Kendrick Perkins tentará revitalizar carreira na G-League

Kendrick Perkins foi dispensado pelo Cleveland Cavaliers durante os treinos de pré-temporada, mas vai permanecer em Ohio. De acordo com Adrian Wojnarowski, da ESPN, o veterano pivô aceitou oferta da franquia afiliada dos atuais tricampeões do Leste, o Canton Charge, para dar seguimento à carreira na G-League. Detalhes sobre o contrato entre as partes não foram divulgados.

“Eu estou levando muito a sério e comprometido com essa oportunidade. Farei um sacrifício para mostrar que posso voltar à NBA”, afirmou o jogador de 32 anos. Ele não atua em uma partida oficial desde abril de 2016, mas manteve-se treinando e em forma desde então visando conseguir uma nova chance como reserva e presença veterana em um time da liga.

Além da proposta do Charge, Perkins recebeu várias ofertas – inclusive do próprio Cavaliers – para ser assistente técnico e iniciar uma carreira de treinador na NBA. Seu foco, porém, sempre foi continuar a trajetória como jogador profissional. Em 13 temporadas e 781 jogos na liga, Perkins acumula médias de 5.4 pontos e 5.8 rebotes em 22.0 minutos de ação por noite.

 

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Boa sorte ao Perkão da massa!

  • Vinícius Maia

    G-League? Novo nome da D-league, algo do gênero ou é outra liga mesmo?

    • TRUETHIAGO

      Sim, é a mesma liga, só que agora com o “G” porque será patrocinada pela Gatorade.

  • TRUETHIAGO

    O Emeka Okafor também vai seguir esse caminho, acertou com a filial do Sixers, o Delaware 87ers.