Kyrie Irving, a peça mais importante da offseason

Por Ricardo Romanelli

Numa liga que conta com cada vez mais grandes jogadores e igualmente cada vez mais movimento de atletas em trocas e contratações, parece difícil imaginar que um atleta sozinho faça tanta diferença numa transação quanto antigamente. Nesta offseason, entretanto, parece que a decisão de Kyrie Irving sobre seu futuro no Boston Celtics pode ser determinante, e não apenas pelos talentos do armador como um dos melhores jogadores da NBA. A escolha dele pode desencadear um efeito em cascata que pode afetar o futuro não apenas do Celtics, mas de outras franquias ao redor da liga.

Comecemos, é claro, pelo time de Kyrie. Caso ele opte por renovar contrato, o time está em posição privilegiada para adquirir Anthony Davis junto ao New Orleans Pelicans. Com a garantia da continuidade do armador, Danny Ainge pode exercer toda sua habilidade negocial para adquirir Davis com uma combinação de jovens atletas e escolhas de Draft, formando uma das duplas mais perigosas da NBA para as próximas temporadas. Caso ele não renova com o Celtics, entretanto, será que a franquia seria tão agressiva nos esforços para adquirir Davis? O senso comum diz que não, e é aí que outras franquias passam a ser afetadas pela decisão.

O Pelicans está numa saia justa desde a deadline, e tenta contratar um novo GM que possa lidar melhor com a situação do que Dell Demps. Conhecendo as peças que outros times têm disponíveis para trocas, o Pelicans acertadamente conclui que o Celtics é o melhor parceiro de troca disponível. Apesar disso, se o time de Boston se encontrar forçado a fazer uma oferta menos atrativa, as coisas podem ficar ruins rápido para o Pelicans, que poderia acabar tendo que aceitar uma oferta menos atrativa que a que o Lakers ofereceu na última deadline, por exemplo.

Falando na franquia de LeBron James, esta é outra grande afetada pela decisão de Kyrie. Primeiro porque ele deve ser um dos alvos do time na offseason, apesar de não um destino muito provável. Segundo pela situação de Anthony Davis, conforme já descrito, e por fim pelas opções que Kyrie abre no mercado ao mudar de time. O raciocínio é simples: com vários times buscando um agente livre máximo no mercado, se Kyrie assinar com um deles, é uma franquia a menos para concorrer com o Lakers nos outros atletas. Tomemos como exemplo o New York Knicks. Se Kyrie decidir ir para lá, como se especula, é uma opção a menos para concorrer por Kemba Walker ou Jimmy Butler, outros alvos do Knicks e de diversos times ao redor da liga. É claro que esta lógica vale para todas as franquias em posição de assinar com um agente livre máximo, mas a expectativa sobre a situação do Lakers e de LeBron para a próxima temporada merece especial atenção, até pelo fato da franquia também estar envolvida nas conversas por Davis.

Kemba, aliás, teria tudo para lucrar com uma decisão rápida de Kyrie por permanecer no Celtics. Com estilo parecido e atuando na mesma posição, ele rapidamente se tornaria o principal foco das atenções de franquias que também teriam interesse em Irving caso ele não renove com o Celtics.

Já que citamos o Knicks, este é outro grande afetado pela decisão de Kyrie. Tendo criado espaço para dois contratos máximos na offseason, a franquia de NY tem como grande atrativo para agentes livres justamente a possibilidade de fazer uma oferta do tipo “assine conosco e traga seu amigo astro junto”, já que jogadores se tornaram tão propensos a esse tipo de negociação nos últimos anos. Irving é bastante próximo a Kevin Durant e Jimmy Butler, e uma dupla dele com um dos dois parece ser o caminho mais provável para que o Knicks alcance seus objetivos. Sem ele, no entanto, é mais improvável que o Knicks consiga outro astro. Talvez Durant, mas ele é um jogador muito difícil de ler e sua decisão pode ser surpreendente.

