“Mentor”, Kevin Durant faz sessão de vídeo exclusiva com filho de Wade

Ser um prospecto de elite ajuda a abrir várias portas na carreira desde muito cedo. Mas, se você também está na família de um dos maiores ídolos da história recente da NBA, a ponte para a elite do basquete fica (ainda) mais curta. Que o diga Zaire Wade. O filho de Dwyane Wade recebeu o astro Kevin Durant na última semana para uma sessão exclusiva de análise de vídeos dos seus jogos.

“Eu gosto quando você está focado em envolver todos os companheiros no jogo e, do nada, marca uns 15 pontos seguidos. O importante é saber que não são só as cestas e arremessos que causam impacto em quadra, sabe? Porque, mais do que uma coisa individual, queremos que a nossa equipe inteira jogue bem”, indicou o ala do Golden State Warriors, cujos conselhos foram filmados pelo “Overtime”, um canal do Youtube.

Com total apoio da família para seguir a carreira como esportista, Zaire é projetado como um dos principais talentos elegíveis a partir do draft de 2021. A trilha ainda é enorme e, para Durant, essa consciência será importante para o sucesso do jovem. “Só continue trabalhando, pois existe um longo caminho a percorrer. O sucesso não vem do dia para a noite. Sei que seu pai é um dos melhores, mas, se simplesmente precisar de uma visão diferente, pode me procurar sempre”, disponibilizou-se.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Marcinho Mueller

    Isso indica que Durant vai pro Heat na próxima FA.

    • Beto cargnin

      Claramente…

  • Tulio Machado

    Eu não achei o filho do Wade tão promissor assim pelos vídeos que vi dele

  • Vinícius Maia

    Eu me pergunto se hoje em dia não se cria um hype muito grande, mais do que em épocas passadas, sobre os filhos dos jogadores. Já ouvi falar do filho do LeBron como um dos melhores de “sua classe” no basquete colegial, mas vi uns vídeos dele jogando e vi pelo menos uns dois jogadores do time dele que jogam tanto quanto ou até melhor que ele. O filho do Shaq também era falado como um garoto muito promissor e foi cortado daquela partida do McDonald’s ano passado. Não sou ligado em basquete universitário e colegial, mas ouvi falar na época que aquela partida é um grande termômetro para o basquete colegial e que normalmente, aqueles que são vistos como os melhores prospectos são convidados para a partida. Se o filho do Shaq ficou de fora, talvez ela não seja tudo isso que já se dizia a respeito dele. Eu vi um vídeo do filho do Wade recentemente e também não achei ele grande coisa. Pode ser que eu tenha assistido um vídeo de um dia ruim dele (todos tem), mas o que vi, não me impressionou.

  • Marcos Oliveira

    Alguma vez na História um filho de um astro se tornou um astro também?

    • Larry Nance Jr…rs

    • Vadss Guera

      romarinho, edinho rs

      • Marcos Oliveira

        Sabonis…

      • Marcelo Desoxi

        Matheus, filho do Bebeto.
        Camisa 10 do Cheirinho

      • Elias Ferreira

        Kevin Love, Klay Thompson.

    • Jembous

      O Curry é um exemplo de filho que superou o pai. Tem alguns exemplos na NBA atual de filhos de ex-jogadores que ultrapassaram o legado dos pais, mas astro super astro cuja prole o ultrapassou deve ser bem difícil msm

    • Guilherme

      Tim Hardaway Jr, dos Knicks, ainda não é, mas será um astro e superará o pai. Futuro MVP.

      • Llipe LeDrain

        Esse ai vai superar o pai fácil, mas tu já viu o filho do Hardaway JR? Esse é projetado para ser 2 vezes melhor que o pai e 4 vezes melhor que o avô.

        • Filho de Hardaway Jr é o Hardaway Senior? Joga mto!

    • Wilker Pereira

      Os que estiveram mais proximo disto , foi o KT e o seu pai!!

      • KlayMVP

        Pai do klay foi 1 pick né??

        • Lucas Dias

          Foi. Draft de 78

    • Beto cargnin

      Holiday pai do Lillard…

      • Abel

        kkkkkk…. melhor disparado…. só faltou botar a foto do Lillard no colo.

      • AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAH

    • Beto cargnin

      Holiday pai do Lillard….

    • Vinícius Maia

      Não me lembro de nenhum. Tem casos de jogadores que superaram seus pais, tipo Curry, Kobe Bryant (não sei se o pai do Kobe jogou na NBA, mas sei que ele foi jogador profissional), Kevin Love, mas filho de astro que se tornou astro na liga, eu desconheço. E acho até compreensível. É só olhar os filhos do Wade e do LeBron. Garotos muito novos, mas que a mídia já cai em cima fazendo projeções, colocando vídeos dos garotos na ESPN (não sei se já rolou com o filho do LeBron, mas com Zaire Wade já) e por ai vai. Muita pressão para os garotos. Não é fácil lidar com isso. A mídia parece sempre colocar uma pressão para que os garotos continuem o legado dos pais ou até mesmo os superem.

      • TRUETHIAGO

        Pai do Kobe jogou na NBA, sim. Foram 8 temporadas no total, a maior parte entre Sixers (o Kobe nasceu na Philadelphia) e Clippers (na época em San Diego), além de uma outra no Houston. Era mais um role player, que vinha do banco na maioria dos jogos. Depois disso ele foi jogar na Itália, que era o principal campeonato europeu daquela época, e daí que vem a admiração do Kobe pelo Oscar, por exemplo.

        • Vinícius Maia

          Bacana, não sabia disso, só sabia que ele tinha jogado na Europa.

    • Marcelo Desoxi

      Michael Jordan, o filho do Isiah Thomas.

  • Richard Cardoso

    Pouca pressão

  • João Simplicio

    Os moleques Td mijado na fralda ainda e o povo já fazendo prospecção e previsões! Tomara q deixem o Kra jogar em paz e se desenvolver no tempo certo!

  • Lucas Henrique

    Vai ensinar o moleque a mudar de escola para tentar ser campeão

    #Pas

    • MARCOS FERREIRA

      Você não mudaria para algo melhor?

  • Joabe#VamoSpurs
  • Marcos Gordinho

    Não dá para apurar tão cedo o futuro do garoto, mas parece ter foco e talento e caso crie senso de necessidade (para mim o principal impulsionador para o nível mais elevado na NBA) pode surpreender e ter uma bela carreira pela frente. Ví vídeos que demonstravam várias técnicas dominadas com propriedade pelo garoto, o status herdado via DNA pode criar um peso desnecessário e gerar frustações que o afastem do bom caminho. Que venha o futuro, o legado Wade precisa continuar.

  • Jefferson Cavalcanti

    É a esperança de algum Wade saber dar um arremesso.

  • Leonardo Augusto N. Dos Santos

    que nepotismo , hein NBA?!