(10-17) Los Angeles Lakers 112 x 121 Cleveland Cavaliers (21-8)
Em casa, o Cleveland Cavaliers superou o Los Angeles Lakers e alcançou o seu 21° triunfo na temporada, o 16° nos últimos 17 jogos. Já o time californiano segue em baixa após perder a sua sétima partida nas últimas nove disputadas. LeBron James, com um triplo duplo, liderou a equipe de Ohio mais uma vez.

Sem o ala-armador Kentavious Caldwell-Pope, por motivos pessoais, o Lakers começou bem, especialmente com Lonzo Ball e Brandon Ingram. Os dois foram responsáveis por dez dos 14 primeiros pontos da equipe, que liderava por cinco de vantagem. Larry Nance ampliou para sete, mas o Cavs não permitia que a diferença subisse e passou a cortar aos poucos. Ao fim do primeiro quarto, o Lakers vencia por 25 a 24. Em lances livres, o veterano Dwyane Wade virou em 26 a 25. Só que os visitantes seguiam bem e conseguiram retomar a liderança e colocar nove de frente após cesta de Jordan Clarkson. Com cestas de três de Kyle Korver e Kevin Love, o Cavaliers voltou a encostar. Pouco depois, Jae Crowder igualou em 45 pontos e então, virou um festival de cestas de três dos dois lados. Em 90 segundos, foram quatro bolas de longa distância convertidas, duas de cada lado. LeBron deixou o Cavs na frente por 61 a 57, mas Ingram, de três, acertou para diminuir para três pontos ao fim do primeiro tempo.

Na volta para o segundo tempo, Love e Crowder comandaram as ações ofensivas e deixaram o Cavaliers na liderança por 72 a 64. Jose Calderon acertou duas cestas de três consecutivas e o placar apontava 78 a 69 para os anfitriões. Love ampliou a diferença para 11, mas Ball e, depois, Ingram, também de longa distância, cortaram para cinco. Jeff Green deixou em 96 a 86 para os donos da casa no começo do quarto decisivo, mas o Lakers fez seis pontos sem resposta. Wade fez de três e colocou o Cavaliers na ponta por 109 a 98. Kyle Kuzma e Julius Randle ainda ofereciam resistência, mas nos dois minutos finais, LeBron anotou seis pontos e garantiu o triunfo.

Notas

  • LeBron James alcançou o seu 59° triple-double da carreira, o quarto de 2017-18. Ele igualou a marca de Larry Bird, sexto maior no quesito em todos os tempos.
  • Pelo segundo jogo seguido, o veterano Jose Calderon superou a marca dos dez pontos. Nessas duas partidas, o espanhol converteu nove dos 13 arremessos de três (69.2%).
  • Titular pela primeira vez na carreira, o armador Josh Hart entrou no lugar de Kentavious Caldwell-Pope (problema pessoal) e obteve 11 pontos e dez rebotes. Além de ter sido o seu primeiro duplo duplo, ele também atingiu suas melhores marcas pessoais.
  • O pivô Brook Lopez segue decepcionando nos rebotes. O atleta, que chegou para ser a solução na posição do Lakers, obteve somente um rebote. Para quem se surpreendeu, agora prepare-se: foi a sétima vez apenas em 2017-18 em que Lopez não chegou passou de um.

Destaques

Los Angeles

Brandon Ingram: 26 pontos, seis rebotes, seis assistências
Kyle Kuzma: 20 pontos, sete rebotes
Lonzo Ball: 13 pontos, 11 assistências, oito rebotes, seis erros de ataque
Julius Randle: 13 pontos, quatro rebotes
Josh Hart: 11 pontos, dez rebotes
Jordan Clarkson: 11 pontos, quatro assistências

Cleveland

Kevin Love: 28 pontos, 11 rebotes
LeBron James: 25 pontos, 12 rebotes, 12 assistências, cinco erros de ataque
Jose Calderon: 17 pontos, seis assistências
Jae Crowder: 11 pontos
Dwyane Wade: dez pontos, seis assistências
Kyle Korver: dez pontos


