Kings e Cousins negociam extensão contratual de mais de US$200 milhões

DeMarcus Cousins está próximo de tornar-se o atleta mais bem pago da história da NBA. De acordo com James Ham, da rede CSN California, o Sacramento Kings negocia uma extensão contratual prévia com o astro que, sob os novos parâmetros financeiros da liga, poderia chegar a US$207 milhões por cinco temporadas. Assim, a franquia evitaria que o pivô seja agente livre irrestrito em julho de 2018.

O all star recebe pouco mais de US$18 milhões em salários na próxima temporada e, então, teria seus vencimentos – no mínimo – dobrados no primeiro ano do novo vínculo, como jogador especial designado da equipe californiana. Se realmente for fechado, o acordo garantiria sua permanência no Kings até junho de 2023, quando testaria o mercado já prestes a completar 33 anos de idade.

A notícia, provavelmente, coloca ponto final nos boatos de que Cousins poderia ser negociado antes do término do atual contrato. Apontado por muitos fãs como o melhor pivô da liga, o astro lidera o Kings em média de pontos (28.0) e rebotes (10.1) na temporada, além de 3.9 assistências, 1.4 roubos de bola e 1.4 tocos em 37 jogos disputados na campanha.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • William Felton

    Pelo padrão que se paga hoje, muito merecido. Tem feito uma excelente temporada, não obstante faltar-lhe apoio consistente do seu time.

  • Brad

    É um número bastante elevado mas pelo jogador que ele é ( mesmo com o temperamento forte ), o Kings fará certo. Tinham que tentar trazer bons jogadores e moldar um time ao redor dele, ai sem dúvida nenhuma ele elevaria a franquia a um outro patamar. Sou muito fã dele, o cara é absurdo.

  • Marcelo #Bulls

    Merece. Pelo andar das coisas ele vai ser o líder da franquia em pontos, rebotes, assistências, roubadas e tocos. Terá a camisa aposentada lá. Espero sinceramente que a franquia pare de ser tão desorganizada e consiga dar um time decente pra ele, porque agora treinador bom o Kings tem.

  • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

    fica ai nessa franquia falida mesmo seu acéfalo , ai eles mimam vc , nasceram um para o outro

  • Diego Varjão

    Vai optar por money em vez de títulos. É uma escolha, tal como fez nosso amigo Carmelo

  • Michel Moral

    Cousins pode ficar mais longe da oportunidade de ser campeão, mas por outro lado, certamente vai deixar seu legado na NBA, especialmente em Sacramento.

    Não escondo que sou crítico ao seu jeito de encarar as coisas e de seu comportamento, mas acho essa atitude louvável. Eu prefiro quando um jogador desafia o seu próprio potencial e suas limitações para tentar vencer, ao invés de tentar abreviar as coisas indo para algum time mais preparado.

    Além disso, certamente essa renovação vai causar impacto ao redor da liga, resolvendo um dos grandes problemas que a franquia de Sacramento enfrenta: a incerteza.

    Claro que o salário alto está por trás de tudo que eu coloquei acima, mas mantenho meu posicionamento. Acho que jogadores como Melo e Conley (e agora possivelmente o Cousins), merecem o salário para os padrões da NBA.

    • João Leonildo dos Santos Canit

      Se ele ficar, vai ser pelo dinheiro, isso de desafiar o seu próprio potencial é conversa fiada. Um jogador comprometido verdadeiramente com a franquia não tem as atitudes boçais que ele tem, um verdadeiro franchise player não desestabiliza o seu balneário..

      • Michel Moral

        Por quanto o Dwayne Wade assinou com o Bulls? Pouquinho né? E por que todo mundo diz que ele foi para Chicago só porque é a terra natal dele?

        Cara, qualquer Franchise Player morderia uma grana dessas se surge a oportunidade. Eu não curto muito discutir salário por causa disso. Acho hipocrisia. Se ele ganhasse esse salário em Boston ninguém diria nada. O problema é ele ter ficado em Sacramento.

        Sobre as atitudes, como mencionei no meu comentario, eu sou muito crítico. Leia o que coloquei no último post sobre a declaração de Draymond Green, quando disse que Cousins é o melhor pivô da NBA. Mas precisamos saber separar as discussões. Esse problema de atitude do Cousins é uma coisa, a sua qualidade é outra coisa.

        • João Leonildo dos Santos Canit

          Li o seu comentário sobre o Green ter dito que o Cousins é o melhor C da liga, eu particularmente concordo com ele, mas esse seu comentário contradita com o que fizeste no post sobre a declaração do Green, uma vez que você mesmo admite que o Cousins é um mau para a franquia e nesse post você diz que ele está muito preocupado em ganhar títulos sem atalhos, o que dá a entender que ele tem um grande comprometimento com a franquia. É nesse comprometimento que eu não acredito, as próprias acções dele demonstram isso, razão pela qual eu acredito que apesar dele poder até gostar da cidade e estar bem integrado na comunidade, como disse o Anderson no seu comentário, eu acredito que o que está a pesar mais nessa decisão é o dinheiro que está em cima da mesa, razão pela qual eu acho que a história de desafiar o seu potencial é bull shit.

          • Michel Moral

            Pra mim são situações e análises diferentes. Salário ganha-se sendo o melhor jogador ou não. Vide Mike Conley, que pra mim também é justo.

            Eu acho Cousins competitivo, só que tem claro desequilíbrio emocional. Esse desequilíbrio atrapalha e muito a sua equipe. Por isso, um jogador mais comprometido é necessário na franquia. Talvez um Paul Millsap, por exemplo.

