Kyle Lowry revela que tinha interesse em jogar no Spurs

O armador Kyle Lowry era um dos melhores agentes livres disponíveis no mercado na última offseason. O jogador demorou um pouco para definir seu futuro, após a abertura da janela de transferências, mas, no final das contas, acabou ficando em Toronto, renovando o seu contrato com a franquia canadense por US$ 100 milhões, válido por três temporadas. Não obstante a extensão do vínculo, Lowry tinha interesse de jogar por outro time: o San Antonio Spurs.

Nessa segunda-feira, após a derrota do Raptors no Texas, o camisa 7 concedeu entrevista para o jornalista Jabari Young, do San Antonio Express-News, e revelou que tinha realmente a intenção de se juntar ao Spurs.

“Era algo real para mim”, disse Lowry. “Mas não era real para eles. Essa é a parte dos negócios que as pessoas não ficam sabendo. Eu adoraria vir para cá, mas não deu certo”, lamentou.

Apesar das declarações, Lowry garantiu que não queria deixar o Raptors. “Não estou dizendo que queria sair, mas eu estava observando outras equipes para saber o que estava acontecendo”, disse. “O que eu quero dizer é que este seria um ótimo lugar”, concluiu o armador, reiterando o seu interesse de atuar pelo time do Texas.

Segundo Lowry, o Spurs não o procurou para uma conversa, ou seja, não demonstrou interesse em contar com os seus serviços. Na agência livre, a equipe de San Antonio chegou a um acordo de renovação com o armador Patty Mills, pelo valor de US$50 milhões, valido por quatro temporadas.

Participante das últimas três edições do All-Star Game, sendo o titular do Leste em duas oportunidades, Lowry registra médias de 14.2 pontos, 5.8 assistências e 1.4 roubos de bola, bem como 49.8% de aproveitamento nos arremessos de quadra, na carreira. Além disso, o armador é o sexto maior cestinha da história do Raptors, o segundo com o maior número de passes decisivos e o jogador que mais converteu bolas de três pela franquia.

Os comentários estão encerrados.