(15-13) New York Knicks 111 x 104 Brooklyn Nets (11-16)

Boa notícia para o New York Knicks: o time superou o Brooklyn Nets e chegou ao seu terceiro triunfo consecutivo, o quarto nos últimos cinco jogos. Notícias ruins para o Knicks: o astro Kristaps Porzingis saiu de quadra lesionado no joelho esquerdo, não retornou e agora, é dúvida para o embate contra o Oklahoma City Thunder, no sábado. Já o ala-armador Tim Hardaway Jr., afirmou que não tem prazo para voltar às quadras e será reavaliado na próxima semana. Pelo Nets, o pivô Jahlil Okafor segue sem ser aproveitado. O atleta, trocado pelo Philadelphia 76ers há alguns dias, levou o seu segundo DNP-CD (não jogou por decisão do técnico) seguido e ainda não estreou pela nova equipe. O treinador Kenny Atkinson afirmou recentemente que Okafor precisará merecer espaço durante os treinos antes de pisar em quadra.

Destaques

New York

Courtney Lee: 27 pontos, quatro rebotes
Michael Beasley: 15 pontos, quatro rebotes
Enes Kanter: 13 pontos, nove rebotes
Kristaps Porzingis: 13 pontos, quatro assistências

Brooklyn

Spencer Dinwiddie: 26 pontos, sete rebotes, sete assistências
Rondae Hollis-Jefferson: 25 pontos, sete rebotes, quatro roubadas
Caris LeVert: 15 pontos, cinco rebotes, cinco assistências, três roubadas
DeMarre Carroll: 13 pontos


(15-13) Detroit Pistons 105 x 91 Atlanta Hawks (6-22)

Após sete derrotas consecutivas, o Detroit Pistons encarou o Atlanta Hawks fora de casa e, finalmente, obteve um triunfo em dezembro. Destaque para o pivô Andre Drummond, que ficou próximo de alcançar um triple-double e ainda converteu seus quatro lances livres. Pelo Hawks, o ala-pivô John Collins, recuperado de lesão, retornou às quadras depois de duas semanas.

Destaques

Detroit

Tobias Harris: 19 pontos, quatro rebotes
Avery Bradley: 18 pontos
Langston Galloway: 17 pontos, três roubadas
Andre Drummond: 12 pontos, 19 rebotes, oito assistências
Reggie Jackson: 11 pontos, cinco assistências
Reggie Bullock: dez pontos

Atlanta

Ersan Ilyasova: 23 pontos, quatro rebotes
John Collins: 15 pontos, sete rebotes
Dennis Schroder: nove pontos, dez assistências


(9-19) Sacramento Kings 96 x 119 Minnesota Timberwolves (17-12)

O Minnesota Timberwolves alcançou o seu 17° triunfo na temporada ao bater o Sacramento Kings em seus domínios e segue no quarto lugar da conferência Oeste. O pivô Karl-Anthony Towns obteve o 23° duplo duplo em 28 jogos disputados. Pelo Kings, após bom começo de temporada, o ala-armador Garrett Temple anotou apenas três pontos. Titular, o atleta passa por um péssimo momento e converteu somente quatro arremessos em 24 tentativas nos últimos cinco jogos (16.7% de aproveitamento). Para piorar a situação da equipe californiana, o calouro De’Aaron Fox saiu de quadra com apenas sete minutos após lesionar a perna esquerda e não retornou.

Destaques

Sacramento

George Hill: 16 pontos
Zach Randolph: 15 pontos, nove rebotes
Kosta Koufos: 11 pontos, oito rebotes
Buddy Hield: dez pontos

Minnesota

Karl-Anthony Towns: 30 pontos, 14 rebotes, cinco assistências, cinco bloqueios
Jimmy Butler: 21 pontos, nove assistências, sete rebotes
Andrew Wiggins: 22 pontos
Taj Gibson: 12 pontos, quatro rebotes
Jeff Teague: dez pontos, seis assistências


(8-21) Dallas Mavericks 97 x 112 Golden State Warriors (23-6)

