Jrue Holiday abraça desafio de marcar Durant nos playoffs: “É para isso que jogamos”

A capacidade defensiva de Jrue Holiday nunca foi tão colocada à prova quanto nos playoffs deste ano. Após ter sido um dos responsáveis por “anular” Damian Lillard na primeira rodada, o armador do New Orleans Pelicans agora enfrenta o desafio de marcar o craque Kevin Durant nas semifinais do Oeste, contra o favorito Golden State Warriors. A diferença de quase 20 centímetros sugere uma missão das mais improváveis, mas ele “abraça” a tarefa como quem recebe um presente.

“É um trabalho difícil, mas divertido também. Quer dizer, trata-se de Kevin Durant. O cara é uma máquina de fazer cestas, pode pontuar de qualquer lugar da quadra e das mais variadas formas. Ter a oportunidade de chegar a esse estágio dos playoffs e marcá-lo é o motivo pelo qual um jogador vive. É para isso que jogamos”, definiu o titular de 27 anos, reconhecido como um dos melhores armadores defensivos da liga, em entrevista ao jornal New Orleans Times-Picayune.

E o confronto em um lado da quadra acaba refletindo-se no outro também: Durant tem sido o atleta do Warriors que defendeu Holiday por mais posses nos três jogos iniciais da série, segundo o site oficial da NBA. As desvantagens físicas não mudam para o atleta do Pelicans, no ataque ou marcação. Sua abordagem, por isso, não se altera também: não pensar muito e ser quem age, não quem é forçado a reagir.

“Eu estou tentando apenas ser agressivo no ataque e realmente não importa quem esteja marcando-me. Sinto-me muito bem se tenho uma chance de atacar alguém no um contra um. Se uma oportunidade como essa aparece, eu tenho espaço para o lance individual, tento aproveitar para fazer a melhor jogada possível”, explicou a provável seleção para um dos times ideais de defesa da temporada.

Holiday acumula médias de 18.7 pontos, 6.0 rebotes e 5.7 assistências nas partidas da série contra o Warriors, marcando e sendo marcado pelo atual MVP das finais. O Pelicans volta a encarar os atuais campeões da liga, tentando confirmar o mando de quadra e empatar as semifinais de conferência, neste domingo, às 16h30, com transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Doug

    Enfim, ganhando o devido reconhecimento em geral…

    • Rastaman

      Eu como torcedor do 76ers sei do valor desse puta homem, sonho com a volta dele.

      • Doug

        É um cara top…nunca entendi ser tanto tempo subestimado…talvez por não jogar em um time tão competitivo…

  • Hyago Ferreira

    Então segura que hoje o homem vem com sangue nos olhos e coloca uns 40 na sua cabeça!

    • Andrew Stevens

      Errou por 2. Na verdade, acertou, pela margem de erro rs.

  • Nota-se que hoje isso não deu certo 38 pontos em 36 minutos pro Durant. Mas não acho que isso tenha sido culpa do Holiday, ele fez o melhor que pode e não vejo opções muito melhores que ele. Mas Durant é muito ágil para seu tamanho, caras de sua altura geralmente não conseguem acompanhar sua velocidade. Enquanto caras mais baixos que acompanham sua agilidade não tem altura para contestar seus arremessos, porque seus braços são muito longos e ele consegue arremessar por cima do marcador. Se não me engano Durant é mais um caso de PG que cresceu demais (eu acho). Dada as circunstância Jrue vai fazendo o que está dentro de suas condições.

  • Elias Ferreira

    Merece ser mais reconhecido, independente do resultado.

  • Warriors

    Parece que essa marcação não deu muito certo…mais ele mesmo sabe que é que se impossível marcar o Durant..

  • Denyson

    38 pontos fora o baile.

  • Poli Canassa

    Perfeito o posicionamento dele, se atribuíram essa tarefa a ele, ele faz. O KD vai ter um monte de pontos mesmo, o cara é alto, ágil, habilidoso.
    Holliday tá fazendo tudo o que pode dentro das limitações que ele tem em relação do Durant.
    KD meteu uma cesta por cima do Davis, não é o Holliday que a gente pode crucificar kkkkkkkkk

  • Holiday é bom defensor, mas tem 1,93m contra os 2,06m de altura e 2,25 de envergadura do KD, então por mais que consiga se posicionar e evitar algumas infiltrações, não vai evitar que o Durant arremesse por cima da cabeça dele quando quiser kkkk…