Líder do Oeste, Warriors derruba Sixers e conquista sexta vitória seguida

(6-6) Philadelphia 76ers 114 X 135 Golden State Warriors (10-3)

O atual campeão parece já ter voltado aos eixos. O Warriors conquistou sua sexta vitória consecutiva e manteve-se na liderança da conferência Oeste neste sábado, depois de atropelar o promissor Sixers a partir do terceiro período e garantir uma tranquila vitória por 135 a 114.

A disparada dos donos da casa só aconteceria após o intervalo porque os primeiros 24 minutos de ação foram marcados pelo equilíbrio. Os comandados de Steve Kerr até chegaram a ter sete pontos de frente brevemente no período inicial, mas essa seria a maior diferença que qualquer um dos times abriria no placar antes da ida para os vestiários.

O Warriors esteve no controle das ações no primeiro quarto, mas o Sixers reagiu e ficou na dianteira em boa parte do período seguinte. Depois de 14 mudanças de liderança só até o intervalo, os locais saíram dos 24 minutos inaugurais com a vantagem mínima em seu favor (65 a 64) – “cortesia” de uma cesta de longa distância de Klay Thompson com 25 segundos no cronômetro.

Os donos da casa voltaram melhor para o segundo tempo, mas a disparada não veio imediatamente: a equipe errou muitos arremessos na primeira metade do terceiro período e os visitantes mantiveram-se no duelo. Mas, nos seis minutos finais, o jogo encaixou e os campeões tomaram as rédeas: com cinco acertos para três pontos, o Warriors emplacaria parcial de 27 a 11 para encaminhar a vitória.

O time não desacelerou com a vantagem e, anotando 16 dos 22 primeiros pontos do último quarto, elevou a diferença para 117 a 91 com sete minutos para o fim do confronto. Era o momento de tirar os titulares de quadra e apenas administrar o resultado: o 10º triunfo da campanha era apenas uma questão de tempo, àquela altura.

Agora, as duas equipes terão tempo para descansar e só voltam à quadra na segunda-feira. O Warriors tentará dar sequência ao seu período de invencibilidade recebendo o Orlando Magic, enquanto o Sixers vai em busca da recuperação visitando o Los Angeles Clippers.

Destaques

Philadelphia

J.J. Redick: 17 pontos e seis assistências
Timothe Luwawu: 15 pontos
Dario Saric: 14 pontos
Ben Simmons: 13 pontos (6-17 FG), cinco rebotes e oito assistências
Joel Embiid: 12 pontos, sete rebotes e sete erros de ataque
Richaun Holmes: 11 pontos e sete rebotes

Golden State

Kevin Durant: 29 pontos e cinco rebotes
Klay Thompson: 23 pontos
Stephen Curry: 22 pontos e nove assistências
Nick Young: 13 pontos e três roubos de bola
JaVale McGee: 11 pontos em nove minutos
Draymond Green: dez pontos, dez rebotes, sete assistências e cinco tocos

 

(7-5) Memphis Grizzlies 96 X 111 Houston Rockets (10-3)

Mais um show de James Harden marcou a quinta vitória seguida do Rockets, que compartilha a liderança do Oeste com o Warriors. O astro teve dígitos duplos de pontuação em cada um dos três primeiros períodos de partida individualmente.

Destaques

Memphis

Tyreke Evans: 22 pontos, cinco rebotes, seis assistências e cinco erros de ataque
Marc Gasol: 15 pontos e nove rebotes
Mike Conley: 12 pontos e cinco assistências
Chandler Parsons: dez pontos e cinco rebotes

Houston

James Harden: 38 pontos e oito assistências
Eric Gordon: 26 pontos
Ryan Anderson: 12 pontos e seis rebotes
P.J. Tucker: 11 pontos, sete rebotes e três roubos de bola

 

(2-11) Atlanta Hawks 94 X 113 Washington Wizards (7-5)

O Wizards venceu todos os quartos da partida, mas só conseguiria sacramentar a vitória com um início devastador de último período: marcou 18 dos 20 primeiros pontos anotados para estender a vantagem para a casa dos 25 pontos.

Destaques

Atlanta

Taurean Prince: 19 pontos e cinco erros de ataque
Marco Belinelli: 15 pontos
Dewayne Dedmon: 13 pontos, oito rebotes e cinco desperdícios de bola
Kent Bazemore: 13 pontos
Malcolm Delaney: 11 pontos em 15 minutos

Washington

Bradley Beal: 19 pontos
Kelly Oubre Jr.: 18 pontos e sete rebotes
Markieff Morris: 18 pontos (8-10 FG)
John Wall: 13 pontos, cinco rebotes e cinco assistências
Mike Scott: dez pontos e cinco rebotes

 

(5-7) Los Angeles Clippers 103 X 111 New Orleans Pelicans (7-6)

A quinta derrota consecutiva do Clippers aconteceu por uma série de motivos. Além de sofrer 60 pontos combinados pela dupla DeMarcus Cousins/Anthony Davis, o time pegou 14 rebotes e deu dez assistências a menos do que o Pelicans.

Destaques

LA Clippers

Blake Griffin: 26 pontos (9-27 FG) e seis assistências
Austin Rivers: 19 pontos
Lou Williams: 14 pontos
DeAndre Jordan: 12 pontos e 14 rebotes

New Orleans

DeMarcus Cousins: 35 pontos, 15 rebotes e oito erros de ataque
Anthony Davis: 25 pontos, dez rebotes e seis assistências
E’Twaun Moore: 18 pontos
Jrue Holiday: seis pontos, oito assistências e sete desperdícios de bola

 

(3-9) Sacramento Kings 91 X 118 New York Knicks (7-5)

Comandado por Kristaps Porzingis, o Knicks quebrou a sequência de duas vitórias do Kings sem permitir que nenhum dos titulares de Sacramento anotasse dígitos duplos de pontuação.

Destaques

Sacramento

Skal Labissiere: 19 pontos e seis rebotes
Buddy Hield: 17 pontos (4-5 3pt.) e sete rebotes

New York

Kristaps Porzingis: 34 pontos e cinco rebotes
Courtney Lee: 20 pontos (5-6 3pt.)
Enes Kanter: 17 pontos e 13 rebotes
Damyean Dotson: 14 pontos em 14 minutos

 

(6-7) Cleveland Cavaliers 111 X 104 Dallas Mavericks (2-11)

O Mavericks entrou nos três minutos finais de partida perdendo por só um ponto, mas o calouro Dennis Smith Jr. seria o único jogador do time a conseguir pontuar para o time da casa até o fim do confronto.

