Lenda do Celtics diz que não trocaria Jayson Tatum por Kawhi Leonard

A mera possibilidade do San Antonio Spurs ouvir propostas de troca pelo astro Kawhi Leonard já impulsiona rumores ao redor da liga. Um dos possíveis destinos para o craque seria o Boston Celtics, em um cenário girando em torno do jovem Jayson Tatum, mas nem todos são a favor da negociação na equipe. O lendário Tommy Heinsohn, por exemplo, é radicalmente contra a possível movimentação. 

“Eu só vou dizer uma coisa: se nós tivermos que ceder Jayson para adquirir Kawhi, eu vou embora de Boston. Estou indo embora, ouviram?”, alertou uma das quatro únicas pessoas a terem sido eleitos duas vezes para o Hall da Fama (como atleta e técnico) em todos os tempos. Aos 83 anos, Heinsohn ainda é comentarista dos jogos em casa do Celtics para a rede NBC Sports.

Terceiro selecionado do último draft, Tatum tem sido titular e um dos destaques do vice-líder do Leste nesta temporada. O ala de 20 anos tem médias de 13.6 pontos (com 42.9% de conversão nos arremessos de longa distância) e 5.1 rebotes em 78 partidas. Já Leonard, duas vezes melhor defensor da liga e MVP das finais, realizou só nove jogos na campanha por conta de uma lesão no quadríceps.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.