O Indiana Pacers está de luto pela morte de um dos grandes ídolos de sua história. A franquia anunciou que o ex-pivô Mel Daniels faleceu nesta sexta-feira, aos 71 anos, supostamente por causa de problemas cardíacos. A lenda da A.B.A. era um dos quatro jogadores com camisas aposentadas pelo time (#34) em quase cinco décadas de atividades.

“Palavras não podem expressar minha profunda tristeza. Mel foi uma figura paterna, um irmão, um conselheiro, mas, acima de tudo, meu tio. Ele ajudou a tornar-me o homem que sou hoje. Espero tê-lo deixado orgulhoso em tudo que tentei fazer, especialmente dentro de quadra”, lamentou Reggie Miller, outro dos grandes ídolos da equipe de Indianapolis.

Daniels foi um dos pivôs dominantes de sua era e a grande referência do Pacers na conquista dos três títulos da sua história, todos na extinta A.B.A. Ele também ganhou o prêmio de MVP da liga em duas oportunidades e registrou sete convocações para o Jogo das Estrelas. Após a aposentadoria, o craque atuou como dirigente, assistente técnico e olheiro do time.

Leia mais
Quintetos históricos – Indiana Pacers
Pacers anuncia construção de novo centro de treinamento

“Estou bastante entristecido com a morte de Mel. Eu o conhecia desde que estava no basquete universitário e foi um dos meus treinadores na NBA. Sua atitude competitiva sempre refletiu-se em sucesso com o Pacers e levou-o ao justo reconhecimento máximo no esporte, sua entrada no Hall da Fama”, declarou o presidente de operações da equipe, Larry Bird.

O Pacers já anunciou que fará um minuto de silêncio em homenagem ao craque neste sábado, antes do jogo contra o Utah Jazz. “Nós vamos sentir muita falta de Mel, mas, quando olharmos para os banners em nosso ginásio, seremos eternamente lembrados do que ele significou para nossa franquia”, afirmou o dono da franquia, Herb Simon, em nota oficial.

Daniels foi selecionado na primeira rodada do draft da NBA em 1967, mas optou por atuar na A.B.A. e vestiu a camisa do time de Indiana do ano seguinte até 1974. Além das façanhas já citadas, Daniels foi eleito um dos 30 maiores jogadores da história da liga em votação realizada em 1997 e finalmente entrou no Hall da Fama em 2012.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • MarceloLRBulls

    RIP

    Acaba logo 2015!

  • Matheus Oliveira

    Os poderes divinos estão sendo implacáveis com ex-jogadores da NBA rs…
    2015 morte que não acaba mais !
    Vai em paz..

  • Alisson-Bulls

    Eu não sei quem é, então não deve ser muito importante.

    • Porque você não sabe quem é quer dizer que a pessoa não é importante?

      Deus, é você?

      • Alisson-Bulls

        Sim meu filho, venha até mim.

        • Cara, se você é Deus está explicado porque há satânicos.

          • Alisson-Bulls

            Eu lhe perdôo, pois não sabeis o que diz.

    • Leo Lima Bode

      você é zika do baile ein fera hahahaha

  • O time celestial decidiu reforçar seu garrafão para a próxima temporada, Mel Daniels, Moses Malone. Ainda trouxeram Flip Sanders para a equipe técnica.

    Triste ano para a NBA.

  • phelip

    Retrospectiva 2015