É verdade que o Minnesota Timberwolves ficou de fora da pós-temporada pela 13ª vez seguida, mas 2016/17 renovou as esperanças da franquia. O jovem pivô Karl-Anthony Towns deu mais um tira-gosto do que está por vir.

Para começar, Towns se tornou o atleta mais novo (21 anos) a atingir médias de pelo menos 25 pontos e dez rebotes por jogo na NBA. Junto dele, nesse grupo, estão apenas outros 14 jogadores. O último a conseguir tal feito foi Tim Duncan, em 2001/02.

Além disso, Towns é o primeiro na história a ter dois mil pontos, mil rebotes e 100 bolas de três em uma única temporada. Quer mais? Vale lembrar que o pivô também já havia quebrado o recorde de Kevin Love como o maior pontuador em uma temporada pelo Timberwolves.

Minnesota (31-51) ficou longe do Portland Trailblazers (41-41), oitavo colocado da Conferência Oeste, mas a expectativa é que, com a equipe saudável, bons movimentos na pré-temporada e o desenvolvimento de Towns, Wiggins e companhia, o Target Center deva receber uma série de playoffs em breve.