John Wall realizará cirurgia no calcanhar e está fora da temporada

O Washington Wizards não contará com John Wall pelo restante da temporada. A franquia anunciou na noite deste sábado que o astro de 28 anos vai precisar passar por cirurgia para extrair fragmentos de ossos que causam crescentes dores em seu calcanhar esquerdo. A previsão é que ele fique afastado de atividades relacionadas a basquete por um período de seis a oito meses.

Segundo Adrian Wojnarowski, da ESPN, o armador já sofria com incômodos no local há mais de um ano e vários tratamentos pontuais não surtiram efeito no período. O problema fez com que fosse desfalque “forçado” em quatro partidas em dezembro. O treinador Scott Brooks exaltou a disposição do comandado em atuar com dores, mas crê que a lesão tornou-se insustentável.

“Depois de treiná-lo por quase três anos, eu posso dizer que John é tão resistente quanto qualquer jogador com quem já trabalhei. Ele nunca reclamou de nada e só queria competir com essa equipe, mas a situação chegou a um ponto em que uma dura decisão precisou ser tomada”, contou o técnico, que deverá ter Wall saudável e pronto para jogar no segundo semestre.

O tcheco Tomas Satoransky assumiu a armação do Wizards na ausência do titular e deverá seguir no quinteto inicial de Brooks, enquanto Chasson Randle ganha mais oportunidades saindo do banco de reservas. A franquia também vai ter o direito de solicitar – caso queira – uma exceção salarial especial da liga, no valor de quase US$10 milhões, para adquirir um reforço ainda nesta temporada.

A ausência de Wall é um provável golpe nas pretensões de recuperação visando chegar aos playoffs do time de Washington, que tem apenas 14 vitórias em 37 partidas na temporada e ocupa a 11ª posição do Leste. Em 32 jogos disputados na atual campanha, o cinco vezes all star registrou médias de 20.7 pontos e 8.7 assistências em quase 35 minutos de ação por noite.