rondo…ele praticamente está na média de pontuacao de sua carreira mesmo (11 pts na regular e 14 nos offs)…

  • Luiz

    Mano é absurso um reserva Lou ter média de 23 pontos,melhor temporada de 6th man da historia??

    • Guilherme Petros

      33 do natal pra ca… rs

  • Dembe Zuma (n° 10)

    no meio da desgraça e eu ainda consigo rir com esse time kkkkkkkkk
    q comédia mano
    https://twitter.com/thundaodamassa/status/951270257804611584

    • Vinícius Maia

      Deve até ter errado o segundo lance livre. Ficou chateado kkk

    • Guilherme Petros

      hahahaha cara, o Westbrook é muito expressivo! As caras dele são engraçadas demais, ta louco!!
      PS.: mas o que houve entre ele e o Adams nesse jogo aí?

      • Dembe Zuma (n° 10)

        nada,ele só zoando o Adams por ter ficado no vácuo kkkk

        • Guilherme Petros

          Ele deve ser mó figura kkkkk

  • Asf 152

    Pra mim, o elenco do Miami é melhor do que o do Indiana, OKC ta paia de mais, e o L.Willians sempre foi assim, sempre matou muita bola, ele arremessa muito, o que fez ele não ser um jogador tão valorizado é o fato de jogar de SG, ter um corpo franzino e só 1,85m, isso prejudica de mais na marcação de um SG, ai em muitas vezes ele acaba que entrega uns pontos que ele faz, mas ele sempre arremessou muito

  • Paulo Henrique

    Lou Williams é o novo Jamal Crawford

  • Guilherme Petros

    (15-27) Chicago Bulls 122 x 119 New York Knicks (19-22) (2OT)
    Deve ter sido JOGAÇO isso aqui! E vitória do Bulls sem o Mirota ser um dos cestinhas do time? Coisa rara… rs

    E o Nets qe perde por 1 ponto do Raptors na prorrogação e perde de qse 40 pontos do Pistons? Eita time bão!

    • Vitor Martins

      Acho o Nets um time organizado e bem treinado, e uma franquia que faz milagres pra não ser o pior time da liga (o que seria absolutamente compreensível, já que venderam a alma para o Diabo/Ainge), mas eles quase não tem talento, ainda mais com as lesões. É meio impossível ganhar na NBA sem talento. O Warriors tem uma franquia modelo, um técnico excelente, um plano de jogo revolucionário, mas só da certo pq tem Curry, Durant, Thompson… Bem normal o Nets oscilar muito.

      • Guilherme Petros

        Sim, é verdade. Eu sou fãzaço do Kenny, um dos grandes treinadores da liga. Time joga de forma ágil, moderna (é o segundo que mais arremessa de 3), sabe espaçar. Mas falta qualidade né… heheheh
        De toda forma, staff tira leite de pedra: 3 jogadores top 10 do draft sem ter escolha nenhuma.

  • M.

    2º parcial e Lebron e Curry estão liderando as votações do All Star

  • Gabriel Pereira Barbosa

    Hoje iria falar mal da merda do Westbrook por ele ser um point guard e não conseguir organizar o time mas decidi poupa-lo
    Preguiça mesmo