As excelentes atuações na Copa do Mundo FIBA renderam mais um prêmio ao armador Kyrie Irving, do Cleveland Cavaliers. O MVP da competição foi eleito pela USA Basketball, entidade que gerencia o basquete norte-americano, como melhor jogador do ano. A honraria, entregue desde 1980, tem Michael Jordan, Tim Duncan, Kevin Durant e LeBron James como alguns de seus recipientes passados.

“É uma verdadeira honra e benção entrar na grande lista de vencedores deste prêmio. A USA Basketball foi a melhor experiência da minha vida até agora. Nosso elenco uniu-se com time, superou as adversidades e ganhou uma medalha de ouro. Vou lembrar-me disso para o resto da vida”, afirmou o atleta de 22 anos, que conquistou seu primeiro título com a seleção norte-americana adulta no torneio mundial.

Irving foi titular nas nove partidas da campanha invicta dos EUA na Espanha, com médias de 12.1 pontos, 3.6 assistências e 1.9 roubo de bola em pouco mais de 24 minutos de ação por jogo. Ele ainda converteu 60.9% dos arremessos de longa distância que tentou (14-23), um recorde da seleção norte-americana em competições internacionais. Para o treinador Mike Krzyzewski, o torneio ajudou no amadurecimento do comandado.

“Eu acho que Kyrie subiu de status neste ano. Às vezes, você precisa do palco certo para tornar-se um grande jogador. Seu palco foi a Copa do Mundo. Ele mostrou seu melhor na Espanha e, agora, esse é o nível de jogo que esperamos dele. Estou realmente orgulhoso do seu trabalho”, declarou “Coach K”, que ganhou a premiação anual da USA Basketball entre os técnicos.

A melhor atuação do armador no Mundial veio exatamente na final, contra os sérvios, quando marcou 26 pontos, distribuiu quatro assistências e converteu os seis arremessos de longa distância tentados. “Foi realmente prazeroso ver Kyrie atuar na Copa do Mundo, em especial na decisão. Ele é muito merecedor da honraria e estamos orgulhosos de premiá-lo”, disse o diretor executivo da entidade, Jim Tooley.

Irving sucede o ala Aaron Gordon, hoje calouro no Orlando Magic, como jogador do ano da USA Basketball. O jovem possui 19 vitórias e nenhuma derrota atuando pela seleção norte-americana, com medalhas de ouro no mundial adulto e na Copa América sub-18 de 2010. Na atual temporada da NBA, ele acumula médias de 19.7 pontos, 3.0 rebotes e 5.4 assistências em 26 jogos pelo Cavs.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • MDias

    Como joga bonito esse Irving…
    Tenho certeza que seu basket irá evoluir mais ainda nos próximos anos, calando a boca dos haters aqui do Brasil!

  • Uncle Drew

    Ficaria entre ele, James Harden e Anthony Davis. Mas como o Mr. Fourth Quarter brilhou na final, foi merecido

  • QUIRIE ARVING MITO !

  • Vlad-BH

    Ser armador da seleção americana até eu!

  • Lula da Silva

    Firulento e fominha pra caralho, que não passa a bola nem a pau.

    Wall BEM melhor!!!

    • MDias

      Segura a onda ai HATER, aprecie com moderação!