Destaques

Cleveland

Kevin Love: 29 pontos e 15 rebotes
LeBron James: 19 pontos, 11 rebotes e seis erros de ataque
J.R. Smith: 17 pontos
Jae Crowder: 15 pontos e sete rebotes
Kyle Korver: 13 pontos

Dallas

Harrison Barnes: 23 pontos e 12 rebotes
Dennis Smith Jr.: 21 pontos, cinco rebotes e sete assistências
Dirk Nowitzki: 14 pontos e cinco rebotes
Wesley Matthews: 12 pontos e seis assistências

 

(5-8) Los Angeles Lakers 90 X 98 Milwaukee Bucks (6-6)

Nem mesmo o primeiro triplo-duplo da carreira do novato Lonzo Ball foi o bastante para fazer frente aos 33 pontos de Giannis Antetokounmpo e evitar que o Lakers perdesse sua terceira partida consecutiva.

Destaques

LA Lakers

Kyle Kuzma: 21 pontos e 11 rebotes
Lonzo Ball: 19 pontos, 12 rebotes, 13 assistências e três tocos
Julius Randle: 17 pontos e oito rebotes

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 33 pontos e 15 rebotes
Malcolm Brogdon: 16 pontos
Khris Middleton: 13 pontos (3-13 FG)
Eric Bledsoe: 11 pontos e cinco erros de ataque

 

(2-9) Chicago Bulls 94 X 133 San Antonio Spurs (8-5)

O Spurs garantiu a vitória logo nos minutos iniciais: saiu do primeiro período com vantagem de 22 pontos e nunca voltou a ficar menos do que quatro posses de bola a frente do fragilizado adversário, que perdeu seu quarto jogo seguido.

Destaques

Chicago

Bobby Portis: 17 pontos e seis rebotes
Robin Lopez: 17 pontos
Kris Dunn: 15 pontos

San Antonio

Pau Gasol: 21 pontos e dez rebotes
Dejounte Murray: 17 pontos, cinco rebotes e cinco assistências
Davis Bertans: 16 pontos em 18 minutos
Rudy Gay: 15 pontos e cinco rebotes em 18 minutos
Brandon Paul: 15 pontos e cinco rebotes
LaMarcus Aldridge: 14 pontos e sete rebotes
Kyle Anderson: 13 pontos e cinco assistências
Bryn Forbes: 13 pontos

 

(8-5) Orlando Magic 107 X 125 Denver Nuggets (8-5)

O terceiro triunfo consecutivo do Nuggets veio sem grandes complicações: após um início de jogo equilibrado, a equipe marcou 18 dos 22 pontos finais do primeiro quarto para disparar no marcador e não ser mais incomodado.

Destaques

Orlando

Marreese Speights: 19 pontos em 18 minutos
Evan Fournier: 18 pontos (7-9 FG)
Jonathon Simmons: 18 pontos
Aaron Gordon: 13 pontos e cinco assistências

Denver

Jamal Murray: 32 pontos
Will Barton: 26 pontos, nove rebotes e cinco assistências
Paul Millsap: 16 pontos, oito rebotes e oito assistências
Wilson Chandler: 13 pontos e cinco erros de ataque
Nikola Jokic: 12 pontos, 17 rebotes e oito assistências
Emmanuel Mudiay: 12 pontos

 

(7-5) Minnesota Timberwolves 110 X 118 Phoenix Suns (5-9)

Com pouco menos de cinco minutos no relógio, o Twolves vencia por seis pontos e parecia ter tomado o controle das ações. O Suns, então, atropelou: fez uma série de 14 pontos sem resposta para quebrar uma série de cinco derrotas seguidas.

Destaques

Minnesota

Andrew Wiggins: 27 pontos
Jimmy Butler: 25 pontos, sete rebotes e cinco assistências
Karl-Anthony Towns: 17 pontos e 12 rebotes
Taj Gibson: 16 pontos e 11 rebotes

Phoenix

Devin Booker: 35 pontos, nove rebotes e seis assistências
T.J. Warren: 35 pontos e seis rebotes
Marquese Chriss: 13 pontos, sete rebotes e cinco tocos

 

(5-8) Brooklyn Nets 106 X 114 Utah Jazz (6-7)

O Jazz tinha 16 pontos de vantagem no intervalo, mas viu a diferença cair para só quatro a pouco mais de um minuto para o fim da partida. Mas, nos lances livres, a equipe da casa conseguiu garantir o fim da sequência de quatro derrotas.

Destaques

Brooklyn

D’Angelo Russell: 26 pontos e seis rebotes
Rondae Hollis-Jefferson: 19 pontos e seis rebotes
DeMarre Carroll: 15 pontos e sete rebotes
Trevor Booker: 12 pontos e cinco rebotes

Utah

Donovan Mitchell: 26 pontos
Derrick Favors: 24 pontos e 12 rebotes
Rodney Hood: 19 pontos
Joe Ingles: 17 pontos, seis rebotes e cinco assistências
Ricky Rubio: dez pontos, sete rebotes, oito assistências e quatro roubos de bola

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • TRUETHIAGO
    • Chimbinha

      Eu sacaneio,mas esse moleque não vai virar bust,tem muito talento.Ajeitando o arremesso, fica top

      • danielzera

        Arremesso viciado, típico de quem começou a jogar cedo demais e não tinha força para lançar a bola. Não vi dar para corrigir não, nunca.

    • O garoto é fera, só melhorar a mecânica de arremesso que vai longe. Muito inteligente.

    • L.A.Lakers 16x

      Fazendo história , se melhorar o arremesso será uma lenda !

      • Chimbinha

        “menas” né,” menas”

        • Will #Lavarbola

          Chupa chimbinha kkkk
          Zoeira mano

        • L.A.Lakers 16x

          Saí dae chimbas kk

    • Dream Shake

      Acho que assim que melhorar o arremesso Lonzo vai longe na liga.
      Mas a cobrança em cima dele é muito grande, acho que nunca teve um jogador com tanto hate logo de cara na NBA, é vaiado assim que pega na bola em qualquer ginásio da liga hehe o pior que o garoto parece ser de boa na dele e tem que pagar pelas asneiras que o pai fala.

      • TRUETHIAGO

        Exato, vaia de torcida até é normal, ou mesmo alguns jogadores adversários já irem jogar contra ele com uma postura mais agressiva, como foi o caso do Beverley. Mas a gente aqui analisar o cara pelas besteiras que o LaVar disse eu considero tão equivocado quanto.

        Ele claramente possui muita qualidade, e apesar do aproveitamento baixíssimo nos arremessos, nas demais áreas está longe de estar fazendo feio para um rookie.

        E, sim, o Lonzo é super tranquilo, bastante equilibrado nas declarações, respeitoso, enfim, totalmente o oposto do seu pai.

  • Leo R.

    Boa, Knicks. Com Porzingis em quadra estamos batendo de frente com quase todos. Já posso pensar em offs ou é ilusão? Ahhahahah

  • Augusto Filho

    Harden MVP. VLW, FLW.

