Lenda do Grizzlies, Mike Conley é trocado para o Jazz

Depois de 12 temporadas, Mike Conley não faz mais parte do Memphis Grizzlies. Como esperado, já que a franquia do Tennessee está em processo de reformulação do elenco, o veterano armador foi negociado nesta quarta-feira com o Utah Jazz.

Segundo Adrian Wojnarowski, da ESPN, o Grizzlies vai receber os alas Jae Crowder (contrato expirante de US$ 7.8 milhões), Kyle Korver (contrato não garantido de US$7.5 milhões), o ala-armador Grayson Allen, a escolha do Jazz na primeira rodada do recrutamento deste ano (#23) e uma futura pick protegida de primeira rodada (1-7 e 15-30 em 2020 e 2021; 1-6 em 2022, 1-3 em 2023). A troca será oficializada no dia 6 de julho.

Conley, de 31 anos, vai receber US$32.5 milhões em salários na próxima temporada e, em 2020/21, tem uma player option de US$34.5 milhões. Ele chega ao time de Salt Lake City para substituir o espanhol Ricky Rubio, que é agente livre irrestrito nesta offseason.

Quarta escolha do Draft de 2007, Conley disputou 788 partidas com a camisa do Grizzlies e angariou médias de 14.9 pontos, 5.7 assistências, 3.0 rebotes e 1.5 roubo de bola. Ele ajudou a equipe a chegar aos playoffs em sete oportunidades, incluindo uma final de Conferência Oeste, em 2012/13. O armador é o líder histórico da franquia em jogos disputados, pontos, assistências, roubos de bola e bolas de três pontos convertidas.

O substituto de Conley em Memphis deverá vir do recrutamento. O jovem armador Ja Morant, da Universidade de Murray State, deverá ser selecionado pela franquia na segunda escolha geral, nesta quinta-feira.

 

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.