Noite ainda teve vitória do Mavericks depois de duas prorrogações

New York Knicks 100 x 98 Minnesota Timberwolves

Na partida que colocava frente a frente Ricky Rubio e Jeremy Lin, dois dos armadores mais badalados do momento, melhor para o jogador de Nova York, que em mais uma boa noite foi o grande responsável pela vitória do Knicks, ainda sem Carmelo Anthony e Amare Stoudemire.

O jogo foi disputado até o último minuto. Enquanto Rubio assistia à Kevin Love e Nikola Pekovic, Lin se virava para manter a desfalcada equipe visitante na partida. Com uma bola de três de Steve Novak, o placar ficou empatado em 98 a 98. Então, Lin e Bill Walker acertaram um lance-livre cada e definiram o jogo. Com 1.3 segundos no cronômtro, Love ainda tentou arremesso de longa distância mas sem sucesso.

Destaque para a força ofensiva e nos rebotes dos donos da casa,. Enquanto Love anotou 32 pontos e pegou 21 rebotes, Pekovic fechou a noite com 21 e 12. Já os Knicks contaram com a boa pontaria de Novak e Iman Shumpert da linha dos três, além da sólida apresentação de Landry Fields. As duas equipes estão agora empatadas com 13 vitórias e 15 derrotas.

Destaques

Knicks

Jeremy Lin: 20 pontos, 8 assistências e 6 rebotes

Landry Fields: 19 pontos

Steve Novak: 15 pontos e 6 rebotes (4-6 nos arremessos de três pontos)

Iman Shumpert: 20 pontos e 4 roubadas de bola

Timberwolves

Kevin Love: 32 pontos e 21 rebotes

Nikola Pekovic: 21 pontos e 13 rebotes

Ricky Rubio: 11 pontos e 8 assistências

 

Portland Trailblazers 94 x 97 Dallas Mavericks

Jogando em casa, o Mavericks precisou de duas prorrogações para bater o Blazers.

Pelo lado dos visitantes, LaMarcus Aldridge mostrou que merece mesmo ser considerado um all-star e foi o grande nome da equipe com 33 pontos e 12 rebotes. A dupla, formada por Nicolas Batum e Jamal Crawford, que sempre sai do banco para incendiar a partida contribuiu mais uma vez. Os dois combinaram em 31 pontos. Foi a décima terceira derrota da franquia em 28 partidas.

O Dallas tenta voltar a apresentar o basquete que o consagrou campeão na temporada passada e a chave para isso parece ser dar ritmo a Dirk Nowitzki. O alemão não vinha jogando bem e a franquia sentia dificuldades em vencer. Mas os 20 pontos marcados pelo ala-pivô foram o suficiente para levar o Mavs ao décimo sétimo triunfo. Jason Terry veio, mais uma vez, muito bem do banco de reservas e anotou 19 pontos.

Destaques

Trailblazers

LaMarcus Aldridge: 33 pontos e 12 rebotes

Nicolas Batum: 12 pontos, 7 rebotes e 3 bloqueios

Jamal Crawford: 19 pontos

Gerald Wallace: 10 pontos, 10 rebotes e 4 roubadas de bola

Mavericks

Dirk Nowitzki: 20 pontos e 9 rebotes

Jason Terry: 19 pontos e 6 rebotes

Jason Kidd: 5 pontos, 8 rebotes e 8 assistências

Shawn Marion: 14 pontos e 12 rebotes

 

Orlando Magic 99 x 94 Milwaukee Bucks

Vença ou perca, o destaque do Magic sempre é Dwight Howard, mas não dessa vez. O show ficou por conta do ala-armador Jason Richardson, dono de 31 pontos, 27 deles em arremessos de longa distância (9-11 3pFG). Howard ficou bem abaixo do companheiro, anotou 11 pontos, pegou 14 rebotes e deu quatro tocos durante a partida.

Dentre os anfitriões, o insatisfeito Brandon Jennings não rendeu o esperado e pouco produziu para a equipe, que teve Drew Gooden como cestinha com 21 pontos. Além dele, Ersan Ilyasova veio do banco de reservas para marcar 17 pontos e coletar 16 rebotes.

Foi a vitória de número 17 da franquia de Orlando em 28 partidas e a décima quinta derrota do Bucks em 27 oportunidades.

