Martell Webster – Lembra dele?

Sexta escolha do draft de 2005, Martell Webster chegou como grande promessa após pular direto do colégio para a NBA. Ele havia se comprometido com a University of Washington, mas viu ali sua grande chance de tornar-se profissional. Deu certo.

No dia do recrutamento, o Portland Trail Blazers o escolheu. Inicialmente, seria difícil vê-lo tanto tempo em quadra, até porque o Blazers contava com Darius Miles e Ruben Patterson, além de outro jovem promissor, Travis Outlaw. Acabou ganhando minutos importantes, mas seus números não acompanharam tal evolução. Especialista em arremessos de longa distância, Webster ficou abaixo dos 40% de aproveitamento nos lances de quadra nos dois primeiros anos. Em 2007-08, veio sua melhor chance de aparecer. Titular em 70 das 75 partidas que disputou naquela temporada, Webster era um complemento para os ótimos jovens Brandon Roy e LaMarcus Aldridge. Na temporada 2008-09, o jogador sofreu uma grave lesão no pé esquerdo e atuou por apenas cinco minutos durante toda a campanha. Retornou às quadras no ano seguinte, mas sem brilho e o Blazers desistiu dele em 2010, quando o negociou para o Minnesota Timberwolves.

Mais uma vez, lesões atormentaram o ala. Duas cirurgias nas costas em um mesmo ano acabaram tirando de Webster a chance de provar seu valor em Minneapolis. Em dois anos, ele não conseguiu manter-se saudável e acabou dispensado pelo Timberwolves em 2012. Daí, veio o Washington Wizards, dando-lhe uma nova oportunidade. Relativamente bem nos dois primeiros anos, Webster pouco jogou em 2014-15, quando passou por cirurgia no quadril e logo foi dispensado mais uma vez.

Webster ainda tentou retomar a carreira antes de 2017-18, quando participou do início dos treinamentos do New Orleans Pelicans. Em seguida, ele desistiu da oportunidade e optou por parar de jogar em definitivo.

Martell Webster

Posição: Ala
Altura/peso: 2,01m, 104kg
Nascimento: 4/12/1986 em Edmonds, Washington
Origem: Seattle Preparatory School
Draft: Portland Trail Blazers, (sexta escolha) em 2005
Recorde de pontos: 34
Recorde de rebotes: 13
Recorde de assistências: 7
Recorde de roubadas: 4
Recorde de bloqueios: 4

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Jefferson Cavalcanti

    Eu lembro sim. Fez uma temporada razoável pelo o Wizards e assinou um bom contrato (não lembro o ano). Lembro que foi muito comentado na época, que este contrato foi muito mais porque ele tinha o mesmo empresário do John Wall do que pelo basquete que ele jogava.

  • Daniel Nogueira

    Lembro sim. Uma pena não ter evoluído.
    Uma dúvida, Mastô: “Lembra dele?” será uma série de artigos estilo “que fim levou?” ou foi só pra amenizar o tédio? rsrs

    • Gustavo Freitas

      Daqui uns dias aparece outro aí. Haha

  • Maicon Gomes

    Não correspondeu as grandes expectativas que se tinha nele, mas era um cara bem útil pro elenco quando estava saudável.

  • Guilherme Rodrigues

    Isso será uma série “Lembra dele”? Seria bem bacana se continuassem com a ideia

  • Clair Junior

    Sugestões: Kenyon Martin, Hakim Warrick, o citado Travis Outlaw, Keith Bogans, Danny Granger, keyon Dooling, Eric Dampier, Andray Blatche, Martell Webster, Sundiata Gaines e por aí vai

    • Elinho

      Puts Danny Granger tinha um hype sinistro em indiana. Ainda tentou jogar no heat com I LeBron mas não teve nem sombra do q foi.

  • Lenon Ferreira

    Quando li a chamada, tinha certeza que era coisa do Mastô.

    Lembro do Webster sim, muito bom no nba 2k.

    Sugestão: Stromile Swift.
    Melhor força nominal ever.

    • Daniel Tavares

      Swift me lembra tbm de Tyrus Thomas auhsaus

  • Charles

    Que legal falar de caras que até tiveram alguma importância ou holofote na liga, e há tão pouco tempo, mas que são meio ou completamente esquecidos.

    Sugestão: Jerry Stackhouse

    • Elias Ferreira

      29,8 PPG em 2000-01, grande Stack!