  • Will

    Muito boa a partida entre GSW e Sixers. Guardadas as devidas proporções, seria um exagero dizer que tivemos aí um confronto entre o presente e o futuro da liga? Não sei, mas suspeito…
    Sobre o jogo, Golden State e 76ers fizeram um primeiro tempo cheio de equilíbrio, com ambos os times se alternando na liderança. Mas aí, com o início do segundo tempo, o time de Oakland voltou mais atento na marcação, ligou o turbo no ataque e na defesa e entrou em cena o 3º quarto matador, em que o time geralmente assume uma boa vantagem, rumo ao desfecho do confronto.
    Daí, como consequência, mais uma vitória pro Warriors e liderança do Oeste selvagem, ao lado do Houston Rockets.

    • Marcinho Mueller

      Ahhhhh é complicado falar de futuro, 5 anos atrás NINGUÉM falaria que o GSW seria um contender. São muitas variáveis e pode acontecer muita coisa. Mas se eu tivesse que arriscar, acho que o 76ers, junto com Celtics, Bucks, Kings, até o Wolves se melhorar, são os times promissores da liga.

  • JAMnba

    Tyreke Evans FP no Memphis, Pelicans buscando seu lugar ao sol, Phoenix vencendo é amigos temporada de boas supresas ate aqui e digamos de certo equilibrio tmb.

  • JAMnba

    Meu Knicks só para em final de conferencia…
    #EMPOLGOU

  • Chimbinha

    Letão é MVP , doa a quem doer

  • Dream Shake

    Finalmente o Houston venceu os Ursos, Harden com terceiro jogo seguido fazendo +30 pts, esse ano vai Go MVP!

  • Will #Lavarbola

    Lonzo bust,lonzo isso,lonzo aquilo,chupa haters…
    O cara mais novo da história a fazer um triplo duplo…
    Esperando os especialistas sentarem a lenha…

    • Thomazbrasil

      Kkkkkk Lakers é Lakers mesmo…. o cara já virou allstar?

      • Will #Lavarbola

        Hater e hater mesmo kkkk
        O cara já virou bust ?

        • Thomazbrasil

          E para vcs já virou gênio!!!!! 🤣🤣🤣🤣🤣

          • VictorLakers #LonzoGod

            Pra mim é sim, ve os highlights do jogo ontem, os passes que esse mlk da. Vai la e bate o record do Lebron de TD mais jovem, deve ser facinho. Deixa o menino Bola ter constância, e fara isso todo jogo daqui uns anos. #BeatLa?

      • L.A.Lakers 16x

        Larga de ser idiota cara

  • JOSE MARINHO

    Simmons tem que melhorar esse arremesso logo, principalmente o FT, quase mandou um air ball no FT.

    • Tiago

      Acho que ele chegou a mandar um airball no terceiro quarto.

      • JOSE MARINHO

        Ele ficou um ano parado, devia ter melhorado pelo menos o FT, mas vai melhorar, tenho certeza.

  • djwhites

    GSW é isso ai…..começaram na marcha lenta mas ja ligaram o turbo agora não tem pra ninguem…..

    algumas considerações…..pelicans fazendo uma temporada muito boa até aqui hein?……..

    NY tambem vem surpreendendo letão sem carmelo pra atrapalhar ta mostrando todo seu potencial…..

    e russell >>>>>>>>lonzo bust……esse “troca” foi a pior cagada que o lakers fez nos ultimos anos…….

    • Rodrigo T. Aragão

      Lonzo Ball ontem foi o jogador mais jovem da história da NBA a fazer um TD e você me solta essa groselha…hahahahahahaha!!!!!!!!!!

      E a troca que o Lakers fez foi excelente. Se livrou do contrato lixo do Mozgov (que não foi a gestão atual que deu), ganhou um ótimo pivô (Lopez) além de um grande steal em uma posição que precisava de um jogador com mais potencial (Kuzma).

      • VictorLakers #LonzoGod

        Falou tudo brother. Ball bateu o record de ngm nada ngm menos que Lebrao James, jogador mais jovem a fazer um TD, e nego ainda continua enchendo o saco, cobrando um rookie de 20 anos.

    • Thomazbrasil

      O Lonzo só mostra algo quando a defesa adversária não é presente. E, particularmente, o jogo de ontem foi aquele que dá tudo certo para um lado da quadra (e mesmo assim perderam) não serve de parâmetro.

      Mas, sim, é verdade, fez um triplo duplo, agora considerá-lo esquecendo os jogos anteriores é que é groselha!!!!!

    • Will #Lavarbola

      Hater detected.

    • Marcinho Mueller

      Eu acho que hoje em dia o D’Lo com certeza é mais jogador que o Ball, mas os dois parecem ser incógnitas, pode ser que daqui 3 temporadas qualquer um seja all star, ou os dois, ou que nunca serão. Essa troca pro Lakers foi muito boa sim, eu só teria mandado o Ingram, e não D’Lo. Queria muito ver Ball e D’Lo jogando juntos, acho que eles quase que se completam.

    • Felipe Monteiro

      Quanta merda pode sair dessa boca, produção??

  • Gustavo

    Kerr disse que depois do halloween a temporada começaria. De lá pra cá são 6 vitórias, todas contra times que vão pelo menos brigar por playoffs, todas por no mínimo 17 pontos. Pode odiar o quanto quiser mas esse time é histórico.

    • Vitor Martins

      Muito acima dos outros!

  • Alex_CFraga

    Que partida do menino Ball nos dois lados da quadra… Pena ter feito uma partida dessa e o time ter saido derrotado por atuações pifias de Ingran e Clarkson…. Alem do aproveitamento sofrivel na linha de ft do time em geral…

  • Marcelo Desoxi

    Mitchell para ROY, números da mega sena comigo.
    Timberwolves , todo dia nos ensinando um modo diferente de entregar.
    https://www.youtube.com/watch?v=di37yqGp9Gc;

    • Marcinho Mueller

      Falei isso desde do dia do draft. Nicotina até tem se mostrado um bom jogador, mas Knicks escolheu muito errado. Já pensou ele jogando com o Letão?

  • OldMateus

    Porzingis é muito All Star, que jogador!! Acabou com o jogo ontem.
    34 pontos em 27 minutos, mesmo sendo o FP, joga menos tempo do que os demais cestinhas da liga.
    32.5 min / 30.4 pontos

  • Doug

    Jogo Phila x GSW muito bom…meninada do Sixers deu muito trabalho e nao fossem as ruins atuacoes de Simmons e Embiid, a coisa seria mais complicada ainda…Simmons arremessando muito mal…precisa melhorar logo nisso…Embiid viajando…jogando fora do garrafão e so jogando de mid range (e muito mal)…foi o pior jogo q assisti da dupla e ainda assim os Sixers se mantiveram no jogo por boa parte dele…uma sacanagem o Okafor nem ter entrado, com o Embiid mal…Saric tb estava bem bisonho ontem, sendo q levou uns tocos horrorosos…TJ e o frances contribuiram bem…Reddick fez o seu papel…e o J. Anderson tinha entrado muito bem e depois foi esquecido no banco…vacilo do técnico…pelos Warriors, KD monstruoso…

  • Indian!

