LeBron James crava: “ninguém pode me marcar no um contra um”

O ala Shawn Marion vem sendo um dos grandes destaques do Dallas Mavericks na decisão da NBA contra o Miami Heat. Além de marcar LeBron James, ele está contribuindo no ataque do time texano. Marion tem médias de 18.0 pontos, 9.0 rebotes e 57.7% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

“Ele tem sido fenomenal tanto da defesa quanto no ataque.  Marion é atlético no perímetro, um bom reboteiro e ainda arremessa. Portanto, ele parece realmente muito confortável em quadra neste momento. Ele voltou à boa forma e é divertido assisti-lo”, disse o alemão Dirk Nowitzki, estrela do Mavs.

No jogo 2 da final, Marion e James tiveram números parecidos: 20 pontos e oito rebotes. O camisa 6 do time de Miami deixou a humildade de lado e não quis dar muito crédito ao desempenho de seu marcador.

“Eu não sinto que ele é o único jogador nesta Liga que pode me parar na marcação individual. Ele é o cara que está me marcando agora, mas o fato é que nenhum jogador pode me marcar no um contra um”, afirmou James.

Mavericks e Heat voltam a se enfrentar neste domingo, às 21 horas (horário de Brasília), em Dallas. Por enquanto, a série decisiva está empatada em 1 a 1. 

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.