Lakers fecha com Caldwell-Pope, Stephenson e McGee e inicia montagem de elenco liderado por LeBron

Poucas horas depois de fechar um acordo com LeBron James, o Los Angeles Lakers iniciou o processo de montagem do elenco de apoio ao astro. A franquia angelina acertou o retorno do ala-armador Kentavious Caldwell-Pope, e as contratações dos folclóricos Lance Stephenson e JaVale McGee, todos agentes livres irrestritos.

De acordo com o repórter Shams Charania, do Yahoo! Sports, o contrato de Caldwell-Pope com o Lakers é válido por uma temporada. O jogador de 25 anos vai receber US$12 milhões em salários. Na última temporada, o ala-armador disputou 74 partidas com a camisa angelina, todas como titular, e obteve médias de 13.4 pontos, 5.2 rebotes e 2.2 assistências.

Já Stephenson, que foi rival de LeBron em vários embates de playoffs, vai receber US$4.5 milhões por um contrato de um ano. O ex-jogador do Indiana Pacers também estava na mira de Chicago Bulls, New York Knicks e Philadelphia 76ers. Stephenson, de 27 anos, vai para o seu sétimo time na liga. Além do Pacers, o ala-armador já atuou por Charlotte Hornets, Los Angeles Clippers, Memphis Grizzlies, New Orleans Pelicans e Minnesota Timberwolves.

Segundo Chris Haynes, da ESPN, McGee chegou a um acordo para defender o Lakers por uma temporada. Em 2018/19, o pivô bicampeão da liga pelo Golden State Warriors vai receber um valor mínimo para veteranos, de US$2.4 milhões.

Haynes informou ainda que a intenção do time de Los Angeles nesta offseason é fechar contratos curtos, de apenas uma temporada, com o objetivo de ter bastante espaço na folha salarial e se colocar em condições de assinar com outra estrela na agência livre de 2019.

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.