LaMarcus Aldridge é liberado para voltar às quadras após arritmia cardíaca

Por Pedro Nery, Michel Moral e Ricardo Stabolito Jr.

O ala-pivô LaMarcus Aldridge está oficialmente liberado para retornar às quadras. Após uma bateria de exames e consultas com especialistas, o departamento médico do San Antonio Spurs concluiu que a arritmia cardíaca que afastou subitamente o atleta das atividades regulares na última semana não traz risco a sua saúde. Ele já fica à disposição do técnico Gregg Popovich para a partida da noite desta quarta-feira, contra o Portland Trail Blazers.

“Nós estamos contentes que LaMarcus esteja apto a voltar ao time. Todos ficamos impressionados com o profissionalismo e elegância que ele mostrou lidando com essa difícil situação nos últimos dias”, comemorou o gerente-geral do time, R.C. Buford, por meio de comunicado oficial. Popovich ainda exaltou a força e classe exibida pelo astro no período afastado.

Aldridge foi diagnosticado com síndrome de Wolff-Parkinson-White, uma anomalia específica que causa aceleração dos batimentos cardíacos, em 2007. O treinador texano revelou que o comandado reclamou sobre “sentir-se estranho” depois da partida da quarta-feira passada, contra o Oklahoma City Thunder. E não foi a primeira ocorrência.

“LaMarcus sofreu com arritmia ao longo da temporada inteira, o que não falamos para ninguém até agora. Estamos obviamente entusiasmados com seu retorno, mas o mais importante é que os médicos acreditam que ele está bem, no sentido de que não o estaremos colocando em perigo. Isso é o mais importante”, exaltou Popovich, aliviado com a resposta dos médicos.

O armador Patrick Mills confirmou que, internamente, o elenco sabia dos problemas que Aldridge estava enfrentando. “É óbvio que ele e ninguém mais quer falar sobre esse assunto. Ele lida com essas situações do jeito dele e como quiser. Diz respeito a LaMarcus. Então, nossa reação foi apoiá-lo conforme o tempo vai passando”, contou o reserva.

Ausente desde o último dia 09, Aldridge desfalcou o Spurs por duas partidas e volta para ajudar a equipe na tentativa de assegurar a primeira posição do Oeste. Ele já havia sido desfalque pelo mesmo problema, ainda quando atuava pelo Blazers, em 2007 e 2011. Em 58 partidas na atual campanha, o ala-pivô acumula médias de 17.3 pontos e 7.5 rebotes – seus menores números desde a temporada de novato.

  • Maurilei Teodoro

    Opa ! Que boa notícia hein !!!

  • Essa foi rápida, que bom.

  • Hugo Thunder

    Isso só confirma a minha tese q teremos Thunder vs Gsw na WFC

  • Ufa! Que bom que esse problema não traz risco à saúde do Aldridge…

  • YES! Ótima notícia!

  • Maykon Johny

    Vixx, Warrios, e agora?

  • Lucas Callado França

    Acabou sendo bom pq deu pra descansar um pouco.