Jusuf Nurkic sofre fraturas na perna e desfalca Blazers pelo restante da temporada

Uma infeliz e assustadora contusão encerrou a temporada de Jusuf Nurkic nesta segunda-feira. O Portland Trail Blazers confirmou que o pivô de 24 anos sofreu fraturas expostas na tíbia e fíbula da perna esquerda durante a vitória da equipe contra o Brooklyn Nets e ficará afastado por tempo indeterminado. É certo que ele vai precisar ser submetido a cirurgia e está fora do restante da campanha.

A gravíssima lesão ocorreu já na segunda prorrogação da partida, quando o jogador bósnio saltou para tentar pegar um rebote e “desceu” de forma desajeitada. Assim que os atletas próximos do lance perceberam a gravidade da situação, afastaram-se perplexos e desesperados. O jovem precisou ser removido de quadra de maca, que foi carregada por alguns de seus colegas de elenco.

“Nosso vestiário está absolutamente quieto. Não há nada a ser comemorado hoje. Fizemos um momento de silêncio e uma prece coletiva por Jusuf, depois do jogo. Isso foi devastador. Simplesmente devastador”, lamentou o treinador do Blazers, Terry Stotts, segurando as lágrimas, em entrevista coletiva. O amargo resultado positivo assegurou a vaga do time do Oregon nos playoffs deste ano.

Nurkic deixou a quadra enquanto realizava uma das melhores atuações da carreira, com 32 pontos (um a menos do que seu recorde pessoal) e 16 rebotes no duelo. “O que aconteceu deixou-me enjoado, embrulhou o estômago. Quando cheguei perto e avistei a perna de Jusuf… nem dá para explicar. Foi um flashback do que presenciei quando Paul George quebrou a perna”, contou o astro Damian Lillard.

Para o Nets, a assustadora lesão trouxe lembranças pesadas. O ala-armador Caris LeVert também saiu de quadra em uma partida do início da atual temporada com suspeita de fratura e uma toalha cobrindo sua perna. A cena causou muita aflição entre os jogadores, mas o fim da história foi positivo: diagnosticado “só” com um deslocamento no pé, ele retornou ao time após três meses.

“A lesão de Jusuf é tudo o que estamos comentando no vestiário. Ninguém fala do jogo, na derrota. Só estamos pensando em um colega de profissão, um excelente jogador que fazia ótima atuação, e rezando para que consiga recuperar-se. Nós passamos por isso com Caris e é muito duro. É duro para os atletas, torcedores e todos que estão aqui”, afirmou o técnico do Nets, Kenny Atkinson.

Nurkic vivia a melhor temporada da carreira na NBA, após assinar uma extensão contratual de quatro anos com o Blazers na offseason passada. Em 72 partidas disputadas nesta campanha, o jovem pivô acumula médias de 15.6 pontos (com 50.8% de aproveitamento nos arremessos de quadra), 10.4 rebotes e 3.2 assistências – todas, maiores marcas pessoais na liga.

Em respeito ao titular de Portland, que poderá ser substituído por Zach Collins ou Enes Kanter no restante da competição, e aos leitores do Jumper, optamos por não disponibilizar o vídeo da impressionante lesão em nossa página. Você pode acompanhar, abaixo, os melhores momentos da grande atuação de Nurkic.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.