    Mitchell vai ser o ROY

    • Vitor Martins

      Ele é muito bom, mas é impossível o Simmons perder o ROY

      • Rodrigo C

        Verdade. O Simmons está dois degraus acima dos outros calouros. E depois dele o Tatum, ainda está muito a frente dos demais.

        • Vitor Martins

          Acho que o Tatum vai ser o melhor jogador desse draft, que é impressionantemente profundo. Claro que é cedo pra julgar, ninguém apostaria que o Jokic ia ser tão bom, por exemplo. Ainda temos que ver como Fultz vai voltar e se o Ball consegue ter um arremesso melhor.

          • Doug

            Boa, Vítor…eu não diria que o Tatum é o melhor, já que temos o Simmons que só estrou agora e que, na quadra, e mesmo em potencial de evolução ao longo da temporada, parece-me o franco favorito, mas o celta está sim entre os melhores…ele me impressionou muito…a questão, pra mim, é que o Tatum parece mais pronto e regular do que todos os outros, inclusive o Simmons…claro que o papel do australiano é bem mais difícil, seja pela pressão de first pick, seja pelo que precisa fazer em quadra, comandando o time, ainda que se o projete competitivo de verdade apenas para o futuro próximo…a pressão existe…pra mim, fora uma pequena oscilação, Simmons precisa ainda melhorar bem e urgentemente o arremesso, para se tornar um enorme jogador…ontem, foi claro e triste ver como GSW pagava arremesso para ele na cara dura e ele não convertia um…já Tatum parece ter jogado há tempos na liga, com uma serenidade impressionante, habilidade e um arremesso muito bom…fora que é um bom defensor…muito bem equilibrado…faz de td muito bem e se encaixou perfeitamente no time…a campanha verde tb ajuda na vantagem, que tb vejo, em relação ao Kuzma, que tb é muito bom jogador, mas joga bem menos sem o peso desses outros dois nas costas, o que facilita mostrar o seu jogo, sem desmerecê-lo…

          • Vitor Martins

            Sim! concordo com tudo! Quando disse que Tatum pode ser o melhor desse draft é pq considerei que, mesmo calouro, Simmons era do draft passado. Acho que não seria nenhum absurdo se daqui a 5 anos Simmons e Embiid fossem um dos 5 melhores jogadores da NBA. Se Embiid desse um jeito nos seus ossos de kitkat, claro. Sixers se deu muito bem.

          • Marcinho Mueller

            Ahhhh eu torço pro celtics, acho que o Tatum vem apresentando o melhor basquete da sua classe disparado. Porém, tem aue ver como o Fultz vai voltar ainda. Mas eu não acho que o Tatum esteja mais preparado pra NBA que Simmons, primeiro que ele já ta se ambientando faz um ano na NBA. E segundo que ele vem jogando como se estivesse na NBA faz tempo. Acho Simmons mais preparado que Tatum sim.

          • Doug

            O volume de jogo do Simmons é maior e o conjunto de habilidades tb…mas, p o q se espera em relacao a cada um deles, acho q nisso, o Tatum está mais preparado…entende o quero dizer? É claro q o Simmons impacta mais, mas não da p comparar o papel dele e o q se espera dele com o Tatum…sao coisas bem distintas…compreendeu o q quero dizer?

          • Marcinho Mueller

            Sim senhooor! Entendido. Se for ver até que tem razão.

          • Doug

            Kkkk

          • João Vitor

            ainda aposto no fultz como melhor jogador do draft(se voltar sem sequelas), o talento dele e um absurdo

        • VictorLakers #LonzoGod

          Kuzma esta mt a frente do Tatum nessa corrida ai. Se Simmons machuca, ROY é do Kuzma.

          • Vitor Martins

            Não diria “muito” a frente não. Hoje são jogadores parelhos, com Tatum tendo vantagem pela margem de melhorar ser maior. Mas hoje se equivalem bastante.

            Eles jogam a mesma quantidade de minutos, com Tatum começando todos os jogos como titular e Kuzma apenas 5 de 13. Tatum tem 13,7 pts, 5,7 reb, 1,8 ass. Kuzma tem 14,1 pts, 6,3 reb, 1,7 ass. Tatum chuta 50% (com 50% de 3) e Kuzma chuta 51% (com 29% de 3). Se equivalem muito hoje.

          • Tiago

            Complementando o que o Vitor disse abaixo.

            Tatum – 0,7 steals / 0,8 Blk / PER 16.5 / Win Share 1.7
            Kuzma – 0,4 steals / 0,1 blk / PER 15.1 / Win Share 0.9

            Sem contar que Tatum é titular do time que no momento tem a melhor campanha da temporada regular.

          • Gabriel S Monteiro

            kkkkkkk

          • Marcinho Mueller

            Isso e Ball MVP né?

  • robertolakers

    Lonzo “mito” ball

  • Vitor Martins

    Harden merece ganhar esse MVP, mas o que estão jogando Porzingod e o Grego nesse início de temporada é absurdo!

  • Kleber Ribeiro

    Não estou curtindo o meu Spurs esse ano. Acho que a Kawhi dependência esta cobrando seu preço. Alguém sabe dizer porque Lauvergne não joga? Por enquanto, odiosamente falando, vejo apenas o Boston capaz de fazer frente aos insuportáveis de Oakland….rs. Estou achando muito interessante assistir aos Bucks (Grego 300 de Esparta mode on), Knicks (Letão da massa) e aos Sixers (o Trio precisa de ajustes..mas serão infernais logo mais). Minha decepção são os Wolves e Butler por enquanto. Esperao mais desse time.

    • Ricardo Leite

      Lauvergne esta com uma contusão no tornozelo.

  • Lado A – “Ingram e Lonzo bust”

    Lado B – “Ingram será monstro – Lonzo será lenda”

    Sinceramente, os dois lados se merecem. Muita besteira

    • Vitor Martins

      Não acho que há só dois lados. Acho Lonzo puta promissor, mas bastante preocupante a sua mecânica. Ontem foi bem, a conferir se consegue superar o aproveitamento ridículo que tinha. Ingram é super novo, mais novo que alguns calouros dessa classe. E já melhorou bastante desde que entrou. Esses lados A e B que você citou eu vejo como minoria (ou torcida e zoação, o que é normal se tratando de Lakers).

  • Luiz

    90 jogos, duas offseasons e Towns e Wiggins nao mostraram evolução nenhuma na defesa,não sei se Thibs era o tecnico certo

    • Pedro Cortez

      O Thibs eh bom pra ser assistente de defesa. Head Coach pra ele eh muito

  • felipe fernando Oliveira

    Mais um show de rotação de Popovich, 7 jogadores com 10 ou + pontos

    • Ricardo Leite

      Na verdade foram 8.

      • felipe fernando Oliveira

        Como eu gostaria que Billy Donovan fosse 30% de Greg Pop

  • vsr.snake

    Porzingis jogando muito hein, e o Donovan MItchell tem sido a surpresa dos rookies até agora, em breve assume o posto de principal scorer da equipe.

