Knicks “estragou” chance de contratar LeBron James na agência livre de 2010

New York Knicks já perdeu inúmeras oportunidades de “reerguer-se” nesse século, acumulando decepções dentro e fora das quadras. E, provavelmente, a maior dessas chances surgiu em 2010. Segundo Bill Simmons, do site The Ringer, a franquia era o destino preferido do craque LeBron James no início da agência livre e terminou por desperdiçar a possibilidade de contratá-lo com uma reunião desastrosa. 

“Todas as pessoas com quem conversei desde aquela época são taxativas em afirmar que o Knicks era a primeira escolha de LeBron. Basicamente, eles só perderiam essa parada para si mesmos – e, claro, não conseguiram conter-se em estragar tudo. As histórias que ouço sobre esse caso são simplesmente lendárias”, contou o analista, durante a mais recente edição do seu podcast

Simmons apurou que os nova-iorquinos prepararam uma apresentação grandiosa, mas que carecia de um plano para o basquete da franquia. Em um exemplo da falta de foco da reunião, o dono do time, James Dolan, teria contratado os atores James Gandolfini e Edie Falco para reprisarem seus papeis como Tony e Carmela Soprano na icônica série de televisão “Família Soprano” durante a fatídica reunião.  

“Eles não tinham nada pronto, um plano ou estratégia. E não poderia ter sido pior, pelo que fiquei sabendo. Foi um baita desastre. Acho que, em certo momento, vendo o que estava acontecendo combinado à década que o Knicks acabara de viver em quadra, os astros resolveram simplesmente ignorá-los”, concluiu Simmons, lembrando que os nova-iorquinos sequer tiveram permissão para um segundo encontro com LeBron. 

O mais doloroso para o torcedor da equipe nova-iorquina é que, olhando em retrospecto, ela tinha condições de formar um “Big Three” como fez o Miami Heat. Além de espaço na folha salarial para oferecer dois contratos máximos na offseason, o elenco possuía jovens interessantes que poderiam ter apelo a um time como o Toronto Raptors em uma possível signand-trade por Chris Bosh – como Danilo Gallinari e Wilson Chandler.