            Mas ele nunca forçou uma saída de Sacramento. Ele gosta de estar lá. Isso é louvável para mim. Pode sem duvidas ter a camisa aposentada na franquia. Eu gosto de jogadores que tomam esse rumo. Prefiro do que aqueles que saem para ir até outros jogadores e formar potências. O curioso é que as pessoas acham essa uma atitude errada e questionam quando o cara fica por salário bom.

        • João Leonildo dos Santos Canit

          É claro que o dinheiro pesou na decisão do Wade, ele próprio admitiu, o que não significa que voltar para sua cidade também não tenha sido um factor relevante. A diferença é que o Wade já tem três anéis e já está próximo do fim da carreira. É preciso lembrar também, que ele já fez sacrifícios para ganhar, aceitando ganhar menos para que o Bosh e o Lebron pudessem se juntar ao time e inclusive também para que o Udonis Haslem pudesse se manter na franquia.

    • Anderson Luis Monteiro

      Acredito q ele goste n só de dinheiro mas de viver em Sacramento, uma vez q ele e bem envolvido cm as comunidades de lá. Entretanto, n vejo toda essa vontade de vencer, lá ele sabe que não terá a possibilidade de conquistar um anel.

  • Rodrigo Siqueira

    galera estou vendendo camisa retro do cleveland cavaliers LeBron James, PRONTA ENTREGA E FRETE GRATIS!

    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-828338387-camisa-basquete-cleveland-cavaliers-23-lebron-james-retr-_JM

  • Knickerbockers

    Só com muita grana envolvida pra ele continuar em Sacramento, pois é um dos times mais desorganizados que tem. Dificilmente atrairá grandes jogadores pra jogar ao lado do Cousins, dificilmente montará um time que brigará por títulos. Provavelmente se ele fosse pra uma franquia contender ele estaria mais perto do anel, porém não iria ganhar essas cifras por conta do cap.

  • Edson Eu

    Isso vai afundar a franquia.

  • Sadwave

    Sem ele, Kings não é nada. Fizeram o que tinham que fazer com o Boogie: agarrar as pernas e não soltar mais.

  • Alex Alves

    Bom na minha opinião.
    1°) Ele se tornara o maior jogador de todos os tempos da franquia
    2°) A franquia continuara sem ganhar nada por muitos e muitos anos
    3°) Acredito que com esses super salários as panelas iram acabar afinal todo all-star vai desejar seus 30 a 40 milhões por temporada destruindo todo cap em 2 jogadores. Para os craques os salários serão ótimos mas o restante do time deve cair muito a pedida salarial.

  • Marcelo Desoxi

    Não tenho olhares otimistas para com o Cousins, acho que sendo o protagonista ele não consegue levar um time à final.
    De qualquer forma, com as novas responsabilidades, sendo bem pago ( 40 M pqp ) , ele pode pelo menos criar tipo de homem, e começar a agir como tal , agindo como um líder e não sendo mais um motivo de tormentas do FO do Kings. Afinal, ninguém duvida mais de seu talento, este já está mais do que provado.

    • Paulo Roberto

      Nao sera traidor.Traidor foi o Durant caso o Cousins saia ele so esta largando um time top 3 incopetencia na liga.

      • Marcelo Desoxi

        Espere e verás.

  • Thiago25-NBA

    Estou em cima do muro: não sei se é porque ele quer ter um legado, definitivamente, no Kings, seja com título ou não, ou se ele quer permanecer porque tem as mordomias que possivelmente em outra franquia não teria, já que é folgado e mimado.

  • Cousins gosta de Sacramento, então tem que ficar por lá mesmo.

    Puta jogador.

  • Victor Chittolina

    Enquanto Cousins for jogador do Kings, Cousins vai continuar sendo esse Cousins e Kings vai continuar sendo esse Kings.
    E isso não é um elogio.

  • David Ribeiro

    A-p-r-o-v-e-i-t-a a p-r-o-m-o-ç-ã-o!

  • Yan Alves #TankBrothers

    Duvido que ele permaneça no Kings sem pedir nessa renovação pra ele ter mais voz dentro da franquia, ele já demonstrou publicamente a insatisfação com as atitudes tomadas por essa diretoria.

  • Zorg

    DMC possui um enorme talento … acredito que proporcional a sua falta de responsabilidade e de comprometimento em tornar os Kings uma equipe verdadeiramente competitiva, um verdadeiro contender a um título. Ao optar por ficar em Sacramento, além de encher os bolsos, fica claro que será o maior do nome da franquia mas sem vencer nada. Não vencer não é o problema. Vários grandes não venceram Ewing, Barkley, Malone Iverson entre outros mas todos sempre foram grandes em lutar, em buscar crescerem e fazer sua equipe e seus companheiros melhores. Não acho que DMC tenha isso, tenha essa vontade e comprometimento. É um potencial gigante, mas sem foco, sem compromisso … um meninão bobão, preocupado apenas com seu eu. E o Sacramento ao encaminhar essa renovação, sinaliza que aceita essas atitudes, essa postura na espera que um dia ele amadureça e possa converter todo o talento em foco de querer ser campeão. Até o amadurecimento, se é que ocorrerá, o Sacramento será a franquia onde jogadores comprometidos e focados em vencer não irão ou não permanecerão. Espero estar errado mas acho que DMC será aquele enorme potencial mas que nunca se tornou o que poderia ter sido, o King das grandes estatísticas vazias.

  • Damon

    Kings vai continuar no limbo por muitos anos…