O técnico Mark Jackson acredita que o Golden State Warriors tem um elenco qualificado o bastante para alcançar os playoffs. Nos últimos jogos, porém, um jogador em especial tem chamado a atenção do treinador: o calouro Klay Thompson. O comandante vê grandes qualidades no 11º selecionado do último recrutamento.

“Ele tem uma forma de se livrar das marcações que lembra Reggie Miller e Ray Allen. As semelhanças são óbvias. Klay é um grande arremessador que está sempre se movimentando sem a bola. É um assassino silencioso”, comparou Jackson.

As palavras do treinador deixaram o novato lisonjeado e ajudam a mantê-lo sempre com a auto-estima elevada. “Estou agradecido que o técnico tenha confiança em mim. Eu entro em quadra para ser uma ameaça no perímetro e é frustrante quando erro, mas tenho que esquecer e não deixar que afete meu jogo”, disse.

Thompson completou 22 anos no início do mês e participou de todas as 26 partidas disputadas pelo Warriors. Em 17 minutos de ação por noite, o ala-armador acumula médias de 7.6 pontos e mais de 48% de aproveitamento nos arremessos de longa distância.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.