O Golden State Warriors superou com facilidade o Dallas Mavericks na noite de quinta-feira e chegou ao seu oitavo triunfo seguido. O time californiano não contou com três titulares: Stephen Curry, Draymond Green e Zaza Pachulia. Desde a lesão de Curry, o astro Kevin Durant possui médias de 33.7 pontos, 10.3 rebotes, 7.3 assistências e 3.0 bloqueios (quatro jogos). Autor de 25 pontos, o ala-armador Klay Thompson acertou os cinco arremessos de três arriscados. Essa foi apenas a segunda vez na carreira (a primeira em março de 2016) em que o astro converteu todos os tiros de longa distância (mínimo de cinco tentativas). O Mavs, time de pior campanha no Oeste, perdeu pela quarta vez nos últimos cinco jogos. O ídolo Dirk Nowitzki anotou 18 pontos, um a menos que sua melhor marca na atual campanha.

Destaques

Dallas

Golden State

Kevin Durant: 36 pontos, 11 rebotes, sete assistências, cinco erros de ataque
Klay Thompson: 25 pontos, cinco rebotes, 5-5 em três pontos
Omri Casspi: 17 pontos, 11 rebotes
Jordan Bell: oito pontos, oito assistências, seis rebotes

Dallas

Dirk Nowitzki: 18 pontos, nove rebotes
Harrison Barnes: 16 pontos, sete rebotes
J.J. Barea: 14 pontos, seis assistências
Devin Harris: 13 pontos, seis assistências, quatro roubadas
Yogi Ferrell: 13 pontos

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • paulo hamk

    Durant nos últimos 4 jogos
    33.7 pts, 10.2 rbt, 7.2 ast, 3 blk, fg 54%, fg3 43%, 36 min

    • Gustavo Freitas

      Eu arredondei as médias dele pra cima porque sou Durantzete.

      Grato.

      • O PERICULOSO ED MOTTA

        Durantzete ( ͡° ͜ʖ ͡°). Durantão fica melhor, não? Kkkk

      • paulo hamk

        Esse é o desempenho do durant Desde que o curry se machucou, ele tá jogando mais com a bola na mão e distribuindo jogo.

      • paulo hamk

        Minha intenção nem foi corrigir kkk agora que entendi o post

        • Gustavo Freitas

          Zoeira minha. Relaxa.

  • O PERICULOSO ED MOTTA

    Análise séria:
    -Lakers jogou muito bem. Ball vai ser gigante na NBA, armador raro demais. Ingram crescendo de produção. LeBron e Love acima da média.
    -Kings decepção da temporada. Os Rookies são fraquíssimos. Parece q a troca realmente foi ruim. Towns domina no garrafão de qualquer time se ele dedicar mais.
    -GSW teve o Steal do Draft (Considero Steal a partir de 30+ nesse excelente Draft). Dallas em rebuild, mas da gosto em ver o Dirk jogar. Uma pena q pode ser a última dele! Lenda.,
    -Pistons ganhou pelo jogo coletivo e pela atuação da surpresa Galloway. Partida abaixo do menino Schroder, gosto desse Alemão pra caramba, Ilyasova jogando muito bem.
    -Knicks teve 1 atuação absurda do Courtney Love, ou Lee, nunca vi esse cara jogar tanto quanto ta esse ano. Bom (?) pro Knickao. No lado do Nets, acredite, eu to vendo um time muito bom formando no futuro. Dinwiddie NAO PODE ser reserva desse time quando o Lin voltar. Perderam por conta do Allen Crabbe.

  • Fora os erros de ataque, o Ball jogou bem. Durant realmente assumiu a responsabilidade com o Curry fora.

  • Mathias

    Boa Brook Lopez

    The Force is apparently not with Brook Lopez… 😬😂#Shaqtin pic.twitter.com/jYJR7VVA8v— Shaqtin' a Fool (@shaqtin) 15 de dezembro de 2017

    • Will

      Meu Deus, que bizarro!

    • Luciano Huck nadador

      Bela mecânica de arremesso. nota 9.5 pra o arremesso top.