    D’Angelo tem se achado no Nets, principalmente quando joga na 2 (lembrando que as melhores atuações dele no Lakers foram nessa posição). Pena o Lin ter lesionado, pois daria mais espaço pro rapaz preocupar mais em pontuar.

    Embiid e Simmmons deram mole, achei que jogaram muito no mid-range (onde não são bons), deviam agredir a cesta, dominar pelo garrafão o Warriors.

    Mavsão só tá tendo o Barnes e o Dennis Smith de coisa a se comemorar, o time é muito limitado, infelizmente. Tomara que se livrem do Noel e arrume algo decente no draft, pq, por mais que o Carlisle tente, esse time aí vai vencer bem pouco esse ano.

    • Vitor Martins

      Acho que o Mitchell caiu no time certo. Jazz sempre teve problemas pra pontuar com consistência, ainda mais agora com a saída do Hayward. Garoto tem muito futuro, e começou no time titular ontem. Acho que não sai mais.

  • Vitor Martins

    A NBA faz mudanças necessárias na maioria das vezes. A mudança do formato do jogo dos calouros x segundanistas foi interessante na época, mas confesso que queria ver um rookies x sophomores. Brogdon, Brown, Ingram, Labissiere, Hernangomez (ufa, suei pra montar esse quinteto), levariam vantagem pela experiência de estarem mais de um ano na liga (e os Sophomores geralmente ganhavam esse desafio mesmo), mas a diferença de talento é abissal com essa classe de agora. Claro que eles podem evoluir e o Brown provavelmente seria o melhor jogador em quadra, mas esse draft de agora está abarrotado de talento. Mesmo os dois mais hypados ainda “devendo” um pouco seria até difícil montar um quinteto com Simmons, Ball, Smith Jr, Nicotina (jamais saberei escrever o nome dele), Fox, Mitchell, Jackson, Brooks, Tatum, Kuzma, Markkanen, Collins…

    • Paulo Henrique

      E isso que o 1st pick nem “estreou”

  • vsr.snake

    E mais um detalhe, Lebrão jogou 41 minutos contra o MAVS.

    #reflitão

    • Pedro Cortez

      Lebrão não vai conseguir terminar a temporada jogando assim não.
      Fora o Thibs, que não basta estragar os jogadores do bulls, agora ta fazendo o mesmo com a galera do Wolves, a galerinha jogando quase 40 minutos por noite.

  • PabloPierce34

    Cavs ganhando, Nets perdendo,De fato rodada muito boa pro Cavs

  • Danilo Celtics #Banner18

    BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSTTTTTTTTTTTTTTTTTTTTTTTT pra qm sabe le pingo é letra

  • Thiago26 // NBA GAME

    Cadê os haters do Lonzo ? 😂😂
    1 TD não quer dizer que o rapaz será craque, ok, em quesito evolução é confiança, ajuda muito.

    Wolves não engrena, que coisa. Ta difícil de extrair o melhor desses joga

    • Vinícius Maia

      Não acho que o thibs seja o cara para tirar o melhor de um time. O forte do thibs é defesa. Isso não está aparecendo no Wolves porque Wiggins e Towns são preguiçosos para defender.

  • Igor Dourado

    Me admira Lue já ter sido coordenador defensivo. Cavs é uma peneira defensiva e o cara não utiliza Zizic. Some-se a isso o fato dos titulares jogarem com média superior a 35 min.
    Infelizmente, caso não troquem de técnico, se duvidar não chegam nem as finais de conferência.

    • Igor Duarte

      Estou falando isso há umas 3 4 rosadas atrás lue perdeu a mão nesse time se é q já teve algum dia kkkkkk

  • Thiago26 // NBA GAME

    Felício perdidos nas marcações, ave Maria.

  • Enzo Soares

    Tudo de volta ao normal. Tô só por quinta, Celtics x Warriors com ambos vindo de uma streak de vitórias. VAI PEGAR FOGO, BICHO

  • Rafael Victor

    Se não for dessa vez, o Barbarella não ganha o MVP nunca mais (se bem que com a chegada do Bledsoe no Bucks podem ganhar algumas posições e o Grego passa a ter mais chance de levar também)!

  • “KOBE” -Thank You Kyrie.

    Não vi esse jogo, mas… LeBron tendo q jogar 41 minutos (ok, ele tem um condicionamento físico absurdo, mas ainda é mt), e o Cavs, de forma COMPLETAMENTE DESNECESSÁRIA, utilizando apenas 3 jogadores reservas, contra o Mavs. Mano, o Mavs! Até os torcedores da franquia sabem q a equipe ñ vai brigar por nada nesta temporada.
    Esse time precisa ter uma mentalidade de fechar logo os jogos! Ficam nesse lenga-lenga de ñ querer jogar, e ñ fecham logo as partidas! Parece q só vão aprender quando alguém importante se lesionar gravemente. Pq msmo sem estar com aquela vontade toda… eles estão na quadra, podem sofrer lesões!
    Kevin Love sensacional neste jogo! Outra grande partida, em q (aparentemente) ele foi bem utilizado. Poucos arremessos de fora, e mais próximo ao garrafão.

    • Beto

      Há de se levar em conta que o time está sem confiança e isso a pouca utilização do banco, apenas os que estão produzindo entraram. Quanto ao jogo, notei uma melhora na defesa, mais esforço, tentando contestar os arremesos e errando menos rotações defensivas. E no ataque, vejo o time trabalhando mais jogadas, n é só dar a bola pro Lebron ir parar o ISO

      • Marcinho Mueller

        Frye ta produzindo? Kkkkkkkk

    • Vitor Martins

      Esse elenco todo, “melhor elenco da NBA depois do GSW”, e usam só 3 reservas? Tudo bem que tem gente machucada, mas podiam dar uma rodagem ao Osman e ao Zizic!

      • Igor Duarte

        Concordo plenamente, mas ele insiste em dar minutos pro frye 😡😡😡

    • Igor Duarte

      Assisti o jogo mas só ganhou porq era o Dallas, rotação ridícula, wade não acertou 1 arremesso de quadra, Crowder mal demais novamente nem marcando está arremessando então nem se fala, lebron sem tesao pra jogar, love foi bom porq era marcado pelo Dirk ou por um jogador mais baixo e mais leve. Única coisa boa do jogo foi JR. nesses últimos 3 jogos está muito bem👏🏻👏🏻👏🏻

  • TRUETHIAGO

    Coitado do Covington, vem tendo uma temporada excelente, mas ontem foi completamente dominado pelo Durant… o que não é nenhum demérito, claro. Quem nunca?! Tomara que absorva o golpe e não deixe que isso abale sua confiança. O matchup diante do próximo jogo (Clippers / Wesley Johnson) tende a ser bem menos desagradável, na teoria.

    No mais, não há muito o que dizer, GSW é um timaço e quando engata essa 6ª marcha no 3Q é basicamente game over. O Sixers não foi o primeiro e nem será a última vítima deles. Minnesota, que se encontra num estágio superior ao nosso, sofreu um sacode nesses mesmos moldes, na quinta-feira.

