Leal, Bradley Beal descarta pedir para ser trocado e dispara: “Odeio os supertimes”

Bradley Beal passou ileso pelas dezenas de rumores e trocas que movimentaram a trade deadline do Washington Wizards. Mas, em uma liga onde cada vez mais astros pedem para serem trocados, o atleta de 25 anos está surpreendentemente tranquilo em seguir atuando pelo 11º colocado do Leste. O ala-armador assegurou que não pretende “forçar” sua saída do único time que defendeu na NBA.

“É claro que a franquia poderia dizer hoje que não vai negociar-me e mudar todos os planos amanhã. É um negócio. Mas, acreditem em mim, meus pais ensinaram-me a ser leal. Garanto que, enquanto Washington me quiser, eu estarei com essa camisa. Os tempos difíceis passam sempre, mas as pessoas fortes permanecem”, afirmou o astro, em entrevista durante o final de semana do Jogo das Estrelas.

O discurso engajado de Beal com o Wizards, em meio a um dos momentos mais complicados do time nas últimas temporadas, é raro. Mais comum, hoje em dia, são astros decidindo reunir-se entre si para formarem candidatos inquestionáveis ao título, o que provoca a polarização da liga. O jogador, sem citar os nomes de colegas, deixa claro que é totalmente contrário a essa tendência atual.

“Eu odeio os supertimes. Penso que você simplesmente deveria tentar vencer com sua própria equipe. Mas, hoje, a coisa é diferente: é preciso uns cinco astros para ser campeão. Todos se medem pela régua de Golden State, né? Os caras têm uns sete jogadores que são ou foram all stars. Meio que odeio isso. Essa é só a minha posição”, disparou o ala-armador, sem meias palavras.

A lealdade e oposição às reuniões de astros, porém, colocam Beal em um dilema: para que jogar se não existem perspectivas de vencer? O panorama faz com que ele seja obrigado a rever algumas de suas convicções. O líder do Wizards, então, viajou para Charlotte com uma visão um pouco diferente: já não é mais só sobre participar do Jogo das Estrelas, mas abordar all-stars como possíveis reforços.

“Eu tenho que recrutar agora, não tenho escolha, mas nunca estive nessa posição antes. Não é a minha atividade favorita. Não sou familiar com isso, não gosto de astros se unindo. No entanto, em tempos em que craques se juntando é o lugar comum, qual seria a alternativa que temos para poder ser campeão? Farei o que puder”, concluiu um resignado Beal.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • danielzera

    Papo furado… a verdade é que todo mundo odeia a panela da qual não faz parte. rs

    • Bruno Macedo

      Ia comentar justamente isso, quando não tá na panela não gosta, mas quando tá ama kkkk

  • Igor Dourado

    “Odeio isso, mas segura minha cerveja! Vou ali dar uma recrutada”.

  • Albert Santos

    Concordo !

  • I’m Back to be FP 🏀 TgO

    monstro da contradição
    kkkkkkkkk

  • Vitor Martins

    Oi? Entendi nada! O cara fala mal e depois quer montar o seu! rs

  • Daniel Nogueira

    Em toda parada pra ASW e Offseason saem essas pérolas. Definitivamente, esses caras não podem pensar…rsrs

  • Gustavo Santos

    Pois é, até os caras que odeiam essa formação de super times estão enxergando isso como única solução na NBA hoje… Para a galera que está dizendo que ele está se contradizendo é só interpretar ou reler o texto… ele odeia, mas ele enxerga como algo que necessita ser feito para ser campeão hoje

  • Raphael Consani

    Claro que odeia, todos odeiam um supertime, exceto quando esse supertime é a sua equipe

  • Weezy

    Kevin durant também criticava essas panelas e hoje ele está na maior panela da história, espero que o beal também não seja outro exemplo desse.

  • André Spurs

    Esse sempre leva surra do Warriors, se fosse eu também odiaria.

  • DNT – New York Losers

    Também odeio “panelas”, mas se for no Knicks será compreensível……

  • Jefferson Cavalcanti

    Beal cantou aquela música agora: Deus me livreee, mas quem me dera.

