Leandrinho reconhece rumores, mas torce para ficar em Toronto

Os rumores de que o Toronto Raptors estaria tentando negociar Leandrinho Barbosa já chegaram aos ouvidos do brasileiro. No entanto, a possibilidade de atuar em uma equipe candidata ao título não encanta o ala-armador. Se pudesse escolher, ele preferiria seguir na franquia canadense.

“Eu gosto da cidade e da organização, não tenho problemas com ninguém. Adoro meus companheiros de time e a forma como trabalhamos juntos aqui. Mas, se uma negociação acontecer, não poderei fazer nada. É parte do negócio”, afirmou o atleta, realista sobre sua atual situação.

Embora o Raptors faça (mais) uma temporada ruim – apenas dez vitórias em 34 partidas –, Leandrinho vê evolução na equipe nos últimos meses, liderada pelo treinador Dwane Casey. “Nós somos um grupo jovem e estamos aprendendo. O time cresceu bastante, especialmente com a chegada de Casey. Ele está realmente nos ajudando”, disse.

Para permanecer em Toronto, o ala-armador conta com o apoio do gerente geral Bryan Colangelo. Nos últimos meses, o dirigente tem dito constantemente que pretende renovar o contrato do brasileiro ao fim desta temporada. No entanto, a equipe também corre contra o tempo para abrir espaço em sua folha salarial e viabilizar uma proposta ao ala Wilson Chandler, agente livre restrito do Denver Nuggets.

Leandrinho tem 29 anos e está na NBA desde 2003. Em 33 jogos disputados na atual campanha, o vencedor do prêmio de melhor reserva da temporada 2006-07 acumula médias de 11.9 pontos e 42.4% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.