  • “KOBE” -Thank You Kyrie.
  • Vinícius Maia

    Estou assistindo o reprise do jogo do sixers e do gsw agora e está me dando raiva do embiid. Jogando contra o Zazá pachulia, um cone e ao invés de bater para dentro, ficou tentando uns arremessos toscos de média distância. Por fim ficou até previsível. Ele pegava a bola e o Zazá já sabia que ele ia arremessar e até conseguiu roubar uma bola.

    • TRUETHIAGO

      Zaza na frente, com Durant e Green só rondando esperando ele “bater pra dentro” para dar o toco.

      Embiid tem um ótimo aproveitamento nesses mid-ranges, ontem não caiu nenhum, acontece.

      Acho engraçado esse mantra que repetem que a “receita” contra o GSW é agredir a cesta e blá blá blá, sendo que ontem mostraram um dado na transmissão que foi o 5º jogo da temporada que eles deram tiveram +10 blocks.

      • Vinícius Maia

        Eu nem falei isso por conta desse “mantra”. A questão é que embiid é um cara que tem um bom arsenal jogando de costas para a cesta e que tem um físico que lhe permite se impor contra o pachulia. Pachulia não tem força nem habilidade defensiva o suficiente para segurar o embiid, então ele poderia ter buscado se aproximar mais da cesta nas jogadas de um contra um, por isso eu fiquei revoltado com ele soltando aqueles arremessos de média distância toda hora.

      • Doug

        Embiid foi muito mal mesmo ontem…é um excelente jogador, mas, acho que ele exagerou no mid range…tinha que encarar e partir p dentro muitas vezes, qdo era só ele e o Pachulia mesmo…ele tem um low post muito bom, trabalho de pés acima da média…dava para ter enfrentado melhor a marcação…acho que ele realmente ficou intimidado com o Green e o Durant na cobertura…deve ter feito essa leitura de jogo, evitando-os e confiando no seu arremesso, que é bom, mas, como estava mal ontem, a bola não caiu…

      • Doug

        Mas, eu acho que os meninos do Phila foram desatentos, ou mesmo por inexperiência, em muitas dessas bolas…sem tirar o mérito do GSW na defesa…Saric mesmo levou uns dois ou três tocos tolos…enfim, foi bom ver que logo, logo esse time poderá competir com os cabeças…

        • TRUETHIAGO

          Não só o Saric, o próprio Simmons tomou uns tocos do Green, do Looney, quando tentou “partir pra dentro” de qualquer jeito. Até o TJ McConnell, que costuma selecionar as jogadas com inteligências, caiu nessa armadilha algumas vezes e, obviamente, não teve sucesso.

          As pessoas se enganam pelo fato do Pachulia ser o pivô “titular”, porém o Warriors protege muito bem o aro, sim. Tem alguma dificuldade com rebotes, é verdade, sobretudo ofensivos, mas não defendendo o garrafão.

          Whiteside, semana passada, não fez nada em Oakland. Mesmo o Drummond, naquela vitória dos Pistons, pegou um caminhão de rebotes (18) e foi só, terminou a partida com 8 pts e um aproveitamento horrível de 4-17 FG.

          O center que mais machucou eles até agora na temporada foi o Marc Gasol, naquele jogo em Memphis. E fez isto justamente usando bastante o jogo de meia distância e metendo até umas bolinhas de 3.

      • vsr.snake

        Warriors sempre foi um time que teve bons shot blockers (Green, Iguodala e Bogut), que são muito eficiente contra os guards adversários que vão para o lay up. Contra jogadores fisicamente mais dominantes, eles podem até podem dar um ou outro toco, mas, uma vez que o jogador adversário tenha volume de jogo ali, isso não faz tanta diferença. A grande vantagem dos big men contra o Warriors é que eles tem muito espaço para pegar rebotes ofensivos, fazer pontos de put back, jogar no low post e também conseguir FT.

        • TRUETHIAGO

          Bandejas de guards adversários?! Green cansa de pregar pivôs maiores que ele, porque mesmo sendo mais baixo tem um timing excepcional.

          Durant, naquele jogo contra os Pelicans do mês passado, teve carrer-high em tocos (7) na maioria das vezes rejeitando Davis e Cousins.

          • vsr.snake

            Cara, pode bloquear uma vez ou outra, como eu disse, mas não quer dizer que impedem esses jogadores de jogar. Quantas vezes essas tentativas de blocks acabam em falta? Quantas vezes Green, Iguodala e Durant já entraram em foul trouble marcando esse tipo de jogador? E quantas vezes o Green já perdeu a cabeça por estar sendo bulinado no garrafão?

            Tomando seu exemplo, Durant deu 7 blocks naquele jogo (incrível nessa season, mas sabemos que é atípico, considerando a carreira dele), mas Davis e Cousins fizeram 42 pts (sem contar os FT conseguidos) no garrafão, e todo o time do Warriors deu, na partida inteira 8 blocks, e certeza que todos não foram dados na dupla do Pelicans.

            Agora, acho engraçado você ficar nervoso só pq eu cito uma fraqueza do time do Warriors, parece que eles são intocáveis ou sei lá o que, eu hein.

          • TRUETHIAGO

            Ué, você que tem que provar o seu ponto, não eu. Devolvo a pergunta, quantas? Diga aí, terei o maior prazer em ler a sua teoria e, se for o caso, muda minha opinião numa boa.

            Bom, voltando, não foi o caso desse jogo contra os Pelicans, mesmo com Cousins e Davis tendo combinado para 70pts no total (35 cada). Aliás, uma coisa que você não citou é que eles também combinaram para 6-12 dos 3-PT nessa partida, o que mostra que variaram bastante o jogo dentro do garrafão com o do perímetro (fora mid ranges). Em tempo, fui conferir pelo short chart e contei 32pts da dupla na área pintada (20 do Davis / 12 do Cousins), não 42.

            https://www.basketball-reference.com/boxscores/shot-chart/201710200NOP.html

            Eu citei os exemplos nas minhas postagens, mostrando o desempenho da maioria dos pivôs contra os Warriors na temporada até agora, para argumentar que o caso do Embiid ontem não foi nenhuma exceção (Whiteside, Drummond, DAJ, Towns…). Na minha visão não é coincidência ou uma somente burrice dos técnicos adversários.

            Nervoso?! Hahaha… Estou tranquilo, e é óbvio que os Warriors possuem fraquezes, eu mesmo citei ali em cima a questão dos rebotes ofensivos. A nossa discordância está no quesito defesa de aro, que você ainda não me convenceu com seus argumentos de que ela não é boa e, consequentemente, um ponto fraco do GSW.

          • vsr.snake

            Citando os jogos mais frescos na memória, nas finais de 2016 o Green teve problemas com faltas, na série contra o OKC pela WCF, nas quais eles quase foram eliminados, também teve problemas com faltas. Inclusive, até nas finais desse ano, o Warriors teve problemas com faltas:

            https://bluemanhoop.com/2017/06/11/cavaliers-warriors-game-5-live-stream-watch-golden-state-online/

            E tenho quase certeza de que, avaliando as 3 últimas temporadas, veremos que na maioria das derrotas do Warriors, seus principais jogadores devem ter tido problemas com foul trouble.