Projetando já uma cadeia de correlação mais incerta entre a decisão de Kyrie e de outros agentes livres, vale especular o que faria Kawhi Leonard em caso de uma permanência de Kyrie em Boston com subsequente troca de Anthony Davis. Com esta dupla e o timaço do Milwaukee Bucks no Leste, a conferência se torna um desafio e tanto, e tira o principal argumento do Toronto Raptors para tentar convencer o ala a renovar seu contrato, o caminho mais fácil para as Finais da NBA. Essa decisão, é claro, vai depender mais da performance do Raptors nos playoffs do que qualquer outra coisa, mas uma vida mais difícil no topo do Leste pode fazer Kawhi começar a enxergar mais claramente que jogar “em casa”, com um dos times de Los Angeles, é o que realmente ele quer para a sequência da carreira.

Kyrie poderia, ainda, tomar uma decisão que deixaria todas essas alternativas num limbo, ao renovar por apenas dois anos com uma player option para a segunda temporada. Esta possibilidade foi apresentada por Kevin O’Connor (The Ringer) nos últimos dias, e é especialmente intrigante porque alinharia Irving e Davis, que são amigos próximos, como agentes livres ao final da temporada 2019-20, lhes permitindo escolher seu futuro juntos caso desejem. É um cenário improvável e arriscado, entretanto, já que Irving e Davis são atletas com problemas de lesões recorrentes ao longo de suas carreiras, e a prudência recomendaria assinarem grandes contratos o quanto antes. Apesar disso, Davis já está abrindo mão de uma gorda extensão com o Pelicans neste verão ao pedir troca, então é mais uma possibilidade para se levar em conta.

Por fim, outro jogador que pode ser bastante afetado é Al Horford. O pivô do Celtics possui uma player option em seu contrato para a próxima temporada, no valor de pouco mais de US$ 30 milhões. Parece estranho imaginar que um jogador de 33 anos abriria mão deste salário para ser agente livre, mas é justamente aí que está a lógica. Horford poderia optar por assinar um contrato mais longo e com um valor total que supere esse, para garantir mais anos na liga e aproveitar a offseason onde haverá um aumento no teto salarial para fechar um negócio com menos salário anual, mas num valor total superior a esse último ano de contrato com o Celtics, imaginando ainda que sendo agente livre no ano que vem ele estaria um ano mais velho e num mercado sem tanto dinheiro disponível, o que poderia lhe render ofertas menores. A questão para ele é: sem Kyrie, imaginando o Celtics num movimento de reconstrução, será que ele não estaria disposto a procurar outro time onde tivesse mais chances de ser campeão? Ou até mesmo assinar com quem lhe pagasse mais, para capitalizar o último ano da carreira? E por fim, não seria ele o jogador mais afetado por uma eventual chegada de Anthony Davis?

Essas e outras perguntas começam e terminam de ser respondidas com a decisão de Kyrie Irving, a carta mais importante do jogo na offseason de 2019, que promete ser uma das mais interessantes da história da NBA.

  • Walmir

    Excelente explanação. Aguardemos!

  • Post de suposições divertido

  • Alex Alves

    Ainge vai ter muito trabalho na próxima offseason.

    • romulor2

      Alex… com certeza e os playoffs dessa season será muito importantes nessa jogada toda

  • Lucas

    Excelente matéria, me parece que as coisas não vão bem no Warriors, e os caras estão tipo assim, vamos lá ganhar este anel e depois cada um segue seu rumo, tenho a impressão que há um desgaste com Durant x Green, eu espero que um dos dois saia, mais provavelmente Durant, mais não tenho duvida que se os dirigentes tiverem que escolher KD seria a melhor opção para ficar no entanto para onde o Durantula iria?

    A escolha dele anterior foi visando títulos será que se conquistar o terceiro ele mudará o foco? Acho que ele quer ser lembrado como um dos maiores quando se aposentar então faria sentido jogar num grande centro, porém ele aceitaria ser sombra de Lebron?

    Pensando nisso, poderíamos ver ele nos Celtics, Knicks e Houston com uma possibilidade menor para o Lakers, um destino que também poderia ocorrer era 76ers com a saída do Butler, não a duvida que ele seria grande candidato a títulos por lá.

    • Dan Mendes

      Eu acho que o Durant fica no GSW ele disse que está focado em ter contrato maximo, e o Warriors é quem pode pagar o super Max para ele

      • Lucas

        Mais isso não levaria a se desfazer de algum jogador?