    • Guilherme Petros

      E olha que ele não é um arremessador ruim…

  • Daniel Azevedo

    Cara, Brook Lopez é uma vergonha. Um cara daquele tamanho e não consegue pegar cinco rebotes por jogo.

  • Luciano Huck nadador

    esse Lebron tá como eu e nadando de Braçada pra o MVP. Loucura, loucura, Loucura.
    Já esse Atlanta Hawks tá apanhando mais que mulher de malandro, quando eu for presidente vou proibir passar jogos desse time.

    • Lucas

      Harden mandou lembrança

      • Luciano Huck nadador

        Esse ano o Barba vai ganhar a SUPER CHANCE de ser MVP finals, Loucura, Loucura, Loucura.

        • Lucas Dias

          Pô cara, o Barba tem q ganhar, É Agora ou Nunca

    • Thiago Duscov

      Deixo o West pra vcs mesmo !!

    • JOSE MARINHO

      Huck nadador kkkkk os caras tão evoluindo na zueira, eu Morro de rir com esses caras.

      • Victor – Aqui é Grêmio

        somos dois

  • Lucas

    o astro Kevin Durant possui médias de 33.7 pontos, 10.3 rebotes, 7.3 assistências e 3.0 bloqueios (quatro jogos) .

    Medias de MVP

    • Chimbinha

      Verdade.Nao da pra descarta-lo

    • Luciano Huck nadador

      Claro que sim, Bicho.

    • Vinícius Maia

      Se ele mantivesse esse nível até o fim, poderiam entregar o prêmio para ele, mas quando curry voltar, provavelmente, ele vai diminuir o ritmo, assim como o LeBron deve abrir caminho para o Harden se Isaiah Thomas voltar bem.

      • Gabriel Pereira Barbosa

        Percebe-se que o único jogador que não diminui ritmo na NBA é o WestBrook e consequentemente o Thunder nunca vai a lugar nenhum.
        Que coisa não..

        • Vinícius Maia

          Mas o que isso tem a ver com o que eu falei? Ninguém falou de Westbrook na conversa.

          • Gabriel Pereira Barbosa

            como não?
            eu falei..

      • Maurilei Teodoro

        Esse ano o Harden de levar o MVP pra casa, pq se bater na trave novamente nunca mais ganha

  • dirct

    Acho que “só” o Curry e Green é muito pouco, pode poupar mais gente porque o Durant ficou doutrinador depois que disseram pra ele que ele tinha que jogar pelos outros que estão fora PQP, pelos números vc percebe facilmente que ele tem o desempenho reduzido jogando em um time muito forte e que tem um estilo de jogo coletivo, foi só ele passar a ficar mais tempo com a bola na mão com a ausência de jogadores importantes que os números explodiram, se ele jogasse em um time fraco onde tivesse que jogar os 48 minutos e ficar o tempo todo com a bola na mão faria 35pts por jogo e estaria tranquilamente com números tanto ofensivos quanto defensivos de MVP, esse é o contra ponto de jogar em um timaço como o GSW em uma filosofia cooperativa, dificilmente alguém do GSW vai conseguir o MVP ou ser cestinha da temporada regular disputando com caras como Harden e Lebron que são igualmente bons mas são muito mais centralizadores e ficam mais tempo com a bola na mão jogando em ISOS.

  • Guilherme Petros

    “O pivô Brook Lopez segue decepcionando nos rebotes. O atleta, que chegou para ser a solução na posição do Lakers”
    Isso é verdade, mas o erro do Lakers foi no plano, então. O Lopez sempre foi muito fraco no rebote, desde o Nets. Isso (e a defesa fraca) que o afastava dos pivôs de primeiro escalão da NBA. Continua sendo um grande atacante, mas reboteiro nunca foi.

    “O treinador Kenny Atkinson afirmou recentemente que Okafor precisará merecer espaço durante os treinos antes de pisar em quadra.”
    Primeiro, pondo a cabeça do menino no lugar e preparando pra ele não entrar com muita ansiedade e fazer cagada. Vai entrar preparado, confio no Kenny. E tenho sensação que o Nets com o time completo poderia ganhar ainda mais jogos nessa surpreendente campanha.

