Luka Doncic impressiona astros e técnico do Warriors em surpreendente vitória

Adoradores de basquete do mundo inteiro estavam ansiosos para ver Luka Doncic na NBA. E o calouro de 19 anos não está desapontando: após apenas 15 jogos, ele já é visto como o melhor jogador do Dallas Mavericks por analistas e torcedores. Sua mais recente prova de talento na liga aconteceu neste sábado, ao comandar a vitória dos texanos sobre o atual campeão Golden State Warriors.

“Luka é ótimo. Trata-se de um excelente jogador, simplesmente. Ele possui muita habilidade e técnica, mas também bastante coragem e ousadia dentro de quadra. Em minha opinião, o garoto não foi nada menos do que incrível no jogo de hoje”, elogiou o técnico do time de Oakland, Steve Kerr. O novato encerrou a noite com 24 pontos, nove rebotes e quatro assistências em 36 minutos de ação.

A atuação de Doncic foi além do que as estatísticas podem sugerir. O ala-armador também foi responsável pela cesta que, a um minuto do fim do confronto, virou a partida para o Mavericks. Nos segundos finais, ele ainda converteu os dois lances livres que asseguraram a vitória dos locais. Foi somente o segundo triunfo dos texanos sobre o Warriors nos últimos 18 encontros entre as equipes.

“Você assiste a Luka em quadra e pode perceber que já joga profissionalmente há um bom tempo. Tem a postura correta, a inteligência, sabe onde quer chegar em quadra. Ele será uma figura central para essa franquia por muitos anos”, previu o ala-armador Klay Thompson, que “testou” o jovem esloveno por ter sido seu marcador em várias das posses do confronto.

O astro Kevin Durant atestou a impressão de Thompson e, após o duelo, se disse convencido de que o Mavericks tem um talento para liderar seu futuro em Doncic.  “Eu gosto muito de Luka. Muito mesmo. Ele é habilidoso e apurado tecnicamente, nota-se imediatamente que já jogou profissionalmente por anos. Dallas conseguiu um grande jogador, que comandará esse time por muitos anos”, sentenciou.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Francimarques Lakão

    “Ayton é o mais pronto pra NBA” (leitores do Jumper após um jogo de ótima pontuação do pivô somado à péssima proteção de aro.)

    • Jefferson Cavalcanti

      Eu gostaria de estar errado. Mas achei uma merda enorme desde quando o Suns começou a especular que selecionaria o Ayton e deixaria passar o Doncic.

  • Renato

    Isso era obvio antes mesmo do draft, mas 3 equipes conseguiram a proeza de deixar ele cair no colo do Mavs, imagino a decepçao dos torcedores de Suns, Kings e Hawks.

    • LillardMVP

      Não vejo como decepção no caso do Suns e Kings, porque o Ayton sempre tem entregado 18 ou mais pontos por jogo e é visível o talento nele, o que tem que ser melhorado é a defesa e o Suns já tem o Booker como quem carrega a bola no back court, então como precisavam de um pivô eles fizeram a escolha certa pois o Ayton é um bom jogador com um ótimo futuro se melhorar em alguns quesitos

      • Hurin #HeatNation

        Ayton joga pra 18 pontos e da 25 pontos pro pivô adversario

        • LillardMVP

          De fato, mas continua sendo um bom prospecto e vejo o Doncic como FP e o Suns tem o Booker, por isso a escolha de um pivô uma posição mais carente na equipe

  • Damon

    Agora é ver se o dallas para de frescura.
    e comece da a bola na mão do garoto.

    • vsr.snake

      Ainda com esse papo, sinceramente

  • CLM Lakers

    É impressionante como os americanos tem um pé atrás com os europeus, ele vai levar o Roy e tem tudo pra ser o melhor dessa classe em longo prazo.

    • Re

      Ueee mas né sentido tem toda razão, tem que ficar com o pé atrás mesmo, até pq a velocidade do jogo e o nível de treinamento são muito diferentes. No caso do Doncic foi um absurdo, pq ele já era um jogador testado apesar de jovem, o cara foi um dos destaques da Eslovênia campeã da Euroleague e MVP das finais campeonato europeu de clubes, jogando como titular do Real Madrid que tem um elenco muito forte, ou seja, era um risco muito pequeno de não dar certo.

      • Francimarques Lakão

        Nao tiveram razão no caso Doncic que atuou como mvp num campeonato que faz a NCAA parecer jogo no parquinho.

  • Leo

    Espero que o GSW contrate o Doncic um dia. Eles estão precisando…

    • vsr.snake

      Vira essa boca pra lá

  • Sérgio Menezes

    Jogando como ala pivô nessa temporada, é precipitado dizer que Luka já pode ser all star?

    • vsr.snake

      Sim, até pq eles devem considerar ele como small forward

      • Bruno Macedo

        Mais se ele for como ala a chance sobe né vide que, SF, PF e C é como se fosse a mesma posição no all-star.
        Duvido que ele seja convocado, mas se levar o Dallas a offs jogando do jeito que tá na hora do all-star, com certeza vai ser bastante cogitado.

    • Jefferson Cavalcanti

      Nem como ala e nem como ala pivô. O oeste não dá chance nem de especular.

      LeBron, Durant, Paul George,
      LaMarcus Aldridge, Draymond Green.