      • LION #GoSPURS

        KD não é elegível pra um Super Max.
        É um contrato exclusivo, e ele só estaria elegível para ele se tivesse permanecido no OKC, ou se tivesse sido trocado durante o contrato de rookie. Isso o enquadraria num mecanismo chamado Designed Veteran Player, e isso é o que é preciso para ele ficar elegível pra um Super Max, além de, claro, ser selecionado pelo menos 2x pra uma equipe All-NBA – em qualquer uma das 3 equipes – ou, ter ganho o MVP ou DPOY no período próximo do final de seu segundo contrato.

        Embora ele tenha preenchido os requisitos, ele optou por assinar com os Warriors.

        No mais, acho improvável que ele renove, e creio que o cenário para eles é renovar com Thompson.

    • Gustavo

      Durant n vai jogar com o LeBron, acho que isso ae ta mais do que comprovado, ja deu até declaração dizendo q o ambiente ao redor do LeBron é toxico, oq é meio estranho ja que ele sempre aparece na offseason ao lado dele. Se ele sair do GSW, aposto no Clippers ou Knicks ao lado de outra estrela.

      • Alex Alves

        Ele não vai para o Knicks sozinho aliais só deve ir se já tiver outra estrela lá.

        Além disso o time de NY precisa contar com a sorte de conseguir a first pick, para conseguir através da trade um time decente.

        • Gustavo

          Se eles conseguirem o Zion acho que n vai trocar n, Zion – KD e algum outro FA ja seria um puta time pro Leste.

          • Alex Alves

            Não sei cara o problema é que esses all-star tipo o KD quer o título hoje, esses caras ão tem paciência com calouros ainda mas como Pivo (talvez a posição que mais demore para um jogador amadurecer).

          • Lucas

            Concordo, o elenco já tem role players então duas estrelas e um novato promissor, ou talvez correr o rico de trocar este novato+ contratos ruins por uma terceira estrela.

  • Dudu Ferrero

    Otima materia, mas na minha opniao as c hances do Irving ficar é mt pequena, eu acredito que ele teria maism chances de voltar pra Cleveland do que ficar em Boston… mas acho mesmo que ele vai pra Nova York

  • Alexandre Wagner

    Agora surge a duvida, se o Irving não for renovar com o Celtics, muito provavelmente o Davis não vem, então quais franquias teriam reais possibilidades de oferecerem pacotes minimamente interessantes ao Pelicans, na opinião de vcs?

    • Celso Cachali Jr

      Knicks se conseguir a primeira escolha do draft. Mas aí fica dúvida. Abrir mão de ziom por Davis?

      • Alexandre Wagner

        Eu acho complicado, ainda assim teriam que mandar Zion + Jogadores + picks, não sei se para NY seria interessante.

    • Dudu Ferrero

      O Irving quer ser a estrela, se o Davis vier vai ofuscar eu acho que o Irving nao quer outro grande astro perto mas eu acho que vai pro Knicks mesmo

      • Alexandre Wagner

        O problema é se Durant for junto, ai ofusca o Irving, pois ele não é tão regular (embora jogue muito), e o Durant é bem regular. A menos que o Durant acabe indo para um time de L.A, pq eu tbm acho complicado os dois em NY.

      • Dan Mendes

        O IRVING mesmo falou que queria jogar com o Davis.

      • Gustavo Santos

        eu não acredito que o Irving queira ser a estrela solitária, se ele quiser, então ele não vai querer se juntar ao KD ou ao AD… resumindo, então nesta situação seria ele permanecer em Boston e querer que o time não traga o AD…. Eu sinceramente não acredito que o Irving pense assim

  • Celso Cachali Jr

    Parabéns pela matéria… Eu nem pensei no Horford desta maneira já imaginava que ele aceitaria a opcao dele… Mas faz muito mais sentido ele arrumar um último grande contrato.
    Gosto dele é um bom jogador mas não faria loucuras por ele.

    • Alex Alves

      Acho que ele deve buscar um 60/3 em um time competitivo é claro.

    • Michel Moral

      Faz muito sentido a teoria do Ricardo no texto.

      Em um primeiro momento, o Celtics pode sorrir, supondo que ele diminua os vencimentos para a casa dos 20 mi, como disse o Alex.

      Por outro lado, pode ser um novo Gasol, que há pouco tempo era all-star e, de repente, passou a ser um jogador sem mercado, com alto salário e, pior, velho ainda por cima.