    Se o Lakers não conseguir AD. Beal tem que ser o alvo do time. Eles não podem esperar mais uma temporada pra talvez ter a chance de adicionar uma estrela.

    Supondo que dê tudo errado. AD no Clippers, Knicks ou Celtics. Kawhi vá para o Clippers ou renova com o Raptor. Klay decide ficar em GS e etc..

    O Wizards provavelmente, estará disposto a reconstruir.

  • Felipe Ferreira

    kkkkkkkk Já cavou o lugar no Lakers.
    LeGM tá fazendo certinho pra acabar com a dinastia do GSW.

  • Cavs&KingJamesaondeestiver

    Beal sabe que está em um grande centro mesmo defendendo uma equipe mediana, e que pode se tornar FP desta franquia, já em grandes franquias sabe muito bem que sempre será coadjuvante como 3 opção, sendo assim sem ESTE papinho de fidelidade pois é muito mais interessante ser o cara com CONTRATO super MAX em uma franquia mediana que ser terceira opção em um grande time.

    • Bruno Macedo

      Sei não em beal tem um talento natural de FP, ele é bem decisivo, joga coletivo, o problema é ele aceitar o papel de ser coadjuvante do wall, mesmo eu vendo ele um jogador melhor, já que wall é meio cabeça de vento, ano passado ele carregou o Wizards aí só foi o wall voltar ele já caiu de produção.

      • Cavs&KingJamesaondeestiver

        FP natural não cai de rendimento por causa de outro jogador, ainda mais por um jogador de função totalmente diferente da sua…caiu de produção pq sempre oscilou muito na liga apesar de ser um ótimo jogador…Beal e um Love da vida, ou seja, otimo jogador mais em um grande centro nunca passará de uma 3 opção no time ideal desejado por está Gde franquia, já em uma franquia menor pode se tornar um FP e conduzir o seu time do tank a uma vaga nos offs dependendo time, mas sem pretensões alguma de titulo

        • Bruno Macedo

          Discordo hoje na liga vejo poucos SGs melhores que ele, o técnico do wizards, GM e o próprio wall, que panela ele, o time é claramente do wall, já cansei de ver jogos que ele pedi meia hora a bola e não recebi, se ele chegar no raptors hoje, vira segundo, Bucks também, Portland acho ele melhor que o McCollum, não intendi terceira opção.

    • Claudio R.

      Pois é, hipocrisia é foda

    • Maicon Gomes

      Ele só seria 3° opção no GSW ou OKC, nas demais seria a 2° opção ofensiva.

      Fora que ser a 2° opção ou 3° não quer dizer muito sobre talento, vide Wade, Bosh e KT de forma mais atual.

  • felipe fernando Oliveira

    Durant disse o mesmo quando Lebron fez a panela em Miami e veja onde ele esta agora…

  • dirct

    Hipocrisia pura, o cara fala que detesta jogadores se juntando pra fazer panela e depois diz que vai ter que recrutar (formar panela) allstars?

    Esses caras são os mesmo que quando um Lebron ou Durant da vida estão livres na FA vão tentar recruta-los mas obviamente são rejeitados (igual o C. J. McCollum que o Durant não quis nem conversar na FA) por serem jogadores de “segunda prateleira” e não ser atrativos pra quem quer dominar a liga, eles também não querem sair dos seus times porque lá são FP e ganham salário máximo mas jogando em um time com caras da “primeira prateleira” seriam coadjuvantes.

    A verdade é que tanto para recrutar uma panela ou ser recrutado para uma panela o jogador precisa ser muito bom, craque mesmo, jogadores de “segunda prateleira” não são bons o suficiente para atrair os jogadores TOP da liga para seus times e também não são bons o suficiente para serem recrutados pelos jogadores TOP, por isso esses jogadores sempre “odeiam” panelas.

  • Dudu Ferrero

    Beal ainda tem 25 anos da pra reconstruir em torno dele, ano que vem como o Wall ainda nao deve voltar, deveriam tankar conseguir bom numero no draft

  • Lucas

    Boa. Precisamos de mais jogadores assim na liga… saudades de quando não sabíamos quem seria o campeão antes mesmo da temporada começar.

    Já gostava muito do Beal antes, gosto mais agora.