      Ainda a galera que joga como pivô e entra na briga pela mesma posição (Towns, AD, Jokic, Gobert)

      • Sérgio Menezes

        Como ala pivô os números do doncic são melhores do que o do green. Na pontuação também são superiores ao do lamarcus.

        • Vinícius Maia

          Se fosse apenas por números isolados, acredito que Green nunca teria sido all star. Nunca achei os números dele tão impressionantes. O que faz do Green um all star, além dos números, são sua importância para o GSW e sua capacidade de marcar jogadores de todas as posições.

      • King Cuban #MFFL

        Green não será all star nesta temporada

  • Michel Moral

    Qualquer um deles, que teve uma das quatro primeiras escolhas do draft, pode ser criticado por ter deixado Doncic de lado.

    Pelo prospecto que ele é, mesmo que se tornasse um bust, a escolha se justificaria pela hype que o moleque carrega. Se ele não vingasse, o criticado seria o próprio jogador e não a franquia que o selecionou. Agora a situação é inversa.

    Pra falar a verdade, nem é o Suns que mais me impressiona, pq eles têm uma base jovem para desenvolver. Imagino, na real, como seria ele no Grizzlies, com uma time que apresenta na última década uma deficiência: o perímetro.

    Imaginemos Doncic e Gasol juntos…

    Isso sim, pra mim, é totalmente incompreensível.

    • Vitor Martins

      Ayton é um bom prospecto e tem ido bem ofensivamente. E tinham uma pressão enorme pra escolher ele. Todo mundo queria o mlk. Acho que o GM tem que ser esperto, tem que bater o pé, tem que agir com convicção, mas ele temeu pelo emprego. Se escolhe o Ayton e é Bust tudo bem. Todo mundo no Arizona queria o mlk. Agora se escolhem o Doncic e ele é bust (o que é uma chance quase nula pelo que ele demonstrou na Europa), ou pior, se Ayton domina a liga em outra franquia, crucificariam o cara. Não concordo, mas até que dá pra entender. Agora os outros eram só burros mesmo.

    • Vinícius Maia

      Acho que o Suns é o menos “criticável” da história. Agora fica mais claro que Doncic é um jogador para ser franchise player, mas o Suns não precisa disso, pois já tem Devin Booker para esse papel. Vejo que o Suns foi na opção mais segura, pois mesmo que o Doncic se torne um jogador melhor, a franquia ainda assim estará bem servida tendo Ayton como um bom coadjuvante do Booker, isso sem falar que as chances de um jogador de garrafão se encaixar bem com um jogador de perímetro são maiores do que encaixar dois jogadores de perímetro. Não que a coexistência entre jogadores de perímetro seja impossível (Curry/Thompson, LeBron/Irving, Lillard/Mccollum são algumas duplas que mostram isso), mas acho que é mais fácil haver um encaixe entre um jogador de perímetro e um jogador de garrafão. Por essas razões, vejo que a escolha do Suns é justificável, pois escolheram o cenário mais seguro.

      Quanto as outras franquias, vejo aquilo que já disse em outros comentários sobre esse assunto: acho que o número de jogadores europeus que chegaram “hypados” na NBA, mas não vingaram, criou certa desconfiança entre os recrutadores. Mas, mesmo nesse cenário, vejo que Trae Young tinha tantas chances de dar errado quanto Doncic o que torna a decisão do Hawks a mais questionável entre todas as equipes que deixaram o Doncic passar.

  • LillardMVP

    Não acho que foi um erro da parte do Suns e Kings, porque o Ayton é um bom pontuador, tem que melhorar a questão defensiva? Muito, mas vejo futuro nele, apenas tem que ser trabalhado, assim como o Bagley, ele é um bom scorer no garrafão, também deixa a desejar na defesa, mas isso pode ser trabalhado, ou seja escolheram aquilo que precisavam pois ambos tem jogadores bons na back court como Booker no Suns e Fox, Bogdanovic, Hield no Kings, e vejo os 3 prospectos desse último draft com futuro na liga, ambos com qualidades diferentes

  • SidneyLAKERS#

    Doncic é um jogador especial, talento puro e tem apenas 19 anos.. Com certeza vai fazer história na liga e terei a sorte de presenciar isso!!

  • Ser_Humano_Vivo

    A decisão do Atlanta Hawks de selecionar o Trae Young, neste momento, não se mostra tão errada assim, visto que após Doncic, Young é o calouro que tem apresentado os melhores rendimentos e se mostra mais pronto para a NBA, contrariando a crítica que o achava muito franzino e pequeno para estar entre os grandes da liga.

  • Marcos Gordinho

    O que vejo do início de Doncic na liga… estão escondendo o garoto em vários jogos, não sei se é boicote ou se estão treinando ele para momentos decisivos pois é comum observar a equipe só passar para ele no estouro do cronômetro, tipo faltando 10seg. ou menos. O melhor treinamento FIBA não foi capaz de preparar a resistência física dele para o nível NBA, creio que será algo a ser trabalhado e isso costumo reduzir eficiência nos rookies. Suns vai se f… se amarrando a Booker e Ayton no máximo chega a roler player decente. Perdeu a chance de dar um salto de qualidade assim como Hawks e Grizzlies. Seguirei observando.