    • Elias Ferreira

      Esse Kenny tem meu respeito! Disciplinando.

      • Guilherme Petros

        Kenny é monstro

    • Daniel Azevedo

      Okafor passa a impressão de ser um cara extremamente preguiçoso e acomodado.
      Mesmo no sixers, ele tinha totais condições de suprir os minutos de descanso do Embiid, mas conseguiu perder espaço para centers de quinta categoria.

      • Guilherme Petros

        Tomara que o Nets tenha o ambiente certo para ele ralar. Caso não, o time não vai pensar duas vezes em dispensa-lo

    • Fillipe Carel

      Acho que um tempo curto de adaptação é válido, mas qualquer coisa além disso é sacanagem. Não sou maior fã do Okafor, mas o pouco que ele fez já é merecedor de ter os min em quadra do Mosgov né. A impressão que eu tenho é q se ele passar pelo oq ele passou no Sixers nesses últimos meses ele vai explodir e mandar tudo pro alto.

      • Guilherme Petros

        Acho tbm que é questão de tempo mesmo. O Nets é um time em que os jogadores, até pela limitação tecnica e falta de experiencia, tem funções muito bem definidas (muito mais definidas que as posições, por exemplo).
        Esse tempo é pra saber exatamente como montar o jogo com ele, qual função ele ficará encarregado quando estiver em casa e etc. O mesmo pro Staukas, que provavelmente será um chutador vindo do banco.
        O Mozgov começou como titular, mas já ta qse fora da rotação. Ele tem salário máximo, isso nào faz NENHUM sentido! hehehe O titular é o Zeller e o reserva imediato é o rookie Jarrett Allen.

        • Fillipe Carel

          Assisti o 1º tempo ontem contra os Knicks, pra ver se ele ia jogar, mas n rolou. Mas gostei muito do LeVert e da movimentação do time, ta bem bacana.

  • Victor – Aqui é Grêmio

    Houston não perdeu NENHUM jogo com o Chris Paul, tá voando baixo, com a melhor campanha da NBA, Barba (de novo) no modo MVP e, mesmo assim, sabe que ganhar do Golden State vai ser muito difícil.
    Antes de eles terem o Durant, perder o Curry ou Green significava um ajuste enorme que o time tinha que fazer no estilo de jogo. Green comanda a defesa e puxa os contra-ataques, Curry sai dos bloqueios, infiltra ou arremessa. Eles sempre foram as duas engrenagens principais do time (com o Klay sendo a segunda opção tanto no ataque quanto na defesa). Mas agora o Durant consegue suprir a ausência dos dois, e ao mesmo tempo. Ok, ele não é um marcador tão versátil quanto Green e nem um arremessador tão letal quanto o Curry, mas o time não perde identidade.

    O time certamente é melhor completo porque são muito mais alternativas, mas o Golden State é o único que pode perder uma das principais estrelas (ou até duas, de repente) e seguir altamente competitivo a nível de buscar o anel.

    • Alex Alves

      Se o Houston consegu irmais um jogador top acho que possam superar o GSW mas é complicado alguma trade em um time tão encaixado como esse.

      • MDias

        Ao meu ver, mesmo não sendo favoritos numa eventual final de conferência, da forma que Houston está, já pra para duelar contra o time dos pipocas.

      • Vinícius Maia

        O GSW é superior, mas na minha visão, eles também era superiores na final de 2016 e todos sabemos o resultado. Apesar do favoritismo, eu não ficarei surpreso se o gsw cair diante do Rockets e principalmente, do Spurs. Nos últimos playoffs, Spurs conseguiu fazer jogos disputados com o GSW com o Leonardo lesionado e Parker lesionado e com Aldridge totalmente fora de sintonia com a equipe. Esse ano, Lamarcão está voltando a ser aquele lamarcus do Portland. Somando isso com Parker e Leonardo inteiro nos playoffs, poderemos ver finais de conferência disputadíssimos no Oeste. No leste, se o Hayward voltar também não ficarei surpreso com um jogo 7 entre cavs e celtics.

