Manu Ginobili cogita aposentadoria em “dois ou três anos”

O último dia 28 marcou o aniversário de 34 anos de Manu Ginobili. O veterano, que se prepara com a seleção argentina para a disputa do Pré-Olímpico das Américas em casa, tem consciência de que não é mais um garoto e planeja sua aposentadoria das quadras para um futuro breve.

O ala-armador pretende cumprir seu contrato com o San Antonio Spurs e, depois, analisar se seguirá jogando. “Vou jogar mais dois anos certamente, depois veremos. Quando for agente livre, decidirei se continuo ou não – em San Antonio ou outro lugar. As chances de deixar de jogar nos próximos dois ou três anos são altas”, confirmou Ginobili.

Uma vez aposentado, o argentino quer aproveitar a vida familiar e descarta uma carreira como dirigente. “Eu gosto muito de basquete, mas não quero voltar a este turbilhão de estar sob pressão constantemente, viajar, deixar minha família e assumir toda esta responsabilidade”, explicou.

O locaute da NBA pode fazer com que Ginobili repense sua retirada das quadras, mas ele mantém uma postura otimista sobre a realização da temporada 2011-12. “Quando estivermos mais próximo da data de início, os dois grupos vão sentir a pressão para chegar a um acordo. Espero que deixem o orgulho de lado e tudo se acerte”, afirmou.

No basquete norte-americano desde 2002, o ala-armador disputou todas as suas 633 partidas com a camisa do Spurs. O atleta acumula médias de 15.3 pontos, 4.0 rebotes, 3.9 assistências, 1.5 roubo de bola e 37.1% de aproveitamento nos arremessos de longa distância.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.