  • Eric Martins

    Esses playoffs irão definir os rumos .Temos: Kyrie,Kemba , Durant , Butler, Bogdon , Middleton , Klay Thompsom, Davis, Kawhi…… Times com cap como Clipers , Lakers , Knicks.Com o Knicks brigando pelo prospecto do Zyon no draft .Enfim vai ter muita gente querendo o máximo mas também lutar por um anel.Palpite acredito que o Clipers vai abocanhar uns 2 astros dessa turma , tem um time organizado pelo Doc Rivers e não tem a sombra do Lebron .Já o Lakers tá uma bagunça principalmente causada pelo treinador e pelo Magic .

    • Alexandre Wagner

      Assim espero, se o Clippers conseguir uma estrela (Durant ou Kawhi) já vira um time top 5, imagina 2 estrelas.

      • Eric Martins

        Não torço pelo Clippers mas vou além. Pela equipe , organização , tem bons valores e está brigando pelos playoffs sem o Tobias Harris , tem valores como Shamet, Lou williams , Harrel, Beverley .Tem só um contrato ruim que é do Galinari.Está orfão de uma grande estrela. Pelos rumos da free agence vai abocanhar 2 estrelas.E conseguindo as estrelas vai dar um salto e vai ser um sério candidato a ser campeão.Se Toronto não conseguir pelo menos chegar na final de conferencia , ele tem grandes chances que vai para Clippers.Eu não duvido que Kyrie ou Durant ou os 2 irão para o Clippers.

        • Igor Neves

          Gallo msm sendo um bichado é muito importante pro time

          • Alexandre Wagner

            Vdd, eu nem acho o contrato dele tão ruim, o cara entrega 20 PPJ, o maior problema dele são as lesões.

  • Marcelo Mavs

    eu acho que o Lakers vai ir com tudo no Butler caso não consiga o Durant e o Irving, contrato máximo e tudo.
    eu estava pensando antes, imagina se o Pelicans na loteria consegue uma pick top 2,3,4, será que eles trocariam o AD pela pick 1? dai eles poderia ter Zion e RJ ou outro desses, seria insano.

    • Alexandre Wagner

      Eu acho difícil, pq todo calouro tem aquele incerteza de que se vai vingar ou não, e o Davis já é um dos melhores da liga, provavelmente o Pelicans vai querer além de calouros promissores, bons jogadores que ajudem o time a ser competitivo.

      • Marcelo Mavs

        mas tu prefere, um ano de AD, ou uma carreira do Zion? se o AD tivesse satisfeito e com um contrato mais longo, sem dúvidas o AD seria mais valioso e não valeria a troca,, mas com tudo o que aconteceu, e o contrato expirante na próxima season, tu não acha que vala a pena?

        • Alexandre Wagner

          Eu imagino que se forem pegar o Davis já é com a certeza de renovar, nenhuma franquia faria uma loucura dessas sem essa certeza não.

          • Alex Alves

            Também acho, mas eu trocaria na hora o Davis pela pick 1° aliais demoraram muito para fazer isso.

          • Vitor Martins

            Toronto foi no Kawhi, OKC no PG…

          • Marcelo Mavs

            verdade, tem isso, mas mesmo assim, para o Pelicans valeria a pena, em ter dois dos melhores propectos do próximo draft, AD é uma baita moeda de troca, eu não duvido que no dia do draft o Pelicans possa fazer algum movimento.

          • Chimbinha “o banido”

            Mas se não me engano o Davis disse que New York era um destino que ele gostaria, logo acho que reonovaria com o Knicks

        • Vitor Martins

          Ai o Zion na metade do segundo contrato dele com o Pelicans, depois de ir apenas uma vez aos playoffs, pede troca! rs
          Muita coisa tem que mudar nessa franquia!

          • Marcelo Mavs

            sim né mano, mas ai nós estamos supondo, o que era o Cavs antes do Lebron? olha o que ele fez com a franquia, pq o Zion não pode ter um futuro brilhante também? não tem como saber o futuro.

      • Michel Moral

        O caminho mais fácil para se chegar no monocelha, pra mim, é pelo Zion.