            Sobre o jogo do Pelicans, cometi o erro de falar a pontuação do Davis e do Cousins (ali estão inclusos tb os pontos por lances livres, 10 do Cousins e 2 do Davis). Mesmo assim, a eficiência que ambos tiveram ali foi bem alta.

            Sobre os jogos dessa temporada, fui atrás de informações dos big men de todos os times que o Warriors enfrentou até agora (afinal, não assisti todos). Nos dois contra o Wolves, o Towns chutou 50%+ de dentro da área pintada, mas sabemos que ele gosta de um mid-range, então fica dificil precisar quando ele fez ponto ou não debaixo da cesta; Ibaka e Siakam também tiveram mais de 50% de aproveitamento nos seus chutes no garrafão; Gortat fez quase 20 pts no jogo do Wizards; Contra o Mavs só jogou o Dirk e mal ainda; Aldrigde, apesar de muito marcado (eu vi o jogo), foi até que bem; Contra o Nuggets o Jokic tb pareceu ter ido mau, mas jogou nem 20 minutos e quase nem chutou na partida (2/6 FG geral). Whiteside, Drummond e Jordan nunca foram lá aqueles bons pivôs ofensivos, mas até o Jordan foi bem (5/6 FG).

            Bom, pessoal no geral pode até ter tomado uns tocos, mas não foram impedidos de jogar na maioria dos casos, como eu afirmo.

            E em nenhum momento eu afirmei que o Warriors não sabe defender o aro, como eu havia dito, Green, Iguodala, o “finado” Bogut, sempre foram bons shot blockers, e é esse o motivo do time possuir um grande sucesso contra outros times que jogam com rotações mais baixas e no small ball (não vejo nenhuma equipe na NBA hoje que venceriam uma série contra Warriors no small ball). O que eu digo é que eles tem dificuldade em marcar jogadores grandes que são dominantes no garrafão, pq eles nunca tiveram um time de gente grande (Green é um PF baixo, Iguodala e Durant são alas) e que também não são fãs de um jogo físico, de grit-and-grind. Isso só não fica mais evidente pq só ter um cara lá no garrafão não quer dizer que é certeza de vitória, até pq esse é só um dos aspectos do jogo, então em muitos dos casos o Warriors ainda vence as suas partidas, como exemplo o jogo do Wizards ou do Pelicans mesmo.

    • Marcinho Mueller

      Cara todos os jogos que eu vou assisti do GSW e o time adversário tem um pivô dominante, eu penso “vão forçar o pivô bater pra dentro”, mas NUNCA fazem isso. Foi assim contra o Wolves no jogo passado, que KAT ficou sumido do jogo. Eu acho que é alguma coisa na defesa do GSW, que eu não consegui perceber ainda. Porque é claro que não é só forçar no garrafão que você vai ganhar do GSW. Mas times que costumam jogar assim, não conseguem jogar assim contra o GSW. Alguém consegue me explicar e ver alguma coisa que até agora não consegui ver?

      • vsr.snake

        Na maioria das vezes é displicência, pessoal cisma em partir para um shoot-out contra o Warriors. Grizzilies sempre explora esse aspecto do jogo e dificulta pra eles, Cavs (sem contar na última Finals) fazia isso tb, na vitória do Bucks ano passado o Jabari Parker jantou o pessoal no garrafão. Em suma, quando resolvem jogar por ali geralmente dá jogo, até pq não tem muito como o elenco do Warriors defender esse tipo de jogada.

        • Marcinho Mueller

          Na teoria eu concordo! Mas porque na prática ninguém faz isso? Eu não consigo entender, não é possível que ninguém enxergo isso ainda. Eu acho que eles fazem alguma coisa na marcação que eu não consigo ver, pra forçar os outros times jogarem no mid range ou perímetro!

          • vsr.snake

            Na minha visão, um dos motivos é que nem todo time tem big men que tenham essa característica, pq de uns anos pra cá andamos vivendo um período de “seca” desse tipo de jogador, pq os que tinham já eram mais velhos. Agora que temos essa nova leva de jogadores se firmando, como Towns, Porzingis, Embiid, Jokic, Nurkic, creio que os bigs voltarão a ter o protagonismo que sempre tiveram.

            Um outro motivo é que virou tendência na liga jogar acelerado, espaçar a quadra, praticar o small ball. A gente pode ver que até o Cavs, que tinha acabado de ser campeão, mudou totalmente de conceito na temporada seguinte, contratou um punhado de shooters e começou a jogar num ritmo mais intenso, quase que igual ao Warriors. Acabou que isso deu muito errado pra eles, visto que foram engolidos pelo time do Oakland.

          • Danilo Mota

            Mas times com bons big men e ainda assim não conseguem fazer esse efeito, o único que consegue é o Mark Gasol? pq é o time que tem uma boa receita p vencer os warriors

          • vsr.snake

            Na discussão com o outro usuário lá entrei em mais detalhes, mas você vê que geralmente os bons big men tem bons rendimentos contra o Warriors, seja pontuando ali embaixo, pegando rebotes e etc. Mas como eu também disse em algum outro post, isso é uma vantagem que eles tem contra o Warriors, um caminho que deveria ser mais explorado pelos coachs que possuem esse recurso, só que isso não implica que obrigatoriamente eles irão vencer só por causa disso, em nenhum momento afirmei tal coisa.

          • Danilo Mota

            Realmente, eu também não quis dizer que vc afirmou isso, longe disso, o negocio é difícil, mas tentamos entender um pouco como funciona.

          • M.