        • Maurilei Teodoro

          O Warriors deve suar pra chegar nas finais essa temporada !!

  • Esteferson Matos

    Brandon Ingram vs os dois melhores SF’s da NBA

    Vs Durant = 32-5-3-3-1 / 57 FG% / 100 3P%

    Vs LeBron = 26-6-6-1 / 67 FG% / 75 3P%

    Garoto vem evoluindo…

    • Rafael Victor

      Moleque bom!

    • LETS GO CAVS #WINNER2018

      Tem que ver o tempo que ele pegou LeBron ou Durant na rotação, quantos pontos ele fez com outros atletas e quantos na linha de lance livre com faltas de outros caras. Se ele mantiver um bom número, da pra colocar esses dados.

      • VictorLakers #LonzoGod

        Ahhhh cara vai xupar uma bola vai … quando o menino ve que vai jogar contra Durant ou Lebron no outro time, ja da uma pressão absurda.

    • Claudio R.

      Ele tá evoluindo bem… É questão de tempo pro lakers se ajustar cm lonzo e Ingram … futuro é brilhante pro lakers

  • Matheus Bernardo

    Tem uma dunk do Lebron mais ou menos na metade do segundo quarto, que o Brook Lopes simplesmente sai da frente para o Lebron cravar livre de marcação, não entendi pq ele fez isso, será medo de sair no poster? Um cara do tamanho dele nao pode fazer isso!

    • Daniel Azevedo

      Brook é uma vergonha. Ainda bem que essa praga só tem um ano de contrato.

    • Gustavo – DefendTheLand

      É muito difícil bloquear uma dunk, ainda mas se o cara for um cavalo igual ao LeBron, quase ninguém pula nessas bolas.

  • KIM JONG – UN

    Todo mundo falando do porzings mas a temporada do Courtney lee É ABSURDA!
    Carrer year pro monstro que season passada n rendeu nem na defesa mas tinha uns lapsos ofensivos( vs atlanta e principalmente em jogos no inicio da temporada onde o time fez 14-10).

    Temporada dele merece muito destaque e ainda vem jogando com raça
    #RESPECT
    #MITO
    #LEE
    #ALLSTAR

    • Marcelo Desoxi

      Jogando como nunca, sem graça como sempre.

      • KIM JONG – UN

        Graça é assistir ao drummond jogar
        kk

        • Marcelo Desoxi

          nem um nem outro

  • Rafael Victor

    Depois que passou a má fase do inicio de temporada é questão de tempo pro Cavaliers assumir o topo da conferência! Ainda são imbatíveis, não tem nenhum time que consiga pará-los no Leste!

    Mesmo em final de carreira, como é bom ver o Sr. Nowiztki jogar!

    MAGISTRAL!

    • Renato

      Calma, muita calma jovem. Celtics bate de frente com toda certeza, se irá ganhar e outra conversa. Hayward já está andando a nova previsão é que retorne a jogar nos playoffs e ainda tem a exceção de 8,9 milhões que da para trazer um scorer bem interessante.
      Pense que o elenco do Celtics para pegar o Cavs pode ser:
      Irving Brown Hayward Tatum Horford
      Rozier Smart Barton (exceção) Morris Theis
      Desculpa mas essa equipe bate de frente tranquilamente, na verdade com a volta do Hayward já é suficiente.

      • JOSE MARINHO

        Nao bate mesmo, pense que tem a adição de thomas, Rose, Tristan retorna e shumpert volta tbm, não bate nem de frente e nem de lado.

        • Rafael Victor

          E uma questão sobre o Thomas que tão esquecendo, é que ele não gostou nem um pouco de ser trocado, quando for jogar contra o Celtics, vai causar estragos!

          • JOSE MARINHO

            Muito bem lembrado, ainda vai voltar mordido.

      • MDias

        Querer bater de frente é uma coisa, agora, bater de frente é outra coisa bem diferente. Mesmo que o Hayward voltasse e o I Thomas não, o Celtics não teria time pra bater esse Cavs numa melhor de 7.