        Para isso, o Pelicans teria que torcer para a pick 1 cair no colo do Knicks e, ainda, torcer para que Irving, como diz o texto do Ricardo, também esteja interessado numa transferência para NY.

        Porque os demais times no tank mode dificilmente liberariam Zion por Anthony Davis, tendo em vista que o astro teria pouco interesse na renovação com um time similar ou pior ao do Pelicans.

        Como o Knicks vai arriscar nas superestrelas em detrimento do draft, a escolha pode ser facilmente negociada por um grande nome.

        Alem disso, é utopico achar que NOLA conseguirá jogadores condizentes com a qualidade de Davis, que hoje seriam Harden, LeBron, Curry, Antetokoumpo… Esquece!

        • samuel pereira

          ninguem trocaria o zion pelo AD veio! nem as franquias mais desorganizadas da NBA e nessa lista inclui os Knicks faria uma “merda” dessas,não aparece um calouro do nivel do Zion desde Lebron james, pq você acha que os Knicks abriram mão do Porzingão? justamente sabendo que teria uma campanha pessima e que teria grandes chances de Drafta o Zion, se existe uma luz no tunel de NY em voltar a ser “grande” e competitivo na liga, essa Luz se chama ZION!

          • Michel Moral

            Primeiro que com ou sem Porzingis nada mudaria no posicionamento do próximo draft, porque o letão não joga nessa temporada de qualquer forma, o que não atrapalharia o tank.

            Na verdade, a troca com o Mavs serviu para abrir espaço no cap, com a clara intenção de poder receber até dois contratos máximos na FA. Nessa negociação, o Knicks mostrou pra Deus e o mundo que vai investir na FA e que desistiu do draft.

            Não acho que NY abriria mão de Zion. Isso só aconteceria se fosse para adquirir Davis e, ainda assim, só se já tivesse engatilhada a contratação de Kyrie ou Durant, ou os dois.

            Entenda, ou vc investe em um time para resultado imediato, ou pensa a longo prazo.

  • Alexandre Wagner

    O Nugets poderia oferecer um bom pacote pelo Davis, agora não sei se o time vai querer sacrificar algumas de suas peças.

  • Gustavo

    Essa offseason vai ser insana, muitos times com espaço na folha salarial e muitos astros disponíveis. Eu diria que as principais franquias na briga por eles são:

    Lakers: Esse aqui ta em uma situação complicada, é o Lakers, mas essa temporada prejudicou bastante a imagem deles. O fato deles terem o LeBron pode ajudar (como no caso do Davis que claramente queria jogar lá com ele), mas tbm pode prejudicar pq muitos desses caras n querem ficar na sombra do LeBron.
    Clippers: Esse esta em uma posição muito boa, tem um time organizado, uma boa diretoria e é carente de astros, então um cara como o KD, Kawhi e Irving poderia chegar e ser o rosto da franquia facilmente e dependendo dos sucessos até ser lembrado pra sempre na sua historia, coisa muito mais difícil de se fazer no rival Lakers.
    Knicks: O knicks é aql coisa, ta em um grande centro e sempre vai ser interessante, mas pensando em organização é claramente o pior entre os que citei, porem é o que tem mais espaço na folha salarial e um potencial Zion, que pode ser interessante pra quem quiser montar uma tramontina com os amigos kkkkkk.

    Pra mim esses são os favoritos a conseguirem as melhores peças, mas tem times que podem surpreender tbm, como Nets, Mavericks e Hawks, n sei se vão atrair os principais nomes, mas podem levar caras do grupo secundário de estrelas, como Butler, Kemba, Cousins…

    • Alex Alves

      Cousins jogando bem poderia elevar o patamar do Nets seria um time muito legal de acompanhar.

      • Gustavo

        Ou então no Mavericks, Doncic – KP – Cousins seria do crl.

      • Chimbinha “o banido”

        Allen é titular absoluto. Duvido que Nets pense em se desfazer dele. Claro que o Primo é mais jogador, mas pra mim não vale a pena, vai querer o máximo e não tá valendo nem perto disso

  • Gustavo Henrique

    Que comecem os jogos! Não vejo a hora de chegar 1 de Julho, será insano, queria ver o KT no Lakers, Durant e Irving em NYK, Kawhi nos Clippers, seria massa

  • Franchise 🏀 !! – ThiaGO

    sinceramente, o Irving é um mistério. Eu nem me atrevo a chutar quais franquias têm mais chances de adquiri-lo. Tudo pode acontecer e a única coisa que me espantaria seria ele ir para o Lakers já que a história todos sabem.

