Liberado pelos médicos, Isaiah Austin sonha em jogar na NBA

Considerado um dos melhores jogadores para o recrutamento de 2014, Isaiah Austin viu o sonho de jogar na NBA ruir por conta de problemas médicos. Diagnosticado com a Síndrome de Marfan (anomalia no coração), dias antes do draft, Austin foi obrigado a abandonar o basquete. No entanto, o pivô, agora com 23 anos, quer voltar às quadras o mais rápido possível.

“Estou muito empolgado para informar a todos que as notícias são verdadeiras. Eu fui agraciado por Deus para receber uma segunda chance de correr atrás do meu sonho de jogar basquete. Tudo acontece por uma razão e eu estou pronto para compartilhar meu testemunho e minha jornada com milhões de pessoas por todo o mundo”, escreveu o ex-atleta de Baylor em sua conta no Instagram.

Impedido de jogar, Austin foi “selecionado” no draft pela NBA. Desde então, procurou meios de conseguir pisar novamente em uma quadra de basquete. Agora, terá nova chance.

Austin obteve médias de 11.2 pontos, 5.5 rebotes, 1.4 assistências e 3.1 bloqueios em seu último ano no basquete universitário.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Gui

    Eita, se realmente está bem e curado, é uma boa notícia!

  • Uncle Drew

    Esse cara merece demais. A homenagem da NBA feita para ele no Draft de 2014, foi o melhor momento daquela noite. O Sportscenter americano fez um documentário sensacional sobre essa história do Austin.
    https://www.youtube.com/watch?v=MHkLtnW_qTs

    • André Alves

      Numa semana tão complicada, uma ótima notícia. O momento da “escolha” dele nesse Draft de 2014 é bonito demais de se ver, e são por essas e outras, como na união e comoção que a tragédia com os guerreiros da Chape gerou, que o esporte é algo tão especial.

  • Donovan- Best Coach in the NBA

    Sensacional a história dele. Espero que de tudo certo!!!!!!!

  • Galvão 🔥 #HEATisOn #305

    Troca o Babbitt e trás o garoto pra South Beach Pat!

    • WESLEY

      boa

  • DirkMito

    No lugar do Mejri aceitava fácil.

  • Alguém lembra dele como jogador? Era bom de fato??

    • Uncle Drew

      É um pivô defensivo. Certamente iria ser draftado, ou no final da 1ª rodada… ou na 2ª rodada, era o destaque de uma universidade tradicional (Baylor) tbem. Mt provavelmente iria ser escolhido no Draft.

  • Alex Alves

    O Boston poderia pegar ele para fazer um teste.

  • Claudio R.

    quero saber Cade o Larry Sanders, esse é util se tiver mental saudavel…

  • TRUETHIAGO

    Tinha bons números em Baylor, mas são mais de 2 anos sem jogar, tratamente delicado, enfim, merece muita atenção. Vale ir aos poucos, quem sabe jogar na D-League primeiro, retomando a vida/rotina de atleta, dependendo do desempenho, aí sim chegar na NBA.

  • Luiz Henrique Santos

    Se eu fosse GM do Bucks eu daria uma chance ao Isaiah Austin, sem dúvidas!

  • Carlos Eduardo Furim

    Fico extremamente feliz por esse rapaz. Fiquei muito comovido com sua história, e a superação é muito inspiradora.

  • Mesmo caolho, sem experiência profissional, e sem jogar há dois anos, é melhor do que os pivôs do GSW, deveriam apostar nele. Mavs, Pelicans e Nets também poderia testá-lo, afinal pior do que estão, essas franquias não ficam.