            Não é tão simples assim, colocar um Big men top que dará certo. Se você analisar bem, Warriors já tem uma mecânica e padrão de jogo, tanto que quando chega um novo jogador, ele se adapta facilmente ao estilo do Warriors. Diria que durante a temporada 14-15 e 15-16, essa sua teoria seria correta, até porque eu via nítido quando o Warriors perdia muitos rebotes. A temporada 16-17 e a atual temporada, já não é mais assim, o próprio posicionamento e o espaçamento com velocidade dificulta a tarefa dos Big men, porque ao acelerar o jogo, muitos Big men não acompanham com a mesma intensidade durante a partida, e se o time adversário acelerar o jogo também, fica mais fácil para o Warriors. O Green se tornou um puta defensor além disso, para a sua teoria dar certo, diria que o time adversário tem que jogar cadenciado, para favorecer o Big men e não o cansar rápido, e torcer para que dos jogadores KD, SC, KT, DG, somente um desses esteja inspirado e os outros 3 em dia ruim.
            Porque é muito risível achar que forçar o garrafão será o método para vencer o Warriors, como disse, para isso ocorrer, o time adversário tem que estar inspirado e o Warriors não, e se colocarmos os 2 times bom no jogo, Warriors atropela.
            Chegou a pensar que muitos jogos do Warriors ele decide no 3Q, provavelmente no intervalo, muitos jogadores descansam e o time adversário entra com o corpo mais relaxado, enquanto acredito que os Warriors tentam manter com que seus jogadores não relaxem, e enquanto o time adversário entra relaxado, o Warriors já entra mordendo e é o momento que muitos jogos são decididos a favor do Warriors.
            Vale ressaltar que o preparo físico do Warriors é absurdo com a rotação, podem ficar boa parte do tempo correndo de um lado ao outro e faz com que os adversário tem que correr para defender, e os times que priorizam o jogo de garrafão não estão preparados para suportar essa correria, porque o estilo de jogo é diferente.
            Antes que venha falar que o Grizzlies serviu o jogo de garrafão, concordo, mas o Warriors ainda não tinha pego o ritmo, esperemos o próximo confronto, e volto a dizer, para ganhar do Warriors, só quando o time adversário está em um dia inspirado e o Warriors não.
            Temos que dar méritos a esse time, ele mudou a forma de jogar da nba atualmente, e muitos times estão mudando, porque sabem que ficar só no jogo físico de garrafão, não vai adiantar em nada para ganhar do Warriors 17-18.

          • vsr.snake

            Você levou a discussão pra um ponto que não tinha muito a ver com o que eu estava falando. Como eu disse, o Warriors tem uma fraqueza no jogo físico e debaixo da cesta contra jogadores mais fortes e dominantes, pq eles não tem defensores que são “perfect match” pra esse perfil de jogador. E isso mudou pouco, apesar da chegada do Durant. É um aspecto que os treinadores deveriam explorar, o que quase nenhum faz, ou porque não tem jogador pra isso, ou porque insistem em outras filosofias (como é o caso do Doc Rivers). Mas mesmo que sigam nessa linha, não quer dizer que eles vão vencer obrigatoriamente, mas teriam mais chances se seguissem esse caminho.

            E é óbvio que a coisa vai mais além do que simplesmente por um pivô ali e vê se dar certo, você tem que adotar um game plan específico. Como eu também já havia dito, jogar no run and gun contra o Warriors não dá certo, pq quase nenhum time tem um arsenal ofensivo do mesmo nível do time de Oakland pra jogar contra eles no seu mesmo estilo, talvez só Rockets tenha isso. Uma alternativa é diminuir o ritmo de jogo, trabalhar as posses, evitar ceder fast breaks pro Warriors, igual Spurs e Cavs costumavam fazer, igual o Grizzlies faz. Isso tudo pensando ofensivamente, mas o jogo é jogado nos dois lados da quadra, também é necessário uma forma de defendê-los, algo que eu nem cheguei a discutir.

          • Danilo Mota

            Acho mais provável sua segundo opção amigo, pq times com pivôs bons e técnicos competentes como o San Antonio e não conseguiu praticar isso, o fato é que o que o GS faz com os adversários vai além da qualidade se não beirar a perfeição o tempo todo a coisa desanda num piscar de olhos o atual campeão tira o adversário do jogo

      • TRUETHIAGO

        Ah, deve ser coincidência ou burrice dos times que enfrentam o GSW…

        Quer outra? Costumam falar bastante das bolas de 3 deles, mas uma das estatísticas que os Warriors costumam ter ótimos números é no aproveitamento baixo do adversário no perímetro (OPP 3-PT%). Ou seja, eles não apenas metem muitas bolas de fora, como também geralmente marcam muito bem esse tipo de jogada dos adversários.

        A “minha” teoria é pela versatilidade defensiva, existem times que possuem até mais defensores que o GSW no elenco, mas dificilmente você irá encontrar algum roster que reúna tantos versáteis, que conseguem defender diferentes posições.

        Mas creio que o Vsr. Snake saiba explicar melhor, detalhadamente, ele manja de todas as franquias, jogadores, esquemas de jogos, e tudo que imaginar sobre NBA.

      • Marcelo Desoxi

        Memphis e Pelicans conseguem render contra o Warriors assim, mas o resto…

      • Vinícius Maia

        Talvez seja o que o Thiago falou: o Zaza pachulia marca o pivô dominante, mas Durant e Green ficam por perto para fazer a cobertura caso o zaza seja cortado.

        Eu estou curioso para ver como que o garrafão do pelicanos vai se sair contra o gsw. Quando o time tem apenas um jogador de garrafão dominante, como é o caso do sixers com embiid, é fácil o Durant e o Green fazerem essa cobertura com o pachulia. Mas como eles vão fazer contra o pelicans? Se segurarem o Anthony Davis, o Cousins sobra e se concentrarem esforços no Cousins, Anthony Davis bagunça

  • Yan ”Banido” Alves #Suns

    Booker CLUTCH pro Solzão, nenhuma novidade por aqui. 35 pts, 9 rebotes e 6 assistências, acabou com o Wolves ontem! #AbraceOHype

    https://twitter.com/MidRangeBR/status/929567041861939200

    • Guilherme Petros

      Booker é foda

  • Ser_Humano_Vivo

    O GSW é mágico. É um time dos sonhos para qualquer torcedor. Além de ter várias estrelas, tem um estilo de jogo único e ainda consegue melhorar jogadores que antes estavam praticamente no limbo (McGee, Nick Young) e elevar ainda mais o patamar de estrelas que pensávamos já ter alcançado o seu auge, como Durant.
    O GSW só perde para ele mesmo.

    • Alex Vilela

      É mt fácil para o Durant explorar outros aspectos do jogo quando não precisa fazer seus +35 pts como outrora.

      • João Vitor

        e facil ne um time que nao depende de 2 jogadores, pode tirar durant,kaly e green que ainda e time de playoffs, no thunder se tirava ele e o west vira o pior time da nba

      • Guilherme Petros

        Ainda mais que ele é um cara que nem precisa ser primeira opção do ataque pra fazer +20 pts por jogo.

    • João Vitor

      sonho com o kerr comandando o bulls toda noite

    • Thiago pereira dos santos

      Verdade.penso da mesma forma,e também sou torcedor,e tudo isso passa pelas mãos de um grande técnico chamado Steve kerr!

    • rafael

      verdade, o poder de fogo do Golden State assusta. Se você notar eles nem estão jogando a todo vapor, estão se poupando em alguns momentos das partidas, as vezes o Curry faz algumas jogadas displicentes. Mesmo assim não tem como parar esse esquadrão. Não existe adversário a altura do Golden State.

  • TRUETHIAGO

    E a bruxa das lesões não pára…

    https://twitter.com/wojespn/status/929757715261304833

  • Vinícius Maia

    Cara eu preciso assistir um jogo do pelicanos. Cousins e davis estão bagunçando.

    • Guilherme Petros

      Eu to querendo ver os jogos do Clippers, que não ganham mais nem par ou ímpar.

  • Juka

    Tyreke Evans esta sendo bem consistente nesse inicio de temporada!