  • Rogério Rodrigues

    Eu acho que isso tudo será respondido de acordo com o desempenho do Celtics nos offs.
    Isso que vai determinar o que Irving poderá fazer na FA e ai sim afetar o restante dos jogadores na liga…

  • LeBrOSMAN⚔️O Draft é logo ali

    Tem todos esses fatores, mas ainda acho q o Durant será “O” cara da Free Agency (Offseason) da NBA.
    Se ele se mantiver no GSW, acho q nem o Irving e o AD juntos ainda daria conta desse GSW (ainda mais levando em consideração os problemas de lesões dos 2). Agora, se o KD sai..bagunça tudo. O GSW mudaria seu esquema de jogo, focando mais nos Splash Brothers e no Cousins (se ficarem), o KD pode tornar uma equipe do Leste (até msmo o Knicks na situação q está ) em contender imediatamente, o Oeste super competitivo vai tentar tirar proveito disto, com as equipes enxergando a possibilidade de derrotar o GSW e arriscando mais (como fizeram as equipes do Leste pós-LeBron), e tem tbem a questão dos Free Agents, q podem ir com ele para uma nova equipe.
    Enquanto o Irving se for para o Oeste (Lakers) ainda não seria páreo para o GSW atual, se for para outra equipe do Leste teria q começar um processo de construção de equipe, q só realmente poderia se tornar o maior contender do Leste se o KD, um de seus grandes amigos, fosse junto (ou seja, o fator Durant seria importantíssimo aqui, o q só fortalece o q eu disse acima).

    • Michel Moral

      Concordo plenamente.

      Por isso venho batendo na tecla de que uma reunião de astros em NY só é possível se “todos assinarem o contrato juntos”. NY jamais irá negociar com AD, por exemplo, se não tiver a garantia de que terá Irving ou Durant no plantel. Assim como os jogadores também não fariam a loucura de se tornar o “Carmelo Anthony” de Nova Iorque, só para tomar bordoada.

      Ainda sobre essa discussão de quem é o “cara” da offseason, é importante dizer que Durant cumpriu o seu ciclo em Oakland. E pelo discurso do próprio jogador em algumas oportunidades, ele quer bater de frente com LeBron na corrida histórica. Esse é o próximo passo da carreira dele.

      Já o Kyrie não cumpriu o propósito que o fez sair de Cleveland, que é o de liderar uma franquia ao título da liga, como o primeiro nome do elenco. Pensando nessa perspectiva, poucas franquias podem oferecer a ele a estrutura que o Celtics tem por trás – um elenco jovem, com uma mescla interessante de veteranos, todos qualificados, equilibrados dos dois lados da quadra e um técnico com uma leitura moderna do jogo.

      Caso Irving saia, o que é possível também porque esse moleque é uma bomba relógio, ainda mais se for para o Lakers, vai ser cômico e sem sentido.

      Por esses motivos, KD é o top player da offseason. Se ele for para qualquer lugar, Kyrie vai pensar na possibilidade de se unir a ele (como eu disse, talvez em NY?), a fim de ser o “novo Curry do Durant”.

      • Coach Stevens

        Não sei se entendi bem a nuance da última oração, mas creio que o Irving nunca vai ser o ” novo Curry do Durant”, pois nunca foi o “Curry do GSW” para nenhuma franquia. Curry e Durant tem o mesmo tamanho, já Durant e Irving, não.

        Mais chances de ele ser o “novo Irving do LeBron.”

        • Michel Moral

          Eu me referi à parceria.

      • Chimbinha “o banido”

        Cupcake pode muito bem assinar com Knicks aquele contrato maroto de 1+1e esperar pra ver se o time se mexe

        • Michel Moral

          Pode mesmo.

          Mas se tratando de Knicks, a exposição de uma temporada jogada no lixo pode ser ruim pra caramba, além de muito desgastante.

          Temos o exemplo do próprio LeBron no Lakers. Imagina se o Knicks fica fora dos playoffs?