      • Rafael Victor

        Celtics não tem a menor chance contra o Cavaliers! Aliás, time nenhum no Leste!

      • Maurilei Teodoro

        Torço muito que seja uma série de 7 jogos entre as equipes, mas arrisco a dizer que o Celtics ganhe no máximo 2 jogos !!

      • Pedro Franco

        Até quando o rozier tem contrato? To curtindo as partidas dele

      • Khan

        Kkkkkkk é o que aquele Hawks de 15/16 com 4 all stars no leste pensavam, considerem-se com sorte se não levarem 4-0 na raba

      • Julio Zago

        Acredito que o Celtics seja o maior adversário do Cavs na Conferência, isso já é consolidado. Em um eventual confronto eliminatório, mesmo com o Hayward voltando (não acredito que volte ou jogue em bom nível esse ano), o Cavs ainda é favorito disparado.
        Penso que o Celtics pode incomodar bastante, vencer 1 ou 2 jogos, mas vencer uma eventual série acho muito difícil ainda.
        Como já foi exposto aqui incontáveis vezes o Celtics é um time muito bom, contudo, a capacidade do Lebron de desequilibrar ainda é preponderante.

  • 76

    O ingram carcaça de barata até que tem jogado bem

    • Esteferson Matos

      Kkkkkkkkkkk
      Carcaça de barata mesmo.

    • JOSE MARINHO

      Evoluiu muito mesmo, to gostando de ver.

    • Maurilei Teodoro

      Boa kkkkkkkkkkk

    • Claudio R.

      Putz… tu às vezes manda umas … kkkkkkkkkk Ele é um bom jogador, se se desenvolver direito será um allstar

    • Pedro Franco

      Hahaha ele e o zonzo estão fazendo umas partidas boas ultimamente. Achei engraçado o lebrão rasgando elogios pra ele, e pro nicotina quando jogou só foi cornetada

    • Segundo o Bleacher Report ele ganhou alguns quilos, o que pode ser visto no seu jogo de infiltrações que passou a funcionar, embora os arremessos ainda são irregulares, as vezes caí tudo, as vezes ele só tijola. Mas no geral ele tem feito uma boa temporada e suas médias sobem mês a mês.

  • Claudio R.

    Velho a cada rodada a gnt troca p mvp, hora Harden, hora James… tá muito legal isso, acho q as posições na conferência farao a diferença.

  • Esteferson Matos

    #LonzoTeam nos últimos 7 jogos

    10,1 ppg
    7,4 apg
    5,9 rpg
    1,4 spg
    1,1 bpg
    41 %FG
    67 %FT
    32 %3P https://t.co/U6VCCpu4NJ

    O punheta (Rafael Victor autor), também vem melhorando, Mas que os números, ele vem sendo mais consistente e inteligente…

  • #getwiththepack

    Só queria dizer que li a opinião de um Lakers é Lakers que afirmava que o Lonzo tá jogando com o freio de mão puxado enquanto aguarda pelo Lebron, surreal!! ahahahahhaahhahhahaha

    • Claudio R.

      Mentira? Sério?… tá jogando com freio de mão puxado na primeira temporada , com 30 jogos de vida na NBA?… nossa é pq o Lonzo já tem muitos minutos jogados, várias partidas e tal, não pera….

  • Thiago pereira dos santos

    KD(principalmente)e KT
    jogaram muito ontem,KD com há ausência do curry tem chamado a responsabilidade e tem sido monstruoso,o time em todo jogou muito bem mais uma vez.Casspi,Bell e D.West(como sempre),ajudarão muito também,jogador bom é o que não falta nesse time,mesmo com há ausência do curry e green!

  • Marcos Gordinho

    É, parece que não vai rolar para Okafor fazer birra no treino e já pegar minutos de jogo. O atleta tinha tanta, ou mais culpa que o Sixers. Bronbron em modo MVP precisa guardar fôlego para os offs. Knicks perdendo Porzis e Hardway terá que partir para um tank forçado. E Warriors sendo Warriors…