Destaques

Magic

Jason Richardson: 31 pontos, 9-11 da linha dos três

Dwight Howard: 11 pontos, 14 rebotes e 4 bloqueios

Hedo Turkoglu: 19 pontos, 6 assistências e 5 rebotes

Bucks

Brandon Jennings: 7 pontos, 5 assistências e 5 rebotes

Drew Gooden: 21 pontos e 8 rebotes

Ersan Ilyasova: 17 pontos e 16 rebotes

 

Phoenix Suns 98 x 84 Sacramento Kings

O Suns foi a Sacramento e não teve dificuldades para passar pelos donos da casa. Com 20 pontos de Jared Dudley, 18 de Markieff Morris, 17 de Channing Frye e 15 assistências de Steve Nash, a franquia de Phoenix chegou a sua décima segunda vitória em 27 jogos.

Do lado do Kings, destaque isolado para DeMarcus Cousins e Marcus Thorton. O pivô anotou 26 pontos e ainda pegou 9 rebotes. Já o armador contribuiu com 21 pontos.

Destaques

Suns

Jared Dudley: 20 pontos e 10 rebotes

Markieff Morris: 18 pontos, 6 rebotes e 3 bloqueios

Channing Frye: 17 pontos

Steve Nash: 4 pontos e 15 assistências

Kings

Marcus Thorton: 21 pontos

DeMarcus Cousins: 26 pontos e 9 rebotes

Tyreke Evans: 4 pontos, 5 rebotes e 6 assistências

  • leo

    porcausa do lin ateh esqueceram o ruboiola

    • inveja mata em …

  • Eduardo

    Boa vitória do Knicks, e Dirk teve duas chances para decidir o jogo para o Mavericks, uma no fim do 4º quarto e uma no fim da 1º prorrogação, ainda ta voltando pro ritmo, mas tudo bem…
    LET’S GO MAVS

  • Ontem eu percebi que esse Lin é puro marketing. Nunca tinha visto ele jogar uma partida inteira, mas ontem eu vi. Ele jogou bem os 2 primeiros períodos e SÓ .. Nos 2 últimos ele não fazes absolutamente NADA, apenas TO’s, um mais ridiculo que o outro.

    O que me deixa triste é ver o site da NBA colocando esse jogador MEDIANO como se fosse um All-Star. Pra mim, ele não tem nada demais, é apenas mediano.

  • *não fez

  • E só mais uma coisa: O Knicks ontem não venceu por causa do Lin, e sim por causa do Novak, que fez uma grande partida.

    • n

      o que aconteceu foi que você não viu nenhum dos outros 4 jogos, principalmente aquele contra o Lakers. não tire conclusões precipitadas ok? você só viu UM jogo dele, ainda por cima o que ele jogou pior entre os 5 de mais de 20 pontos. tsc

  • Um jogador que comete 22 TO’s em 4 jogos, mesmo anotando pontos e mais pontos, não pode ser considerado isso tudo.

    Jogador mediano, ponto final! Quero ver se ele vai continuar esse ”All-Star” todo quando o Melo/Amare voltarem tsc.

    Sabe como se chama isso do Lin? F-A-S-E!

    • leo

      aff mesmo ele fazendo to ele tah conseguindo leva o knicks a 5 vitoria seguidas o fiuk(rubio)lah sem o love ia se uma merda. pelo jeito vc naum assisitiu ele contra o lakers pra fala isso

  • E pelo jeito você não vê OS JOGOS (não só um como esse tal chinês ai) do Timberwolves pra falar isso do Rubio ..

  • leonardo freitas

    discordo dos 2… 1 que o lin é um bom jogador não é mediano é um bom jogador nada de all star é bom porque nenhum jogador ganha do lackers sendo “mediano” então realmente ele comete erros 5 jogos apenas na nba nao quer que ele ja chegue sendo o melhor erros acontecem!! realmente ta tendo muito marketin encima dele + ele foi destaque da semana deixa ele receber os elogios o rubio chego e tambem todo mundo pago pau porque o lin nao pode e olha que o rubio ta errando muito arremesso muito mesmo!! então todos erram ninguem é perfeito!! tanto rubio quanto lin são bons jogadores atualmente!!

  • Caio Aded

    O lin é muito bom jogador sim,contra o lakers ele foi muito bem e acertou arremessos decisivos.Ele erra muito devido a falta de experiencia,pois ele só jogou 4 jogos como titular na nba.Eu ñ acho q seja marketing em cima dele ñ,nós estamos falando de um jogador que do nada estourou na maior competição de basquete do mundo,ele merece tudo isso que estão fazendo.