    • CLM Lakers

      O Cousins acho difícil ficar no Gsw mesmo que o Durant não saia, pois eles não tem a Bird rights dele, a não ser que o Thompson saia também, o que acho quase impossível.

    • Chimbinha “o banido”

      Se o Irving se juntar ao Bronha de novo, merece uma surra de umbigo de boi!

  • Weezy

    Durant vai permanecer no warriors e continuar ganhando anéis, mais tarde sai pra outra franquia já marcado na história

    • Coach Stevens

      Tbm tô achando que o Durant fica por lá.

  • Vitor Martins

    Cap space é o novo Tank. Explico: tank é uma estratégia válida, ao meu ver, desde que feito com parcimônia ou quando o time está matematicamente fora dos playoffs. O problema é que o tank como “estratégia” feito ano após ano funciona muito mais como uma forma de acalmar a torcida. Hawks e Suns, por exemplo, nessa temporada voltaram a tankar, mas já tankaram na anterior. Não foi necessariamente estratégia, eram apenas ruins para competir já e mandaram essa. Cap space tá funcionando da mesmo forma hoje. Os time abrem espaço na folha pra “jogar pra galera”. Acalmar a torcida. As duas “estratégias” lidam com o futuro. Isso é inerente ao ser humano, o sonho de um futuro melhor quando o presente é tão bosta. O problema é quando tu tem espaço e assina com McGee, Lance, Beasley ou tem a chance de draftar Doncic e deixa o cara passar.

    • Gustavo

      Cap Space é o “novo tank” pra grandes mercados, times em mercados pequenos, oq é o caso da maioria da liga, tem que tankar pra sonhar com alguma coisa.

      • Vitor Martins

        Não disse que uma coisa substitui a outra. Apenas que a lógica das duas é parecida: rezar pelo futuro.

        • Gustavo

          Sim sim, n quis contrariar sua ideia, só acrescentar. Concordo com vc, e esse é um dois benefícios de se estar em um grande mercado.

    • Tiago Almeida

      Deixou o donkic passar mas pegou o Trae young que também joga muito

      • Vitor Martins

        Não foi só o Hawks que deixou ele passar.

        • marcelo pinaffo

          Todos esquecem que, os times q deixaram ele passar, o doncic não fez questão nenhuma de ir pra la (sacramento), o Phoenix foi por intervenção do dono, (tanto q o manager foi demitido), e o Hawks vem com uma escolha alta do mavs, e com o trae, não sei se pode dizer q foi tão ruim a escolha.

          • Celso Cachali Jr

            Jogada dos hawks deu muito certo vão pegar a pick 5 e talvez a 6 ou 7.

  • Vitor Martins

    Tô bem ansioso. Por mim podiam pular a final, dar logo o título pro GSW, e adiantar a offseason! rs

    • Alexandre Wagner

      Tbm, ainda mais pq o Clippers tem boas chances de pegar 1 ou 2 estrelas, e com isso o patamar da equipe muda.

      • Celso Cachali Jr

        Acho que se kawi não assinar com os raptores ele vai para os clippers

  • Antonio Jhennyson Souza Silva

    Nessa offseason podemos presenciar o fim do grande GSW. O fim de uma era.
    Pode também ser o fim de uma era do LeBron em offs se o lakao não conseguir ninguém.

    • Baski

      GSW dificilmente vai acabar,implodir.Ele pode tornar-se um time bativel, o que passa por perder pelo menos dois do seus all-stars.Acho que uma queda deles seria bom pra liga,daria chance de ascensão pra outros times

  • Celso Cachali Jr

    Lakers podiam mudar de cidade, pq o Clippers já tomou posse de Los Angeles.
    Voltar para são Diego seria bom hehehehehehehehe

  • Marcos Oliveira

    Acho incrível como a NBA mesmo durante seu período de “inatividade” consegue se manter atrativa, a offseason se tornou um evento a parte, e muito importante, só que cada vez mais vem ganhando mais força que a temporada de fato, estamos chegando na reta final de uma temporada muito interessante, mais ainda assim a proxima offseason consegue canalizar todo o Hype entorno da NBA, o que quero dizer com isso? cada vez mais nos importamos menos com “O JOGO”, cada vez mais fala-se menos “DO JOGO”, cada vez mais o jogo deixa de ser a paixão, o amor dos amantes de basquete, isso se deve somente a todo HYPE gerado pela offseason? Não. O fato de cada vez mais a busca de formação de Grande times, a hegemonia do GSW, e baixa competitividade dos últimos anos pesa muito nesse processo. PRECISAMOS ter atenção pra que o HYPE não seja maior que o JOGO em si.

    • Ricardo Mota

      Como você mesmo escreveu, esse é um modo da liga se manter atrativa até mesmo quando não há jogos. Muita gente se beneficia disso – patrocinadores, as mídias que fazem cobertura do esporte etc. Não fossem todas essas especulações sobre possíveis movimentações e as possibilidades esportivas que elas fomentam, ESPN e FS, para citar apenas dois gigantes da comunicação, teriam muito menos do que falar. Sem tanta exposição, haveria menos dinheiro na liga, jogadores ganhariam menos etc. A NBA só vai incentivar uma distribuição mais equilibrada de talentos quando chegar à conclusão de que, dessa maneira, o produto vai vender mais.

  • RSMC

    Se as expectativas estão em cima de NYK e LAL, já podemos nos desanimar, pois tudo acontecerá ao contrário do imaginado.

  • Elinho

    É até engraçado mas LBJ acaba sendo o “problema” dos Lakers. Ele ainda tem pelo menos uns 3 anos de auto rendimento e ninguém quer ficar a sua sombra. O Davis até quer vir mas pra isso o celtics tem q desistir dele.

    Acho q o pelicanos vai pedir o Tatum kkkk aí quero ver a coragem do Ainge

  • Marcos Gordinho

    Vejo a decisão de Irving apenas como parte do futuro de várias equipes. Algumas franquias possuem uma base consistente só lhes faltam a cereja do bolo, o real FP. Entre elas coloco Nets, Hawks, Kings, Nuggets, Heat, Clippers e talvez mais uma ou duas franquias de mercados menores que se mantém azeitadas a espera de nomes de peso para subir ao patamar de contender ao título. 2 all stars seguindo em conluio para qualquer uma dessas franquias fariam enorme estrago. Simpatizo particularmente com o Nets, está em um grande mercado e muitos jovens da Grande Maçã não se identificam com o Knicks pois nunca presenciaram momentos de glória e a administração desta é muito retrógrada. Nets, por uma nova paixão!. Olha que slogam legal.

    • Killjoy_br

      Cara, vc merece um contrato na gestão de marketing dos Nets 🙂 Boa leitura, realmente Brooklyn mostra nessa temporada o quão interessante pode ser nos próximos anos.

      • Marcos Gordinho

        Huahuahua!!! 🙈

    • Gabriel De Oliveira Meira

      Só lembrando que Heat não tem espaço no cap.

      • Marcos Gordinho

        Nem CAP, nem picks. Não seio que tio Pat planeja, só sei que ele têm alergia a tank e draft desde Beasley.

        • Gabriel De Oliveira Meira

          Deve planejar dar um máximo para o Wade, cinco anos !

          • Marcos Gordinho

            Infelizmente não, Tio Pat perdeu a chance de fazer isso antes de Wade sair do Heat, e provavelmente nem seria o máximo. Mark Cuban honrou a parceria com Dirkão e o encheu de grana por abrir mão de contratos máximos e permitir que o Mavs montasse uma equipe campeã. No Heat esse cara foi exatamente o Wade. Sem ele para abrir mão de salário máximo o trio infernal não seria possível.

          • Gabriel De Oliveira Meira

            Verdade .Mas meu comentário foi só uma piada mesmo, só para mostrar que não tem muito para se fazer, a não ser trocas… Dragic , o pivozao lá e outros ..

  • EDUARDO VINICIUS SATURNO LEME

    Cousins e kawhi também São agente livres né? Será que seria possível envolver horford em alguma troca pra contratar o Primos? O cap seria suficiente? Pq aí seria um big three, Irving, Davis e cousins.

    • Cavs&KingJamesaondeestiver

      salário do Horford é mais alto que o Davis e NO iria querer um contrato de 30 milhas e expirante de um Center veterano?? acho que não né!! Querem Jovens com talento e Picks…nada diferente de Tatun, Brow e que não vem fazendo boa temporada e umas 3 a 4 picks